NAZOROPA (3)

SÃO PAULO (duca) – Era para ser a pior corrida do ano. Foi uma das melhores. Graças a alguns pilotos soberbos. Alonso, Raikkonen e Schumacher no pódio. Pódio retrô. A molecada é boa. Mas os velhinhos ainda dão muito caldo. Inclua-se nessa lista Webber, o quarto colocado.

Fernando se emocionou muito, como nunca tinha visto. Pegou até bandeirinha da Espanha, parou na frente da arquibancada, chorou no pódio nos dois hinos, e se mais hinos houvesse, iria chorar também. Ele vive um momento diferente em sua vida pessoal. Não foi aquele choro desbragado e sofrido, acabou sendo até contido. Mas não importa, não há categorias de choro, chorou e pronto. Choronso. Esse pode. Sabe o que foi o começo da temporada. No fim do ano, se separou da mulher. Entrou numas. Está apaixonado pela Ferrari, que retribui com paixão igual. Vai ser um chorão emotivo até o fim do ano. A Ferrari, acho, desperta tais sentimentos.

Mas lágrimas à parte, guiou pacas. A começar das três posições que ganhou na largada. Ontem, depois de ficar em 11° no grid, disse que pódio estava fora de questão. Que iria salvar alguns pontinhos e ver o que fazer na próxima. Malandrón. Era o oitavo até a primeira bateria de pit stops. Passou Hülkenberg na pista. Nos boxes, ganhou as posições de Kobayashi e Raikkonen. De repente, apareceu em quarto “virtual”. Foi aí seu melhor momento na prova: voltou no tráfego, a galera da frente teria de parar, mas não se sabia quando, e ele foi passando um a um, com uma precisão irritante, até ficar em quarto mesmo. Quando a McLaren, de novo, se embananou na parada de Hamilton, durante um safety-car para tirar pedaços de pneus da pista, terceiro.

Aqui, parênteses para Hamilton. Pobre Hamilton. Estava tranquilo, em segundo, até a parada. Vergne e Kovalainen se enroscaram, pneus se dissolveram pelo asfalto e lá foi a turma da limpeza para a pista enquanto o safety-car juntava todo mundo. Ótimo para a corrida, porque Vettel estava um ano na frente do resto, caminhando célere para uma nova e sossegada vitória. No box, uma parada de 20s para todo mundo virou 30s para Lewis. Caiu para sexto.

E quando a prova recomeçou, a sorte começou a sorrir para Fernandinho. Sorte auxiliada pela competência, é bom que se diga. Primeiro, ele passou Grosjean, então o segundo colocado, na pista. No muque e na moral. Na mesma volta, Vettel quebrou. Problemas elétricos. Choque no rabo. Sei lá o quê. Pane em alguma coisa. Alternador, segundo o time. Babau. Mas aí Garibaldo cresceu e foi para cima. Tinha carro para brigar com Alonso. Os pneus iriam acabar, uma hora ou outra. Era apenas uma questão de saber com quem a borracha seria mais generosa.

Não deu nem tempo. Romain, de repente, parou também. “Sistema de alimentação de combustível”, informou a equipe pelo Twitter. A bomba perdeu pressão. No meu DKW acontece isso, também, quando resseca o diafragma. Depois, avisaram que foi alternador. Por isso que prefiro dínamo.

Aí ficou mais fácil para Alonso. Mas ainda tinha coisa para acontecer, porque nas últimas dez voltas de todos os GPs é o tal negócio: quem cuidou dos pneus com mais carinho começa a chegar nos caras da frente. A duas voltas do fim, Raikkonen assumiu o segundo lugar ao passar Hamilton — as ultrapassagens hoje, quase todas, foram lindas, sem asa-móvel ou outras viadagens. Maldonado curtiu, estava em quarto, e foi fazer o mesmo ao perceber que a borracha do britânico tinha ido para o caralho. Expressão chula, mas bem precisa, que só o português nos oferece: “Para o caralho” é autoexplicativo e pode ser usado em várias circunstâncias. Ontem, por exemplo, no Canindé, mandamos o São Paulo para o caralho.

Mas voltando à corrida, Maldonado e tal, Lewis não deixou. Se tocaram. O inglês foi parar no muro, foi para o caralho, e ficou putíssimo. Achei que foi culpado. Pastor perdeu o bico. Caiu de terceiro para décimo. Chávez vai interromper hoje o fornecimento de petróleo para todos os países de língua inglesa do mundo.

E aí, acelerando loucamente, surgem Schumacher e Webber, que tinham largado de pneus duros, lá atrás, e na parte final da prova tinham os macios calçados em seus carros. Foram atropelando Deus e todo mundo e na última volta, com a batida de Hamilton e o infortúnio bolivariano, Michael apareceu em terceiro, com Mark em quarto. Raikkonen, nas últimas voltas, ainda foi avisado pelo rádio que os pneus de Alonso iriam acabar e que poderia vencer. Mas como não acabaram, não inventou muito e ficou na dele, em segundo. Porque, como diz o ditado mui popular, “quem tem pneu, tem medo”.

Dez títulos mundiais no pódio: dois de Alonso, um de Kimi, sete de Schumacher. No Canadá, levaram troféus Hamilton, Grosjean e Pérez. Todos meninos, egressos da GP2, média de idade 25 anos. Hoje, Alonso, Raikkonen e Schumacher. Todos velhacos, egressos da era dos dinossauros, do Paleolítico, dos tempos em que “iPad” era o que a menina dizia para o menino quando ele partia pra cima sem pedir nada, idade média 35 anos. Schumacher voltou ao pódio depois de seis anos. O último tinha sido na China em 2006, salvo engano. Troféu mais do que merecido para um cara que teve a coragem de voltar a correr depois dos 40. Fodástico do bairro Peishotten.

Isso é legal nesta F-1 2012. Tem para todos os gostos. Jovens e velhos competitivos, carros de todos os tipos andando na frente e brigando até o fim, atuações assombrosas (hoje, além dos quatro primeiros, há que se elogiar Di Resta, sétimo com apenas uma parada, Hülkenberg, quinto, Maldonado, que era para ter terminado em terceiro, Kobayashi, que lutou muito e se envolveu em dois acidentes, sobre os quais falo daqui a pouco, e até Petrov, que chegou a estar em décimo, incrível), atuações horrorosas, toques, disputas, mesmo numa pista de merda como a de Valência.

Grande campeonato.

Grande campeonato que não fazem os brasileiros. Aliás, me digam: verdade que a Globo passou metade da corrida discutindo se a punição a Senninha no toque com Koba-Mito foi injusta, que o comissário era finlandês (Salo) e por isso queria foder o Brasil inteiro por causa do piloto reserva da Williams (Bottas)? Porra, putaquepariu. OK, Bruno poderia chegar mais à frente, mas Kamui também. E daí? Na hora, na rádio, eu disse: Senna espremeu o japa, vai ser punido — embora eu ache um exagero o que se pune na F-1; mas pelos critérios vigentes, foi ele que teve culpa. Só que esse incidente NÃO TEM UMA PORRA DE IMPORTÂNCIA NENHUMA NUMA CORRIDA COMO ESSA! Será que é tão difícil entender? É tão difícil compreender a irrelevância de um toque e uma punição numa disputa ali pelo oitavo ou nono, quando se tem uma disputa tão bela na frente, com protagonistas do porte de Hamilton, Vettel, Alonso, Raikkonen?

Bem, dane-se. Bruno até que se recuperou bem, chegou quase nos pontos, tem um carro bom, precisa aproveitar e não está aproveitando. Quanto a Massa, deu azares de todas as montas. Primeiro, na hora de trocar pneu. Uma volta antes do safety-car. Vai ser cagado assim no inferno. Aí despencou, de sétimo para 14°, passou a enfrentar as dificuldades de sempre, sucumbiu. Ainda foi acertado por Kobayashi numa disputa de posição, o pneu furou, acabou lá atrás. Até o Petrov passou ele. Putz.

Alonso tem 111 pontos agora. Como Vettel e Hamilton abandonaram, Webber, quem diria, é o vice-líder com 91. Ó o Webber, ó! Lewis tem 88 e está em terceiro. Vettel, com 85, é o quarto. É uma gangorra da peste, este Mundial. O australiano tem cinco quartos lugares, já. Regularidade é tudo. Alonso é o único, agora, com pontos em todas as corridas. El Fodón de Las Astúrias. É a chave para ser campeão. Por isso acho que Hamilton foi bem burro hoje ao tentar, sem pneus, segurar Maldonado. Deixa. Chega em quarto, faz 12 pontinhos, vai a 100. Agora, viu Fernando escapar. Terá de correr atrás.

Faltam 12 provas, ainda. Está bonita a festa.

Subscribe
Notify of
guest
379 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Paulo_SC
Paulo_SC
9 anos atrás

Fernando Alonso, claro. Chuck Norris do volante.

Rogério Mondi
9 anos atrás

Alonso foi o destaque disparado… Porém o melhor da F1 do final de semana foi esse post “do caralho” que você escreveu!!! Divulguei no meu blog…

André Giorgiani
André Giorgiani
9 anos atrás

O melhor foi Webber

Ronald Wolff
Ronald Wolff
9 anos atrás

Já fiz meu comentário, mas pela existência do blog, posto aqui de novo…preciso comentar algo sobre a corrida??…rs.

Fernando Santin
Fernando Santin
9 anos atrás

Li o Fabio Seixas antes do seu texto. É como ler Paulo Coelho antes de Neruda!

(Estou concorrendo ou já ganhei??)

Fernando Santin
Fernando Santin
Reply to  Flavio Gomes
9 anos atrás

Beleza. Vou deixar a camiseta da lusa – que estou prometendo há dias – na portaria do seu prédio amanhã. Pode deixar lá que eu retiro! hehehehehe ab

Samuel
Samuel
9 anos atrás

Massa tá zicado…

Ele não é melhor que Alonso, mas tb não é tão pior assim…

Speed Racer da Mooca
Speed Racer da Mooca
Reply to  Samuel
9 anos atrás

Cara, você não precisa disso. Volta pro mundo real…é difícil, eu sei, mas talvez com ajuda de profissionais você sai dessa.

Gabriel Marcondes
9 anos atrás

Alonso é o melhor já há muitos anos.
Mas parece que essa temporada é o auge da carreira dele. Muito melhor que os anos do bicampeonato na Renault “a la Button” só somando pontos. Tá ganhando corridas com um carro que não deveria ganhar. E vai levar o campeonato.

Andre
Andre
9 anos atrás

O melhor da corrida? Webber.. saiu de 19º para 3º.

Doan
9 anos atrás

Sem dúvida, o melhor foi Alonso. Mesmo com Vettel sendo o prodígio da categoria, o espanhol é fora de série. E ver Kimi Cachaça e Schorumi no pódio foi muito legal.

Nathan Laurence
9 anos atrás

Melhor no GP da Zoropa pra mim foi o Maldonado.
Tá andando legal o rapaz!

mauricio
mauricio
9 anos atrás

Excelente corrida do Koba “MITO”

@Pehzinho_
@Pehzinho_
9 anos atrás

O melhor da Europa foi o Webber.

XupaFabioSeixas

Amaral
Amaral
9 anos atrás

Melhor em Valência —> Alonso.

Abs

César Rodrigues
César Rodrigues
9 anos atrás

Fernandinho foi o melhor.

Renata Costa
Renata Costa
9 anos atrás

Ótima corrida, mas poooootaquemepareeeel, não dá mais pra guentar Galvão e seus bluecaps (parafraseando Mauro Cezar)… meia corrida tentando sustentar o insustentável, de que Koba é quem deveria ser punido…

Ivan
9 anos atrás

Valeu pelo “Ontem, por exemplo, no Canindé, mandamos o São Paulo para o caralho” e também achei (muito) exagerado o destaque para uma colisão que não teve importância nenhuma para o resultado da corrida.

Fabio
Fabio
9 anos atrás

otimo post, texto muito bom, parabens Flavio.

Nelson Biagio Jr
Nelson Biagio Jr
9 anos atrás

Belíssimo texto, Flávio!

Abraços

Marilia Compagnoni
Marilia Compagnoni
9 anos atrás

Melhor corrida da temporada. El Fódon colocou todo mundo no bolso… e logo chega a vitória de Kimi, é questão de tempo.

Aguri
Aguri
9 anos atrás

Alonso tá parendo o Senna de´93,carro inferior mas com talento superior!Senna ganhou 5 naquele ano,contando com pitadas de sorte também.

Antonio José
Antonio José
9 anos atrás

Não entendo pq a midia se preocupa tanto se massa vai continuar ou não na ferrari. Depois de valência não tenho a menor dúvida que se a ferrari tiver um carro muito superior a todos os outros em 2013 o máximo que o massa será é vice-campeão. Ficar na ferari é o fim de carreira para o massa (lógico que é o melhor lugar para ele aumentar sua fortuna em alguns milhões de dólares) esportivamente falando

Pedro Paiva
Pedro Paiva
9 anos atrás

Texto muito bom, Flavio. Ainda não vi a corrida mas gravei e vou ver depois. Estava em Brands Hatch vendo corrida de verdade: F3, F-Ford, Caterham, Ginetta e GT3. Foram 8 corridas ao todo.
É uma pena o Felipe Massa. Super talentoso, numa das melhores equipes do mundo e não consegue entregar resultado. Se tem conexão ou não com a mola eu não sei, mas a Ferrari está gastando todo o estoque de paciência com ele esse ano. Tomara que ele engrene umas boas corridas e continue na equipe no ano que vem. Deve ser muito difícil ser companheiro de equipe do malandrón e fodón, mas a diferença entre eles hoje não representa a diferença em termos de talento. Felipe já foi vice-campeão, não é um nó cego.
O Bruno não acompanho muito, não sei o que está acontecendo. De longe, parece que o Maldonado já colocou ele no bolso… Uma pena também, porque essa parece ser a última chance dele na F1. Se não vingar na Williams, vai ficando só na base do patrocínio mesmo.

Christian
Christian
9 anos atrás

Corridaça, a melhor do campeonato até agora!

Alonso é o cara! Se ele fosse seguir carreira de terrorista, os EUA estariam lascados! O cara é muito competente, sabe pilotar como ninguém, é o MacGyver da Ferrari.

Kimi James Haikkonen Hunt fez uma corrida de mineirinho, comendo pela beirada, quietinho, e de repente… segundo. Ele tá de parabéns!

Em terceiro um cara por quem eu vinha torcendo para chegar ao pódio. Gostei de ver aquele que por tantos anos cheguei a detestar vê-lo sempre em primeiro, ao melhor estilo Füher. Hoje ele é um bom velhinho, acho que muitos também ficaram felizes em vê-lo ao lado de Alonso e Haikkonen. É talvez o último evento do século, ver dez títulos mundiais no mesmo pódio. Quase a estrutura não aguenta o peso. Muito legal.

Outro piloto que pode comemorar, e muito, é Webber. O australiano estava com a corrida perdida devido à asa traseira móvel. Outra corrida de mineirinho, mas o quarto lugar deu a ele a vice-liderança.

Quanto a Maldonado, ele poderia ter sido mais paciente, e Hamilton poderia ter sido mais inteligente. O que o inglês tava pensando ao tentar defender com unhas e dentes uma posição impossível de defender? Maldonado achou que seu FW34 era um tanque de guerra indestrutível como o de Kobayashi e deu no que deu: com os burros na água. Resultado: perdeu o ponto que conquistou, foi punido com dois segundos, ficou em 12º lugar e Bruno Senna acabou herdando um ponto. “Que burro, dá um zero pra Maldonado!”.

Quanto a Massa, não quero criticá-lo. Ele até andou bem no início da prova, mas ele não consegue manter um bom desempenho durante as corridas, e como se não bastasse, vem uma onda de azar gigantesca e o engole. De forma até parecida, Vettel foi contaminado nesta corrida. Vinha para mais uma vitória (confesso que é irritante vê-lo correndo de cara pro vento sem ninguém pra ameaçá-lo, parecia 2010). Ainda bem que o safety-car apareceu, aí começaram os problemas na rebimboca da parafuseta dos motores Renault da RBR de Vettel e na Lotus de Grosjean, mais conhecida como alternador, e ambos abandonaram. A Renault pediu desculpas.

Interessante que a melhor corrida tenha sido num circuito que ninguém acreditava ser capaz de proporcionar tantas disputas. Um abraço a todos.

Murillo Sperandio
Murillo Sperandio
9 anos atrás

Parabéns Flavio, otimo texto… Sobre o Felipe Massa, chega me dar dó o tamanho azar que ele tem, chega ser impressionante, mas ele muitas vezes nao se ajuda, depois da primeira parada ele nao conseguiu ter um bom rendimento, quer dizer, rendimento nenhum, parece que em alguns momentos da corrida ele sofre um apagão, já o Alonso a sorte dele é proporcional ao talento, ou seja, imensa… Ele realmente é incrivel, nos meus 20 anos de idade ele com certeza é o melhor piloto que eu vi, um dos poucos que consegue tirar leite de pedra.

Carlos
Carlos
9 anos atrás

Foi uma corrida interessante, mas enquanto isso, num ponto qualquer do planeta Terra…

– Manhê! Manhê! – gritou o eufórico molequinho.
– Tá, já sei, já sei: “O pai já saiu da corrida…” – responde enfezada a mulher de dentro da cozinha cheirando a salcsichão com repolho.
– Não. Ele chegô em terceiro!
– Ah, é? Nossa, que bom! Porque os da frente não brecaram pra deixar ele ganhar?
– Sei lá, mas ele tava em quinto, aí os da frente déro trombada e o pai chegô em terceiro. Agora ele já não mais em último no campeonato.

A corrida foi boa, mas ficou claro que Reginaldo Leme, definitivamente, gosta de viver perigosamente. Depois de ter dito no Canadá que Jacques Villeneuve escapou de uma das vigarices do Schumacher em 1997, ontem ele disse que considera Alonso mais piloto que o alemão desde o tempo em que ele não havia se aposentando. Cuidado, Reginaldo, qualquer hora destas te preparam uma emboscada na saída da Globo!
Mas, no fim das contas, é preciso mesmo reconhecer que os 3 primeiros colocados fizeram boas corridas e por isso subiram ao pódio apesar de terem largado atrás. Tá certo que Luís Hamilton reviveu seus tempos de Nigel Mansell e o Maldanado… Bom, o Maldanado… deixa pra lá. O cara dá 50 litros depois chuta o próprio balde e isto acabou por definir o pódio, mas faz parte.
Por falar em leite, Alonso está tirando leite de pedra este ano. O patrãozão da Ferrari deveria mandar meio mundo embora e contratar um Adrian Newey da vida pra fazer um carro a altura do talento de Alonso. Não sou ninguém pra falar com autoridade do assunto, mas está parecendo que o espanhol é o maior piloto que passou pela F1 desde o fim da geração dos anos 80.

Burrinho Batiquebra
Burrinho Batiquebra
Reply to  Carlos
9 anos atrás

Era para ser engraçado?

Lucas
Lucas
Reply to  Carlos
9 anos atrás

Engraçado que era tão comum chamarem o Schumacher de “o melhor de todos os tempos” em 2006… inclusive pelo próprio Reginaldo e pelo Galvão.

Henrique Júnior
Henrique Júnior
9 anos atrás

Fato: Felipe Massa ano que vem fará o programa Encontros e Fátima Bernades assume no carro no. 2 da Ferrari.

Alias, diga-se de passagem, onde está FG e seu anti-patriotismo, comunismo e não ao choro.

Viva Don Alonsooooo I, imperador, rumo ao TRI

Sandro
Sandro
9 anos atrás

Ah não, quer dizer que pra você relevante são apenas os primeiros? estragou um post inteiro com essa besteira, então porque não colocam apenas 6 carros na pista? os outros são irrelevantes, não tem porra de importência nenhuma…A corrida é feita com 24 (nesse caso 23) carros e não apenas os da ponta.

Alex Reis
Alex Reis
9 anos atrás

Cara, o Alonso ao pegar a bandeira da Espanha e depois parar o carro em frente às arquibancadas, deve ter pensado: Quero ser o Ayrton Senna quando crescer!!!

Ahahahahah!!!!

Burrinho Batiquebra
Burrinho Batiquebra
Reply to  Alex Reis
9 anos atrás

Acho que ele pretende viver mais do que 34.

Nelson
Nelson
Reply to  Alex Reis
9 anos atrás

Não faça isto com o Alonso,ele tambem é mascarado mas não faz tanta cagada qianto o outro fazia.Neste quesito foi um campeão INSUPERAVEL!!!!!!!!

Enko
Enko
Reply to  Nelson
9 anos atrás

continua o mesmo esse nelson. afinal, vai nos dizer do que voce já correu como alegou? o que ganhou?

Jackie Chan
Jackie Chan
9 anos atrás

A “Folha” publicou uma notícia com o título “Piloto japonês atrapalha Massa e Bruno Senna em Valência”. E a “reportagem” diz que os dois brasileiros “viram seus GPs serem destruídos pelo piloto da Sauber”. Conseguiu superar a Globo…

Speed Racer da Mooca
Speed Racer da Mooca
Reply to  Jackie Chan
9 anos atrás

Cara, eu fiquei imaginando o Galvão Bueno “pulando” da cabine de transmissão, invadindo o box da Sauber e distribuindo porrada em todo mundo até poder “metralhar” o Koba assim que o japa encostasse na garagem!

pc
pc
9 anos atrás

Fernando fantastico. Flavio, seu texto, como Fernando Alonso, está melhor a cada corrida. Abraço
ão.

Gian Carlo
Gian Carlo
9 anos atrás

Oh caralho! marinheiros com mal comportamento eram mandados como punição na parte mais alta do mastro nas naus portuguesas, era onde sob sol e chuva ficava o caralho também conhecido como gávea. Puna este marinheiro e assim foi descoberto o Brasil em 1500, lá da casa do caralho.

Hugo
Hugo
9 anos atrás

Prezado Massa,

Se me permite, gostaria te dar um conselho:
Você como brasileiro deve saber o que é uma benzedeira, acho que deve procurar uma
urgente para tirar a inhaca, se não vai continuar nesta falta de sorte.

Hugo
Hugo
Reply to  Hugo
9 anos atrás

suggested they visit the folk healer.

Speed Racer da Mooca
Speed Racer da Mooca
Reply to  Hugo
9 anos atrás

Maldição de mola, só mola tira! É necessário dar uma molada na cabeça de alguém, transferindo assim a ziquizira. Brincadeiras à parte, acho que deste ano não passa.

Marcelo
Marcelo
9 anos atrás

No Grid juntos, 11º-Fernando Alonso(soft), 12º-Michael Schumacher(med), 13º-Felipe Massa(soft)!!!

Schumacher saiu do 17º lugar na volta 19, para terceiro na volta 57, o alemão aos 43 anos ainda tem lenha pra queimar na F1, já Felipe esta muito mal e dessa vez nem pode jogar toda a culpa no japonês.

Alonso e Schumacher com estratégias diferentes subiram 10 posições e chegaram ao pódio, Schumacher largou com pneus duros e segurou no “braço” vários carros mais rápidos com pneus moles nas primeiras 18 voltas, já Alonso com pneus moles foi pra cima ultrapassando! Na volta 13 Alonso era 6º, e Schummy 11º, pra vcs verem como pneu faz diferença.

Na volta 18 Schumacher era 6º e Alonso 7º

Na volta 19 Alonso assumi a 6º posição e Schummy foi parar nos boxes voltando em 17º. Na volta 40 Alonso era 1º e Schummy 5º, mas na volta seguinte Schumacher tem que fazer nova parada e caí para 11º, desde então tem Webber na sua “cola” até a bandeirada. Na frente deles pela ordem: ALO/HAM/RAI/MAL/HUL/DRE/PER/BUT/ROS/PET…MSC e WEB.

O alemão fez uma bela corrida de recuperação da volta 41 a 57(agora com pneus moles), Schumacher fez nas últimas 16 voltas o que Alonso fez nas 16 voltas iniciais, passou vários carros na pista(foi beneficiado com o acidente de Lewis e Maldonado), mas Schumacher foi sensacional no final da prova.

Detalhe, foi a primeira corrida limpa de problemas que Schumacher teve em 2012, acabou chegando ao pódio. Aos 43 anos o velho alemão ainda tem “gás” pra correr entre os jovens, se o carro fosse melhor Schumacher com certeza já teria vencido corridas desde 2010.

Massa estava indo bem, com dez voltas era 10º, na volta 26 era 7º! Na volta 27 deve ter trocado os pneus e caiu para 12º, mas depois estranhamente foi perdendo ritmo. É incrível como ele começa bem e depois vai mal, justamente quando troca os pneus(bem ou mal eles estão novos), nem assim ele consegue segurar o ritmo. Bom lembrar que no volante existe vários botões com multi-funções, se o carro não esta bem durante a corrida, o piloto tem que como mudar o “mapeamento” para melhorar o carro, mas nem assim Massa consegue mudar a situação.

Volta 33, começou a verdadeira queda na corrida, do 12º caiu para 14º, nesse momento entrou o safet-car na pista.

Na volta 34 Massa teve o toque com Kobayashi e caiu para 20º!!! Vejam bem, Massa era 14º antes do acidente, Alonso estava em 1º e Schumacher em 6º, pra todos verem que Massa já não conseguia mais acompanhar a balada de Schumacher, muito menos a de Alonso.

Volta 39, Massa era 20º
Volta 41, Massa era 18º
Volta 49, Massa era 15º

A partir do toque com Kobayashi, o carro de Massa ficou bem danificado, chegando até ser ultrapassado por Petrov na volta 52, ambos estavam com pneus médios.

Volta 53, Massa era 18º
Volta 57, Massa termina a prova em 16º…Galvão mete o pau no Schumacher(e sem razão em 2012) no momento, Schumacher mesmo não sendo aquele dos tempos de Ferrari, esta muuuuuuuuito melhor que Felipe ao volante.

Na AUS e CHN Schumacher estava brigando por um 3º e 2º lugar, mas abandonou por quebra e erro da equipe, fora as boas classificações que conseguiu nas oito primeiras provas, surpreendendo até fazendo o melhor tempo em Mônaco.

Já Felipe não se acham em classificação ou corrida, Galvão com sua SABEDORIA-MILENAR de mais de 30 anos de F1, esculachou Schumacher durante a prova(depois carregou um caminhão de merda quando viu o alemão no pódio…vai entender), mas o alemão tem vaga garantida na Mercedes até 2014. Se o carro melhorou e Nico fez pole com vitória, também é graças ao trabalho de Schumacher ajudando a organizar o time e desenvolver o carro. Schumacher e Brawn lideram equipes com mão de ferro, e isso faz diferença com o tempo.

Pode anotar, esta mais para Felipe perder a vaga na Ferrari que Schumacher sair da Mercedes…o problema do alemão foi o azar nas primeiras provas, já Felipe não consegue se entender com o carro. E isso acontece desde 2010, de lá para cá o piloto sentou em vários carros Ferrari diferentes(são várias atualizações durante a temporada), nem assim Felipe consegue melhorar, seja com carro novo ou com novos pacotes durante o ano.

O problema esta parecendo mais no piloto que no carro, Nelson Piquet não tem dúvidas, o acidente em 09 na Hungria pode ter “minado” as capacidades do piloto…se for isso, paciência.

E não adianta meter o pau na equipe, no Alonso ou no Santander…dessa vez a Ferrari esta fazendo UM GRANDE FAVOR em manter o piloto na equipe, por desempenho era para Felipe ter caído fora já no final de 2010.

Hilário é ver Galvão TORCENDO para Massa ficar justamente na Ferrari;

“Estou achando que a conversa de Bernie com Massa no grid é sobre a permanencia de Felipe na Ferrari pra 2013”

Oras, mas a satânica Ferrari não é a equipe que só SACANEIA o brasileiro? Galvão bate sempre nessa tecla, então porque tanta torcida pra ele ficar?

Oras, na atual condição de Massa ao volante, qual equipe de ponta vai querer ele? Acho que nem equipe média vai querer…e o piloto já admitiu que não tem a menor idéia do que vai fazer em 2013. “Vai depender dos resultados até o final do ano”

Já Schumacher semanas atrás admitiu que a fase de azar não ia influenciar se ele vai ou não parar no fim do ano. Pelo largo sorriso no pódio e ótima corrida que fez, esta mais para o alemão continuar…e eu torço que fique, bem ou mal o teimoso alemão sempre dá um jeitinho de aparecer, e isso aos 43 anos no meio da “molecada” é ótimo.

Quem corre alto risco de ficar sem vaga em 2013 são Felipe e Bruno…os dois por falta de resultados! Galvão joga tanta praga em Schumacher, Alonso, Lewis e Vettel…que é capaz de Schumacher voltar forte em 2013, com nenhum brasileiro na categoria.

Lamento pelos pilotos brasileiros, mas o Galvão merece…e muito!!! Podem reparar, quanto mais ele debocha e joga praga nos pilotos de fora, mais os pilotos brazukas se fodem…

Nelson
Nelson
Reply to  Marcelo
9 anos atrás

Marcelo:A corrida ontem mostrou outra vez que o Alonso é o melhor da atualidade,fez uma corrida brilhante assim como Schumi que fez um monte de ultrapassagens com uma categoria de campeão.Tenho plena certeza de que os 3 melhores atualmente são Alonso,Hamilton e Schumi.Sim,Shumi com um carro no nivel de Vettel ou de Buton,é ainda hoje,melhor que os 2.

ms
ms
9 anos atrás

que motivos levariam nossos dois pilotos a aceitarem serem os “segundões” de suas equipes, mesmo estando numa equipe de ponta como é o caso do nosso massa?…seria grana?…acredito que não, pq isso nossos atuais representantes tupiniquins na f1 já tem aos montes… pra mim, a explicação estaria na adesão de nossos pilotos ao lema que na verdade trata-se da “maior pérola” já inventada pra consolo de perdedores crônicos: ”o mais importante não vencer, o mais importante é competir”…enfim, barrichello fez escola como segundo piloto, agora temos o massa, o senna (sobrinho)… o que é lamentável por ser injusto com o legado deixado pelos grandes pilotos que tivemos no passado ( é como se tivéssemos “gasto toda nossa cota de campeões” nas duas décadas em que ganhamos os 08 títulos e por isso já fazem outras duas décadas que estamos “na seca”…) agora só nos resta torcer pra algum “piloto gringo” (competitivo) de nosso agrado, porque nossos pilotos nativos são assumidamente de segunda categoria, com chances bem remotas de vitórias… que triste e melancólico fim pra torcida de uma nação com 8 títulos mundiais nas costas…..será que algum dia renasceremos das cinzas….?

Danielle
Danielle
9 anos atrás

Jesuismariajose, que corrida foi essa!! Em dados momentos me peguei de pé gritando a cada ultrapassagem. Tá difícil torcer pra um só piloto, mas tinha apostado com amigos, bem antes da classificação que o primeiro piloto dos 7 a voltar a ganhar era Alonso. Não preciso nem dizer que me zoaram legal e depois daquele 11º, então… agora tô zoando geral, povinho sumiu do face, do twitter. Corridaça, e que pódio!

Massa tá com o Pai Nosso Atrasado, só pode… é muito azar pra uma pessoa só.
Hoje tivemos um up grade, de avião andando pra trás para ponde movediça, kkkkkkkkkkkkkkk.

Guilherme
Guilherme
Reply to  Danielle
9 anos atrás

Azar acompanhado por incompetência nos momentos de decisão!! Pra quem não percebeu, um pequeno detalhe fez toda a diferença entre a corrida de Alonso e Massa. As Ferrari largaram muito bem. Alonso pulou para oitavo e Massa para décimo, os dois na cola das Force India.

Só que Massa não conseguiu passar o Hulkenberg após duas tentativas, sendo que se passasse ficaria logo atrás do Alonso e poderia ter ido na balada do espanhol. Aí Massa foi chamado pros boxes na 11ª volta… Não sei se era estratégia mesmo ou se foi pra tirá-lo de trás da Force India, já que ele não conseguiu passar e estava perdendo tempo. Acredito na segunda opção.

Aí depois já viu… não é estranho que Alonso, no pelotão da frente, tenha tido sorte, e Massa, enroscado na pelotão intermediário, tenha tido “falta de sorte”. A parada dele foi antecipada e ele se deu mal. Alonso continuou na pista, passou Di Resta na 22ª volta e depois passou Maldonado.

Essa é a diferença!! Não tinha por que Massa parar cedo, pois a Ferrari nas últimas provas tem demonstrado um bom ritmo de corrida e o carro ganha rendimento justamente quando as outras equipes começam a sentir os pneus (foi assim que Alonso foi pra cima e conseguiu chegar ao 4º lugar antes dos boxes…)

luiz alberto
luiz alberto
9 anos atrás

Alguem ainda acha que Filantropo Mepassa deve ter o mesmo trtamento de El fodon de las Asturias????????????

Ulisses
Ulisses
9 anos atrás

Muito difícil torcer contra o espanhol! Tá louco! Que baita GP do cara, impecável!
MAs vou continuar torcendo contra, é um pilotaço, mas eu não gosto dele.
Bruno está até que rápido, mas estou começando a desconfiar que também é um pouco azarado. Foi culpa dele a esfregada no japonês no muro.
Massa continua na Ferrari ano que vem! A equipe mafiosa não vai arriscar a colocar um Maldonado, Peres, ou qualquer um para andar rápido cutucando o espanhol.
Com Felipe lá, ninguém briga. Mesmo porque, que o Montezemolo me desculpe mas, quem manda lá daqui para frente é o Alonso!

J Fernando
J Fernando
Reply to  Ulisses
9 anos atrás

Ulisses, tenho o mesmo sentimento em relação ao Alonso: NÃO gosto dele.
Reconheço que é um piloto do caralho (plagiando o FG), mas ele não conseguiu angariar minha simpatia. Da mesma forma, o Hamilton, nunca me agradou. No entanto, ontem eu estava torcendo para o Hamilton conseguir ultrapassar o El Fodon.

Tem pilotos que fazem o espetáculo, a gente aplaude e muito, mas eles não conseguem conquistar os espectadores.

Burrinho Batiquebra
Burrinho Batiquebra
Reply to  Ulisses
9 anos atrás

Aí estão dois exemplos de pessoas que torcem contra o Alonso (consequentemente, contra a Ferrari) sem precisar parecerem babacas por causa disso. Não negam a antipatia contra o piloto mas não agem como crianças mimadas ou pachecos contaminados por delírios persecutórios.

Luiz Filipe
Luiz Filipe
9 anos atrás

Tenho visto as corridas mais no mudo do que com som, está cada vez mais difícil ouvir o Galvão. Não vai acontecer, mas se um dia acontecer um milagre e o primeiro sobrinho ganhar uma corrida, o Galvão entra em orgasmos múltiplos é é capaz de abandonar o local de onde ele narra e se atirar no pódio. Não vi a entrega dos troféus, mas me disseram que ele comparou o Alonso com o primeiro tio, por ter segurado a bandeira da Espanha em comemoração a vitória. Também não ouvi, porque nesta hora a tv estava no mudo, que quando o Webber ganhou em Mônaco era porque era fã do primeiro tio… Aí é brabo!

Carlos
Carlos
Reply to  Luiz Filipe
9 anos atrás

O que me incomoda demais no tal locutor é a verdadeira trairagem que ele faz com os comentaristas. Ele não perde oportunidade de contrariar o que os outros dizem no ar, parece o dono da verdade. Falando sobre os cobertores térmicos, Burti disse que os pilotos iriam perder esta moleza; o locutor disse que não era nada disso, que era uma questão de segurança. Reginaldo Leme fez alguma confusão e disse que a ponte era “movediça”, o locutor o ridicularizou, dizendo que areia é que é “movediça”, a ponte é movel. E por aí vai. Toda transmissão em que ele é o locutor é a mesma coisa, uma verdadeira demonstração de falta de consideração com os colegas. Acho que muita gente da própria globo assinaria embaixo daquela famosa faixa mostrada por alguns segundos durante um jogo internacional, o “Cala a boca, G…” O que ele faz com os comentaristas e repórteres durante as transmissões chega a ser constrangedor.

Antonio
Antonio
9 anos atrás

Alonso é fera, melhor do que Schumacher e alguns degraus abaixo de Senna e Prost.
Mas está com uma sorte esse ano que vou te contar.
Se a sorte virar para o lado do Vettel, sei não

Bruno mais uma vez nos pontos e na frente do companheiro Maldonado.
Já são 3 provas nos pontos contra duas do venezuelano.

Gerson
Gerson
Reply to  Antonio
9 anos atrás

Alonso é fera, mas abaixo de Schumacher como Senna e Prost. OS NÚMEROS GARANTEM!

Vamos esperar pra ver onde estará Alonso aos 43 anos, e o que ele estará fazendo.

Pelo seu post, já dá pra ver que a moda das “widows” é dizer que alguém é melhor que o alemão, e acabam se entregando comparando Senna com Maldonado, e absurdo!, deixando a entender que o brasileiro é “melhor”…

Não tem jeito, elas não mudam…

Nelson
Nelson
Reply to  Antonio
9 anos atrás

A sua tabela está meio complicada: Alonso melhor que Shumi?Vai entrar na do novo Galvão ou seja REGINALDO GAGÁ,que soltou esta perola ontem no ar?Se Shumi foi melhor que Prost e Senna,como é possivel Alonso estar atr´s dos 2?

Marcio
Marcio
9 anos atrás

O Gagá Bueno entrou num nível totalmente novo de paranóia de perseguição aos brasileiros. Mas apesar disso a corrida foi muito boa, aliás todas as corridas que assisti este final de semana foram muito boas.

Ed
Ed
9 anos atrás

O final da corrida de hoje foi digna de filme ! Gostei da pressão do Kimi (O homem de gelo, e o cara é frio mesmo!) em cima do Hamilton, deixou o rapazinho fora de si ! O que será que está acontecendo com o Massa? Será que ele já encheu os bolsos de grana e quer partir para uma outra, umas corridas mais lights como F Indy, F Truck, etc . . . ?

Ronaldo
Ronaldo
9 anos atrás

A função do Massinha na Ferrari é ser “para-raio”. Tudo que tiver que acontecer de errado vai na conta do Massinha. Esse é que é o homem de gelo, vulgo “pé frio”. Dom Fernando faz a sua parte. Aproveita qualquer chance. Por conta disso o cara aproveita a “sorte” que pode aparecer. A parte dele, ele garante. Passa onde outros não passam, é veloz quando outros se acomodam, vai em toda volta como se fosse a última e tem o respeito dos outros nas ultrapasagens. É o cara.

oldparts
oldparts
9 anos atrás

E no pódio… qual era o único que não largava a garrafa???

Ulisses
Ulisses
Reply to  oldparts
9 anos atrás

kkkkkkkkkkkkkkkkk!

Mara
Mara
Reply to  oldparts
9 anos atrás

Ok vc tá certo . Mas foi porque o Michael chamou eles para a foto antes do champanhe, coitado do Kimi, a fama o persegue. Ótima corrida do Kimi tbm.

Vitor
Vitor
9 anos atrás

Traigo de vuelta la persona amada, leo la suerte y saboteo coches contrarios amenazadores, sean austríacos o rusos.
Tratar con padre Fernando en Oviedo o Maranello.

MAL-HUMORADO
MAL-HUMORADO
9 anos atrás

Como diz o ditado mui popular, “quem tem pneu, tem medo”.
.
E é verdade. Esse é o mais velho dos adágios aqui no Brasil, quiçá em todos os países de língua lusitana.
.
E o Brasil faz escola com este velho ditado, também em linguas estrangeiras, quando a Rede Globo exporta nossas queridas novelas, que tanto beneficiam o torcedor de futebol com o início do jogo lá pelas 22:00 horas.
.
Ainda pequeno, já conhecia este ditado, pois minha avó querida sempre me alertava:
“Mal-Humoradinho, estou trabalhando aqui na cozinha, Vá brincar lá fora, porque quem tem pneu, tem medo.
.
Saudades de minha avó…

Ron
Ron
9 anos atrás

Corrida muito louca.
Tudo que não houve em anos anteriores aconteceu de uma vez só.
Resumo:
– Alonso foi muito competente e sortudo (rabudo!);
– Vettel e Grosjean: estranho problema de alternador (“very, very suspicious” para a Renault). Só não foram mais azarados que o Franchitti ontem;
– Räikkönen: não contente com segundo (então corre e ataca mais, pô);
– Schumacher: de certa forma parecido com o Rubinho ontem (passou uns, foi ultrapassado, se segurou na pista e herdou algumas posições por batidas de outros);
– Webber e Rosberg: voltando ao lugar costumeiro (“por ali”);
– Hülkenberg e Di Resta: boa corrida;
– Button: acho que me lembro desse cara de algum lugar;
– Hamilton: problemas na parada (McLaren no box está uma desgraça) e depois levando o troco de Maldonado por eventos passados (poderia ter pensado no campeonato, mas talvez não quis bancar o “arregão”);
– Maldonado: impaciente (já que tinha saído da pista poderia cruzar na frente do Hamilton, devolvia a posição e tentava de novo) e imprudente (por que não foi punido para a próxima etapa como Kobayashi e Vergne?) -> http://www.youtube.com/watch?v=EqhiYXP0KNE;
– Senna x Kobayashi: Senna culpado (está mesmo perdendo boas oportunidades);
– Massa x Kobayashi: Kobayashi culpado (Massa estava até indo razoavelmente bem de novo, mas… Em outro site tem uma estória de que querem botar o Kovalainen).
Agora é todo mundo (Vettel e Hamilton) contra Alonso.

Alemão
Alemão
9 anos atrás

Torço pelo TRI do Alonso…o cara está pilotando demais, mesmo sem ter o melhor carro…imaginem ele com a RedBull! Massa e Senna ridículos!! Kimi tem que se cuidar para não tomar do Grojean!…e o Webber vem comendo pelas beiradas!Infelizmente em 2013, teremos o Massa na Sauber e o Senna fora! vamos esperar o Felipe Nars!

Mario Gomes
Mario Gomes
9 anos atrás

Alonso é um mala. O mais competente dos malas. Lembra o Schumacher. Pode-se não gostar dele mas só um louco vai negar a genialidade do desgranento.

Marcos
Marcos
9 anos atrás

Eu gostei da corrida. Mas perdi algumas parte, como a abandono do Vettel.

Mauricio Camargo
Mauricio Camargo
9 anos atrás

Alonso é o melhor piloto da F1 atual e estará entre os grandes de todos os tempos. Como já disse, e repito, ele faz muito mais pela Farrari hoje do que Schumacher fez em sua época.