FALA MUITO!

SÃO PAULO (daqui a pouco acaba a voz) – Foi só falar do Corinthians que veio até o Yahoo! me entrevistar. O papo com a Juliana Damasceno sobre futebol, modernidade, poder econômico e Corinthians, claro, está aqui.

Subscribe
Notify of
guest
5 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
GeCesar
GeCesar
6 anos atrás

Flávio, eu sou um dos corinthianos que concordou com a essência do seu texto, mas é preciso lembrar que nos anos 70, em que não havia esse poder da Globo, o Corinthians já era time mais forte da mídia. A Jovem Pan, por exemplo, que era a maior audiência do rádio, chegava a transmitir de Ribeirão Preto um Corinthians e Botafogo quando na capital jogavam São Paulo e Palmeiras. Os jornais esportivos da época também distribuíam o maior espaço também para o Corinthians. Não tem jeito! Talvez isso não incomodasse tanto na época porque, talvez, o Corinthians ganhava poucos ( ou nada) de títulos e hoje ganha muitos.

Luc Monteiro
6 anos atrás

De cara dá pra notar que o Yahoo! tem um editor de títulos, talvez mais que um. Que, ao contrário da repórter, não atentou para o nome do escriba.

Lourenço Pillar
Lourenço Pillar
6 anos atrás

Muito boa a entrevista. Gostei da abordagem da jornalista e entendo que expôs a questão de forma clara. O fenômeno da espanholização não tem mais volta. Os demais clubes ainda possuem força para se rebelarem, mas não demonstram a mínima coesão para isso. Meu Vasco já até aceitou o que a Globo ofereceu, e olha que o Vasco está no segundo (sem trocadilho) patamar de verba de TV, junto à São Paulo, Atlético …
Imagina os demais clubes?

Willians Thiago
Willians Thiago
6 anos atrás

P…FG ratificou tudo que disse, gostei das respostas, quem não acompanha o blog deve te achar maluco rs

Ezequiel
Ezequiel
6 anos atrás

Fala muito! Fala muito!
Mas é a pura verdade o que vc disse. Não me lembro se no texto de ontem você usou a célebre frase: “o mundo está ficando cada vez mais chato” se não volte lá e se corrija! Essa europeização é o fim da picada, alem do clima de reatro nos estadios hoje em dia ja não se pode driblar mais ninguém que é menosprezo ao adversário, o Robben outro dia estava dando pití por causa de uma lambreta do Douglas Costa..