MENU

sábado, 11 de novembro de 2017 - 12:51F-1

VENDE A MÃE (4)

SÃO PAULO (sempre igual) – Chego com a notícia de que integrantes da Mercedes foram assaltados ontem na saída do autódromo. Os relatos, que incluem um indignado tuíte de Lewis Hamilton, mencionam armas de fogo, tiros, pânico, mas nenhum ferido, felizmente. Levaram relógios e passaportes. Há alguns anos, quem se assustou com a violência urbana que é patrimônio cultural desta cidade foi Jenson Button, que passou por perrengue parecido e consta que o motorista do carro em que ele estava teve de fazer manobras evasivas para escapar de uma emboscada.

Como sempre, essas coisas acontecem pela burrice ou descaso de quem comanda as polícias locais. A F-1 corre no mesmo lugar desde 1990 e desde 1990 jornalistas, pilotos e integrantes de equipes circulam pelo mesmo perímetro, que vai do autódromo aos hotéis utilizados para hospedá-los, que ficam basicamente nas regiões do Morumbi e de Santo Amaro. Sei lá, uns dez hotéis, e deles para a pista o caminho é sempre o mesmo.

Assaltantes sabem disso e se posicionam com alguma destreza e inteligência para dar o bote em horários determinados — depois que anoitece. Da mesma forma, sabem que os visitantes estrangeiros normalmente portam dólares, euros e equipamentos caros. Poderiam dar cursos para as polícias, que assim saberiam onde ficar e quando, para evitar ocorrências. O entorno de Interlagos e as rotas para os hotéis são repletos de locais perigosos, e qualquer mané local sabe quais são.

As polícias paulistas simplesmente deixam as coisas acontecerem. São de uma ineficiência exasperante. Têm toda razão de reclamar, as vítimas. Todo ano é a mesma coisa, como reclamou o tetracampeão mundial. E é mesmo.

18 comentários

  1. sandro disse:

    O problema não é a Polícia, o problema são nossas Leis, tenho certeza que a Policia vai encontrar os meliantes e tenho mais certeza ainda que esses mesmos meliantes já tiveram “passagem” pela polícia mas não tiveram “ficagem” (como diz o grande José Paulo de Andrade)……… a polícia prende e nossas Leis soltam…..se é bandido tem é que ficar longe da sociedade, já que eles mesmos não querem fazer parte da sociedade.

  2. luiz costa disse:

    Sei não, 2017 foi o último ano de brasileiro na F1 e estou com o palpite que 2018 será o último ano do GP do Brasil.

  3. Patriotasemcamisadaseleção disse:

    Pode isso Arnaldo? Bandido não deveria assaltar pobre na periferia? Tem que desviar as poucas viaturas que fazem a ronda em bairros pobres e proteger nossos ilustres visitantes.

  4. Macario disse:

    Há mais de 20 anos a responsabilidade sobre a segurança pública é dos governos do PSDB. Por isso, registram as notícias, mas não se vê a histeria que certamente aconteceria se o governo fosse do PT. De qualquer forma, talvez esse assaltos sirvam para alertar os ingênuos que acreditaram no Doria, quando ele falou que Interlagos poderia receber hotel de luxo e torres de alto padrão. Aham, teremos filas de hóspedes endinheirados e de clientes de aparatamentos de alto padrão querendo ir pra Interlagos. Pelo menos no devaneio eleitoral do prefake.

  5. JotaMG disse:

    Brasil, ame-o ou… FUJA !

  6. moisesimoes disse:

    - Nada de diferente, Flávio. Não é possível garantir algum nível de segurança aos cidadãos brasileiros, mesmo em áreas distantes de zonas urbanas. Quanto mais em eventos turísticos quando gente ignorante critica a segurança – devida e necessária – para ” gringos” e onde pouca ou nenhuma ação efetiva tem resultado diante da displicência, omissão e inoperância dos organizadores.

    Ações maiores e mais complexas como antiterrorismo são uma piada para nós, uma hora dessas. Uma simples parceria entre secretarias de Turismo, Segurança e Detran em um fim de semana resolveria o problema, pelo menos neste perímetro que todos, inclusive a bandidagem, sabe que são vias de equipamento turístico e logístico. Depois acham que é um estereótipo lá “nos estrangeiro” que São Paulo é poluição e assalto, Rio é guerra, o norte é terra de ninguém, o nordeste tem cidade que mais mata no país. Essa cabecinha de prego tem funcionado assim antes, durante e depois de copa e olimpíada” que assalto e ataque terrorista acontece em qualquer lugar” e somos os melhores em ” dar uma festa”. Temos sorte de ainda termos algo, como F1 por aqui. Referência, mesmo em organização e gestão esportiva, não somos de jeito nenhum.

  7. Fernando disse:

    E isso acontece num dos estados menos violentos e, digamos, “menos pobre” do país. Imaginem nos piores. Quando se vê esse tipo de coisa acontecer em São Paulo, estatisticamente (sim, estatísticas existem!) um estado que sabe lidar com o problema, a impressão que se tem é de que a violência nunca vai acabar no Brasil, e que o tal “povo cordial” nunca existiu.

  8. Antonio disse:

    Com a tentativa de venda do autódromo, acredito que este ano esteja ainda pior.

  9. Andre disse:

    Terrivel realmente Flavio.

    E violencia na face, nua e crua.

    Mas como e que se chega nessa situacao interminavel?

    Considerando anos e anos de:
    Descaso social
    Educacao
    Legislar em beneficio proprio
    Etc…

    Claro uma pessoa em sa consciencia sabe, acredito, o que e certo e o que e errado. Apesar do descaso e ineficiencia de quem deve policiar, a violencia e normalmente gerada pela pobreza e marginalizacao de uma camada da sociedade.

    Sonegacao de imposto, favorecimento de impostos aos mais privilegiados, ricos, empresas, barganha etc… sao tambem um fator que ajuda marginalizar essa camada da sociedade. Etc…

    E nesse sentido… tem bastante gente com muito mais moral pra comentar, twitar do que um campeao em sonegacao de impostos, que usa buracos na lei e mentiras pra economizar o que nao e necessario… A gula destes tambem e violencia.
    Mas e assunto pra frente, que imagino, venha em proximos posts.

    Abraco
    Andre

    • David disse:

      Coibir as atitudes citadas por você são tarefas do estado!
      Pelo seu comentário da pra ver que se incomoda com o que fala um piloto mas não com o crime em si que é grave de verdade!

      • andre disse:

        Fala David,

        Acho que voce nao consegue enxergar a profundidade do comentario… talvez por nao estar a par do que se passa no exterior neste momento, e com certeza com envolvidos no Brasil que os nomes ainda nao apareceram.

        Cuidar do cidadao em todos os sentidos e dever do estado.
        Pagar imposto devido, e justo para que o estado possa ter condicoes de fazer o que foi citado e dever do cidadao.

        Espero que nunca tenha sonegado.. Se ja sonegou… escondeu do governo nequele jeitinho.. tambem nao tem moral pra comentar.

        Me incomodo com tudo.. Mas enxergo de onde vem o problema. E matar por matar.. os sonegadores e aqueles que colocam o interesse no bolso em primeiro lugar tem mao bem mais suja de sangue.

        Probreza e desigualdade gera violencia.

        Abc
        Andre

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>