MENU

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2019 - 22:49Indústria automobilística

A FORD

RIO (ridículo) – Já tem alguns meses que falei aqui que a Ford está se transformando (ou querendo se transformar) numa empresa de “mobilidade”. Investiu numa firma que aluga bicicletas na Alemanha, por exemplo. Não lembro de outros casos similares, mas há.

Nesta semana, resolveu de repente, sem aviso prévio, fechar a histórica fábrica de São Bernardo, comprada em 1967 da Willys. Lá eram feitos caminhões e o Fiesta. Segundo as informações, o investimento para adequar os caminhões às novas normas técnicas aprovadas nos EUA e na Europa, onde há fábricas da Ford, seria muito alto. E o Fiesta não vende bem. A Ford, globalmente, vai investir em utilitários e SUVs.

A Ford pretende parar de fabricar carros.

A Ford está cagando para os quase 3 mil funcionários de São Bernardo do Campo.

A Ford não falou com o sindicato.

A Ford não avisou a Prefeitura de São Bernardo.

A Ford recebe benefícios fiscais de governos estaduais.

A Ford acha que não tem função social. Sugou o que pôde do mercado brasileiro, enviando lucros para os EUA, e agora resolveu fechar a fábrica. Mais de 3 mil famílias serão afetadas — fora o entorno que vive dos funcionários.

A Ford envergonha meu lindo Corcel, que saiu de lá.

corcelII9

149 comentários

  1. Fabricio disse:

    Vamos falar português bem claro: a FORD é uma BOSTA de marca de automóveis. Tecnologia do século passado. E olha que no Século XX já não era grande coisa. Vivia de um odioso CARTEL protecionista junto com VW e GM. Com as bênçãos do Regime Militar. Foi um “parto” terem admitido a entrada da FIAT em 1979. Por incrível que pareça, foi o Collor em 1990 que acabou com este nojento cartel fabricante de CARROÇAS, abrindo os portos à livre concorrência. Se a FORD desaparecer da face da Terra, vai contribuir bastante com a diminuição da produção de LIXO no planeta, o que será ótimo para o nosso ecossistema. RIP, FORD.

  2. Paulo César Santoro disse:

    Como feliz proprietário deu um Ford New Fiesta 2015 fiquei decepcionado com a notícia da descontinuidade deste modelo de excepcional dirigibilidade e principalmente do fechamento da fábrica da Ford do ABC. Agora gostei muito da foto de seu Corcel II LDO com placas da cidade que nasci e sempre morei,
    Araraquara a Morada do Sol.

  3. antonio stricagnolo filho disse:

    A Ford sustentou gente pra caramba desde 1967 e isso não conta? Tem que continuar sustentando? Cabeça de comunista é isso. Porque brazucas não fazem fabricas e ai não precisa ser dependente de seja lá quem for de fora? Talvez porque não saiba fazer nada? Talvez porque tudo que se faz é pra sustentar roubo? Talvez porque a preguiça e a falta de capacidade é grande? Empreendimentos industriais por brasileiros é igual aquele diretor de multi que brincava com o dinheiro dos outros ate perder o emprego e ai monta negocio próprio com a polpuda rescisão e rapidinho quebra.

    • leandro oliveira disse:

      A Ford está fechando por pura incompetência, mas o governo (se existe algum) deve exigir o reembolso de todos os incentivos dados sem contrapartida, bem como assegurar os pagamentos dos passivos trabalhistas. Para os trabalhadores, devem ter a cabeça de capitalistas e continuar votando “bem” pra presidente e governador, que o país ainda não está no fundo do poço e pode piorar muito !

    • Marcos disse:

      Do jeito que você está falando parece que a Ford estava dando dinheiro de graça. Chegava o 5º dia útil lá ia o pessoal da Ford, de casa em casa, dar dinheiro prá população. Vai ver por isso estava dando prejuízo, né?

  4. Cesar Eugênio Dias disse:

    Esqueceu de dizer que faz um tempo que a Ford só faz carro merda…

  5. Acassio disse:

    Não entendo porque o sindicato não organiza os trabalhadores para ocupar a fábrica e tomar o controle da produção. Ora, vão perder o emprego mesmo. E qualquer prefeito ou governandor meio prestável, diante do que está acontecendo, iria simplesmente estatizar a bagaça toda e seguir fabricando os caminhões.

    • Octavio disse:

      Entendi, ocupam a fábrica para continuar produzindo caminhões. De onde virão os insumos de produção? Da sua casa? Para onde será escoada a produção? Para a casa da sua mãe?
      A fábrica era deficitária, tem que fechar… Todos os direitos trabalhistas devem ser respeitados e pagos. Se havia um contrato regendo os incentivos fiscais, ele deve ser posto em prática reembolsando o erário. E é isso. Sinto muito pelos empregados diretos e indiretos, mas que procurem se recolocar no mercado. Vida que segue

    • Tales Bonatto disse:

      Tomar controle da produção?
      Com certeza vai funcionar.

      • ACASSIO disse:

        Está cheio de exemplos, no mundo todo, de empresas em que os donos, muy competentes, decidem fechá-las ou as levam a falência, então os trabalhadores simplesmente ocupam o lugar e dizem: ok, daqui para frente nós tocamos o negócio, obrigado. Forma-se uma cooperativa e vemos o que acontece.
        É muito complexo de vira-lata teu achar que trabalhadores brasileiros em cooperativa não vão dar conta de produzir um fiestinha em 2019 e tocar a coisa para frente.
        A Ford não quer mais produzir os modelos? Tem que declarar a quebra das patentes. O Brasil tem histórico de licenciar compulsoriamente patentes de remédios em casos em que um grande número de pessoas seriam afetadas como acontecerá com o fechamento dessa fábrica: imagine que cada família tem em média 3,3 pessoas.
        Não quer quebrar patentes? Essa fábrica não está no meio do nada. Ela está no Estado de São Paulo, cercada de universidades e centros de formação tecnológica. Busca-se uma parceria com alguma universidade para ver o que é possível fazer: adaptar a fábrica, licenciar outro modelo, criar um novo projeto de carro nacional. Posso te garantir que o produto final sairia muito mais barato sem ter que entrar nos custos a fortuna que esses empresários muy competentes mandam para fora do Brasil em dólares. Minha mãe até ficaria interessada em comprar um desses para o sitiozinho dela.
        A ocupação pressionaria o pode público a também intervir e buscar outra solução diferente do que fechamento da fábrica. O Brasil tem uma companhia estatal chamada Embraer, que produz aviões (muito mais complexos que automóveis) e que agora esses caras querem entregar de graça, mas, enfim, com a pressão da ocupação, até mesmo o governo municipal teria condições de estatizar essa fábrica. Esse prefeito por sinal é uma vergonha. O cara deveria estar fazendo um escândalo, ameaçando cometer harakiri em praça pública. Vou no twitter dele e não tem absolutamente nada, no facebook vejo um video bem frouxo.
        Mas para vocês nem o Estado nem os trabalhadores têm competência para tocar um negócio. Só os magníficos empresários, tipos o da Vale, que pegaram a estatal pronta depois de décadas de investimento público e são incapazes de dar manutenção nas barragens da empresa e matam centenas pessoas e acabam com rios e florestas de tão muy competentes que são.

  6. Zempa disse:

    Negociar saídas para a manutenção da fábrica. Modernização. Pdv. Etc…
    Mas isso depende de políticos que tenham compromisso com o estado e o país. Não com marketing barato.

    Ah. os seus números estão completamente exagerados. Uma única fábrica gerar 5bi de dólares de prejuízo. Teria falido a Ford mundialmente.

  7. Valter disse:

    Que falta faz uma MP 471.

  8. Basilio disse:

    Tadinhos dos acionistas…

  9. Fabrizio disse:

    O anúncio da Ford é um atestado de incompetência. Se não consegue dar lucro tendo uma fábrica no centro financeiro do Brasil, com tantos benefícios públicos, tantos recursos, tanta mão de obra especializada, marca forte, realmente toda a diretoria é que deveria ser demitida e um novo plano criado. Baita cagada abrir mão de um mercado desses.

    Enquanto isso, eu que sou apartidário pois não me interesso por política, “só” acho que o vice presidente deveria era ir pra Detroit e não pra Colombia discutir como vai entregar caminhão de farinha no país dos outros.

  10. Irio Alex disse:

    Demorou, mas é a segunda vez que a Ford faz isso. A primeira foi a Fordlândia,no Pará.

  11. Basilio disse:

    Os grandes empresarios ganhando milhões e os assalariados trouxas (vide os comentários desse post) defendendo os interesses deles. Vai entender a natureza humana…

  12. Luciano disse:

    Há algum tempo foi publicado q a Ford Motors ia mudar de nome para algo como Ford Mobilidade ou qualquer coisa assim. Isto já aconteceu???

  13. José Henrique disse:

    1 – A Ford fazer isso, infelizmente, não surpreende e
    2 – infelizmente, também, o Brasil não é a Bélgica
    https://www1.folha.uol.com.br/mercado/2013/11/1373059-ford-paga-caro-para-fechar-fabrica-na-belgica.shtml

  14. Garlet disse:

    Tem que fechar mesmo. GM tb. O planeta não comporta mais tanto lixo. está na hora do homem rever seus conceitos. Empregos podem ser criados. Riqueza é abstrata e infinita, o problema são os caras lá em Brasília, fazendo merda. Claro que nesse momento de CAOS, em que o LULA poderia ser considerado um filósofo intelectual perto deste abestalhado BOZO, tudo parece trágico.

  15. Fabio disse:

    Tenho um amigo que esperou 70 dias por um acabamento de para-choque de Focus novo. Isso não é se importar com cliente.

  16. Alfredo Aguiar disse:

    1) A Ford Fechou suas fábricas de automóveis nos USA, onde também recebeu incentivos fiscais. Há muito tempo a empresa vem dizendo que não vai mais fabricar automóveis na atual plataforma e provavelmente vá buscar a alternativa elétrica no futuro. Se os caras do sindicato não conseguiram enxergar o que estava vindo, eles não estão fazendo o seu trabalho direito. E é melhor se preparar porque a GM vai fazer exatamente igual, fechou diversas fábricas nos USA e México e só vai continuar, como a Ford, fabricando a curto prazo, camionetes e SUVs.
    2) A Concorrência com os asiáticos no mercado de automóveis leves e médios tem feito a empresa perder milhões mensalmente.
    3) Quem sabe se os governos anteriores ( tirados pelo golpe, concordo) tivessem aplicado grana em construir empresas NACIONAIS de automóveis, se espelhando no sucesso da Tesla por exemplo, ao invés de gastar uma fortuna pra fazer copa e olim-piáda (pra encher estádios de coxinhas mandando a Presidente ir tomar no cu). Poderiam ter criado cooperativas industriais privadas e gerado uma nova indústria, saudável e potente.
    4) 1 ou 3000 é só um número. Se o teu negócio for mal, você vai demitir pra preservar o seu negócio (e quiçá o emprego dos outros empregados da redação)

  17. Ed Diogo disse:

    Vocês estão falando da Ford mas então se preparem pousa Chevrolet ou GMC como queiram vai fazer a mesma coisa pois as duas perderam terreno para as Honda’s e Toyotas da vida e não vão mais fabricar os chamados sedans. Aqui nos USA o desemprego nestas trabucas já começou. A Ford só vai fabricar o Mustang e um outro que esqueci agora é a GM ficará com o Corvette e outro mais que também não lembro . E assim que funciona o mundo ninguém se importa com nada querermos só lucrar

  18. Aleksandro disse:

    Flávio, porque a placa do Corcel é de Araraquara? Você morou aqui?

  19. Fabio disse:

    Posso estar escrevendo coisas erradas mas se fechar a unidade de caminhões e Fiesta. Sobra KA e ECOSport, pois Focus vem da Argentina e encerrará produção, Ranger é Argentina, Edge e Fusion vem do México.

  20. Paulo disse:

    Pior foi o Dória atuando de corretor de imóveis para ajudar a vender a fábrica…

  21. Fábio José de Mello disse:

    Corcel, que já foi tema de música do Marcos Valle…

    A questão social
    Industrial
    Não permite que eu
    Seja fiel
    Na vitrine um Corcel
    Cor de mel.

    https://www.youtube.com/watch?v=FOq3ySz8UmE

    • Rodrigo Moraes disse:

      Raul Seixas também:
      “Eu devia estar contente porque eu tenho um emprego
      Sou o dito cidadão respeitável e ganho quatro mil cruzeiros por mês
      Eu devia agradecer ao Senhor
      Por ter tido sucesso na vida como artista
      Eu devia estar feliz porque consegui comprar um Corcel 73″

  22. Gerson Patriani disse:

    Durante os 52 anos nos quais pagou salários e benefícios para milhares em SBC a Ford também estava “cagando” para seus funcionários? No Mundo Real empresas e empregos não são perenes. Meu Pai criou quatro filhos tendo na sua vida trabalhado em pelo menos 4 multinacionais. Esteve desempregado algumas vezes,, é claro. Como tantos outros. A vida seguiu.
    Mas o que importa é que alguns precisam de uma boa utopia para viver.

    • Flavio Gomes disse:

      Explorou funcionários, você quer dizer…

    • Luis Eduardo disse:

      Gerson Patriani, como está na moda dizer, isso é “mimimi”.

      Com a torrente de benefícios fiscais diretos e indiretos do poder público – isto é, com o seu e o meu dinheiro -, recebidos durante décadas, fica muito fácil falar que a Ford “paga salários e benefícios a milhares”.

      Agora que a fonte secou, não custava a Ford agora lembrar-se de que ainda é uma multinacional poderosíssima e, com recursos próprios, dar sua cota de retribuição a um País do qual tanto usufruiu.

      Mas talvez você até esteja certo, nos tempos atuais ter 1% de consideração pelo ser humano virou “utopia ideológica”…

    • Ricardo disse:

      Como são bonzinhos os patrões né? o que seria da família brasileira sem os estrangeiros para ajudá-los?

  23. Nivaldo disse:

    Infelizmente todos sao vítimas de um país com alta carga tributária e péssima infraestrutura. Dinheiro mal administrado pela máquina pública que nem a esquerda e tampouco a direita brasileira conseguem resolver este entrave.
    Lamento pelos trabalhadores e pela Ford. A culpa é do Brasil e da desordem que leva a regressão.

    • Nilton Lopes disse:

      No ótimo Flatout, o Léo comenta as pataquadas estratégicas da Ford no Brasil desde o lançamento do velho Galaxy com ferramental aposentado dos EUA. A culpa não é do Brasil não

  24. Joca disse:

    Nestes casos de incentivos fiscais não seria o caso de ter um contrato com clausulas do tipo tantos anos de atividade, tantos funcionários contratados etc…
    Me parece mais uma ameaça para ter mais beneficios do tipo o que a GM está fazendo.
    Não sei sou leigo no assunto.
    Alguém sabe informar?:

  25. Jonny'O disse:

    Que tristeza !!!

    Outro dia falei para meus filhos sobre marcas de industria nacional que tivemos( nada a ver com a Ford), como National, Telefunken, Colorado ,Gurgel ,CBT e tantas outras …….. sempre quando vejo uma fabrica fechar lembro de nossas defuntas , seja qual for o setor,uma tristeza.

Deixe uma resposta para Fabrizio Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>