DESAFIO DO DIA

Digam tudo que sabem sobre o RS200, essa coisinha linda da Ford.

EAGMj8mXkAAnX5K

Comentários

  • Curioso é que o motor dele foi amansado para a versão de rua, mas mesmo assim torrava fácil… era muito potente, superaquecia.

    a Ford vendeu o que podia pros consumidores de rua e mesmo assim levou um baita prejuízo.

    Assisti algumas corridas de ralicross que tinha alguns desses, era muita potência pra pouca pista.

    carrão.

    lembra o Lancia Stratos na origem e no destino. (não na aparência, naturalmente)

    Cordiais saudações

    Ricardo

  • FG:
    Grupo B, só de lembrar desta categoria fantástica fico arrepiado…. kkk
    Esse deve ser um dos primeiros modelos pré-homologação (ainda sem a entrada de ar no teto…)
    Fizeram os 2oo necessários (com a entrada de ar…) para a homologação da FIA e só (infelizmente)
    Era um canhão….

  • Saudades do grupo B… 1986, assim como 1982, foi um ano meio insano para o automobilismo!

    Esse carro tinha a seção central (mais precisamente a parte do motorista e passageiro) do Ford Sierra,

  • O último supercarro da Ford. Honesto, um race car, não como o Ford GT uma jogada de marketing.
    A competição era feroz : Lancia Delta S4, Peugeot 205 T16 e Audi Quattro.
    Não ganhou nenhuma pelo WRC.
    Até carro de polícia foi! (testado pela Essex Police nos meados anos 80).

  • Tempos loucos eram aqueles quando este carro foi lançado.

    Ele é uma das criaturas do inferno que corriam no insano e brutal Grupo B de Rally,além dos pilotos e navegadores serem semideuses em controlar estas máquinas velozes e mortais.

    O RS200 era a arma da Ford para disputar o mundial de Rally. A montadora americana seguiu a receita que a maioria estavam seguindo:
    Motor central poderoso. tração integral. carroceria fibra de vidro. chassi tubular .

    Este exemplar deve fazer parte dos modelos de homologação para que o RS200 pudesse competir no Mundial. Porém estes modelos, tinham a sua motorização mais dócil e alguns item beeem básicos para andar nas ruas.

    Porém, quando ele veio ao mundo, as coisas estavam indo longe demais:
    Carros muito mais rápidos, acidentes horrendos, com vítimas fatais ( vide o acidente no Rally de Portugal aonde era iminente que algo grave iria acontecer em questão de minutos) e o acidente dantesco que custou a vida de Toivonen e Cresto na Córsega, deram o fim em uma categoria burlesca que o mundo jamais irá ver novamente. ( ainda mais nestes dia que tudo é proibido).

    Em suma, o RS200 chegou tarde numa festa que estava chegando ao seu final.