NOVIDADE (1)

SÃO PAULO(resistimos) – Gente bonita deste país, é o seguinte… Meu primeiro livro, “O Boto do Reno”, esgotou. Publicado em 2005, acabei ficando com quase mil exemplares que seriam incinerados pela gráfica — que fechou — e guardei tudo por anos na casa do meu pai. De uns dois anos para cá, resolvi vendê-los e a aceitação foi enorme. No mês passado, todos os que eu tinha acabaram.

Assim, estamos lançando uma segunda edição pela Gulliver Editora, que tem no seu selo Adelante um grande aliado para autores iniciantes e mesmo não-iniciantes, como eu, que desejem publicar o que se chama de “edição do autor”. A saber: o autor banca a produção e a edição, que é feita pela Adelante com parâmetros profissionais, estéticos e editoriais impecáveis, e ele mesmo trata de vender os livros direto aos interessados.

A segunda edição de “O Boto do Reno” ganhou nova diagramação e edição, além de uma capa que considero… maravilhosa! Obrigado ao Joubert Amaral, gênio das capas e do mundo editorial, que desde o início, quando falei em republicar o “Boto”, disse apenas o seguinte: “Vai e faz, cacete!”.

Está feito. Para quem já tem o livro, talvez não valha a pena comprar de novo porque os textos são os mesmos. Se gostar muito do autor, porém, compre porque acaba virando peça de coleção! E, sendo pouco modesto, o livro está lindo de doer.

Estou vendendo apenas por e-mail, e por isso os interessados devem me escrever: [email protected] Aí eu respondo com as informações sobre preço, envio e brindes! Sim, porque os 50 primeiros que reservarem seu exemplar vão levar de presente um press-release antigo de F-1 de escolha aleatória do autor — eu.

Corram, são apenas 300 exemplares impressos e não sei se vou fazer mais!

Comentários