TagGiedo van der Garde

E AGORA?

E

SÃO PAULO (que rolo) – Bom dia, para quem acordou agora. Se não sabe ainda, fique sabendo: na madrugada, a Justiça australiana rejeitou o apelo da Sauber e mandou a equipe cumprir o que tinha acordado com Giedo van der Garde. Se virem, disseram os magistrados. Por que, afinal, assinaram com três pilotos?, perguntaram depois, indignados. O tribunal foi implacável e a defesa da Sauber...

VAN DER SAUBER

V

SÃO PAULO (bem doida, a história) – Por trás do processo de Van der Garde contra a Sauber pode estar uma intrincada tentativa de seu sogro de comprar a equipe. O sogrão é dono da McGregor, marca de roupa muito popular no mundo inteiro. No ano passado ele já havia tentado a compra. Deu com os burros n’água e encontrou no genro uma possibilidade de levar os planos adiante. Está tudo...

DE VOLTA!

D

SÃO PAULO (vocês querem que eu trabalhe, mesmo…) – O “Bom Dia, GP!” deveria voltar semana que vem, depois da primeira corrida do ano. Mas não deu. Essa zona causada pelo Giedo van der Garde antecipou o reinício da série diária de vídeos com comentários do blogueiro. Ah, só para completar: a Sauber já recorreu e nas próximas horas esse recurso será julgado. A madrugada será...

AZEDOU

A

SÃO PAULO (não é fraco, o rapaz) – Olha… Claro que é numa equipe média, sem grande mídia, mas o caso desse Giedo van der Garde com a Sauber é dos mais malucos da história da F-1. O cara recebeu uma promessa da equipe (segundo ele, tem contrato, e deve ter, mesmo) de que seria titular em 2015, mas no final do ano os suíços assinaram com dois pilotos pagantes, Nasr e Ericsson, deixando...

ENROSCO

E

SÃO PAULO (encrenqueiro?) – Giedo van der Garde está a fim de confusão, mesmo. Foi à Justiça na Austrália pela vaga de titular da Sauber e na véspera da abertura dos treinos em Melbourne sairá uma decisão. Nasr e Ericsson correm risco, por que não? Mas é uma insanidade. Imaginem se o holandês consegue ganhar a causa. Como fica o clima dele com a equipe? E se — três batidinhas na...

NO PAU

N

SÃO PAULO (haja advogado) – Giedo van der Garde foi pro pau contra a Sauber. Entrou com uma ação na Justiça australiana reivindicando um lugar no time em 2015. Segundo o holandês, seus dirigentes haviam garantido o cockpit para ele em junho do ano passado. O piloto foi titular da Caterham em 2013 e “test-driver” da Sauber no ano passado. Outro que vive ameaçando a equipe...

RESTA UMA

R

SÃO PAULO (sexta gorda mesmo) – Giedo van der Garde é o nome anunciado pela Caterham como companheiro de Charles Pic, mais um time que troca 100% de sua dupla para 2013. É o quinto estreante confirmado na temporada, ao lado de Max Chilton, Luiz Razia (os dois da Marussia), Estebán Gutierrez (Sauber) e Valtteri Bottas. O holandês é herdeiro da marca de roupas McGregor e tem cacife. No ano...

Perfil


Flavio Gomes é jornalista, dublê de piloto, escritor e professor de Jornalismo. Por atuar em jornais, revistas, rádio, TV e internet, se encaixa no perfil do que se convencionou chamar de multimídia. “Um multimídia de araque”, diz ele. “Porque no fundo eu faço a mesma coisa em todo lugar: falo e escrevo.” Sua carreira começou em 1982 no extinto jornal esportivo “Popular da Tarde”. Passou pela “Folha de S.Paulo”, revistas “Placar”, "Quatro Rodas Clássicos" e “ESPN”, rádios Cultura, USP, Jovem Pan, Bandeirantes, Eldorado-ESPN e Estadão ESPN — as duas últimas entre 2007 e 2012, quando a emissora foi extinta. Foi colunista e repórter do “Lance!” de 1997 a 2010. Sua agência Warm Up fez a cobertura do Mundial de F-1 para mais de 120 jornais entre 1995 e 2011. De maio de 2005 a setembro de 2013 foi comentarista, apresentador e repórter da ESPN Brasil, apresentador e repórter da Rádio ESPN e da programação esportiva da rádio Capital AM de São Paulo. Em janeiro de 2014 passou a ser comentarista, repórter e apresentador dos canais Fox Sports no Brasil. Na internet, criou o site “Warm Up” em 1996, que passou a se chamar “Grande Prêmio” no final de 1999, quando iniciou parceria com o iG que terminou em 2012. Em março daquele ano, o site foi transferido para o portal MSN, da Microsoft, onde permaneceu até outubro de 2014. Na sequência, o "Grande Prêmio" passou a ser parceiro do UOL até maio de 2019, quando se uniu ao Terra por um ano para, depois, alçar voo solo. Em novembro de 2015, Gomes voltou ao rádio para apresentar o "Esporte de Primeira" na Transamérica, onde ficou até o início de março de 2016. Em 2005, publicou “O Boto do Reno” pela editora LetraDelta. No final do mesmo ano, colocou este blog no ar. Desde 1992, escreve o anuário "AutoMotor Esporte", editado pelo global Reginaldo Leme. Ganhou quatro vezes o Prêmio Aceesp nas categorias repórter e apresentador de rádio e melhor blog esportivo. Tem também um romance publicado, "Dois cigarros", pela Gulliver (2018), e o livro de crônicas "Gerd, der Trabi" (Gulliver, 2019). É torcedor da Portuguesa, daqueles de arquibancada, e quando fala de carros começa sempre por sua verdadeira paixão: os DKWs e Volkswagens de sua pequena coleção, além de outras coisinhas fabricadas no Leste Europeu. É com eles que roda pelas ruas de São Paulo e do Rio, para onde se mudou em junho de 2017. Nas pistas, pilotou de 2003 a 2008 o intrépido DKW #96, que tinha até fã-clube (o carro, não o piloto). Por fim, tem uma estranha obsessão por veículos soviéticos. “A Lada foi a melhor marca que já passou pelo Brasil”, garante. Por isso, trocou, nas pistas, o DKW por um Laika batizado pelos blogueiros de Meianov. O carrinho se aposentou temporariamente no início de 2015, dando o lugar a um moderníssimo Voyage 1989. Este, por sua vez, mudou de dono em 2019 para permitir a volta do Meianov à ativa no começo de 2020.
ASSINE O RSS

Categorias

Arquivos

TAGS MAIS USADAS

Facebook

DIÁRIO DO BLOG

setembro 2020
D S T Q Q S S
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930