Arquivoterça-feira, 27 de março de 2012

BRUNO EM 1991

B

SÃO PAULO (deu por hoje) – Legal o vídeo que o Denisson Gervásio, assíduo colaborador deste blog, mandou. É uma matéria do Otávio Mesquita na inauguração do kartódromo de Ayrton Senna em Tatuí. Foi em 1991. E tem uma entrevista engraçadinha com o Bruno. Até eu apareço no vídeo, aos 4min22s, por mais ou menos três décimos de segundo. Mas sou eu, ali, anotando as coisas para minha matéria...

PONTO CHIC, 90

P

SÃO PAULO (deu fominha) – Sou um hamburgólogo com pós e doutorado, mas quando me perguntam qual o melhor sanduba do mundo, sempre respondo que é o Bauru (em maiúscula, mesmo) do Ponto Chic. Há menções honrosas para várias lanchonetes, claro, como o Chico Hamburger, a Lanchonete da Cidade, o Estadão e seu pernil no pão francês, o Frevinho e seus beirutes, o Seu Oswaldo e seu cheese-salada...

OS MAIORAIS

O

SÃO PAULO (morram de inveja) – Vejam esse mapa aí embaixo. Abram em outra janela, em tamanho enorme. Aí procurem qual é o maior território dominado por uma marca de automóvel. Se não enxergaram ainda, olhem para a Rússia. Se não sabem onde fica a Rússia, do lado direito, no alto. Isso para desmentir essa lista fajuta dos 100 carros mais vendidos do mundo em 2011, enviada pelo Torradão...

UM ANO

U

SÃO PAULO (no ar) – Hoje faz um ano que estreou no éter a rádio Estadão ESPN. Até então, desde 14 de abril de 2007, a parceria entre as duas empresas, ESPN Brasil e Grupo Estado, ia ao ar apenas no AM como Eldorado/ESPN. Assim, são cinco anos desde minha volta ao rádio, que é o que mais gosto de fazer, além de escrever de vez em quando. Curioso que desde que comecei minha obscura carreira...

MINIBRUTOS

M

SÃO PAULO (gênio) – O Ivan Gouveia já apareceu aqui no blog, séculos atrás. Ele faz miniaturas artesanais de caminhões de qualidade excepcional. Não vive disso, pode ser que uma encomenda leve um tempinho para ser entregue, mas são verdadeiras obras de arte. Vira e mexe alguém me lembra do seu site, hoje recebi um e-mail e fiz uma visitinha. Para descobrir que o “Projeto Scania”...

DUAS DICAS

D

SÃO PAULO (vai dar certo) – Dois vídeos enviados pelo Denisson Gervásio. São imagens provavelmente de Super-8, amadoras mesmo, mas de uma época muito especial — e quero ver se a blogaiada, em especial os matusas que passam por aqui, mas não escrevem mais nada, canalhas! — consegue precisar o ano e identificar alguns pilotos. Acima, prova de Turismo 5000. Mavericks e Dodges. Interlagos...

BRASIL GRANDE

B

SÃO PAULO (profissional) – Mais um filme do Jean Manzon restaurado pela Dana. A qualidade é excepcional. Mostra o centro de pesquisas da Ford em São Bernardo e testes feitos pela montadora em estradas de terra e asfaltadas. Para quem tem Corcel e Belina, é um colírio. E a woodie? Como é linda essa perua… Quem mandou foi o Remi Martin. O tom grandiloquente da narração do Luiz Jatobá é...

Perfil


Flavio Gomes é jornalista, dublê de piloto, escritor e professor de Jornalismo. Por atuar em jornais, revistas, rádio, TV e internet, se encaixa no perfil do que se convencionou chamar de multimídia. “Um multimídia de araque”, diz ele. “Porque no fundo eu faço a mesma coisa em todo lugar: falo e escrevo.” Sua carreira começou em 1982 no extinto jornal esportivo “Popular da Tarde”. Passou pela “Folha de S.Paulo”, revistas “Placar”, "Quatro Rodas Clássicos" e “ESPN”, rádios Cultura, USP, Jovem Pan, Bandeirantes, Eldorado-ESPN e Estadão ESPN — as duas últimas entre 2007 e 2012, quando a emissora foi extinta. Foi colunista e repórter do “Lance!” de 1997 a 2010. Sua agência Warm Up fez a cobertura do Mundial de F-1 para mais de 120 jornais entre 1995 e 2011. De maio de 2005 a setembro de 2013 foi comentarista, apresentador e repórter da ESPN Brasil, apresentador e repórter da Rádio ESPN e da programação esportiva da rádio Capital AM de São Paulo. Em janeiro de 2014 passou a ser comentarista, repórter e apresentador dos canais Fox Sports no Brasil. Na internet, criou o site “Warm Up” em 1996, que passou a se chamar “Grande Prêmio” no final de 1999, quando iniciou parceria com o iG que terminou em 2012. Em março daquele ano, o site foi transferido para o portal MSN, da Microsoft, onde permaneceu até outubro de 2014. Na sequência, o "Grande Prêmio" passou a ser parceiro do UOL até maio de 2019, quando se uniu ao Terra por um ano para, depois, alçar voo solo. Em novembro de 2015, Gomes voltou ao rádio para apresentar o "Esporte de Primeira" na Transamérica, onde ficou até o início de março de 2016. Em 2005, publicou “O Boto do Reno” pela editora LetraDelta. No final do mesmo ano, colocou este blog no ar. Desde 1992, escreve o anuário "AutoMotor Esporte", editado pelo global Reginaldo Leme. Ganhou quatro vezes o Prêmio Aceesp nas categorias repórter e apresentador de rádio e melhor blog esportivo. Tem também um romance publicado, "Dois cigarros", pela Gulliver (2018), e o livro de crônicas "Gerd, der Trabi" (Gulliver, 2019). É torcedor da Portuguesa, daqueles de arquibancada, e quando fala de carros começa sempre por sua verdadeira paixão: os DKWs e Volkswagens de sua pequena coleção, além de outras coisinhas fabricadas no Leste Europeu. É com eles que roda pelas ruas de São Paulo e do Rio, para onde se mudou em junho de 2017. Nas pistas, pilotou de 2003 a 2008 o intrépido DKW #96, que tinha até fã-clube (o carro, não o piloto). Por fim, tem uma estranha obsessão por veículos soviéticos. “A Lada foi a melhor marca que já passou pelo Brasil”, garante. Por isso, trocou, nas pistas, o DKW por um Laika batizado pelos blogueiros de Meianov. O carrinho se aposentou temporariamente no início de 2015, dando o lugar a um moderníssimo Voyage 1989. Este, por sua vez, mudou de dono em 2019 para permitir a volta do Meianov à ativa no começo de 2020.
ASSINE O RSS

Categorias

Arquivos

TAGS MAIS USADAS

Facebook

DIÁRIO DO BLOG