CategoriaCorridas de clássicos

BMW KILLER

B

Me mandaram, não anotei o nome. Mas ver um Trabi enrabando uma BMW várias vezes em Hockenheim não tem preço. Wolfgang Ziegler é o nome do cara. O câmbio do primo do Gerd é um assombro. E quando ele reduz de quarta para primeira? Ganhei o dia.

SAAB, SAAB…

S

SÃO PAULO (vamos dar uma voltinha semana que vem) – A SAAB está sofrendo, coitada. A Spyker comprou a fábrica no ano passado, ficou sem grana, a produção parou em abril por falta de pagamento a fornecedores, começaram a negociar com os chineses e agora parece que fecharam alguma coisa que vai dar uma sobrevida à montadora mais charmosa do mundo. Bons os tempos em que os suecos faziam essas...

D3

D3

SÃO PAULO (coloca numa vitrine!) – E vejam só o Divisão 3 do Guilherme Decanini, que abraçou há meses o projeto de fazer uma réplica do carro que mais lhe fala ao coração. Vou deixar para ele mesmo contar aqui como foi fazer essa obra de arte, onde foi feita, qual será seu destino. Desconfio que estará roncando nas pistas em breve…
É uma das coisas mais lindas que já vi.

CLÁSSICOS NA REDE

C

SÃO PAULO (e vamos em frente) – A Classic Cup está se reestruturando, sob a batuta do piloto André Mello. Primeiro ato: nosso site oficial entrou no ar, com informações sobre o campeonato, regulamento, fotos e vídeos. A categoria passou por várias fases desde o nascimento, em 2003, como Historic Racing Cars. Já nem lembro quantos nomes tivemos depois disso: Autos Antigos, Superclassic...

DICA DA MADRUGADA

D

SÃO PAULO (enquanto o treino não começa) – O vídeo enviado pelo Andreas Lauda é longo, mas imperdível. Trata-se de um compacto do GP de Mônaco para carros históricos. Os mais belos F-1 de todos os tempos. Com um enorme destaque para o March de Alex Dias Ribeiro. Esses colecionadores são dos meus. Colocam os carros na pista e aceleram. Lindo demais.

É CAMPEÃO!

É

SÃO PAULO (merece) – E se o Meianov anda para trás, o sábado de Interlagos foi feliz para o impagável Fusca Okrasa do Luiz Salomão, meu manager e irmão de armas. Ele se tornou campeão do Torneio de Regularidade organizado pelo Jan Balder na categoria de Clássicos. E seu companheiro Rogério Cardinale, da equipe Saloma do Blog Racing Team, foi vice nos Modernos. Esse Fusca é quase um filho...

DE BRAÇOS ABERTOS

D

SÃO PAULO (que inveja) – Acho que nunca terei um mês livre para essas coisas, nem grana, mas como gostaria… Eles partiram no dia 21 de outubro de Buenos Aires. Domingo, depois de mais de 13 mil km, chegam ao Rio. E assim terminará a Carrera Copacabana, um rali de regularidade para clássicos organizado por uma empresa holandesa que contou com 33 adoráveis duplas de doidos no início e...

TRABI IN SPA

T

SÃO PAULO (não é para qualquer um) – Em algumas pistas, não é qualquer carro que anda. O Fernando Renault mandou o vídeo. É impressionante como berra. Acho que é repeteco, lembro desse patrocinador meio suspeito, mas tudo bem. Trabant nunca é demais. Spa também não.

JÁ PRA TERRA!

J

SÃO PAULO (aproveita, camarada!) – Recebo e-mail sorridente do amigão Francis “Poeira na Veia”, que não cabe em si de alegria. Leiam que vocês vão entender… Fala FG, tudo certo? Em primeiríssima mão pra você a foto do meu Fusca, tirada instantes atrás. Ainda falta colar alguns adesivos, mas de resto está tudo pronto. Ontem fizemos o carro funcionar e o motor travou. Meu...

DOMINGO NO PARK (3)

D

SÃO PAULO (vejam tudo!) – Pronto, subiu no VocêTubo o vídeo da primeira bateria da F-Classic no Velopark. Esse vídeo é bem legal. Mostra quase todos os carros no início e, depois, pau puro na prova. Tem uma quase batida do Meianov no Chevette e outra quase batida do Trovão Azul em outro Passat. São imagens bacanas demais, captadas com enorme profissionalismo pelo pessoal do...

DOMINGO NO PARK (2)

D

SÃO PAULO (e tem mais) – As fotos são do Luis Camaratta, e separei essas aí embaixo do excelente álbum que ele publicou. É que foi um momento legal da primeira bateria, quando o Chevette do Fábio Mincarone rodou na minha frente e quase viramos pastel, os dois. E tem a linda foto do #96, o último a ser retirado dos boxes. É que ele vai ficar em Nova Santa Rita, exposto na área de lanchonete...

DOMINGO NO PARK (1)

D

SÃO PAULO (tudo lindo) – Começando pelo fim, porque consegui subir este vídeo no YouTube só agora. O outro vai amanhã… Este compacto é da segunda bateria de domingo no Velopark. O Meianov estava em 11º no grid, montado com o resultado da primeira corrida. Enquanto esperava a largada, a temperatura do meu motor começou a subir. Mas depois normalizou. O problema maior foi outro: as...

SÁBADO NO PARK (3)

S

SÃO PAULO (já com saudades) – Demorei um pouco para contar como foi nosso último dia no Velopark, mas não me culpem. Eu devia ter chegado a São Paulo no domingo por volta das 10 da noite. Mas fomos vítimas do caos da Gol, essa companhia aérea meio mequetrefe que precisa se preocupar em contratar gente, atender direito os passageiros, assumir-se como uma nova “grande” da aviação...

SÁBADO NO PARK (2)

S

  PORTO ALEGRE (memorável) – Acabamos de voltar de umas das noites mais gostosas de nossas vidas. Aquelas que fazem a gente ter certeza de que vale a pena, muito, esse negócio de carro de corrida e corrida de carro antigo. O Teodoro Janusz, que tem uma linda coleção de DKWs e amanhã estará no Velopark com seu bravíssimo #56, nos convidou para um churrasco em sua garagem aqui em POA. Uma...

VELOPARK AO VIVO

V

NOVA SANTA RITA (não percam!) – E atenção, macacada! O site do Velopark transmite tudo ao vivo, imagens e cronometragem. Se vocês clicarem agora aqui, verão uma câmera estática na entrada da reta dos boxes. Não será essa a imagem, claro, que todos terão amanhã. A transmissão dos nossos treinos de classificação e das duas corridas da F-Classic será feita com seis câmeras, esquema profissa...

SÁBADO NO PARK (1)

S

NOVA SANTA RITA (melhor secar hoje) – Andamos no seco no treininho da manhã com 20 carros. Logo depois veio a chuva, que pegou em cheio a turma do Endurance e a primeira corrida da F-3 aqui no Velopark. Voltei a guiar o #96. Foi legal. Bem legal. Ele não andava havia dois anos. É sempre um problema para um carro sair andando depois de dois anos. Mas ele foi bem, acho que consegui fazer...

SEXTA NO PARK

S

PORTO ALEGRE (inesquecível) – Bom dia, macacada. Sim, tá escuro, já, mas já falei mais de uma vez que o dia só acaba à meia-noite. E dias como o de hoje poderiam não acabar nunca. Como vocês talvez saibam, estou em Porto Alegre para correr, neste fim de semana, duas provas com o pessoal da F-Classic gaúcha no Velopark. Eu e mais cinco pilotos da LF, convidados que fomos pelo pessoal do...

ENIGMA DO DIA

E

SÃO PAULO (quem será?) – O André Amaral entrou neste álbum de fotos da Le Mans Classic deste ano (ótimo, por sinal) e deparou-se com esta imagem. Um carro com duas bandeiras do Brasil na capota. Quem seriam esses felizardos compatriotas? E o carro?

Perfil


Flavio Gomes é jornalista, dublê de piloto, escritor e professor de Jornalismo. Por atuar em jornais, revistas, rádio, TV e internet, se encaixa no perfil do que se convencionou chamar de multimídia. “Um multimídia de araque”, diz ele. “Porque no fundo eu faço a mesma coisa em todo lugar: falo e escrevo.” Sua carreira começou em 1982 no extinto jornal esportivo “Popular da Tarde”. Passou pela “Folha de S.Paulo”, revistas “Placar”, "Quatro Rodas Clássicos" e “ESPN”, rádios Cultura, USP, Jovem Pan, Bandeirantes, Eldorado-ESPN e Estadão ESPN — as duas últimas entre 2007 e 2012, quando a emissora foi extinta. Foi colunista e repórter do “Lance!” de 1997 a 2010. Sua agência Warm Up fez a cobertura do Mundial de F-1 para mais de 120 jornais entre 1995 e 2011. De maio de 2005 a setembro de 2013 foi comentarista, apresentador e repórter da ESPN Brasil, apresentador e repórter da Rádio ESPN e da programação esportiva da rádio Capital AM de São Paulo. Em janeiro de 2014 passou a ser comentarista, repórter e apresentador dos canais Fox Sports no Brasil. Na internet, criou o site “Warm Up” em 1996, que passou a se chamar “Grande Prêmio” no final de 1999, quando iniciou parceria com o iG que terminou em 2012. Em março daquele ano, o site foi transferido para o portal MSN, da Microsoft, onde permaneceu até outubro de 2014. Na sequência, o "Grande Prêmio" passou a ser parceiro do UOL até maio de 2019, quando se uniu ao Terra por um ano para, depois, alçar voo solo. Em novembro de 2015, Gomes voltou ao rádio para apresentar o "Esporte de Primeira" na Transamérica, onde ficou até o início de março de 2016. Em 2005, publicou “O Boto do Reno” pela editora LetraDelta. No final do mesmo ano, colocou este blog no ar. Desde 1992, escreve o anuário "AutoMotor Esporte", editado pelo global Reginaldo Leme. Ganhou quatro vezes o Prêmio Aceesp nas categorias repórter e apresentador de rádio e melhor blog esportivo. Tem também um romance publicado, "Dois cigarros", pela Gulliver (2018), e o livro de crônicas "Gerd, der Trabi" (Gulliver, 2019). É torcedor da Portuguesa, daqueles de arquibancada, e quando fala de carros começa sempre por sua verdadeira paixão: os DKWs e Volkswagens de sua pequena coleção, além de outras coisinhas fabricadas no Leste Europeu. É com eles que roda pelas ruas de São Paulo e do Rio, para onde se mudou em junho de 2017. Nas pistas, pilotou de 2003 a 2008 o intrépido DKW #96, que tinha até fã-clube (o carro, não o piloto). Por fim, tem uma estranha obsessão por veículos soviéticos. “A Lada foi a melhor marca que já passou pelo Brasil”, garante. Por isso, trocou, nas pistas, o DKW por um Laika batizado pelos blogueiros de Meianov. O carrinho se aposentou temporariamente no início de 2015, dando o lugar a um moderníssimo Voyage 1989. Este, por sua vez, mudou de dono em 2019 para permitir a volta do Meianov à ativa no começo de 2020.
ASSINE O RSS

Categorias

Arquivos

TAGS MAIS USADAS

Facebook

DIÁRIO DO BLOG

outubro 2020
D S T Q Q S S
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031