CategoriaFOX

SIM, ACABOU

S

SÃO PAULO (seguimos) – Ontem, segunda-feira, o “Fox Nitro” foi ao ar pela última vez em exibição inédita — ainda houve uma reapresentação hoje. O programa se despediu da programação dos canais Fox Sports depois de 4 anos, 8 meses e 2 dias, segundo a conta do nosso Thiago Alves. Ele que apresentou o “Nitro” ontem — as duas últimas edições, na verdade...

NÃO MUDA NADA

N

RIO (dá uma preguiça…) – O Fox Sports transmitiu os treinos para as 24 Horas de Le Mans. Fez a largada e as primeiras horas ao vivo, no sábado. À noite, nova entrada ao vivo com mais algumas horas de corrida. Na manhã de domingo, idem, até a bandeira quadriculada para o Porsche #2 em uma corrida emocionante e surpreendente. Para essa transmissão, o canal — onde também trabalho...

AO MESTRE COM CARINHO

A

SÃO PAULO (vale tudo, no fim) – Era para ser apenas uma terça-feira em Interlagos, o que é sempre bom. A Fox fez um evento para clientes importantes e ofereceu a eles uma programação chamada “Um dia de piloto”, com o apoio do pessoal da Escola de Pilotagem Roberto Manzini. Claro que todos adoraram. Os convidados tiveram aulas práticas e teóricas, andaram com instrutores, depois...

DE COMO UMA KOMBI AZUL SALVOU NOSSAS VIDAS

D

SÃO PAULO – A manhã seguia seu curso, cada um dentro de seu casulo, uns com pressa, outros não. Eu tinha pressa porque nessas horas parece que é preciso correr, como se correndo fosse possível evitar o que já aconteceu. Então entrei na avenida correndo, para chegar logo, e lá no meio daquele mar de carros e ônibus e motos e caminhões vi uma Kombi azul. Ela rodava num ritmo que me parecia...

MASSA NO “NITRO”

M

SÃO PAULO (fala tudo) – Foi muito legal o “Fox Nitro” que gravamos ontem com Felipe Massa no Fox Sports. O programa todo foi dedicado ao brasileiro, que se despede de Interlagos domingo. Falou de tudo, e o Grande Prêmio traz um resumo aqui. Mas quem não viu poderá ver o repeteco hoje a partir das 15h30. Participaram comigo o mítico Edgard Mello Filho — agora comentarista...

CORVETTÃO NO “NITRO”

C

SÃO PAULO (vamos de novo) – Inauguramos no “Fox Nitro”, nosso programa semanal no Fox Sports, um quadro chamado “Nitro Clássicos”. Pelo jeito, vou retomar aquela linha de matérias na TV com carros antigos que fiz em passado remoto. A primeira foi sobre a Vemag, mas naquela fui apenas personagem — o Jackson Pinheiro, excepcional repórter, fez a reportagem; em...

CRISPIM & JAN

C

SÃO PAULO (espetaculares) – Duas lendas estiveram no “Fox Nitro” esta semana. Falaram dos bons tempos, das Mil Milhas de 1966, do Emerson que achava que comendo cenoura enxergaria melhor à noite, das corridas de antigamente… Como perder?

ALEGRIA, ALEGRIA

A

SÃO PAULO (oi, pinguins) – O “Fox Nitro” de ontem/hoje (vai das 23h30 à 0h30) foi muito especial. Sendo bem honesto, menos pelo tema — Ayrton Senna, que era até meio óbvio nesta semana, aniversário de sua morte –, mais pelo reencontro com dois queridos amigos/irmãos que fiz nesta já longa carreira. Nilson Cesar foi meu parceiro por anos na Jovem Pan, de quando...

F-E NA FOX

F

SÃO PAULO (definido) – Apenas para informar que a prova de abertura da Fórmula E será transmitida ao vivo pelo Fox Sports. Anotem aí: à 1h do sábado (virada de sexta para sábado, para quem costuma se confundir com essas coisas), treino de classificação. Meia hora antes tem um programa especial que gravamos hoje, eu, Thiago Alves e Felipe Motta. Às 4h30 do sábado (da madrugada!), abertura da...

ON AIR

O

SÃO PAULO (até que estava bom…) – Muito bem, muito bom. É claro que algumas pessoas já sabiam, porque segredo de dois não é segredo, mas hoje foi anunciada a criação do novo canal Fox Sports, o 2, e a gente entra no ar sexta-feira em algumas operadoras de TV a cabo como Neo TV e GVT. Não entendo nada dessas negociações, mas em pouco tempo estaremos nas maiores, como aconteceu com o...

Perfil


Flavio Gomes é jornalista, dublê de piloto, escritor e professor de Jornalismo. Por atuar em jornais, revistas, rádio, TV e internet, se encaixa no perfil do que se convencionou chamar de multimídia. “Um multimídia de araque”, diz ele. “Porque no fundo eu faço a mesma coisa em todo lugar: falo e escrevo.” Sua carreira começou em 1982 no extinto jornal esportivo “Popular da Tarde”. Passou pela “Folha de S.Paulo”, revistas “Placar”, "Quatro Rodas Clássicos" e “ESPN”, rádios Cultura, USP, Jovem Pan, Bandeirantes, Eldorado-ESPN e Estadão ESPN — as duas últimas entre 2007 e 2012, quando a emissora foi extinta. Foi colunista e repórter do “Lance!” de 1997 a 2010. Sua agência Warm Up fez a cobertura do Mundial de F-1 para mais de 120 jornais entre 1995 e 2011. De maio de 2005 a setembro de 2013 foi comentarista, apresentador e repórter da ESPN Brasil, apresentador e repórter da Rádio ESPN e da programação esportiva da rádio Capital AM de São Paulo. Em janeiro de 2014 passou a ser comentarista, repórter e apresentador dos canais Fox Sports no Brasil. Na internet, criou o site “Warm Up” em 1996, que passou a se chamar “Grande Prêmio” no final de 1999, quando iniciou parceria com o iG que terminou em 2012. Em março daquele ano, o site foi transferido para o portal MSN, da Microsoft, onde permaneceu até outubro de 2014. Na sequência, o "Grande Prêmio" passou a ser parceiro do UOL até maio de 2019, quando se uniu ao Terra por um ano para, depois, alçar voo solo. Em novembro de 2015, Gomes voltou ao rádio para apresentar o "Esporte de Primeira" na Transamérica, onde ficou até o início de março de 2016. Em 2005, publicou “O Boto do Reno” pela editora LetraDelta. No final do mesmo ano, colocou este blog no ar. Desde 1992, escreve o anuário "AutoMotor Esporte", editado pelo global Reginaldo Leme. Ganhou quatro vezes o Prêmio Aceesp nas categorias repórter e apresentador de rádio e melhor blog esportivo. Tem também um romance publicado, "Dois cigarros", pela Gulliver (2018), e o livro de crônicas "Gerd, der Trabi" (Gulliver, 2019). É torcedor da Portuguesa, daqueles de arquibancada, e quando fala de carros começa sempre por sua verdadeira paixão: os DKWs e Volkswagens de sua pequena coleção, além de outras coisinhas fabricadas no Leste Europeu. É com eles que roda pelas ruas de São Paulo e do Rio, para onde se mudou em junho de 2017. Nas pistas, pilotou de 2003 a 2008 o intrépido DKW #96, que tinha até fã-clube (o carro, não o piloto). Por fim, tem uma estranha obsessão por veículos soviéticos. “A Lada foi a melhor marca que já passou pelo Brasil”, garante. Por isso, trocou, nas pistas, o DKW por um Laika batizado pelos blogueiros de Meianov. O carrinho se aposentou temporariamente no início de 2015, dando o lugar a um moderníssimo Voyage 1989. Este, por sua vez, mudou de dono em 2019 para permitir a volta do Meianov à ativa no começo de 2020.
ASSINE O RSS

Categorias

Arquivos

TAGS MAIS USADAS

Facebook

DIÁRIO DO BLOG

dezembro 2020
D S T Q Q S S
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031