Arquivofevereiro 2006

Alá-lá-ô

A

SÃO PAULO (quanto ao pano dos confetes…) – Bem macacada, duvido que terei saudades do computador nos próximos quatro dias, portanto este blog entra em recesso momesco e só volta depois que cessarem os tamborins.
Pulem, divirtam-se, namorem, façam o que lhes der na telha.

Ensaio sobre a feiúra

E

SÃO PAULO (como é fácil ganhar dinheiro…) – Pode até parecer implicância, já que volto ao tema e encomendei (essa é boa, encomendei) pesquisa no Grande Prêmio sobre o assunto, não dando muitas opções de respostas aos incautos que a responderem. Mas a discussão sobre esse negócio que chamam de Stock Jr. vai além da estética. A questão é: para que serve uma categoria dessas? Esses...

Estranho comichão

E

SÃO PAULO (a melhor maneira de prever o futuro é criá-lo) – Alguns meses atrás soube da abertura de uma loja aqui em São Paulo que só vende Opalas. Se chama Supimpa, termo que a muitos parecerá incomum, mas que quer dizer, digamos, “cool”. De lá para cá passei a dar mais atenção ao melhor carro que a GM já fez por aqui. Tal atração tem a ver com corridas, também, afinal o Opala...

Vigor na terra

V

SÃO PAULO (todos nós estamos na lama, mas alguns sabem ver as estrelas) – Muita gente sugere lá na ESPN que a gente faça matérias sobre o Catarinense de Velocidade na Terra. De fato, parece ser uma das coisas mais vigorosas do automobilismo brasileiro hoje em dia. Uma boa medida disse pode-se ter vendo as fotos deste blog aqui, que pertence a um assinante da ESPN que se corresponde com a...

Decolando para a fama

D

SÃO PAULO (sim, elas também voam) – Este blog é cada vez mais feito pelos blogueiros… Daniel Laranjeira manda o vídeo divertidíssimo com uma performance inesquecível de um dos grandes carros já feitos pelo Homo sapiens.
Notem que o cara que fala ao fundo é o mesmo que narrou a Nascar no canal FX para o Brasil.

Outra dimensão

O

SÃO PAULO (o Opala é uma coisa) – Vejam o que gente talentosa, com um bom programa de computador, é capaz de fazer. Neste link enviado pelo blogueiro e amigão Alexandre Scaglia, imagens em 3D de vários carros clássicos, brasileiros e importados.
Arte da maior qualidade.

Retratos sem época

R

SÃO PAULO (e vamos mais para o Sul) – Estas quatro foram mandadas pelo Fernando Enns, blogueiro curitibano. Coloquei numa ordem supostamente cronológica, mas se alguém tiver os anos aproximados, avisa aqui. Obviamente, do autódromo de Pinhais, na periferia de Curitiba. Hoje é um dos mais arrumadinhos do país, se não for o mais.

Retratos de uma época*

R

SÃO PAULO (daqui a pouco tem mais) – A brincadeira das fotos antigas de circuitos brasileiros está rendendo… O Paulo Guedes, veterano de autódromos, começou a desenterrar coisas valiosas de seu baú. Começo com estas duas fotos de GPs do Brasil de F-1. A primeira é a melhor foto que já vi, a que melhor mostra como era assistir a uma prova dessas em Interlagos. O ano: 1974. Passando...

Arqueologia automobilística

A

SÃO PAULO (remexam os baús) – O blogueiro de primeira hora Pedro Guilherme Jungbluth dá uma sugestão, imediatamente acatada aqui. Vamos dar uma pausa dos carros antigos de corrida, anos 70/80, para levantar fotos antigas de autódromos brasileiros. Quem tiver no baú retratos dos circuitos nacionais em seus tenros anos pode mandar. É legal comparar com seu estado atual. Podem mandar as fotos...

Kombi falante

K

SÃO PAULO (computadores em pane!) – O Filipe W. descobre cada coisa… Entre neste site musical e dê uma olhada. Pelo que entendi, você coloca a Kombi sobre um LP e a música sai pelo… teto! LP, petizada, é Long Play. Antes de CD era isso que a gente tocava na vitrola. Dizem os que entendem de música que o som de CD nunca vai se igualar ao de um LP. Como não entendo nada, não...

Coisinha mais lindinha

C

SÃO PAULO (isso tem cara de quê?) – O Tony Kanaan está fazendo uma seletiva para escolher um piloto que vai correr por sua equipe na Stock Jr., categoria nova que vai fazer preliminar da V8 este ano. Hoje me mandaram essa foto. O lugar é lindo, o autódromo privado de Alcides Diniz em Indaiatuba (SP). Mas o carro… Para ser feio, precisa melhorar bastante!

A número 1

A

SÃO PAULO (com esse calor…) – O #96 nem sempre estampou DKWs lerdinhos… A foto enviada pelo Augusto Freire, querido amigo de Brasília, mostra Norman Casari numa Lola T70 (sim, é o carro do teste anterior!) da equipe Brahma. Foi, talvez, a primeira equipe de corridas do Brasil a ter patrocínio forte. Depois viria a Hollywood. Cerveja e cigarro. Mais um torresminho, e não quero...

Troca-troca

T

SÃO PAULO (já assinou) – Ao recusar a proposta da McLaren para mais três anos, Kimi deixou claro que seu destino está traçado.
Anote o que vai acontecer em 2007:
– Ferrari: Kimi e Massa
– McLaren: Alonso e Hamilton
– Red Bull: Montoya
Acho ainda que a Renault vai embora e que o Schumacher pára de correr. E que se o Valentino resolver correr, vai ser na Red Bull.

Vem aí a Stock (Nas)Car

V

SÃO PAULO (só falta mandarem cantar o hino) – Saiu ontem o pacotão de mudanças nas regras da Stock Car V8. Americanizada, com playoffs nas últimas quatro provas, e europeizada, com classificação no formato da F-1. Bem, novidades são sempre positivas. Mas se vai funcionar legal, só o tempo dirá. Só peço uma coisa ao Reginaldo, ao Luiz Roberto e ao Galvão, que geralmente transmitem as...

Deus dá asas…

D

SÃO PAULO (anta…) – Anderson Andrade, que se diz “blogueiro de carteirinha”, me manda essa notícia do Los Angeles Times. Ontem, uma besta quadrada, parece que um sueco, destruiu uma Ferrari Enzo numa estrada de Malibu. O cara diz que não era ele quem estava dirigindo… Testemunhas dizem que o sujeito estava tirando racha com uma Mercedes, e bateu a mais de 200 km/h. A...

Jóias de papel

J

SÃO PAULO (cada um que faça o seu) – Este blog tem me proporcionado imensas alegrias e descobertas. Fernando Ferreira, de Ribeirão Preto, me mandou o link para o site do artista, não há outra definição, artista Cláudio Moreira, que faz miniaturas de papel de veículos. Por enquanto, carros e ônibus. O trabalho é esplendoroso. Vejam a foto do ônibus da Cometa, abaixo. Fiz um contato, tomara...

Hoje tem Limite

H

SÃO PAULO (alguém aí tem ingresso sobrando? Eu compro!) – Jornada dupla na TV hoje, por isso o negócio é postar rapidinho. Hoje de noite tem Limite na ESPN Brasil, 22h. O programa está legal, e minha matéria desta semana é com o Patinho Feio, da Camber, que levou pelo menos dois pilotos brasileiros à F-1, o Piquet e o Alex Dias Ribeiro. O Moreno, de certa forma, também – já que sua...

Testinho da semana

T

SÃO PAULO (bom, pelo menos fui ao Rock’n’Rio. O primeiro!) – E vamos ao resultado do teste da semana passada, a fotinho ainda disponível do Fusca 33. Quem mandou “Ingo Hoffmann, Festival do Ronco em Interlagos, 1972”, acertou. Demais, aquelas canelas finas dobrando na curva. Agora quem manda o teste é o blogueiro Linus, cujo sobrenome omito porque senão dá pista para...

Perfil


Flavio Gomes é jornalista, dublê de piloto, escritor e professor de Jornalismo. Por atuar em jornais, revistas, rádio, TV e internet, se encaixa no perfil do que se convencionou chamar de multimídia. “Um multimídia de araque”, diz ele. “Porque no fundo eu faço a mesma coisa em todo lugar: falo e escrevo.” Sua carreira começou em 1982 no extinto jornal esportivo “Popular da Tarde”. Passou pela “Folha de S.Paulo”, revistas “Placar”, "Quatro Rodas Clássicos" e “ESPN”, rádios Cultura, USP, Jovem Pan, Bandeirantes, Eldorado-ESPN e Estadão ESPN — as duas últimas entre 2007 e 2012, quando a emissora foi extinta. Foi colunista e repórter do “Lance!” de 1997 a 2010. Sua agência Warm Up fez a cobertura do Mundial de F-1 para mais de 120 jornais entre 1995 e 2011. De maio de 2005 a setembro de 2013 foi comentarista, apresentador e repórter da ESPN Brasil, apresentador e repórter da Rádio ESPN e da programação esportiva da rádio Capital AM de São Paulo. Em janeiro de 2014 passou a ser comentarista, repórter e apresentador dos canais Fox Sports no Brasil. Na internet, criou o site “Warm Up” em 1996, que passou a se chamar “Grande Prêmio” no final de 1999, quando iniciou parceria com o iG que terminou em 2012. Em março daquele ano, o site foi transferido para o portal MSN, da Microsoft, onde permaneceu até outubro de 2014. Na sequência, o "Grande Prêmio" passou a ser parceiro do UOL até maio de 2019, quando se uniu ao Terra por um ano para, depois, alçar voo solo. Em novembro de 2015, Gomes voltou ao rádio para apresentar o "Esporte de Primeira" na Transamérica, onde ficou até o início de março de 2016. Em 2005, publicou “O Boto do Reno” pela editora LetraDelta. No final do mesmo ano, colocou este blog no ar. Desde 1992, escreve o anuário "AutoMotor Esporte", editado pelo global Reginaldo Leme. Ganhou quatro vezes o Prêmio Aceesp nas categorias repórter e apresentador de rádio e melhor blog esportivo. Tem também um romance publicado, "Dois cigarros", pela Gulliver (2018), e o livro de crônicas "Gerd, der Trabi" (Gulliver, 2019). É torcedor da Portuguesa, daqueles de arquibancada, e quando fala de carros começa sempre por sua verdadeira paixão: os DKWs e Volkswagens de sua pequena coleção, além de outras coisinhas fabricadas no Leste Europeu. É com eles que roda pelas ruas de São Paulo e do Rio, para onde se mudou em junho de 2017. Nas pistas, pilotou de 2003 a 2008 o intrépido DKW #96, que tinha até fã-clube (o carro, não o piloto). Por fim, tem uma estranha obsessão por veículos soviéticos. “A Lada foi a melhor marca que já passou pelo Brasil”, garante. Por isso, trocou, nas pistas, o DKW por um Laika batizado pelos blogueiros de Meianov. O carrinho se aposentou temporariamente no início de 2015, dando o lugar a um moderníssimo Voyage 1989. Este, por sua vez, mudou de dono em 2019 para permitir a volta do Meianov à ativa no começo de 2020.
ASSINE O RSS

Categorias

Arquivos

TAGS MAIS USADAS

Facebook

DIÁRIO DO BLOG

fevereiro 2006
D S T Q Q S S
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728