TagFórmula E

ACABOU A LUZ

A

RIO (sem surpresas) – Stoffel Vandoorne ainda nem tinha começado a dar entrevista para falar da sua primeira vitória na Fórmula E — e também a primeira da Mercedes na categoria, de quebra com dobradinha –, e a Venturi já fazia circular, em suas redes sociais e no seu site, o comunicado que informava a saída de Felipe Massa da equipe. O anúncio foi feito agora há pouco em Berlim...

SEM CHINA

S

RIO (prudente) – A China está fora do Mundial de F-1 deste ano por conta do coronavírus. A Fórmula E também riscou do calendário a corrida de Sanya. Talvez o mais correto seja dizer que a China cancelou ambas, uma vez que a epidemia da doença está longe de ser controlada. No caso da F-1, faz-se o campeonato com uma etapa a menos e tudo bem. Sendo até meio cruel, já que o motivo do...

FOTO DO DIA

F

RIO (110 ou 220?) – Está aí o carro da Mercedes para a Fórmula E. A pintura foi apresentada hoje em Frankfurt com a confirmação da dupla Stoffel Vandoorne e Nyck de Vries para a temporada #6 da categoria, que começa em novembro na Arábia Saudita. O belga Vandoorne, ex-McLaren, é bem conhecido e já traz uma temporada elétrica de experiência. De Vries, holandês, é o atual líder da F-2 e pode...

FOTO DO DIA

F

Garry Paffett e Stoffel Vandoorne (a dupla com mais letras dobradas da história da humanidade) concluíram ontem dois dias de testes em Varano, na Itália, com o carro que a Mercedes está fazendo para estrear na Fórmula E na temporada #6 (que começa no final deste ano). Acho que os alemães entram com força. O que não é novidade nenhuma. Eles têm muito a ensinar.

8 EM 8

8

SÃO PAULO (tá legal) – Goste-se ou não dos carros e das corridas da Fórmula E, é impossível não ver emoção num campeonato que, em oito corridas, teve oito vencedores diferentes de oito nacionalidades na temporada — e de sete equipes. Hoje foi a vez do holandês Robin Frijns, em Paris. Foi a primeira corrida com chuva da história da categoria. Veja os vencedores: 1ª etapa, Ad Diriyah...

FOTO DO DIA

F

Foi bem emocionante o final do ePrix do México da Fórmula E, sábado. Depois de liderar a prova toda a partir da pole, Pascal Wehrlein ficou com a bateria no osso na última volta e Lucas di Grassi, que assumira o segundo lugar pouco antes, partiu para o ataque. A energia do alemão da Mahindra acabou a poucos metros da linha de chegada. Lucas desviou do novato, que estava quase parando, e conseguiu...

ELITE ELÉTRICA

E

RIO  (uau) – Felipe Nasr assinou com a Dragon e já estreia na Fórmula E no México, dia 16. Vai substituir Maximilian Günther, egresso da F-2, que teve uma pequena treta com Felipe Massa em Santiago. É o quarto brasileiro na categoria. Todos eles passaram pela Fórmula 1 — Nasr foi da Sauber, Lucas di Grassi correu na Virgin, Nelsinho Piquet na Renault e Massa, na Sauber, Ferrari e...

ONE COMMENT

O

Gostos à parte, a Fórmula E faz um excelente trabalho em mídias sociais, informativo e atencioso com o público. Seguem dois vídeos divulgados imediatamente após a prova de abertura da temporada, na Arábia Saudita.

POR DENTRO DA E

P

RIO (vamos nos adaptar?) – O Alexandre Neves mandou este on-board do carro de Robert Frijns, da Virgin, fazendo uma volta de instalação com a segunda geração dos carros da Fórmula E em Valência. A equipe, nesta temporada, vai usar o trem de força da Audi. A pré-temporada está em andamento na Espanha e, por enquanto, a BMW vem dando as cartas.

FOTO DO DIA

F

Sergio Jimenez e Cacá Bueno confirmaram oficialmente sua participação na equipe brasileira que vai disputar o campeonato de carros elétricos da Jaguar que fará parte do calendário da Fórmula E a partir da próxima temporada. Os detalhes estão aqui. Ótima dupla, ótima notícia a criação de mais uma categoria de âmbito mundial. Goste-se ou não dos elétricos, eles chegaram e vão ficar.

E-MERCEDES

E

RIO (quero minha jaqueta!) – E outro comunicado importante sobre a Fórmula E foi divulgado hoje pela Mercedes. A Casa de Stuttgart confirmou seu ingresso na categoria na temporada #6 (2019/20) sob a marca Mercedes EQ Formula E Team, e revelou seus planos até a estreia. Os carros da equipe serão desenvolvidos na sede da Mercedes-AMG High Performance Powertrains (HPP) em Brixworth, na...

E-ARÁBIA

E

[bannergoogle]RIO (por que não atendem o telefone?) – A Fórmula E chegaou ao mundo árabe. A categoria anunciou hoje que a abertura da temporada #5, 2018/19, será realizada numa pista de rua em Riad, capital da Arábia Saudita. Nada mais irônico e, por que não dizer, icônico. O país que controla os preços do petróleo no mundo — e que por ordem dos EUA estropiou a Venezuela com sua...

E-MASSA

E

RIO (bancos, odeio) – A assinatura de Felipe Massa com a Venturi, anunciada hoje ao meio-dia pelo Instagram do piloto — gosto disso, Felipe não privilegia ninguém, sempre foi assim –, me parece ter um forte vínculo com a Mercedes. [bannergoogle]A empresa monegasca não é propriamente uma montadora de automóveis, mas sim uma fornecedora de tecnologia para carros elétricos. Na...

AÍ TEM

A

[bannergoogle]RIO (e como) – A Fórmula E acaba de confirmar oficialmente as entradas de Mercedes e Porsche na categoria, para a temporada #6 (2019/2020). Serão nada menos do que 11 equipes oficiais de fábrica no campeonato. Montadoras em peso. Incrível. Ao mesmo tempo, anunciou que no próximo dia 19 de maio, em Berlim, será apresentado seu novo carro, chamado de Gen2 (“Generation...

FOTO DO DIA

F

Eis em desenho de computador o novo carro da Fórmula E para a temporada 2018/2019, chamado de Gen2. O carro de verdade aparecerá no Salão de Genebra em 6 de março. Esse modelo, de linhas futuristas, rodas dianteiras carenadas, com Halo e asa bipartida na traseira, terá quase o dobro de capacidade de armazenamento de energia e o dobro da autonomia — ou seja, a partir do próximo campeonato...

Perfil


Flavio Gomes é jornalista, dublê de piloto, escritor e professor de Jornalismo. Por atuar em jornais, revistas, rádio, TV e internet, se encaixa no perfil do que se convencionou chamar de multimídia. “Um multimídia de araque”, diz ele. “Porque no fundo eu faço a mesma coisa em todo lugar: falo e escrevo.” Sua carreira começou em 1982 no extinto jornal esportivo “Popular da Tarde”. Passou pela “Folha de S.Paulo”, revistas “Placar”, "Quatro Rodas Clássicos" e “ESPN”, rádios Cultura, USP, Jovem Pan, Bandeirantes, Eldorado-ESPN e Estadão ESPN — as duas últimas entre 2007 e 2012, quando a emissora foi extinta. Foi colunista e repórter do “Lance!” de 1997 a 2010. Sua agência Warm Up fez a cobertura do Mundial de F-1 para mais de 120 jornais entre 1995 e 2011. De maio de 2005 a setembro de 2013 foi comentarista, apresentador e repórter da ESPN Brasil, apresentador e repórter da Rádio ESPN e da programação esportiva da rádio Capital AM de São Paulo. Em janeiro de 2014 passou a ser comentarista, repórter e apresentador dos canais Fox Sports no Brasil. Na internet, criou o site “Warm Up” em 1996, que passou a se chamar “Grande Prêmio” no final de 1999, quando iniciou parceria com o iG que terminou em 2012. Em março daquele ano, o site foi transferido para o portal MSN, da Microsoft, onde permaneceu até outubro de 2014. Na sequência, o "Grande Prêmio" passou a ser parceiro do UOL até maio de 2019, quando se uniu ao Terra por um ano para, depois, alçar voo solo. Em novembro de 2015, Gomes voltou ao rádio para apresentar o "Esporte de Primeira" na Transamérica, onde ficou até o início de março de 2016. Em 2005, publicou “O Boto do Reno” pela editora LetraDelta. No final do mesmo ano, colocou este blog no ar. Desde 1992, escreve o anuário "AutoMotor Esporte", editado pelo global Reginaldo Leme. Ganhou quatro vezes o Prêmio Aceesp nas categorias repórter e apresentador de rádio e melhor blog esportivo. Tem também um romance publicado, "Dois cigarros", pela Gulliver (2018), e o livro de crônicas "Gerd, der Trabi" (Gulliver, 2019). É torcedor da Portuguesa, daqueles de arquibancada, e quando fala de carros começa sempre por sua verdadeira paixão: os DKWs e Volkswagens de sua pequena coleção, além de outras coisinhas fabricadas no Leste Europeu. É com eles que roda pelas ruas de São Paulo e do Rio, para onde se mudou em junho de 2017. Nas pistas, pilotou de 2003 a 2008 o intrépido DKW #96, que tinha até fã-clube (o carro, não o piloto). Por fim, tem uma estranha obsessão por veículos soviéticos. “A Lada foi a melhor marca que já passou pelo Brasil”, garante. Por isso, trocou, nas pistas, o DKW por um Laika batizado pelos blogueiros de Meianov. O carrinho se aposentou temporariamente no início de 2015, dando o lugar a um moderníssimo Voyage 1989. Este, por sua vez, mudou de dono em 2019 para permitir a volta do Meianov à ativa no começo de 2020.
ASSINE O RSS

Categorias

Arquivos

TAGS MAIS USADAS

Facebook

DIÁRIO DO BLOG

novembro 2020
D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930