TagInterlagos

VEM, INTERLAGOS

V

RIO (estava na cara) – Apuração de Victor Martins, comandante-em-chefe do Grande Prêmio, informa que a Liberty descartou o Rio (oh!) e está negociando um GP do Brasil em Interlagos no ano que vem. A fantasia do autódromo de Deodoro está cada vez mais distante — uma hora a realidade se impõe. Os órgãos de proteção à natureza já apontaram todos os buracos possíveis nos relatórios...

BRASIL, 2021

B

RIO (aqui, meu filho…) – Circula por aí o pré-calendário da temporada 2021 da F-1 com 19 etapas confirmadas e mais quatro que seriam o complemento do desejo da Liberty, de fazer 23 corridas no ano que vem. EUA, México, Brasil e Arábia Saudita seriam as ditas cujas. As provas emergenciais deste ano — Mugello, Portimão, Turquia e Imola — foram ignoradas para uma eventual...

BYE BYE, BRAZIL

B

RIO (esperado) – A Fórmula 1 confirmou hoje que o GP do Brasil está fora do calendário de 2020, assim como as outras três etapas americanas do calendário original — México, EUA e Canadá. O motivo é óbvio. Os dois mais populosos países do continente, Brasil e EUA, são comandados por psicopatas negacionistas que os colocaram nas duas primeiras posições do ranking de casos e mortes por...

FOTOS DO DIA

F

RIO (será que dá?) – Sem saber ainda se haverá F-1 no Brasil em 2020, a Prefeitura de São Paulo praticamente concluiu a última fase da ampla reforma de Interlagos iniciada em 2014, com a cobertura de toda a área de paddock. Ontem, no “Cadeira Cativa”, o diretor de imprensa do GP do Brasil, Castilho de Andrade, disse que os organizadores trabalham com a data de 8 de novembro para...

INTERLAGOS, 80

I

RIO (parabéns, milhões de parabéns) – Eu teria tanta coisa para dizer a Interlagos hoje, nos seus 80 anos de vida… Mas acho que teria de estar lá, no templo, para dizer pessoalmente. Sinto saudades da pista, das manhãs nos boxes, da ansiedade sendo amarrado no carro, da tensão das largadas, do alívio de chegar ao fim. Já escrevi — talvez tenha apenas pensado — que só me...

TÚNEL DO TEMPO

T

RIO (saudades) – O Luciano Marinho mandou este vídeo raro com uma volta na velha pista de Interlagos filmada num carro de rua em 1987. Dá para ter uma ideia de como era o circuito — e eu sempre mostro, porque os mais jovens não tiveram a chance de viver esse autódromo em seu formato original. Neste link aqui tem uma simulação simpática feita por computador num Copersucar. Muito bacana...

FOTO DO DIA

F

RIO (parabéns) – O novos boxes de Interlagos foram apresentados hoje à imprensa. Eles têm 80 cm a mais no pé direito e as paredes internas agora podem ser removidas, criando uma área de 3 mil m² que será usada para outros eventos, além das corridas. As portas passaram a ser automáticas. Toda a estrutura elétrica e hidráulica foi refeita. É a penúltima fase das reformas iniciadas em 2014...

FOTO DO DIA

F

RIO (acelerando) – Para quem não está acompanhando, assim estão os boxes de Interlagos agora. Nesta fase da reforma, acertada e contratada pelo ex-prefeito Fernando Haddad com dinheiro do PAC do Turismo, o pé-direito das garagens será aumentado e o paddock será todo coberto.
Ah, e não, não vai ter corrida no Rio. Nem autódromo, obviamente.

INTERLAGOS: A RESISTÊNCIA, ENFIM

I

RIO (aqui não adiantou muito) – As presepadas do alcaide paulistano, como se sabe, já não enganam mais ninguém. O prefeito que menos tempo passa em sua cidade no mundo já viu seus índices de popularidade despencarem e rigorosamente nada do que inventou deu certo. É um fiasco, em resumo — o que, para qualquer um com dois neurônios ativos, não surpreende muito. Mas o que nos interessa...

FOTO DO DIA

F

Murilo Medeiros achou umas fotos no Facebook postadas por José de Paula Reis, que trabalhou como operador de telex (sensacional!) da Embratel no GP do Brasil de 1976. Numa folguinha do trampo, saiu clicando seus heróis. Escolhi essa abaixo, do James Hunt com seu Chevette GP cedido pela GM aos pilotos naquela corrida. Que tempos maravilhosos, senhoras e senhores! Imaginem se esse Chevette...

“GP ÀS 10”: ASSASSINATO EM CURSO

&

RIO (bem feito) – Privatizar Interlagos, com alguém comprando o autódromo como o que ele é, um autódromo, eu sempre achei que não ia rolar por falta de interessados. E não vai. Mas a julgar pelos planos do vereador Milton Leite — “enfiar 100 mil pessoas lá dentro, fazer outra pista” –, podemos começar a acender as velas para o defunto. Os caras querem vender o...

VEXAME

V

RIO (“Sobre ontem…”, só amanhã) – Passando por aqui nestes poucos minutos entre um aeroporto, um programa ao vivo e outro gravado na TV, para dizer que o cancelamento dos testes de pneus que a Pirelli faria com a McLaren nesta semana é um enorme vexame para a cidade de São Paulo. Não maior, porém, do que inventar ração para estudantes e moradores de rua, mutilar passe...

TUDO & NADA

T

SÃO PAULO (é sempre assim, um ou outro) – A seção “Na Garagem” de hoje lembra o histórico dia 21 de outubro de 2007, em Interlagos. Foi quando Kimi Raikkonen conquistou o título mundial pela Ferrari — último da equipe italiana, diga-se — com grande ajuda de Felipe Massa e apenas um ponto à frente dos dois pilotos da McLaren, Hamilton e Alonso, que no final daquela...

A ERA DA PÓS-MENTIRA

A

SÃO PAULO (e caem no conto…) – O prefeito de São Paulo João Doria — cujas maiores realizações até agora foram acabar com o leite para crianças da rede municipal, aumentar em 130% os acidentes com vítimas nas Marginais, se vestir de gari, pintar meia-dúzia de paredes de cinza, inundar TVs e rádios com publicidade oficial e gravar vídeos diários para gáudio da classe média (um...

O REI DO ENGODO

O

SÃO PAULO (pff) – Não vou postar o vídeo aqui porque há limites para o embuste. Quem quiser que procure no Facebook. Mas o prefeito de São Paulo, João Doria Jr., saiu em périplo pelos Emirados Árabes (e rádios e jornais da cidade enviaram repórteres, e desconfio que sei quem pagou suas viagens) para “buscar investimentos”. Aí passou pelo autódromo de Abu Dhabi, o qual descreveu...

AS CASCATAS DA HORA

A

SÃO PAULO (ah, o mundo real…) – O futuro secretário de Desestatização e Parcerias da Prefeitura de São Paulo, Wilson Poit, deu uma entrevista hoje à “Folha de S.Paulo”. Falou sobre as privatizações pretendidas pelo prefeito-suéter, cuja lista inclui Interlagos, Pacaembu, Parque Ibirapuera e Anhembi. Poit trabalhou na gestão do atual prefeito, Fernando Haddad. Como o que...

Perfil


Flavio Gomes é jornalista, dublê de piloto, escritor e professor de Jornalismo. Por atuar em jornais, revistas, rádio, TV e internet, se encaixa no perfil do que se convencionou chamar de multimídia. “Um multimídia de araque”, diz ele. “Porque no fundo eu faço a mesma coisa em todo lugar: falo e escrevo.” Sua carreira começou em 1982 no extinto jornal esportivo “Popular da Tarde”. Passou pela “Folha de S.Paulo”, revistas “Placar”, "Quatro Rodas Clássicos" e “ESPN”, rádios Cultura, USP, Jovem Pan, Bandeirantes, Eldorado-ESPN e Estadão ESPN — as duas últimas entre 2007 e 2012, quando a emissora foi extinta. Foi colunista e repórter do “Lance!” de 1997 a 2010. Sua agência Warm Up fez a cobertura do Mundial de F-1 para mais de 120 jornais entre 1995 e 2011. De maio de 2005 a setembro de 2013 foi comentarista, apresentador e repórter da ESPN Brasil, apresentador e repórter da Rádio ESPN e da programação esportiva da rádio Capital AM de São Paulo. Em janeiro de 2014 passou a ser comentarista, repórter e apresentador dos canais Fox Sports no Brasil. Na internet, criou o site “Warm Up” em 1996, que passou a se chamar “Grande Prêmio” no final de 1999, quando iniciou parceria com o iG que terminou em 2012. Em março daquele ano, o site foi transferido para o portal MSN, da Microsoft, onde permaneceu até outubro de 2014. Na sequência, o "Grande Prêmio" passou a ser parceiro do UOL até maio de 2019, quando se uniu ao Terra por um ano para, depois, alçar voo solo. Em novembro de 2015, Gomes voltou ao rádio para apresentar o "Esporte de Primeira" na Transamérica, onde ficou até o início de março de 2016. Em 2005, publicou “O Boto do Reno” pela editora LetraDelta. No final do mesmo ano, colocou este blog no ar. Desde 1992, escreve o anuário "AutoMotor Esporte", editado pelo global Reginaldo Leme. Ganhou quatro vezes o Prêmio Aceesp nas categorias repórter e apresentador de rádio e melhor blog esportivo. Tem também um romance publicado, "Dois cigarros", pela Gulliver (2018), e o livro de crônicas "Gerd, der Trabi" (Gulliver, 2019). É torcedor da Portuguesa, daqueles de arquibancada, e quando fala de carros começa sempre por sua verdadeira paixão: os DKWs e Volkswagens de sua pequena coleção, além de outras coisinhas fabricadas no Leste Europeu. É com eles que roda pelas ruas de São Paulo e do Rio, para onde se mudou em junho de 2017. Nas pistas, pilotou de 2003 a 2008 o intrépido DKW #96, que tinha até fã-clube (o carro, não o piloto). Por fim, tem uma estranha obsessão por veículos soviéticos. “A Lada foi a melhor marca que já passou pelo Brasil”, garante. Por isso, trocou, nas pistas, o DKW por um Laika batizado pelos blogueiros de Meianov. O carrinho se aposentou temporariamente no início de 2015, dando o lugar a um moderníssimo Voyage 1989. Este, por sua vez, mudou de dono em 2019 para permitir a volta do Meianov à ativa no começo de 2020.
ASSINE O RSS

Categorias

Arquivos

TAGS MAIS USADAS

Facebook

DIÁRIO DO BLOG

novembro 2020
D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930