MOTOLAND | Blog do Flavio Gomes | F1, Automobilismo e Esporte em geral
MENU

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017 - 17:32Motoland

MOTOLAND

O Mario Lago mandou a foto, disse que ela foi restaurada em Piracicaba e pertenceu a Adú Celso, um dos ídolos deste blogueiro. Será?

mondialadu

16 comentários

  1. Lago disse:

    em março, nas bancas, essa e mais duas ou três relíquias do restaurador,

  2. Paulo Fonseca disse:

    Prezado F&G : Procede a versão, sim Adu correu com essa magrelinha

  3. Marcelo disse:

    Tenho uma igual, imaculada, na sala de casa

  4. joao carlos de godoy disse:

    em araraquara havia umas tres dessas mondial o penha foi campeao com uma dessas ele ia para as pistas com ela dentro de um jk gostaria de saber como ela foi parar em piracicaba etc conte mais sobre esta joia de duas rodas

  5. disse:

    Se foi do Adú, então é a que ele emprestava para o Emerson Fittipaldi correr.

  6. Rodrigo disse:

    Eu devia ter uns 10 anos. 81, 82… Morava em um prédio próximo de uma oficina que aos meus olhos e ouvidos era um pequeno universo, apesar dos parcos 30 metros quadrados. Na parede, fotos na pista, curvas contornadas, joelho no chão. Ela ficava na Vergueiro, em uma esquina, do lado do Etapa. O dono corria de moto. Eram grandes. Ele as testava na rua mesmo; saía da oficina, retornava na Eça e rasgava a avenida urrando, zunindo…Na frente do Rodão devia estar perto de 200… Depois alicatava, e retornava no sinal da Ana Rosa. Mais uma vez, do sinal até a oficina, com o bigode virado, munheca dobrada, peito no tanque. Eu ouvia de longe. Meu coração ia pra garganta.

    • Luis Carlos Mari disse:

      Rodrigo,
      belo texto, deverias ter uma coluna no GP contando “causos” como este… fica a sugestão pro Flávio….

    • Paulo F. disse:

      Era a oficina do Cenoura!!!!!! Paulo Roncatti!
      Era um mundo mais simples, mas muito mais interessante!

    • ivo jorge disse:

      Olá, Rodrigo! Tudo bem? Meu nome é Ivo e procurando alguma notícia do “Cenoura” Paulo Roncatti, acabei achando este site. Cara, Eu tinha 15 anos na época, e apaixonado por motos. Um dia passando em frente a essa oficina que você mencionou me deparei com uma TZ de pista. Na porta…E o cenoura estava sentado na porta, em cima daquelas caixas onde ficava o registro de água…Enfim, parei e fiquei admirando aquela moto linda e comecei a conversar com ele que prontamente e com todo orgulho começou a me explicar tudo sobre aquela maravilha de 2 rodas…Pedi para trabalhar lá, como aprendiz…Me ofereci pra trabalhar de graça…E ele aceitou…Passei uns 3 meses naquela oficina…Cara, foram 3 meses maravilhosos e cheios de histórias loucas e engraçadas…E muitas e muitas vezes presenciei essas arrancadas na avenida…O cara era doido mesmo. Bons tempos! Abç!

    • Wynns disse:

      Cara,eu trabalhei nessa oficina,foi o lugar mais bizarro,mais louco que eu conheci na minha vida inteira,e o dono completamete maluco.
      Gostaria de saber aonde foi parar o Cenoura.
      Eu era o Wynns,esse era meu apelido.
      Abraço.

  7. Reinaldo Bascchera disse:

    Espetacular!

  8. Rubens Fernandes disse:

    Realmente história do motociclismo muito bacana legal sua lembrança como você mesmo disse um de seus ídolos assim como Denisio Casarini ,Walter Barchi entre outros e essas motos maravilhosas que fizeram histórias junto a esses pilotos heróis parabéns pela lembrança

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>