MENU

terça-feira, 20 de fevereiro de 2018 - 16:26Gomes, Grande Prêmio

“GP ÀS 10″: TODOS PARECIDOS

7 comentários

  1. elcio disse:

    Os carros da Minard e Larrousse eram páginas amarelas andantes!!!
    A última sacada visível acho que foi a Benetton tubarão!!
    E Belíssimos presentes, de muito bom gosto!!!!!!

  2. Helton Garcia Fernandes disse:

    O regulameento congelado tolhe a criatividade.
    Hoje o que não é proibido é obrigatório. Isso faz com que os carros fiquem muito parecidos.
    Sempre lembro do Mario Forghieri, último engeenheiro genial da Ferrari antes da FIA proibir a genialidade nos projetos, falando algo do tipo, que o regulamento atrapalha a criatividade e que se pintarem todos os carros de branco ninguém identifica nenhum.

  3. José Roberto Zanchetta disse:

    Dica: Procurem o canal do Marc Priestley no Seu Tubo que mostra os detalhes dos F1 que normalmente não olhamos, e vendo uns 2 ou 3 dá para diferenciar os carros mesmos que forem pintados iguais.

  4. E a BAR veio da Tyrell! A Mercedes é a Tyrrel dos dias atuais.

  5. ags disse:

    Eu falei…………………….

  6. Luiz disse:

    Por que a beleza ficou de lado e a eficiência entrou em campo (junto com milhões de Trumps). Mas se vc olhar com atenção, mesmo nos anos 1970 e 1980 havia cada coisa feia na F1 de arrepiar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>