“Vi”

SÃO PAULO (e não gostou…) – Se Massa e Fisichella não viram a luz vermelha na saída dos boxes, Alonso viu na entrada. Mesmo assim, foi para seu pit stop.

“Eu sabia que os boxes estavam fechados, mas meu combustível tinha terminado. Era melhor ser punido do que ficar no meio da pista sem gasolina”, explicou.

É, sem dúvida, uma boa explicação. Mas que Fernandinho abusou dos erros, abusou. Claro que está sentindo o golpe. E morre de saudades de Fisichella.

Comentários

  • coelho, nem eu, nem voce, nem o flavio gomes, alias ninguem deste blog conseguiria sequer segurar um carro de formula 1 na reta, nem o melhor e nem o pior carro do ano . o hamilton eh um otimo piloto, sem duvidas, e deve evoluir mais ainda … talves chegue no nivel do prost, senna, piquet ou quem sabe ate ultrapasse esses pilotos. so o tempo dirah.

  • Massa tá virando gurizinho mimado e reclamão. O Hamilton, ainda queria ver ele acelerar o carro do Rubinho. Se tirasse leite de pedra aí sim eu bateria palmas. Por enquanto ele pilota SÓ o melhor carro do ano. E deu mais de 1000 voltas no simulador antes de entrar na pista. Aí até eu, né?

  • O que me irrita é a mania da Grobo de justificar as besteiras do massa….piloto erra mesmo, oq ue ele fez foi errado, se a regra não é boa, tem que ser discutida antes da prova e nao depois que voce erra..

    aposto que se fosse o hamilton que errasse e a vitoria caisse no colo dele, o discurso seria diferente….

  • O Massa tá se revelando um verdadeiro “Born Loser”; um p. de um chorão, essa que é a verdade… Fez besteira e fica fazendo sinalzinho pra câmera… Se não quer respeitar regra vai correr sozinho em Interlagos, seu trôxa… Ele sim é que é verdadeiro chorão, não o Alonso, que com o carro bichado e tudo ainda foi até o final, mesmo tomando pau do japonês…

    E mais: o tal de Hamilton só tá fazendo o que faz por inexperiência: assim que ele der um porrão sarado que nem o Kubica, vai ficar mais pianinho, como a história mostra com Rubinho inho inho, Vileneuve, e outros da mesma estirpe…

  • O que Alonso fez ontem, só demonstra sua capacidade como piloto, dirigir sem freios, por uma boa parte da corrida e ainda. marcar 02 pontos, que poderão leva-lo ao tri-campeonato mundial, é coisa de gênio. Pressão todos estão sofrendo, erros primários como de Massa e Fisichela, não respeitaram o sinal vermelho, são determinantes no final do campeonato.

  • Dr. Koroiva,

    É como você falou.

    E conforme coloquei abaixo, quando consultei fontes extras (que não a memória) mencionei que os erros do Piquet citados tinham sido na Espanha e não no México.

    Mas já que é para detalhar, deixa eu te corrigir também: na Espanha o Piquet largou na pole mesmo e manteve a posição. Tomou um passão do Mansell depois, no meio da volta. O Mansell voou baixo e botou tanto tempo no Piquet que parou para trocar os pneus e ainda voltou em primeiro (confira aos 1’30” do vídeo abaixo).

    Nesta corrida, Piquet errou pelo menos 2 vezes, sozinho, e foi bem mais lento que o companheiro de equipe. Como o Alonso, que ontem errou umas 4 vezes e foi bem mais lento que o Hamilton. Nenhum dos dois (Piquet e Alonso) fica menor por isto. Dois grandes campeões.

    O vídeo está no link: http://www.youtube.com/watch?v=ceohmhUuons&mode=related&search=

  • Sinal : não há nada de estranho não estrem iguais as luzes da entrada e da saída, segurança e não dar vantagens a carros em posições diferentes no percurso justificam a medida. Mal mesmo foi o chilique que o narrador da Jovem Pan teve…

  • Só tenho uma palavra pra classificar a transmissão da globo nesses dois casos: Montoya 2005 e Massa 2007 – coerência. Sabem pq? O Burti e o Reginaldo repetiram o mesmo comentário daquela época. Sinal vermelho significava situação de perigo eminente (Burti) e a culpa não é só do piloto, é maior ainda da equipe(Leme). Narração? Cléber Machado: furou o sinal vermelho rsss. Agora se é válido ou não, só tenho certeza que em 2005 foi correto. Abs

  • A única coisa de bom que Alonso fez nessa corrida, foi sair lá de trás, depois dos inúmeros erros, encostar no Kimi, ultrapassá-lo, até errar novamente, e chegar em sétimo.
    Enquanto isso na Sala de Justiça…Hamilton tá mostrando pra que veio, e como um segundo piloto pode dar dor de cabeça ao primeiro.

  • Gilberto Hingel,

    No GP do México em 87, o Piquet não cometeu nenhum desses erros que você citou.
    Na Primeira volta, rodou porque foi tocado pelo Prost e ficou em último.
    Ultrapassou todo mundo, menos Nigel Mansell, quando a corrida foi interrompida por um acidente.
    Na relargada, assumiu a ponta e chegou em primeiro, mas na soma dos tempos ficou em segundo.

    No Gp da Espanha em Jerez, Piquet (pole) ficou em segundo depois da largada, parou para trocar pneus no meio da corrida e teve azar de voltar atrás de Senna (o mais rápido em reta), mas era 2 segundos mais lento nas curvas, e era seguido por uma fila de carros. Ele rodou ao tentar ultrapassar Prost e voltou em sexto, ultrapassou todos de novo, inclusive Senna, mas rodou no óleo da quebra de motor de Boutsen. Acabou em quarto.
    Senna depois de segurar todo mundo, facilitado pelo fato de Jerez só permitir ultrapassagem na reta, ficou em quinto depois da troca de pneus.

    Piquet chamou Senna de “freio de mão” ou “mão de breque” e “motorista de taxi” depois desta corrida, por fazer um rítmo extremamente lento e prejudicar todos que estavam atrás dele.

    Ultrapassa quem pode, claro. Piloto não é obrigado a ceder posição prá ninguém. Mas de que adianta segurar tanto os outros, fazer uma fila atrás de si, e depois quando parar, todo mundo passar?

  • O Massa saiu dos boxes e AVANÇOU o Sinal, todos viram, mas o que não consigo entender é porque estava aberto para entrar e fechado para sair, afinal ele já tinha dado duas voltas completass atrás do Safety Car e a panca aconteceu a menos de 1300, dos boxes, logo todos que estvam reabastecendo chegariam na fila antes de que o SC chegasse ao local do acidente. Se fosse aqui no Brasil já estariam falando em substituição do País. Outra coisa: O Circuito pode ser lindo, idem o local, mas em segurança é uma MER…DA.

  • Absurdo a desclassificação do Massa, pois quando entrou os boxes estavam abertos, se liberou é porque poderiam reabastecer e sair, o resto é incompetencia. A F1 não sabe copiar a Indy.
    Fizeram uma lambança total.

  • Sobre errar muito em uma corrida: em 87 um tal de Nélson Piquet (já ouviram falar?), se não me engano no GP do México, fez uma corrida muito parecida com a do Alonso ontem.

    Ele simplesmente saiu da pista ou rodou umas 3 ou 4 vezes (02 delas tentando passar o Senna). Errava, voltava lá de trás, vinha forçando até rodar de novo.

    Nem por isto Piquet deixou de ser Tricampeão ou passou a ser um piloto comum.

  • Não tenho dúvidas que o gavião segurou essa do Massa enquanto pode pra manter audiência. Ficou muito claro o replay. Na hora que vi falei pra galera: o Massa e mais um vão ser desclassificados. Ainda hoje quero rever a corrida de 2005 e depois vou postar o que o pessoal da mesma globo falou do Montoya passando o sinal vermelho e sendo desclassificado no Canadá. Aguardem….

  • O sinal estava vermelho na entrada dos boxes para o Alonso, mas estava verde para a saída dele???

    Depois, estava verde para a entrada de todos nos boxes e vermelho para a saída deles???

    Ora pois, o GP era em Portugal? ou é apenas uma pegadinha pra enganar piloto trouxa?

  • Quanto a luz vermelha, eu acho o seguinte: é possível ultrapassar o safety-car nos boxes. Houve uma corrida (acho que no Canadá mesmo) que o safety-car entrou e tinham dois carros de uma mesma equipe, um atrás do outro. O primeiro carro seguiu o safety-car e o outro ficou segurando a fila, e fizeram isso para dar tempo para o segundo carro fazer a parada nos boxes sem perder tempo atrás do primeiro carro que entrou.

    A luz estava vermelha, provavelmente, para fazer algum alinhamento dos carros, para àqueles que fizeram a parada não levar vantagem e sair na frente do safety, o que ocasionaria em ficar uma volta a frente dos demais carros.

    É meu palpite.

  • Eu acho que o bebê chorão espanhol resolveu seguir aquela máxima: tá estressado, vá fazer piquenique… ele foi… botou a paella valenciana em uma tupperware, juntou com Red Bull e aproveitou a bela tarde de sol e aquela grama da curva Senna bastante convidativa para isso… é a explicação para tantos “passeios” por ali…

  • Durante a corrida eu realmente achei que poderia ser um problema de freio do Alonso, e além disso, que fosse um erro intermitente, já que ele não estava errando em todas as voltas.
    Bom, ao ler sua própria declaração, vi que o “problema intermitente” era ele mesmo… caramba, isso destoa muito do curriculo do espanhol!
    Sentiu o golpe? Bom, se for assim podemos dizer o mesmo de Massa e Kimi.
    Fui!

  • Alonso é bicampeão… Acho que estão pegando pesado com ele…

    Na hora do vamos ver… Ele com certeza irá fazer valer sua maior experiência…

    Mas uma coisa tem quer ser dita: Sir Ron Dennis deve estar rindo de orelha a orelha com a sua dupla de pilotos…

    A cada corrida estão jogando mais terra no “buraco” da scuderia de Maranelo.

  • o Alonso no começo do ano não considerou o Hamilton como um adversário direto para a temporada de 2007 ,
    Agora com o inimigo forte na trincheira , vamoa ver se o Alonso tem fibra pra segurar o rapaz….

    Não podemos julgar as pessoas quando elas estão na sua melhor fase. e sim nas dificuldades que enfrenta… É na pressaõ que vemos se o sujeito é capaz de de levantar e ser valorizado pelo que é , ou de ser sucumbido pela situação…..

  • O espanhol anda tomando tranquilizantes !! está muito irritado !! não consegue dormir !!! tá com uma saudade do Fisichella !!! anda tendo pesadelos com um moleque de pé pesado , e muito simpatico !! muito legal ele comemorando a vitória pelo rádio aos berros !! parecia uma criança ganhando um brinquedo novo

  • Eu só gostaria de entender a lógica que há em se permitir a entrada dos pilotos nos boxes e manter o sinal vermelho na saída.
    Parece algo feito de propósito pra estragar a corrida.
    Acho que esse é um ponto que deve ser repensado pelos dirigentes.