MENU

sexta-feira, 15 de maio de 2009 - 16:49Colunas Warm Up

COLUNA 2

SÃO PAULO (de novo, mais do mesmo) – Só para manter a tradição, o link com minha coluna de hoje para o Grande Prêmio. Porque o assunto, afinal, já foi tratado em post anterior. Mas está aí, para quem quiser comentar.

30 comentários

  1. claudio antonio cesarioda silva disse:

    Gosto muito de automobilismo, mais este senhor merece ver seu reinado abalado, pelas categorias que feiru e deixou agonizarem, mundial de marcas com os carros do grupo c , engessou algumas categorias para atender aos seus interesses; como a formula cart se aliou com o dono do autodromo de Indianopolis, tudo o que ameaça sua ganancia deve ser eliminado, eu acho bom e em respeito as categorias que ele já matou, não tenho um pingo de dó deste cidadão toda a dor para ele e para o corno é pouco

  2. Cardoso Filho disse:

    Sensacional. ( será que estou exagerando ? ) Este POST está ótimo. Opiniões as mais variadas possíveis, confira a seguir:
    Eric – tem razão sobre a teoria da evolução.
    Seu Mario – trocadilho pertinente
    hyder – elocubrando sobre alguma coisa indefinida.
    Charles – um verdadeiro pesquisador.
    Fernando Passos – ele, o própio auditor.
    marcelo bueno – um saudosista e dos bons.
    Clézio – conseguiu aparecer e bem. Rumo ao BBB
    Chico Couga – errou o post mas valeu a pena a recomendação
    Ghallo – Chamou o chefe no saco, passou o sabão e não
    sabemos se terá nova oportunidade de postar qualquer
    coisa nesta coluna. o FG não acordou.
    Amigos, abraço a todos e continuem felizes.Vamos continuar nos divertindo e falando sério.

  3. André disse:

    Fala Flávio, tudo certo?

    Fazendo uma digressão aqui em seu blog, tu sabe como andam as tentativas de trazer a formula indy aqui para Ribeirão Preto no ano que vem?
    Fizeram maior auê algum tempo atrás mas ninguém nunca mais falou nada sobre o assunto… O interessante é que se todos os boatos se confirmarem a corrida vai ser aqui do lado de casa, ehehehe.

    Abraços e obrigado pela atenção

  4. EDU [email protected] disse:

    Em 2003 ganhei uma credencial para assistir ao GP Brasil (aquele da pane seca no qual o Rubens se sentou na grama, perto da tomada para o Laranjinha).

    Muita mordomia (café da manhã, almoço, lanche da tarde e até vinho em taça de cristal servido no meio da arquibancada).

    Depois vim a saber que o presente custava cerca de US 3000.00 e fiquei pensando: um puta dum desperdício… o que eu vi eu já estava cansado de ver no Paulista de Velocidade: carros bons, médios e rídiculos e pilotos idem.

    Se a categoria for extinta, quem vai perder são o Bernardo, o Max “bate-que-eu-gosto” Mosley, etc.

    Prá mim não vai mudar nada… vou continuar indo a Interlagos assistir aos carros que já foram chamados de “cracatoa” pelo Paulão Gomes, e me divertindo muito mais do que perdendo meu tempo com um esporte que deixou de ser esporte há muito tempo… e viva a anarquia!!!

  5. Maurício MV. disse:

    Em meados dos anos 80 a Ferrari construiu um carro para participar da Indy (diziam que o piloto seria Mario Andretti) por não concordar com imposições da antiga FISA. No fim das contas,chegaram a um consenso e o tal carro foi parar no museu.
    Será que dessa vez a história vai ser diferente.

  6. ghallo disse:

    E ai, não vai postar nada hoje não,
    acorda Flavio.

  7. Decio disse:

    Qdo, envolve. poder, grana, espera se de tudo. O homem gosta destes ingredientes,ao meu ver é tudo jogo de cena.
    No automobilismo, quem é o protagonista . A equipe? O carro? o Capacete? ou o Patrocínio?Dirigente?Chefe de equipe? Qem ?
    Como no futebol, quem é o mais importante, o jogador?a bola? o juiz? o cartola?
    E o maior objetivo , que é o público, telespectador,internauta,ouvinte ,sei lá o que mais o que podemos chamar, sempre esta relegado a ver o que ests Srs querem!!! simples, eles fazem,vendeme ganham

  8. Chico Cougo disse:

    Grande Gomov!

    Não sei se é coisa passada, se já indicaram e se você já viu, mas tem 5 videos muito interessantes rolando no YouTube. São 5 partes do documentário “Especial Nelson Piquet”, produzido em 87 e – dizem os comentários – exibido no dia em que Nelsão conquistou o tri naquele ano (ou confirmou o tri, o GP era no Japão).

    Vale a pena assistir. É uma entrevista bem bacana com o grande Piquet, sua mãe, o Alex Dias Ribeiro etc. Além disso, as imagens e a trilha valem a pena. Foi produzido pela extinta TV Manchete.

    Link para a primeira parte: http://www.youtube.com/watch?v=kNszisALDH8

    Abração!

  9. Altair Acerbi disse:

    Flavio,

    Deixando de lado o fato de ser torcedor da Ferrari, acho que a noticia de que vão entrar na justiça não exclui a possibilidade de desistirem de correr em 2010.
    Podem querer mostrar que tentaram de todas as formas se manter na categoria e isso pode no futuro pesar ainda mais contra Mosley e cia.
    Sinceramente, vc diz que sempre existiu esses xiliques entre equipes e entidades ( FIA, FISA, FOCA e etc) mas o diferente de agora, ao que me parece é que a Ferrari está do lado contrario às entidades, o que nunca havia acontecido, desta forma eu não duvido não que no ano que vem a gente levante no Domingo de manhão pra assistir corridas na Rede Record……

  10. MAL-HUMORADO disse:

    GAGALVÃO BUENO: “…gente, a Fórmula-1 não vive sem a Ferrari e a Ferrari não vive sem a Fórmula-1, amigo… (sic GB, treino GP Espanha, sábado). Uma vez, só pro amigo da Globo entender, o Bernie Ecclestone falou, logo após a morte do Senna, quando a Ferrari ameaçou não correr em Mônaco por causa do acidente do Karl Wendlinger, ele disse, amigo, eeeeeele disse: “Se não tiver GP de Mônaco e a Ferrari não correr eu vou fazer minhas malas da F-1 e posso ir embora prá casa”…
    É complicado, amigo da Globo, mas o Bernie vai dar um jeito nisso, ele sabe contornar essas situações.
    Na quinta-feira, no Hotel onde estávamos jantando eu, o Reginaldo Leme, o Luciano Burti e o Felipe Massa, eu me dirigi até a mesa dele, e o Bernie, sempre muito educado, com sua fleuma britânica…”

  11. Luiz Sergio de Andrade disse:

    Complemento:
    Imaginem a Ferrari na Indy de chassis Lola e motor Honda, seria um espetáculo não?

  12. Luiz Sergio de Andrade disse:

    Flavio,

    Mais uma excelente matéria, parabéns!

    Diferente do que vem sendo afirmado pela maioria dos jornalistas e blogueiros, o Mr. Mosley discorre com a maior lucidez sobre as ameaças daqueles que se dizem dispostos a sair da F1:

    “alguns deles irão parar ou fazer qualquer outra coisa: ir para Le Mans com um motor a diesel ou ir para Indianápolis com um motor Honda. Tudo é possível”.

    Perfeito, não!

  13. ALTINO disse:

    A Ferrari já abrandou o discurso depois de perceber que o Max não deu a mínima pra ameaça dela.

    Enquanto a ruiva(Ferrari) bota banca, tem uma Lola se oferencendo. rsrsrs

  14. disse:

    Pronto, a evolução, agora temos a teoria de DarwiNch !
    E nessas será que os salários do pilotos estão no pacote?

  15. Clezio Soares da Fonseca disse:

    O quê acontece quando uma atriz global é esquecida? Ela vai
    num programa de fofoca e chora suas lamúrias, vai em outro
    programa pra não tirar o boné, participa de pegadinhas e assim
    vai. Nesses tempos de crise (???), qualquer polêmica para
    conseguir se aparecer é válida, porque tem que desviar o foco
    da mesmice e criar novas expectativas para justificar novos ganhos. Na heterogenia dos fatos nada sublima quantitativamente o inopinado.
    Será que agora consegui me aparecer neste blog? Deu prá
    entender?

  16. Ricardo - OR disse:

    Nao acho que o fato da ferrari quer entrar na justica para poder continuar, faca da ameaca uma balela.
    E logico que ela quer continuar, e certamente devera usar de todos os argumentos tecnicos e legais para continuar, nao iria simplismente pular fora logo na primeira reuniao.
    A questao e, quem vai ceder……e quando (e quanto tambem).
    se ficar nos 40, ai sim veremos se tudo era balela mesmo.
    Ricardo -OR

  17. Felipe Trench disse:

    Gente, os caras não rasgam dinheiro.
    O que vai acontecer:
    - as equipes vão ganhar um pouco mais de $
    - o Ecclestone vai ganhar muito mais $ (pois o negócio só faz crescer)
    - a FIA vai continuar fazendo as regras, suspendendo equipes com sursis, ameaçando cassar superlicenças, chamando pilotos de mentirosos, etc.
    E ano que vem tudo continua como dantes…

  18. Samuel Lincoln M Barrocas disse:

    Parabéns, Flávio

    Essa foi uma das melhores colunas que você já escreveu… É um questionamento muito interessante saber se a F1 vai mesmo sobreviver batendo de frente com as equipes grandes.

  19. Formiga disse:

    Acho que irá ocorrer algo semelhante ao que teve na UEFA e a Liga de Clubes. Quanto aos carros é simples. A Ferrari abre uma Ferrari 2, assim como a Toyota e a Renault. Só correriam na Europa (Alemanha, Itália, França, Bélgica, Espanha, Portugal), EUA (Indianápolis), Canadá (Momtreal) e Japão (Fuji e/ou Suzuka). Nada de Arábias, etc

    Direitos de TV acho que é fácil vender, com a Ferrari como chamariz, por exemplo no Brasil acho que a Record compraria fácil, deve ocorrer o mesmo na Europa onde a concorrência é maior.

    Quanto à F original ira correr com que motor, só Mercedes (qua acho que sai quando abrirem outro campeonato, pelo monte de sacanagem que o Mosley fez)?

    Chassi padrão, pilotos desconhecidos, e uma crise nas corridas, os árabes pagariam para ver uma corrida F1 com Lola e Brawn
    e as emissoras de TV pagariam por uma F1 com Force India e USGPXWHGT (Nem F1 eles puderam colocar no nome). Acho que estão dando um tiro no pé. Se sou o Bernie rompo com o Mosley, dou uma $$$ a mais para os times e deixava eles tomar de conta do campeonato.

  20. Fernando Passos disse:

    O Max está cavando a própria cova… Ainda acho que a Ferrari e as outras vão ficar para o ano que vem…

    Pra mim, no fundo todos querem gastar pouco com a Fórmula 1, o que as equipes grandes não devem estar aceitando, no caso do teto, é ter um auditor da FIA verificando cada nota fiscal gasta nas equipes, podendo até descobrir coisas fiscais não muito certas.

    Nenhum idiota quer gastar mais… tem farinha demais neste angú… Imagine um CEO da Toyota explicando os acionistas que quer gastar mais na Fórmula 1 do que precisa? Sem nexo!

    O que vc acha?

  21. Tiago S. disse:

    Olha nunca fui torcedor da Ferrari, mas vai ser uma decepção ver eles fora da F-1. Eu acho que o Max agiu de má fé, o prazo evidentemente é curto pra tomar qualquer decisão, o ideal mesmo era ter mais tempo pras inscrições. Bom só que o Max ta trocando o certo pelo duvidoso.
    Quem garante mesmo que essas equipes vão entrar na F-1? Quem garante que vão ficar la por mais de 3~5 anos?
    Bom vamos ver, se os grandes times tirarem um ano de folga, o lixo que vai ser a temporada da F-1.

    Agora papelzinho ridículo é o cara ficar ironizando a Ferrari, cogitando eles correrem na Indy com motor Honda. Um comentário babaca pra quem até alguns dias atrás queria padronizar tudo. Desnecessário porque não vi a Ferrari fazendo piadinhas quando ele saiu de chicotinho e bunda de fora pro mundo inteiro.

  22. A. CESAR PARDINI disse:

    É , já rachou. Resta ver se a trinca vai continuar abrindo, se vão ou não achar uma saida estratégica, pra livrar a cara. Quem sempre teve muito poder radicalisa fácil. Vamos esperar a data de inscrição. Quando é mesmo? Dia 29. Mamma mia , que paura!!

  23. Charles disse:

    Olha Gomes, os grandes culpados por essa situação toda são os senhores Max Mosley e Bernie Ecclestone.

    Pra começo de conversa, foram eles que dinamitaram o campeonato de marcas no começo dos anos 1990 pra trazer montadoras como Mercedes e Peugeot para a F1.

    Como não conseguiram trazer outras montadoras como Toyota e segurarem outras como a Renault, implantaram o sistema de 12 times e inscrição de 48 milhões.

    Quando começaram a chegar mais montadoras (Honda e Toyota), deram uma maior liberdade na eletrônica sob a alegação que não podiam controlar isso.

    E quando as montadoras começaram a reclamar da divisão do bolo, ainda com a antiga associação GPWC, o jogo começou a mudar.

    Pode reparar que até 2001, 2002, o abandono de equipes “garagistas” como a Prost, Stewart, Tyrrell e Arrows eram tratados com absoluto desdém por Bernie e Max. Quando as montadoras começaram a ameaçar campeonato paralelo eles mudaram claramente o discurso.

    E o que aconteceu de lá pra cá?!? Uma série de regras esdrúxulas que ao invés de reduzir custos somente os aumentaram e descaracterizaram totalmente a F1.

    Não precisa ir muito longe: compare o formato de treinos de classificação e corrida de 10 anos atrás com os formatos atuais. Qualquer criança de 6 anos sabia como era o formato dos treinos de classificação.

    Não existia a necessidade de ter pneus coloridos pra dizer quem está andando mais rápido, não tinha “Race Control” dizendo que fulano foi punido por ter forçado uma ultrapassagem impossível, o mais rápido largava na pole, não tinha divisão do grid em “carros com difusor”, “carros com KERS e difusor” e “carros com KERS sem difusor”, não havia regra de boxes fechados ou alinhamento de carros durante Safety Car…

    Em resumo, a F1 era muito mais simples. O pole era o mais rápido, você escolhia a estratégia que bem entendesse o pneu que bem entendesse e quem ganhou ganhou e quem perdeu que tente na próxima.

    Agora chegamos nesse ponto: Mosley tenta desfazer tudo aquilo de ruim que fez desde 1992 criando um regulamento ridículo que obviamente não atende a todos. Anteriormente ele conseguia isso pois os times não eram unidos, e ainda esfregava na cara de todos que não havia união entre eles. Agora que há a união via FOTA, ele segue implantando as medidas ditatoriais dele.

    O que se pode depreender é que Mosley não quer diálogo, apenas quer exercer o seu poder. É mais obsessivo que Jean Marie Ballestre nesse aspecto.

    Sinceramente, eu gostaria muito que Mosley fosse destituído da FIA, antes que o fiapo de categoria que é a F1 atual acabe de uma vez.

  24. luiz disse:

    E se isso tudo for uma combinacao entre a FIA e a FOTA ? A ferrari entra na justica com uma apelacao que tods sabem (ou esperam fortemente) sera aceita e assim a FIA pode recuar aleganda obdiencia a justica sem parecer que se “entregou” a pressao da FOTA. Teoria da conspiraca? sem duvida soa como mas ….

  25. Hyder disse:

    Enfim… como havia dito, já tinha falado sobre o assunto mas confesso que depois de ler recomecei algumas linhas de penssamento que estavam fora de orbita…

    abs

  26. Seu Mário disse:

    Tá FOTA essa situação, esse caras são tudo uns FIA da put…

  27. L.Georg disse:

    Oque vai dar ninguém sabe, mas como controlar os orçamentos das grandes equipes…
    Novos times do tipo “Loal Run Lola” , times pequenos serão meros coadjuvantes, eles entram só para ganhar dinheiro, basta olhar o começo dos anos 90, na Sintek se não me engano foram 4 pilotos e um ano, FortiCorsi, Fondetal e aí vai…
    A própria Lola, correu somente uma corrida e desistiu no GP do Brasil, mas será que ela devolveu a graa da MasterCard que era o patrocinador …

  28. Daniel disse:

    se ferrari e compahia realmente sairem da F1(o que eu acho extremamente difícil) dia 30 de maio será conhecido como o dia do nascimento da GP1.

  29. Eric disse:

    Eu estive pensando em um fator e acho que contribui…..Teoria do Darwich:

    Se as equipes “vendem”cotas de patrocinio por valores altíssimos,como as próprias vão argumentar que dá para ganhar corridas com um valor 10 vezes menor do que gastam????Aí o lucro “da casa” já era…..afinal……

    E ainda reforça esse meu pensamento porque justamente quem NÃO tem patrocinio (Brawn) não liga para o plano de 2010.
    Ao contrário….está ganhando com orçamento pequenino.

    Faz sentido ou não???

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>