BUTININHO

SÃO PAULO (é caro?) – Olha que graça o carrinho do Mini Challenge. É a nova categoria de apoio da Estoque, brinquedo de gente endinheirada, absolutamente nada contra, tudo a favor, são carros lindos. Corrida em geral é para gente endinheirada mesmo, com as exceções de praxe — como dos pilotos de Lada, financiados pelo dinheiro sujo do tráfico de armas nucleares.

Quanto mais categorias, portanto, melhor. E acho que ninguém está vendendo esse campeonato como “formador de talentos”, que não é.

Hoje saiu o primeiro grid e o piloto João Marcelo, de Piracicaba, fez a pole na casa de 2min04s, no molhado. Parece que no seco eles viram, em Interlagos, na casa de 1min55s, 1min58s. Só para comparar, a Stock virou 1min45s no molhado; no seco, algo na casa de 1min35s. É isso? Acho que é.

Na Classic Cup, no seco, os mais rápidos viram 2min02. No molhado, 2min12s, mais ou menos. O Meianov faz 2min15s no seco e 2min25s no molhado.

Comentários