MENOS LARGADAS

SÃO PAULO(decidam-se) – Há um mês, no dia 26 de junho, FIA, FOM & Agregados decidiram que, a partir de 2015, as entradas de safety-car forçariam relargadas com os carros parados no grid. Naquele dia, escrevi que era uma bobagem, e que iria banalizar um dos momentos sublimes de uma corrida — justamente a largada, única, tensa, imbatível no quesito “prender a respiração”.

Depois do que aconteceu no GP da Hungria, com o safety-car embaralhando o pelotão e proporcionando uma ótima prova com relargadas em movimento, FIA, FOM & Agregados resolveram que não vai ter largada parada pós-SC no ano que vem. Desistiram da ideia de jerico e fica tudo como está.

Ótimo.

Comentários