DICA DO DIA

SÃO PAULO (e tempo?) – Tem um problema. A dica enviada pelo Dú Cardim contém mais de 8 mil fotos. A maioria absoluta do Brasil, cenas urbanas, obras, esportes, personalidades, retratos, corridas. Sim, corridas como essa aí embaixo de Brasília, possivelmente em 1960 nos festejos da inauguração da cidade — para mim, a obra mais espantosa do mundo no século 20.

As fotos são do acervo do Instituto Moreira Salles e estão separadas por fotógrafos, ou países, ou Estados. São todas absolutamente magníficas, obras de arte em preto e branco — há algumas coloridas, verdade, mas acabam ficando em segundo plano.

Deliciem-se. Aproveitem o feriado.

docardim0001

Comentários

  • FG, tem uma que você vai gostar. Está na seção de fotos de São Paulo, é uma de um avião da Aerovias Brasil:

    P003ICCAaviao.jpg
    Albuquerque, Francisco

    Aerovias Brasil
    1947
    Aeroporto de Congonhas
    São Paulo
    SP
    Brasil

  • Eu vim para Brasília, anida menino, do Rio de Janeiro em 1957. Meu pai foi um verdadeiro pioneiro. Adorei as fotos. A corrida, foi no Eixão Sul. Uma pena que as legendas das fotos não estão boas. Tipo: foto de 1958 com Chevetes aparecendo, infelizmente faltam mais detalhes. Porém no geral, é de apertar o coração a lembrança daqueles tempos sem preocupação com as coisas que nos atormentam e perturbam nos dias atuais, conforme descreve o Fernando Monteiro… É vida que passa, e Brasil (então progressista) que anda de ré e que as vezes parece ter ficado no passado. Até quando?
    Abraços…

  • Que foto preciosa! E de muita qualidade. Inauguração de inauguração de Brasilia. Camillo com o charutão motor Corvette e suspensão dianteira Alfa. Ao fundo o Alfredo Santilli com o Talbot.

  • Que belo achado!
    Olhei as do Paraná, tem várias fotos do Haruo Ohara, um fotógrafo de mão cheia que viveu em Londrina, nos primórdios da cidade. O cara era artista mesmo!
    Lembro de uma entrevista da filha dele. Ele fazia a molecada acordar cedo no inverno, porque a luz era muito boa. A molecada não curtia, mas as fotos ficavam ótimas, mesmo! hehehehe
    As outras fotos também são muito boas, mostram a ferrovia Curitiba/Paranaguá.
    Valeu a dica!

  • Ao apreciar fotos assim sinto meu espírito se depurar, mas ao mesmo tempo sinto uma mistura de saudade e depressão. Quando vejo as ruas de São Paulo, limpas e bem cuidadas, as pessoas andando despreocupadas, tudo funcionando, os postes de iluminação pública bem cuidados. No Rio de Janeiro, minha amada cidade, a vida passava tranquila, podíamos perambular pela cidade sem preocupação. Nossas cidades hoje não lembram em nada os tempos de outrora. Para onde foi o nosso senso de civilidade, de comportamento e postura. Há uma decadência explícita em todos os sentidos. As pessoas hoje andam com pressa sem nem saber para onde vão. Ninguém respeita mais ninguém, senso de coletividade comportamental se transformou em utopia. Essa mania de “viver intensamente porque a vida é curta” tão apregoada por aí nos coloca diante de um paradoxo, pois temos tanta pressa de viver que acabamos nem curtindo os bons momentos. Antigamente, quando eu viajava com meus país, ninguém corria feito maluco pelas estradas, pelo contrário, as pessoas pareciam curtir a viagem. Eu tinha a impressão que as horas, os dias, passavam mais devagar. O Brasil regrediu, vivemos um processo de idiotização, de baixaria e vulgaridade, a cultura em voga é se dar bem, tirar vantagem de tudo, afinal ser honesto e simples hoje em dia soa demodé.

    • Concordo com suas palavras. Ao contrário do progresso econômico, as pessoas não se sentem cidadãs, não se sentem incluídas num processo de coletividade, vendo que não são agraciadas pelas atitudes do próximo ou das autoridades. A meu ver, a internet, que pode ser utilizada para tantos benefícios, só aumenta esta alienação.

  • Flávio Gomes seu mequetrefe, tu não merece a dica, mas caso possua instagram (se não tiver, azar o seu) , no perfil @retroracingco tem mais de 3.500 fotos espetaculares, a maior parte colorida, de todas as corridas de todos os tempos na F1, com várias personalidades. Vai lá ver!