MENU

segunda-feira, 27 de abril de 2015 - 11:46Gira mondo

NO NEPAL

SÃO PAULO (sofrimento infinito) – Não há palavra para descrever a dor pela qual passa o Nepal. São quase quatro mil mortos já, depois dos terremotos do fim de semana. E lá, em Katmandu, estava uma delegação da FIA chefiada por Jean Todt para um congresso regional. Ninguém do grupo se feriu, apesar dos danos ao hotel onde acontecia o evento.

1 comentário

  1. Paulo Pinto disse:

    Uma simples acomodação da crosta terrestre nos mostra o quanto somos diminutos e vulneráveis.
    Que o socorro que virá dos demais países seja rápido e efetivo. Só nos resta lamentar e orar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *