MENU

Friday, 27 de July de 2018 - 10:55Gomes, Grande Prêmio

“GP ÀS 10”: NEM SEMPRE É CHATO

5 comentários

  1. Ricardo Soares says:

    Flávio, parece “um maluco falando para uma máquina nas calçadas de Budapest”,;hahaha (“tá todo mundo me olhando”; eu olharia também…). Felicidades cara, e boa reportagem da corrida; aproveite. Abraços…

  2. Anderson says:

    Local da melhor e mais humilhante ultrapassagem da história da F1!

  3. Flávio. concordo com você!! Budapeste é uma das cidades mais vibrantes e legais da Europa e para mim tem uma das construções mais interessantes que é o prédio do Parlamento com aquele monte de torres – se não me engano mais de cem -. Vale a pena conhecer e curtir. Muito bom!!

  4. Alfredinho says:

    Palco onde Ayrton Senna passou a maior vergonha de sua vida.

  5. Ricardo Bigliazzi says:

    Só não perde para o GP de Monaco. Sou suspeito pois gosto de pistas rápidas.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *