Comentários

  • Oi, Flavio. Curti esse formato de video repicado, com cenas em PB indicando making of, ou bastidor, como queira.

    Posso dar uma dica a quem editou: fazer um “fade in” somente no áudio quando é cortado. O som ficou “de boca aberta”.

    Abraços sonoros, e um bom 2019 pra todos.

  • Na minha opinião, tirar o Arrivabene é uma cagada da Ferrari. O cara vinha fazendo um trabalho consistente. Mesmo Todt/Brawn/Schumacher demoraram anos pra conseguir o título, embora tenha sido consistentes desde o dia 1. A Ferrari tinha que ter dado um voto de confiança a ele por mais uns dois anos.

  • Flávio, um detalhe interessante: o Ross Brawn, numa longa entrevista recentemente publicada no canal da F1 no Youtube, disse que o Briatore era cético em relação a Schumacher. Brawn trabalhou duro pra convencer Briatore de que o alemão seria um ótimo piloto, pois já conhecia Schumacher da época dos protótipos e era o cara que sabia o quanto ele era bom.