PESTINHAS (1): DIA INÚTIL

hun191

RIO (sem mais) – Não dá para dizer quase nada do primeiro dia de treinos na Hungria. A primeira sessão aconteceu em boa parte com pista seca, OK, e Hamilton foi o mais rápido. Mas caíram alguns pingos. E o circuito, sempre sujo no primeiro dia, ficou todo emporcalhado. De tarde, choveu. Não muito forte, mas o bastante para atrapalhar toda a programação das equipes.

E para animar a gente, claro. Dane-se a programação das equipes!

Budapeste (na verdade o autódromo fica em outra cidade, mas vamos usar Budapeste para facilitar) é uma pista meio avessa à água. O primeiro GP da Hungria foi disputado em 1986 e só em 2006 tivemos a primeira corrida com chuva lá. Depois choveu de novo em 2011 e 2014. E na classificação do ano passado.

Espero que chova o fim de semana todo, mas parece que não será assim, infelizmente. Para amanhã, 40% de chances, e o dia deverá ser nublado e frio, para esta época do ano — máxima de 24°C. Sorte da Mercedes, que temia um forno como na sexta de Hockenheim e nos três dias da Áustria. Para domingo, a previsão indica um dia de sol, com máxima de 26°C. Nada assustador.

Vamos esperar amanhã para dizer alguma coisa mais proveitosa.

[bannergoogle]

Comentários

  • Verstappen ja e uma promessa de futuro campeao porem uma pena que ele esteja preso a Red Bull pois queria ver ele na F Ferrari ou Mercedes. Ferrari que n tem um piloto capaz de brigar com os ponteiros sinto que Alonso esta perto da ferrari e vettel mais perto ds RBR. Essa deve ser o assunto das ferias da formula 1