FALA, TOTO

ITACARÉ (quase) – Muito boa a longa entrevista de Toto Wolff ao “Daily Mail”. Ele deita elogios a Hamilton e Vettel — “são caras inteligentes” –, fala de Alonso — “um dos melhores, pena para o esporte que tenha ganhado só dois títulos” — e dá de ombros para Christian Horner e o falatório interminável da Red Bull — “viraram personagens por causa da Netflix”.

Mas o mais interessante é sua previsão para o desfecho desta temporada. O chefe da Mercedes acha que se Hamilton e Verstappen chegarem à última corrida do ano ainda lutando pelo título, a chance de vermos uma repetição das quizumbas entre Senna é Prost é enorme. E não há muito o que fazer para evitar.

É uma forma de ver a F-1 interessante, sem predisposição a julgamentos. Para Wolff, as coisas são como são e os pilotos, idem. Na hora em que estão no carro, é com eles e ninguém mais. Gosto dessa visão. Embora ela esbarre em alguns limites éticos, claro, dependendo do que fazem os que estão dentro do cockpit.

A íntegra, em inglês, está F1-title-Lewis-Hamilton-Max-Verstappen.html" target="_blank" rel="noreferrer noopener">aqui.

Comentários

  • Já admirava e respeitava Toto Wolf pela sua gestão a frente da Mercedes, e pela forma de gerenciar, culminou nos soberbos 7 títulos seguidos da escuderia.
    Agora, lendo essa belíssima entrevista, mostra o tamanho gigantesco que esse austríaco possui; gostem dele ou não, para mim tem o mesmo porte de um Enzo Ferrari, ou de um Frank Williams dos bons tempos.
    Afinal, fazer com que um engrenagem de 2 mil peças, como é a equipe Mercedes, funcionar como um relógio suíço, por tantas temporadas, e consecutivamente, não é para qualquer um; a despeito de eu considerar LH o melhor da história da F1 ( seus feitos e números são acachapantes), não podemos esquecer que o inglês pôs no bolso logo de cara um tal de Fernando Alonso…

  • Prezado F&G : Toto Wolff, tem uma previsão boa uma disputa até o final, vai simplesmente ressuscitar o glamour pelo título. Agora e sempre torcendo por Lewis Hamilton, mas se MAX, for o campeão vou ficar feliz, pois vai quebrar um tabu dos bons.