MISTÉRIO

SÃO PAULO (forno) – A postagem de Lewis Hamilton ontem no Instagram deixou muita gente com a pulga atrás da orelha. “Trabalhando na minha obra-prima. Eu serei o único a decidir quando terminou”, diz a legenda. A foto foi tirada numa sala cheia de pneus de F-1.

O que quer dizer isso? Qual é a obra-prima, exatamente? Sua carreira como piloto? Ninguém sabe. Mas quando ele fala em decidir quando vai terminar dá margem a comentários, claro, sobre o momento de parar de correr. Estaria desanimado com o carro da Mercedes, sem saco para ficar andando atrás, puto com a FIA, com tudo que aconteceu no ano passado etc.

Hamilton completou três corridas longe do pódio ao terminar o GP da Emilia-Romagna em 13º. Antes, fora quarto na Austrália e décimo na Arábia Saudita. Em 292 GPs disputados, o inglês tem 183 pódios — 62,7% do total. É uma coleção e tanto de troféus, a maior de todas. No ranking dos maiores frequentadores de pódio da história, bate o segundo colocado, Michael Schumacher, com alguma folga. O alemão levou 155 taças para casa. Vettel é o terceiro com 122, seguido por Prost (106) e Raikkonen (103) nas cinco primeiras posições. Com 80, Senna é o brasileiro mais bem colocado nessa estatística, em sétimo.

Desde 2007 na categoria, Lewis não costuma ficar muito tempo longe dos três primeiros lugares numa corrida. Essa sequência de 2022 é a maior desde a série de nove sem pódio entre os GPs da Itália de 2013 e da Austrália de 2014. De lá para cá, nunca tinha ficado mais de duas provas sem ter de arrumar espaço na estante quando voltava para casa.

Fiz um levantamento e vou colocar aqui porque detesto ter muito trabalho à toa, e pelo menos alguém vai ler. Entre parênteses, a posição em que chegou nessas corridas. “AB” é abandono e “D”, desclassificado.

SEQUÊNCIAS DE HAMILTON LONGE DO PÓDIO

10 em 2008/2009 (McLaren) – 2008 BRA (5), 2009 AUS (D), MAL (7), CHI (6), BAH (4), ESP (9), MON (12), TUR (13), ING (16) e ALE (18)

3 em 2010 (McLaren) – ITA (AB), SIN (AB) e JAP (5)

4 em 2011 (McLaren) – MON (6), CAN (AB), EUR (4) e ING (4)

5 em 2011 (McLaren) – HUN (4), BEL (AB), ITA (4), SIN (5) e JAP (5)

3 em 2012 (McLaren) – BAH (8), ESP (8) e MON (5)

3 em 2012 (McLaren) – EUR (AB), ING (8) e ALE (AB)

5 em 2012 (McLaren) – SIN (AB), JAP (5), COR (10), IND (4) e ABU (AB)

3 em 2013 (Mercedes) – BAH (5), ESP (12) e MON (4)

9 em 2013/2014 (Mercedes) – 2013 ITA (9), SIN (5), COR (5), JAP (AB), IND (6), ABU (7), EUA (4), BRA (9) e 2014 AUS (AB)

3 em 2022 (Mercedes) – ARA (10), AUS (6) e EMI (13)

E vocês, acham o quê? Para? Não para? Casa ou compra uma bicicleta? Desçam o dedo nos comentários aí!

Subscribe
Notify of
guest

23 Comentários
Newest
Oldest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Leo
Leo
1 ano atrás

Acho que na verdade é justamente o contrário – ele reafirmando que não pretende parar tão cedo.
E ganhar um título com o carro ruim, seria a cereja no bolo. Vai conseguir? Provavelmente não, MAS caso a Mercedes consiga dar um jeitinho de furar o teto (e alguém vai conseguir)… essa carroça vira um avião rapidinho

André
André
1 ano atrás

Não duvido que lance uma marca de moda intima feminina. Ou um single lacrador.

Alfredo Ramos
1 ano atrás

Ele é chegado a um charminho. E também é um modo de ficar nos holofotes.

Allphew
Allphew
1 ano atrás

Não dura muito não

Sulivan
Sulivan
1 ano atrás

Ficou meio esquisito sem sentido umistério mesmo essa postagem do meu Lewis Amyrton Senna da Silva ou é só zoeira mesmo, obviamente ele tá numa situação bem incomoda mesmo se ariscando a fazer fiascos se bem que nada muda o que ele ja fez vitorias titulos etc…. mas ao meu ver ele devia ter parado e daí poderia alegar que seu tempo na F1 se esgotou que não tem mais o melhor carro etc…. mas Amyrton é igual ao Senna não desiste, to adourando, isso porém sem o melhor carro do grid e sem a preferencia da equipe as coisas estão se revelando: Lev`s Hamilton não é mais o cara da F1 nem a mercedinha a equipe que domina e dá as cartas. Ainda há um bom prazo para LH e a mercedita reagirem e mesmo LH numa situação dessas pode, se reagirem antes de terminar 1/3 do campeonato, entrar na luta por vitorias e ate mesmo o titulo porque os dois abandonos de Verstappen II e com Lec Lec, SAinZ beliscando resultados e vitorias (se bem que o espanhol Carlost tambem ja se complicou) o Max não deve disparar tanto na liderança ate a oitava corrida…. e Serginho Perez é um amor de pessoa, assumidamente segundo piloto com orgulho e consciencia e nao vai atrapalhar o Número Um da Equipe RedeBull, já hamilton pode ter um inimigo extra dentro de casa: Gerge Russoel. É isso aí Flavito, um forte abraço, e vamos juntos à Miami!!!

Marcus
Marcus
1 ano atrás

Sob um ponto de vista aritmético, a média do Prost é impressionante. Numa época em que havia 14-16 GPs, diferente das eras Schumacher e Hamilton com mais corridas.

Luciano
Luciano
1 ano atrás

Não para nada, e vai fazer alguma outra coisa em paralelo. Talvez abrir uma boutique. Ou uma franquia da Caçula de Pneus, lá em Londres.

Nardo
Nardo
1 ano atrás

Ele ta criando um Buzz pra alguma coisa que anunciara em breve… Sei la, colecao de roupa desenhada por ele, musica, obra de arte… Acredito q o post nao tem nada a ver com o momento dele na F1.

Franco
Franco
1 ano atrás

Que coisa impressionante o número de pódios do Prost. Numa época que não tinha essa quantidade doida de corridas. O francês foi um gênio.

Cristiano
Cristiano
1 ano atrás

Eu acho que vai lançar outra coleção de roupa, dessa vez inspirada em, sei lá, cobertor aquecedor de pneus. kkkkk

Jader
Jader
1 ano atrás

Que garoto dramático.

Professor Neto
Professor Neto
1 ano atrás

Não para. E se parar está tudo bem! O cara precisa é ser feliz, sempre.

João Henrique Leme
João Henrique Leme
1 ano atrás

Eu acho que para no final do ano, principalmente porque vai terminar a temporada atrás do Russell, além dos outros motivos já discutidos.

Vinicius
Vinicius
1 ano atrás

Eu acho que tem lenha pra queimar por mais uns bons anos ainda. O problema agora não é ele, é o carro. Este ano talvez não dê pra cogitar mais nada, mas em 2023 certamente a Mercedes vai se mexer para vir forte.

Paulo Rickli
Paulo Rickli
1 ano atrás

Não abandona ! A Mercedes vai entender e desenvolver o carro durante essa temporada. O ano que vem voltam pra ponta .

Paulo Costa
Paulo Costa
1 ano atrás

Acho essa discussão meio nova, para ou não para. O cara corre porque gosta de correr. Se não ganha, é porque não ganhar faz parte do jogo. Isso parece papo de menino mimado, se não jogo, levo a bola embora. Vamos deixar ele correr e ser feliz.

Ricardo Bigliazzi
Ricardo Bigliazzi
1 ano atrás

Acho que cada dia que passa o Hamilton se parece mais com o seu Ídolo Ayrton Mito Senna, chega a ficar melodramático as vezes, só falta vestir um macacão Marlboro e dar umas voltas de Indy em Michigan… tá meio midiático demais. Tem o seu Balestre (Masi), tem o seu Prost (Max) e tem suas visões divinas e etéreas…

Quanto ao seu futuro, acho que continua na F-1, tem que sentar no carro e acelerar, ir para a fabrica e se jogar no desenvolvimento do carro, se atirar no que mais gosta de fazer e sentir prazer na busca de superar a todos… ele sempre fez isso!!!!

Obs.: Tá certo que com uma jabiraca de carro fica um pouco mais difícil, ele mesmo sabe que a espetacular RedBull demorou quase uma década para superar a Mercedes em seu momento de glória platinada.

Bento
Bento
Reply to  Ricardo Bigliazzi
1 ano atrás

Bingo!! Que ele é um piloto acima da média, isso é inegável. Mas, a exemplo do seu ídolo, precisa do melhor carro e da melhor estrutura de equipe para mostrar serviço. Falta aquele algo mais, nível Piquet, Schumacher e outros tantos que “sentem” o carro e ajudam a equipe a ajustar a melhor configuração…

Leonardo Amorim
Leonardo Amorim
1 ano atrás

É uma resposta sobre 2022, para quem achou que ele jogou a toalha.

Paulo Z
Paulo Z
1 ano atrás

O certo era ele postar uma foto dele sentado num trono e em volta vários trófeus e pneuzinhos de pole que ele ganhou na F1.
Seria épico!!!

Ricardo Bigliazzi
Ricardo Bigliazzi
Reply to  Paulo Z
1 ano atrás

Seria legal mesmo, é que nessa foto ele nem se preparou, foi pego de surpresa, nem deu para criar um clima mais chamativo… ele anda meio relaxado com esse lado midiático. Nem deu para posar para a foto com a intensão de criar um clima misterioso… tudo foi muito natural

Claudio
Claudio
1 ano atrás

Flávio, eu acredito que a obra-prima que ele falou é a carreira dele, e esta é uma resposta a tantos rumores de que ele deve se aposentar (o Marko mandou uma cornetada dessas essa semana). É ele quem decide isso.
Já fez muito pelo esporte, mas eu pessoalmente gostaria de ver ele dar a volta por cima e ficar mais uns anos competindo!

Thiago
Thiago
1 ano atrás

Acho que ele continua… pelo menos até 2023 para tentar sair por cima apesar de não ter mais nada a provar a ninguem.