“GP ÀS 10″: VAI, MCLAREN! | Blog do Flavio Gomes | F1, Automobilismo e Esporte em geral
MENU

sexta-feira, 15 de dezembro de 2017 - 16:41Gomes, Grande Prêmio

“GP ÀS 10″: VAI, MCLAREN!

9 comentários

  1. Não dá pra dizer se a McLaren-Renault vai ganhar alguma coisa com Alonso em 2018, antes os meus olhos tem que testemunhar.

  2. Pangaré 14 disse:

    Seria muito bom ver Alonso disputando posições, vitórias e até campeonatos com os demais pilotos de ponta.

    Assistirei os vídeos das temporadas entre 2005 a 2012. Só assim verei o espanhol trapaceiro fazendo tudo isso.

  3. Elcio disse:

    e a equipe Renault?? Onde ela pode chegar no ano que vem?? Em quarto lugar nos construtores??
    Acho q o quarto lugar da Force India está muito ameaçado devido a McLaren e a Renault!!!

  4. Renato disse:

    eu vou ADORAR ver a Honda acertar o motor e o Alonso com Renault se dar mal o ano todo de novo! rssssss

  5. Ricardo Bigliazzi disse:

    O Idiota Veloz Espanhol vai mais uma vez nos brindar com um festival de lamúrias.

    Queria ver a cara dele quando ficou sabendo do desenvolvimento dos novos motores de 1.000hp da Mercedes.

    Esse Idiota Veloz Espanhol merece tudo o que está colhendo.

  6. Rafael disse:

    Flavio, boa tarde!
    Já pensou em disponibilizar os programas do “GP às 10″ em mídia podcast?
    Enfim, ouço muito Podcast e é uma mídia em crescimento.

    Abraço

  7. Jefferson Souza disse:

    Sem dúvida que deve melhorar e muito a performance da Mclaren mas a confiabilidade do motor francês não é das melhores, lembrando que o limite de motores para a próxima temporada é de três por piloto.. de qualquer maneira pior do era com a Honda não deve ficar… abs!!

  8. Alisson disse:

    Seria um sonho ver Alonso, Hamilton, Vettel, Verstappen e Ricciardo disputando o campeonato.

  9. Carlos disse:

    Seria muito bom ter Alonso a disputar as primeiras posições do grid com Hamilton, Vettel e companhia. Mas acredito que isso não ocorrerá. Talvez ocasionalmente, mas não será algo habitual. A própria Mclaren admitiu que está atrasada na adaptação do motor Renault ao chassi. A Renault anda tendo dores de cabeça com a parte híbrida do motor (mgu-k). Mas agora na condição de cliente, tendo que pagar pelos motores, será que a Mclaren conseguirá desenvolver o carro, na mesma medida que fazia esses anos passados? A Honda não apenas fornecia motores, mas era responsável por uma grande parte do orçamento da equipe. O que permitia um contínuo desenvolvimento do chassi e dos componentes aerodinâmicos doa carro da Mclaren. Praticamente em quase que todas as provas a Mclaren testava algum novo componente do carro. Será que agora, com o rompimento com a Honda isso será possível? Deve-se lembrar que a equipe não tem um grande patrocinador há algum tempo. Talvez Mclaren tenha até algum brilho, mas vencer corridas e disputar o campeonato não acredito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>