MENU

Thursday, 12 de January de 2006 - 9:23F-1

DESPACHOS ITALIANOS

MADONNA DI CAMPIGLIO (despacho não é macumba) – Jantarzinho cheio de pequenas informações ontem por aqui. A primeira: no domingo do GP da Hungria do ano passado, em Budapeste, Mario Theissen foi ao motorhome da Ferrari pedir para que Maranello liberasse Felipe Massa para um contrato de três anos com a BMW. A Ferrari não quis. Nem Felipe, que preferiu a incerteza de um ano de vermelho a três de azul.

Papo vai, papo vem, e eis que vem à tona o salário real de Barrichello na Honda: US$ 8 milhões por ano. É o mesmo que ele ganhava na Ferrari. Só que em Maranello Rubens tinha de pingar comissões aqui e ali. Na Honda, é tudo para ele.

Mais uma: a Vodafone foi pra McLaren porque queria ser a principal patrocinadora da Ferrari. E a Marlboro já fechou até 2011. Minha carenagem é muito pequena para nós dois, disse Mr. Philip Morris.

Valentino: foi em 2004 que ele apareceu nos boxes da Ferrari em Melbourne pela primeira vez. Ciao, sono Rossi. O contato começou do nada, espontâneo. Depois da corrida, Vale levou 20 mecânicos da equipe para Philip Island, onde faria testes com a Yamaha. Os caras se apaixonaram por ele.

Carro de 2006: será Aldo Costa o responsável pelo projeto. Para não dizer que Rory Byrne não fez nada, digamos que ele decidiu que a F2006 terá quatro rodas, os pneus serão melhores se forem redondos e o cockpit ideal comporta apenas um piloto. A apresentação será feita em Mugello. Sem festa. Primeiro anda em Fiorano para ver se está tudo bem, e depois é fazer quilometragem.

17 comentários

  1. PedroJungbluth says:

    Não acho que a Ferrari tenha ido bem, como disse o Grande Prêmio, em sua estréia com o novo carro.
    Ora, não bater o tempo da F2004 adaptada foi péssimo… Lembram do desempenho que esse carro teve no começo de 2005?

    Acho que esqueceram que sempre que a Ferrari foi campeã seu carro novo no dia de estréia bateu o tempo do carro antigo.

  2. Galvão says:

    Este ano o BMW com o filho do Gilles vai andar na frente da Ferrari do Massa, infelizmente . . .

  3. Carlos Piazza says:

    Antonio, concordo c/vc que uma postura diplomatica demais pode comprometer o desempenho de qqr piloto (brasileiro ou não) neste complicado e super competitivo ambiente da F1. Mas o contrário tambem é tão, ou mais desaconselhavel.
    Pra poder “chutar o balde” é imperativo demonstrar capacidade, competência e principalmente resultados. Caso contrario é apenas choradeira inutil.

  4. Luiz Eduard says:

    Na minha opmião tai o grande problema da Ferrari: Aldo Costa. Rory Byrne, talvés seje até melhor que Adrian Newey, mas seu pupilo Aldo Costa deixa muito a desejar.

  5. Adrian Newey says:

    Aldo Costa de novo?? Tsc, tsc. Mas, de toda forma, a volta da troca de pneus deve recolocar a Bridgestone (e a Ferrari) no topo.

  6. Stacatto says:

    Não é que o massa aprendeu com o tio Barrica: trocou 3 anos de BMW podendo ser o no 1 por um ou menos anos de Ferrari atras do alemão, huahuahuahua.

  7. PedroJungbluth says:

    bem a Ferrari ta mostrando que não quer repetir a cagada de 2005, quando começaram o ano com uma F2004 adaptada, tendo a certeza que teriam um carro “perfeito” depois. A falta da respeito aos adversários pode ser considerada normal para quem vinha ganhando 5 anos seguidos, mas é algo que ele não vão repetir tão cedo.

  8. antonio augusto purr says:

    aos que gostam de automobilismo recomendo assistirem um programa da Discovery ( ou NG , não tenho certeza ) que passou ontem , e que deve ser reprisado algumas vezes , chamado ” a ciencia da velocidade’ . Show de bola ! . Fala do treinamento dos pilotos . Este programa era sobre o Toni Liuzzi , A. Carrol etc . Muito , muito legal .
    recomendo .

  9. Wagner Schatzer says:

    FG:
    esse pinga-pinga de comissão, dá prá detalhar ? Penso no empresário, assessor de imprensa… e o que mais ??

    Parabéns pelo ótimo blog. Só não falo (ops..) que sou se fã de carteirinha porque é coisa de %[email protected]$&@#..
    Abçs

  10. Almir Ferraz Junior says:

    Vejo que sentar num banco de Ferrari significa tudo ou nada, mais do que qualquer outra equipe. Heróis e vilões são criados e destruídos e vemos que nossos novos heróis tupiniquin’s são os únicos que não vêem isto, querem ser, e tentam dizer o correto num instante, deixam de dizer num outro momento, mas que percebo é que esquecem da valorizar algo que somente os grandes enxergam e os tornam e tornaram grandes, fazer de tudo, tudo mesmo (falar, lutar, esbravejar e etc) para ter, dar, conseguir a volta mais rápida, e fazer do resto somente resto.

  11. lucas says:

    Nada como estar lá pra desbrir certas “cositas”, rsrs!

  12. racelike says:

    quem é aldo costa?

  13. Max says:

    O Massa já começou dando entrevista puxando o saco do Schumacher. Será que o Barrichelo nunca deu uma dica para ele? Esse papo deve fazer parte da campanha da Ferrari de apagar o Rubens.

  14. clay says:

    Caros pilotos de GURGEL empurrados por motor a ar – UNÍ-VOS!!!
    O motor a ar deixou de ser fabricado em série, isto todos já sabem.
    Eu teimosamente tentei fazer a Montadora promover uma despedida
    condizente para este fantástico propulsor, vejam o Site
    http://www.gromow.com/vwengine mas o sucesso se concentrou na fabricação
    de uma série especial de Kombis, a Série Prata, que foi dedicada à
    despedida do Motor.
    Quase que como uma criação coletiva, mas finalmente deflagrada pelo
    Humberto Horta (aliás, bEtAuM), Carioca que está morando em Manaus,
    surgiu a idéia de um RONCAÇO Nacional de despedida do motor VW a ar.
    O dia escolhido foi o dia 22 de janeiro que fica próximo do Dia
    Nacional do Fusca (se bem que há eventos que serão realizados já no
    dia 15).
    Seria fantástico se os veículos GURGEL com motorização VW se unissem
    a esta festa de despedida, assim como Buggys e demais carros com
    este motor valente.
    Na Grande São Paulo o evento está sendo organizado pelo Edi,
    Presidente do FUCA ABC ([email protected]) e será um passeio pela
    Av. Paulista na manhã do domingo dia 22. Vários outros encontros
    estão sendo organizados pelo Brasil.
    Caros amigos do Fórum, se a idéia lhes for simpática, participem,
    divulguem a quem vocês puderem divulgar e boa festa !

  15. Stefan Johansson says:

    Com essa do Valentino vc ta querendo dizer que o Massa tá só esquentando lugar para quando ele chegar e assumir o numero 1?

  16. Claudio says:

    Curti muito o seu blog.
    Há tempos não acompanho de perto a F1. Mas, sem querer ser pessimista, acho que o Massa trilhará o mesmo caminho de Barrichelo na Ferrari.
    Abração e aguardo uma visita tb !

  17. Jefferson Francisco says:

    Sou (ou era) ferrarista de coração, mas sou mais barrichello, as atitudes que a ferrari vem tomando sao um tanto quanto ridiculas, esquecer o passado somente porque o passado trocou o vermelho pelo branco, e na minha opinião acho que rubens fez muito bem, a honda tambem tem dinheiro tanto quanto a ferrari e la esta gil de ferran, outro brasileiro(frances) frances(brasileiro) sei lá, ((campeão e esquecido) nao foi campeao de F1 mas foi campeão), que e muito bem visto pela honda. O rubens tem tudo para se dar bem e acho que ele vai querer dar o troco no &¨%*$ do alemão e na ferrari, que nao sabem reconhecer tudo o que o rubens fez pelos 2. Esta é a 1ª vez que escrevo mas acompanho sempre as suas materias, e ve se nao se entope de camarao ai pois esse ano voce tera muito trabalho, sucesso e a todos que como eu acessam este site um feliz 2006 que todos consigam realizar os seus sonhos.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *