Vai e vem

SÃO PAULO (reloginho) – Este é do Cleber Bernuci, blogueiro de Americana (SP). Um vídeo de Senna andando de kart numa pistinha no Japão. É um barato como os japoneses se espantam com cada curva, cada escorregada, cada acelerada. Ayrton era um exímio kartista (os entendidos dizem que ele, Tony Kanaan e Rubens Barrichello foram os melhores que o país já produziu), e deu uma volta num sentido, outra no sentido inverso, e fez o mesmo tempo nas duas…

Mas legal mesmo é ver seu sorriso por baixo do capacete, frações se segundo, no final do vídeo. Porque o cara gostava mesmo era disso, correr.

Comentários

  • chico, desculpe o meu analfabetismo, afinal alguém tão culto e sofisticado como você merece ser tratado de uma forma mais respeitosa.
    Na verdade, há uma moral estranha nessa história, porque a minha namorada também está mal humorada hoje e ela disse que é porque está de chico, ou seja, você está sendo expelido para uma almofada absorvente que será descartada na lixeira do banheiro logo mais, e seguirá solenemente ensacado depois de amanhã para um aterro sanitário, onde jazirá até a etenidade.
    Boa viagem, chico.

  • Ao Rodrigo,
    Não, Rodrigo, o Gugelmin nunca foi campeão mundial de kart, nem brasileiro. Campeões mundiais foram o carioca Guga Ribas e o Rubem Carrapatoso. Acho que o Augusto Farfus também, mas não estou certo, alguém pode conferir.Abs.

  • Minha sugestão: leiam o livro do Lemyr Martins e saibam quem era o Senna. O que ele fez na F-Ford Inglesa, etc etc etc. Conheçam um pouco e depois comentem.
    Ps- O Lemyr Martins era (ou é) amigão do Piquet, ajudou na sua divulgação e cobriu o 1º teste dele na F1, sendo assim, um sujeito imparcial.

  • O Senna nunca mencionou ser um herói nacional. Tb acho isso babaquice, pois ao meu ver, herói é quem salva a vida de alguém colocando a sua em risco.

    Mas dizer que ele tem a fama de um “top da f1” devido a marketing, isso já é sair da realidade !!!

  • Ao Paulo Aidar,
    Paulo, claro que cabe o Chico Serra. O Emerson e uma porrada de gente a mais. Somente listei alguns que vi correndo e que realmente me impressionaram . A idéia é exatamente essa, não monopolizar o mérito apenas a alguns “eleitos” da mídia.

  • 1. Sr. Zé Ninguém – Seu nome diz tudo. Ter 15 anos não significa sinal de imbecilidade. Tu é Ninguém.
    2. Sr. Thrasher – As corridas de turismo são as que mais levam público aos autódromos mundo afora. Vide TC2000, DTM, WTCC, Nascar, Stock Car, etc. São sempre muito competitivas. Vi Senna correndo ao vivo. Acho que foi um bom piloto de carros. Também um grande marketeiro. Teve vários melhores. Quando dizem que é um ”herói nacional”, um ”mito”, acho um exagero, uma enorme besteira.
    3. Sr. Marayl – Concordo com você, exceto o ‘babaca’.

  • Acho engraçado os comentários sarcásticos sobre o Rubens Barrichello. Quantos homens no mundo são capazes de pilotar um F1, mais ainda, quantos são capazes de vencer uma corrida, ou de usar o macacão vermelho da Ferrari??? Isto me lembra os comentários maldosos sobre a Daiane dos Santos nos últimos jogos olimpicos, como se fosse simples ser a 5a melhor do mundo. Deixo aqui a pergunta, quantos de nós que frequentamos este blog podemos nos orgulhar de dizer que somos um dos 5 melhores do planeta no que fazemos?

  • Acho engraçado os comentarios maldosos a respeito do Rubens Barrichello, quantos de nós chegou a ser piloto da Ferrari? Isto me lembra os jogos olimpicos, em que muitos brasileiros rechaçaram a conquista da Daiane, sim , conquista, afinal ser a 5a melhor do mundo é um feito e tanto, quantos de nós podemos dizer que somos um dos 5 melhores do planeta no que fazemos??

  • É joão assim como vc na sua resposta diz que nenhum deles ia se dizer fracassado, vc faz o mesmo, não se dizendo fracassado e que faz o que gosta, ai meu deus, acusou o golpe, pelo visto toquei na ferida, a carapuça eu deixo pra vc que serviu melhor.

  • PUTZ, O CARA JÁ MORREU A 10 ANOS E AINDA DÁ ESSE IBOPE TODO, COMO NÃO DIZER QUE ERA SENSACIONAL???. DAQUI A + 10 ANOS AINDA FALAREMOS DELE, PORÉM DESTA LISTA DOS CARRAPATOSO ETC, DUVIDO.

  • Caro João, respeito sua opinião, muito embora discorde diametralmente dela. Só falo do que vi, nunca do li ou o que ouvi de terceiros. Ayrton Senna, como KARTISTA, apesar da fantástica infraestrutura que tinha por trás dele- só para relembrar, ele praticamente monopolizou os serviços do preparador de motores Tchê, entre outras coisas – foi derrotado várias vezes pelo Waltinho Travaglini e pelo Mário César Carvalho Filho, perdendo inclusive um campeonato brasileiro para o carioca Luis Eduardo Lassance, no antigo kartódromo do Maqui-Mundi no RJ. Todos esses com estrutura e equipamento inferiores ao do Senna. Não discuto jamais a habilidade do Senna, somente um louco rematado o faria.O que quero dizer é que não existe invencibilidade que não seja quebrada, mesmo quando todos os fatores parecem ser a favor. Senna foi duas vezes vice-campeão mundial, na primeira levou um baile do Terry Fullerton, tri-campeão mundial de kart, e nem porisso deixou de ser o grande campeão que todos conhecemos. Só acho que monopolizam demais as realizações do Ayrton e se esquecem dos outros. Concordo com você com referência a talentosos e desconhecidos pilotos e vou citar mais três: o já falecido pernambucano Thomas Comber, o paraense Silvio Braga e o goiano Evandro Tavares, três mestres desconhecidos da grande midia na arte de tocar um micromonoposto.Sds.

  • usando o “gancho” do kart e o ibope do Senna volto a um post anterior, sobre a falta de expectativas de formarmos campeões no automobilismo…

    sábado depois da Super Classics fui ao kartódromo ver a garotada treinar…
    tinha um garoto andando melhor que todos os outros, visivelmente sobrando na turma (que era mediana). foi só entrarem mais dois karts andando forte e começarem a dar uma volta nele a cada 5 que ele parou o kart NA RETA e gritou pro mecânico que o motor tava ruim. não queria nem trazer o kart pros boxes. queria descer ali mesmo, e que levassem o kart “no colo” pros boxes. o pai e a mãe concordaram, o preparador também…

    aí o mecânico teve o bom senso de pular a mureta, empurrar o kart e mandar ele levar pros boxes. o pai e a mãe ainda olharam feio…

    quer dizer… o garoto já aprendeu a reclamar do kart…. aí fica fácil…

    comentário importante, o kart não tinha nada de errado, os outros dois é que eram MUITO melhores de que ele.

    nessa hora eu lembrei da placa com fotos do Ayrton falando que queria sempre aprender e melhorar…. acho q a diferença tá aí

  • Ser campeão no kart não significa ser campeão de Fórmula 1, necessariamente… Pelo que me recordo, não há campeão mundial no kart e na Fórmula 1… Os que chegaram mais perto foram Patrese e Trulli.

    Na lista do FG, colocaria Emerson como um dos melhores kartistas brasileiros.

  • Esse Marcos é um babacão mesmo, pro inferno com essa Stock b.o.s.t.a. Car. Deve ter uns 15 anos de idade e deve ser frustrado por nunca ter visto o senna ao vivo correndo, aí já viu né. Cresce primeiro seu lixo !!!

  • Marquito,

    Se você perguntar para cada um destes pilotos que foram citados, duvido que eles não se sintam fracassados, pois todo piloto, desde criança quando senta num kart o objetivo dele maior é chegar a fórmula 1 ou alguma categoria mais importante. Ninguém investe em carreira automobilística para apenas ser campeão mundial de kart e depois parar poraí, todos almejam chegar em categorias top e eles, neste aspecto, não chegaram a lugar algum. Gozado, muitos malham o Barrichello, que foi o único piloto brasileiro depois de Senna que conseguiu firmar-se na fórmula 1, mesmo com todos o seus equívocos ao administrar a sua carreira, no Massa, etc, mas eles chegaram lá e estão batalhando para serem campeões. Quanto a mim, trabalho no que eu gosto e me sinto realizado profissionalmente, não sou um fracassado, mas se a carapuça te serviu, usufrua bem.

    João

  • joão,

    “Só conseguiram um campeonato mundial de kart e nada mais, são uns fracassados” poxa vc é exigente hein !
    Vem cá no seu trabalho vc é o melhor, o que ganha o melhor salário, o que ocupa o cargo mais alto ?

    Não ? então segundo seu raciocínio vc é um fracasso retunbante.

    Isso é que eu não entendo os caras foram campeões mundiais de kart e neguinho acha pouco, só vale ser campeão F1, putz que gente obtusa.

  • Joaquim, todos estes pilotos que você falou são uns fracassados, pois não conseguiram nada. Que projeção eles tiveram além de disputar provas no Brasil e desaparecer como muitos. Carrapatoso e Nicastro só conseguiram vencer 1 campeonato mundial de kart e nada mais do que isto, desapareceram e não conseguiram se projetar em categorias mais importantes. O Jimenez está passando o seu tempo e se não conseguir nada também entrará no esquecimento. Kartistas bons e sem dinheiro, não é kartista. Uma coisa liga a outra, senão sempre falarão: se ele tivesse dinheiro, tivesse apoio e aí fica no supositório, mais nada.

    João

  • Eu tive o privilegio de conhecer o Senna aqui na Inglaterra, e o via sempre aos domingos no Kartodromo de Interlagos, show de pilotagem e a galera disputava apenas o segundo e terceiro lugares pois ele sempre ganhava.

    Um dia fomos jantar fora aqui, juntamente com o Alvaro Buzaide e o Senna entrava nas rotatorias (round abouts) aqui como se estivesse em SPA …..risos…..

    Mesmo nos sabados de F1 sempre ia la dar um oi e ele nunca deixou de dar atencao, bater papo sobre os tempos de kartodromo enquanto ia se vestindo……um genteman !

  • Pois é Flávio, mas você sabe quem era o ídolo do Senna nos karts ?
    Sim, até o Senna tinha seu ídolo no esporte, e êle era o Chico Serra que hoje está na Stock Car e já esteve na Fittipaldi F1 e na F-Indy, e seu filho já está acelerando por aí.
    Quando o Senna iniciou sua participação no Campeonato Paulista de Kart o Serra era o bicho papão de tudo, só dava êle, e então o Senna mirou no cara para também ser o melhor.
    E ficaram amigos, apesar da fama de ambos, tanto que o Serra abriu várias portas para o Senna quando êle foi para a Inglaterra, apresentando-o a vários chefes de equipe de F-Ford e F3, sempre dizendo a êles que alí estava um futuro campeão mundial.
    Assisti a muitas corridas de kart em Interlagos, participei de algumas, fiz até a escolinha de pilotagem do Carol Figueiredo, andei junto com Walter Travaglinni e Maneco Combacau nessas aulas, ví muitos pilotos feras desde 1970 mas, realmente o que mais me impressionou foi o Chico Serra e o Senna.
    O Serra pela precisão milimétrica no traçado, volta após volta, parecia até que não era rápido mas quando se olhava o cronômetro o tempo ia lá pra baixo, e o Senna, bem, não preciso nem falar o que era, show puro.

  • no kart passaram centenas de campeões. e o Maurizio Sala, Cristhian Fittipaldi, Dionisio Pastore, Ernest Pereny. O pegas do Chico serra com o Waltinho. Quanto ao rubinho, ainda quero ver numa stock interlagos inteiro vaiando ele, ELE MERECE. e VIVA BUTTON.

  • É extraordinário como o assunto AYRTON SENNA ainda rende tantos e tantos comentários, e tantas e tantas reportagens.
    Vejo o mito AYRTON SENNA virar tese universitária, ajudar no ganha-pão de muitos jornalistas (que vivem de falar mal dele), fazer um blog alcançar marcas recordes diárias, fomentar uma fundação de amparo e desenvolvimento de cidadãos carentes, elevar a audiência de qualquer programa televisivo, e sepultar qualquer tentativa de surgimento de outro piloto de F1 (por conta das infrutíferas comparações) ….
    Sempre ele !

  • Por causa de jornalistinhas presunçosos que o kart atual está a %[email protected]$&@#que está…

    ridículo:

    “os entendidos dizem que ele barrichello kanaan”…

    É claro, Senna foi quem começou a %[email protected]$&@#com o kart no brasil, enquanto aindaera um esporte praticável onde vários pilotos podiam se formar, o filinho de papai que o motorista ia buscar no colegio rio branco, lhe levava direto para interlagos, aonde a sua disposição tinha um caminhao com 10 motores, 6 chassis etc, e quem na época tinha chance contra tamanho investimento? NINGUEM!

    E esse cara que disse sobre sergio jimenez, rafael daniel etc, digo tambem que esse jimenez é um %[email protected]$&@#protegidinho de meio mundo ja passou da hora de fazer algo que preste nos carros mas pelo jeito vai ser mais um renato russo da vida, ficar a vida toda no kart.

    Tantos caras anonimos que por falta de verba abandonaram suas carreiras e tem que escutar zé mané dizendo “segundo os entendidos” ou “os melhores do país”, ridículo isso, essa mania do brasileiro de centralizar o talento num lugar só.

  • Flávio…Chega de falar desse cara. Que tal comentar a corrida de Stock Car do domingo. Tinham 38 mil testemunhas no autódromo de Pinhais. Foi uma bela corrida. Até os Stock Jrs. achei engraçado.

  • Que “entendidos” são esses, sr. Flávio Gomes? E o Waltinho Travaglini, o Carol Figueiredo, Clóvis Morais, irmãos Renê e José Lotfi, Durval Viscardi, Maneco Combacau et caterva? E o Jaime Figueiredo, Jorge Freitas, Armando Balbi, entre outros? Mais recentes: Duda Pamplona, André Nicastro, Rubem Carrapatoso, Sérghio Jimenez, dentro os que consigo lembrar? Qué qué isso, seu Flávio?

  • Sensacional…
    Realmente é emocionante ver ele se divertindo como criança.. não é a toa que as vezes ele dizia que o Kart é a essencia da corrida de Formulas… onde se aprende, onde se separa o joio do trigo, e onde se diverte