MENOS UM

SÃO PAULO (só piora) – Informa o Rodrigo Mattar que o autódromo de Curitiba será desativado em 2015. É praça privada, e pelo que entendi o terreno será usado como condomínio de casas.

O que dizer? A quem culpar? Com quem reclamar?

Acho que só lamentar, mesmo. Falar, culpar e reclamar não tem dado muito resultado ultimamente.

Subscribe
Notify of
guest
37 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Levi Davet
Levi Davet
8 anos atrás

Foda.

Curitiba é uma pista curta, com traçado interessante. Será uma perda significativa.

Ulisses
Ulisses
8 anos atrás

Uai!
Onde estão os arquitetos de Curitiba?
Porque não integrar o autódromo a um condomínio temático, com comercio, hotel, moradia, serviços …. utilizando a pista como ruas de acessos, disponíveis para corridas nos finais de semana.
Daria até para modificar um pouco o traçado em função de um projeto de implantação desse tipo.

MSM
MSM
8 anos atrás

Qd cheguei no trabalho hj, recebi esta notícia de uma amiga. Lamentável que o 2º melhor autódromo do Brasil seja desativado para dar lugar a mais um empreendimento imobiliário, que força tem esses parasitas da construção civil!!!.

Diomar Campos
Diomar Campos
8 anos atrás

Infelizmente o terreno é privado, assim como o autodromo, a nós, fas do automobilismo só resta lamentar o fechamento de uma das poucas pistas padrao FIA (nao FIFA, rs) do pais…

Davi Ribeiro
Davi Ribeiro
8 anos atrás

Lastimável! Um belo autódromo! Curto, mas bem interessante.

Maurício Filho
Maurício Filho
8 anos atrás

Ok, já sabemos, menos 1, mas alguém tem alguma coisa boa pra comentar?
Alguma idéia?
Alguém se mobilizará contra?
Existe um plano B?
Uma promessa de pista em outro local?
Algo realmente novo?
Porque na boa, comentários óbvios…VSF…
Acrescentem algo, exponham idéias, e parem com essas críticas babacas de quem quer ser o dono da razão.
“Eu sou contra autódromo particular….” ok, “oda-se”. Eu sou a favor do modelo norte americano, com pistas particulares, mas, vou perder meu tempo em debater isso aqui, agora? O papo é o fim do autódromo de Ctba, não se o modelo público ou privado é o bom, e bla blá blá.
“Essa páis é uma merda….” ok, mas moramos onde? Cresce “orra”
“Vai morar na Argentina…” Meu irmão, VSF !

Higor Wendrychowski
Higor Wendrychowski
Reply to  Maurício Filho
8 anos atrás

Boa Maurício,
Eu moro em Curitiba e acho que a única esperança é convencer alguma empresa a cubrir a oferta para que a praça seja preservada.
Um bom exemplo é o HSBC que tem como política apropriar-se e fazer a manutenção de bens públicos como este.
Curitiba tem em sua região metropolitana duas grandes montadoras (Renault e Volkswagen) que também poderiam cobrir a oferta, mesmo que para isso o autódromo tenha de mudar de nome.
Pessoalmente eu não gostaria de ver o AIC sendo estatizado, uma vez que autódromos são caros e muito dinheiro seria desviado, sem falar na sua provável sucatização.

allan
allan
8 anos atrás

Pátri”d”a de chuteiras… Pois bem. Pra que autódromos se as pessoas podem usar seus carrões por aí em estradas abertas sem ser incomodados? Só o são quando matam alguém… Sim, estou falando dos track and day. Nem vou citar o automobilismo porque aí já caiu do gosto do brasileiro. Nem motociclismo, que nunca o foi. Culpa de quem? De todos, porque queremos ver a bandeira do Brasil lá em cima, não importando o espetáculo. Do brasileiro que gosta é de moda, não importando se é bom ou ruim, se é brega ou chique.
Uma solução é ferrar as pessoas que andam acima do limite de velocidades, tipo 30%, com grande fiscalização. Quero ver os babacas de Azera, Civic Si e outros se vangloriando que fez de X a Y – 200 km – em uma hora! Tem que obrigar esse povo a correr para os autódromos, para que estes dêem algum lucro, pois no prejuízo também ninguém vive…

Rafael Chinini
Rafael Chinini
8 anos atrás

faz uma manifestação!

paulo
paulo
8 anos atrás

Oi Flavio, acho que era boato essa nota. Olha essa resposta do pessoal que administra o circuito:

http://www.curitibaracing.com.br/2013/06/o-autodromo-de-curitiba-nao-vai-fechar.html

abrasss

Ivandro Corrêa
Ivandro Corrêa
Reply to  paulo
8 anos atrás

Que resposta? Que não tem nada de concreto? Eu quero ouvir um sonoro “NÃO”, não vamos fechar o autódromo.

rsantos
rsantos
8 anos atrás

O que é isso? Nós temos que construir hospitais para cuidar da saúde dos doentes que não cuidam da própria saúde.
Protesto… Eu quero que o meu imposto seja aplicado na construção de estádios (copa do mundo e olimpíadas) para incentivar os jovens e crianças a praticar esportes e no futuro não ficarem reclamando de saúde..
Desde já autorizo o governo a usar o dinheiro do meu imposto na construção de estádios e qualquer obra ligada ao esporte.
Se usar para construir hospitais vou protestar.

egberto
egberto
8 anos atrás

FG vem para o Rio Grande do Sul que tá sobrando autódromos. As vezes a conservação deixa a desejar, mas estão lá a disposição.

Robertom
Robertom
8 anos atrás

O autódromo é privado, então embora lamentável, a sua transformação em condomínio não configura crime como o cometido em Jacarepaguá, onde um espaço público, deliberadamente deixado sem manutenção nos foi ROUBADO, sob o argumento da construção da Vila Olímpica.
Após a olimpíada, os apartamentos serão vendidos e alguns “espertos” estarão com os bolsos cheios de dinheiro, as custas do patrimônio público.

Robertom
Robertom
Reply to  Robertom
8 anos atrás

às custas…

retka
retka
8 anos atrás

putz! moro em curitiba e ja fui em varios arrancadoes da força livre! é uma pena, futebol já não da mais pra ir, ta muito caro, teatro nem pensar, cinema tambem.país de merda mesmo!

Walter
Walter
8 anos atrás

Tem gente aqui no GP que é contra Copa do Mundo, F1, autódromo e qualquer coisa que pode terminar em manifestação sem razão.
Quando passar a torrente de emoções variadas, veremos quanto atraso esta conversa de não podermos ter bons estádios ou autódromos. Quero autódromo, estádios, hospitais , educação e tudo mais
XÔ complexo de vira-lata

Zé Zanine
Zé Zanine
8 anos atrás

Falar, reivindicar, protestar e manifestar está dando resultados aqui no Brasil e como!

Rafa Lopes
Rafa Lopes
8 anos atrás

É isso que vivemos…A várzea sobre rodas…é uma bosta mesmo.

Ferdinandes
Ferdinandes
8 anos atrás

Sem bandeira e sem baderna?

Ivandro
Ivandro
8 anos atrás

Não tenho palavras pra expressar minha indignação, nada descreve meu sentimento de revolta. Agora quando quiser assistir uma corrida vou ter que ir daqui de Curitiba a São Paulo.
Cada vez mais me decepciono com esse país de M… Futebol DEMAIS, automobilismo de menos, muito menos….

Thiago
Thiago
8 anos atrás

Agora é a hora de Santa Catarina. O autódromo do “Beto Carreiro” tem de sair do papel já.

Carlos Cwb
Carlos Cwb
8 anos atrás

Mentira. Já temos informação que não será desativado coisa nenhuma.

Ivandro Corrêa
Ivandro Corrêa
Reply to  Carlos Cwb
8 anos atrás

Quais noticias? Mostra as fontes, se for verdade sou o cara mais feliz do mundo!!!

Fernando Parlangeli
Fernando Parlangeli
8 anos atrás

Absurdo, ao mesmo tempo que revolta é triste saber que perderemos mais um templo do automobilismo………quem sabe vão fazer estádio de futebol ou vila olímpica para as olimpíadas.

Nando Sato
Nando Sato
8 anos atrás

Para os que acham que autódromo tem que ser particular está aí a resposta. Quem paga mais leva. E olha que a taxa de aluguel cobrada pelo Autodromo Internacional de Curitiba dos promotores/organizadores era a segunda mais alta do Brasil, só perdendo para Interlagos. Peteco, o dono, só não tinha vendido antes porque havia uma “pendenga” judicial. Assim que esta foi resolvida na semana passada… Bingo… Bateu o martelo!!!

Tevez
Tevez
8 anos atrás

pqp incrível como tamo indo pra tras

Aliandro Miranda
Aliandro Miranda
8 anos atrás

No fundo, no fundo, o mesmo destino de Jacarepaguá. Vai atender exclusivamente à especulação imobiliária.

Marcelo
Marcelo
8 anos atrás

“O que dizer? A quem culpar? Com quem reclamar?”

Patrulha do consumidor dificilmente ganha essa causa, então vamos cantar o novo hino nacional…

Inocentes – Pátria Amada
https://www.youtube.com/watch?v=C0LMsDj0TZA&list=PLB1D98E1131366ABC

Acarloz
Acarloz
8 anos atrás

É isso aí, e vai acontecer com Interlagos um dia, um ou dois anos após a F1 deixar o país, o que não está longe.

Glauter
Glauter
Reply to  Acarloz
8 anos atrás

Disse tudo! É só uma questão de tempo, infelizmente…

Robertom
Robertom
Reply to  Acarloz
8 anos atrás

Deixa de ser Mané, Interlagos é patrimônio público e aqui não é o RJ.

Marcio Vieira
8 anos atrás

a conta é simples: automobilismo não tem demanda no Brasil. O autódromo é privado, então está certo os proprietários buscarem um maior lucro.

O último, que apague a luz

Benicio
Benicio
8 anos atrás

País de merda.

william trajano
william trajano
Reply to  Benicio
8 anos atrás

disse tudo!

Moita
Moita
Reply to  Benicio
8 anos atrás

Vai morar na Argentina. Dizem que o automobilismo lá é muito popular.