MENU

segunda-feira, 25 de novembro de 2013 - 17:42F-1

OS NÚMEROS DA CRISE

SÃO PAULO (abram o olho) – Estão no blog do Victor Martins os dados de audiência do GP do Brasil, num interessante comparativo com o que aconteceu em 2008, apenas cinco anos atrás, quando Massa lutou pelo título com Hamilton.

Como definiu Martins, alarmantes.

8 comentários

  1. Paulo Pinto disse:

    Quatro eventos, na minha opinião, contribuíram de forma decisiva para essa crise:

    2008: a perda do título para Hamilton em casa e a forma como aconteceu.
    2009: o acidente da mola com o Massa. Rubinho tentando chegar em Button e no final ainda perder o vice.
    2010: “…Fernando está mais rápido que você” (onde os fãs de Massa ganharam o apelido de “traídas”). Além dos anos seguintes, onde o escudeiro abriu diversas vezes para o espanhol.

    E assim, a turma foi cansando…

  2. Mauro Domingos disse:

    Como um amigo comentou ai, a Globo ta colhendo o que plantou. Passou anos e anos pregando o conceito de que ‘só os pilotos brasileiros são bons’ e que ‘é o Brasil contra o mundo’… Agora, que não tem mais pilotos brasileiros com chances de ganhar um campeonato, vai perdendo audiência…. É incrível como a Lei do Retorno cabe, inclusive, à organizações corporativas. Decisões erradas levam a prejuízo….

  3. Vettel disse:

    Não é só a f1, a audiência do futebol tb caiu, do volei, do basquete, enfim o mundo todo esta em um tom melancolico, as pessoas parecem zumbis, robos sem emoções, ninguem se importa mais com ninguem e nem com nda, em parte cansados da escravidão em que vivemos…esse planeta já foi melhor…

  4. Vettel disse:

    Acho muito drama, e convenhamos que este fim de temporada estava chato até pra nós que amamos a F1! E nem o futeboRzinho tem mais tanta audiência hoje em dia…

  5. Rafael Chinini disse:

    como disse no outro post, deveriam ter vendido ingressos para dias separadamente também!
    acho que quando começa venda na bilheteria, deveria ter essa opção.

    600 conto pra ir 3 dias?! não! mas talvez 300 só pra corrida poderia ter muito mais procura

  6. Orlando disse:

    A Globo colhe aquilo que semeia. É inaceitável que um dos maiores e caros eventos da emissora, seja tratado como foi este ano. Entraram no ar em definitivo, praticamente faltando 30 minutos para a largada. O mesmo tratamento para qualquer outra transmissão do campeonato, quando poderiam dar um tratamento diferenciado por ser o GP do país sede da emissora.

    Fiquei obrigado a assistir as imagens do Esquenta com o som da Radio Bandeirantes, que deu um banho na sua cobertura em link com a Band News FM.

    É impressionante como uma emissora paquidérmica fica refém de si mesmo. A TV aberta está falida nesse sentido. Que venham os canais especializados e nos poupem das narrativas dos Galvões…..

  7. Edu Dias disse:

    Salve, FG, tudo na paz?

    Desculpe se já foi comentado por você em algum lugar por aqui, pois não tive tempo de ler tudo… a pergunta q faço é se vc tem alguma novidade sobre a reforma de Interlagos para 2014, pois já comentam que o projeto inicial mudou.

    Esse tema envolve um número microscópico de pessoas se comparamos os pilotos, mecânicos, preparadores etc, do camp paulista, o qual faço parte, com o resto da população paulistana, mas se pudermos saber algo, já ajuda.

    A única coisa certa é que o ano do automobilismo paulista terá uns 6 meses, ou menos.

    Grande abraço,

    Edu Dias F Vee #08

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>