MENU

segunda-feira, 25 de novembro de 2013 - 19:52F-1

QUEBRA TUDO

SÃO PAULO (aí está) – Muita gente perguntou se aquilo que escrevi ontem, que os caras ficam quebrando motores nos boxes à noite quando a temporada acaba, era verdade.

É. Até gravaram.

60 comentários

  1. Andre disse:

    Coisa sem graça. Coisa de gente imatura.

  2. luiz disse:

    é apenas um “fetiche”, eles querem ver até onde aguenta, o que resta depois, é só no final da temporada que dá para fazer isso abertamente, é tão difícil de entender????. testes e mais testes, apenas isso.

  3. allan disse:

    Inicialmente, ninguém falou em estourar, e sim quebrar. Dito isso, realmente sou feito de outra coisa, porque jamais teria prazer em escutar um motor indo pro saco, especialmente desse jeito. Veio à minha memória primos e tios matando um porco, este em estado agonizante, gritando desesperadamente. Não entendi o prazer. Nisso, li uma vez na saudosa Motoshow uma reportagem sobre uma Kawa ZX-7R, de 93, acho, onde um daqueles espetaculares escribas disse que o motor daquela moto sobia de giros sem parar, e que seria uma forma de se suicidar “explodir” junto com o motor. Não é o que imagino na cena em que acabei de ver…

  4. Ed disse:

    Deve ser algum tipo de peversão coletiva…

  5. Pai Baô disse:

    Uahuahuahua, maior trolada do blogueiro…e o bando de trouxas aqui acreditando !

    • Flavio Gomes disse:

      Não é trollada. Eles quebram mesmo os motores. Só de passar de giro arrebenta válvula, detona tudo. Não precisa explodir.

      • Sabugo disse:

        Desde que a Renault introduziu os comandos de válvulas com molas pneumáticas, altas rotações não são problema, por isso os motores chegavam aos 20.000 rpms.
        Os motores que usam molas como retorno das válvulas é que enfrentam problemas de flutuação, batendo nos pistões e moendo tudo.
        Eles estavam é terminando de ‘gastar’ os motores antes de devolvê-los para a Renault. Mais ou menos como aquele povo que dá pau nos carros alugados antes de devolvê-los à locadora.

        Talvez estavam queimando as sobras de combustível também. Mas quero ver fazerem esse tipo de coisa no final da temporada que vem com os motores turbo. Vai faltar motor, porque turbo quebra que é uma beleza….

      • Ernesto Longhi disse:

        Voltando pra casa hoje e olhando o conta-giros do meu carro pensei nisso…

  6. cardosofilho disse:

    Não vi estourar nada. Fiquei ( e um bocado de gente também ) feito um idiota esperando o motor estourar e nada, terminou o vídeo. kkkkkkkkkkkkkk

  7. Ulisses disse:

    Não vi o vídeo, nem quero ver …..
    Quando desmentirem essa babaquice eu assisto.

  8. Roberto Fróes disse:

    Ridículo e imbecil. Destruir pelo prazer de destruir. Depois reclamam que a F1 está perdendo audiência. Graças a Deus! Se essa idéia de merda aumentasse a audiência, seria muito triste, pelo menos para mim, que iria concluir que estava “no meio errado”!
    Sou antigomobilista, gosto de PRESERVAR, nunca de destruir!
    Estou errado? Não sei não, só me convenço se aparecer alguma explicação muito bem fundamentada…

  9. otavio disse:

    não vi nada estourando.
    Flavio, explique ai porque fazem isso?
    Engraçado se isso é feito, principalmente com os carros que correram e se é costumeiro fazê-lo, porque há como na mclaren todos os carros guardados? Com os motores originais? e porque fariam isso? um carro desse, do vettel se vendido para um particular vale milhões.
    Não consegui ver o motor fundindo nem entender o porque disso.
    ainda se o objetivo era jogar um motor desse numa caçamba em volta do autódromo para não levar de volta, até entenderia, mas…

  10. Ernesto Longhi disse:

    Não vi nada indo pro espaço. Cade a fumaceira, óleo derramando…

  11. Etel disse:

    E eles nao tem medo de respirar monoxido de carbono…

  12. Fernando disse:

    Ja vi varios videos de motores de F1, mas este aqui, estourar motor ? Não vi diferença, nem no som… alguém pode explicar? ou video não esta completo ?

  13. Alfredo Aguiar disse:

    Ok.
    É sabido que depois alguns desses carros vão a leilão. Os motores que vão não são originais de F1?
    E, já que que você colocou, ontem e hoje, que eles destroem os motores, poderia nos explicar o porque? Não que eu esteja com “pena” dos motores, guardando as devidas proporções, ferros velhos estão cheios deles, nem tão pouco vou acreditar que um motor usado faça cócegas no orçamento dessas equipes. Mas qual a razão de “estourar” o motor? Só tradição? Ou precaução para que não caia em mãos erradas e descubram algum “segredo” usado pelas equipes durante a temporada? Nesse caso, o carro que vai a leião depois seria zero Km e não seria “exatamente” igual ao usado pela equipe durante a temporada?
    Valeu!!!

    • Allez Alonso! disse:

      O motor não pertence as equipes, são alugados. Oito motores por temporada, depois de usados são devolvidos para revisão, tudo é checado e trocado, por isso vale a brincadeira… Como foi dito, pode ser que daqui a alguns anos esses carros sejam vendidos para entusiastas milionários, se compra o carro sem motor ou o conjunto completo.
      http://www.race-cars.com/carsales/f1s.htm
      http://www.f1-sales.com/stock.htm
      Algumas oficinas na Inglaterra dão suporte aos motores de f1 antigos, até hoje vemos Judd’s andando na Europa. Li também que algumas equipes de endurance poderão usar esses motores na LMP1. Não acho esse fim de mundo, lembrando que o motivo desses motores quebrarem é a falta de refrigeração, no dinamômetro, quando elevam o giro do motor na bancada, existem enormes ventiladores refrigerando o motor.

  14. Paulo Z disse:

    como assim os caras detonam um motor que vale milhões? Alguém por favor me explique?

  15. ms disse:

    Pessoal, vamos parar com os exageros…. motor, carro são apenas um conjunto de peças e engrenagens acoplados, afeto a gente dá para pessoas, entendo até aqueles que dão afeto para bicho de estimação agora ficar lamentando e choramingando por causa de estouro de motor!!!…..me poupem

  16. Banana Joe disse:

    Olha, não entendo nada de motores de F1, mas entendo razoavelmente bem de motores “normais”.
    Se você quer estourar um motor porque não deixa ele sem óleo primeiro.
    Estoura rapidinho.
    Algum especialista, por favor explica esse vídeo para os leigos aqui do blog…

    • Rodrigo disse:

      Se você deixar sem óleo ele trava, funde, mas não estoura.. As bronzinas vão pro saco, ele tende a travar as bielas no virabrequim.. E os pistões tendem a travar nas camisas.. Mas não tem graça.. Se você acelerar além do limite, qualquer coisa pode quebrar e fazer um bom estrago.. Uma válvula que desce, um pistão, uma biela.. A biela pode “chutar” o bloco e fazer um buraco, acho que era isso que estavam querendo.. Mas, pelo vídeo, muito resistente esse motorzinho..

      • boutsen disse:

        Caramba… eles tentam estourar um motor e é essa dificuldade; o mais irônico é quando a equipe está na ponta no meio de uma corrida e ele estoura espontaneamente.Talvez isso seja algum teste de resistência para o motor,é a única explicação plausível.Há alguns anos eu li na revista F1 Racing uma matéria sobre um final de semana de um motor de fórmula 1 e ele ficava incandescente como esse do vídeo,depois eles verificavam rachaduras ou coisa assim.

  17. Marcelo disse:

    Esse motor roncando dessa forma, puta que pariu é um TAPA NA CARA daqueles Zé Ruelas que vivem comparando F-1 atual com vídeo – games! O carro e fenomenal, imaginem dominar um “monstro” desses na pista? Não é a toa que “barrica” insiste em voltar a Formula 1, até ao ponto de se oferecer para correr ao lado de Alonso na Ferrari.

    Eu também quero virar capachão…

  18. FTrack disse:

    Não quebraram motor nenhum. Apenas aceleraram com o avanço de ignição (ponto) atrasado para incandescer os escapamentos, tudo sob a supervisão dos técnicos da Renault.
    Ninguém ia ser louco de quebrar um motor em um box cheio de gente. Motor quando quebra joga longe cacos de metal pontiagudos e quentes, e isso machuca

  19. Fernando disse:

    Porra o Canguru nem vai querer ter ele inteiro de recordação?….. pra quem sabe de vez enquando dirigir vem capacete pelas ruas de Adelaide.

  20. J disse:

    O mais legal pra mim foi ver a tubulação do escapamento brilhando de tão quente.

  21. Vitor Medeiros disse:

    Triste….melhor idéia seria vender/leiloar um motor deste campeão pra um milionário qualquer
    e dar um destino melhor pro $$$$……

  22. José disse:

    Qual a finalidade disso? Tem que haver…

  23. Joca disse:

    É estranho, ninguém bota dinheiro fora, quanto custa um motor? Qual o interesse na quebra?
    Ocorreu a quebra?

  24. hausensson disse:

    E pensar que anos atrás, piloto e chefe de equipe ‘saiam no braço’ pra ver quem ia ficar com o carro da temporada…

    Red Bull, se não quer os carros, manda pra mim! Só me diz como entrar em contato…

  25. André disse:

    Eu não sabia que as equipes fazem isso no final de ano, apesar de concordar com o comentário do Marcel, gostei!
    Que dia hein! Também nunca tinha visto na F1 um piloto fazer o que o Webber fez hoje, muito legal. E não me lembro de ter visto 2 pilotos de F1 dando zerinho na mesma reta depois da corrida… Não vou me esquecer desse dia!

  26. Ladis disse:

    Não entendo qual o sentido disso?

    Não poderiam guardar os motores, tipo colocar num museu? Ou presenter os pilotos com os motores que usaram durante o ano?

    Sinceramente, não compreendi…

  27. Fábio Labs disse:

    Como é bom ter dinheiro sobrando ,né não? Depois os dirigentes vem com esse papo furado de conter custos com testes de pilotos, warm-up nos domingos, eletrônica padronizada nos carros….. Desperdício ridículo!! E o tal do Vettel ainda tem a cara-de-pau de ficar alisando os carros no final das corridas e todo aquele fricote. FDP falso dos infernos!

  28. Allez Alonso! disse:

    Alguma chance de vermos esses motores na LMP1?

  29. luiz caco disse:

    Parte horrível da formula 1. Triste

  30. Marcel M. disse:

    Os carros são do tio Didi, entao que façam o que bem entenderem. Mas foi estranho ver a cena, Webber e Vettel quebrando seus próprios carros. Foi como ver o dono pegar seu cachorro de estimação depois de chegar em casa e ser recebido com muitos latidos e lambidas, fazer-lhe uns afagos, e enfiá-lo num balde cheio de água, matando o coitado lenta e dolorosamente afogado. Pior foi a sensação seguinte, em que me imaginei fazendo isso no meu carro. Fiquei triste.

  31. Seuboguinha disse:

    Ano que vem, vai estar faltando motores no fim da temporada. Motor turbo: confiabilidade baixa, durabilidade baixa. Esses V8 de hoje em dia são duráveis até demais, praticamente indestrutíveis; quebras são exceções e não mais regra.

  32. disse:

    E o Douglas Speto tem a tecnologia. Desperdício de profissionais no mercado.

  33. Marcos Alvarenga disse:

    Isso é pecado.

  34. Heitor Gomes disse:

    Começaram cedo demais no de Romain Grosjean…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>