UNGARIA (3)

puskas3SÃO PAULO(melhor que a encomenda) – Vamos listar, primeiro, os desafortunados. Pela ordem, Hamilton, Raikkonen e Massa. Prefiro falar da desgraça antes do júbilo. É mais legal tripudiar dos estropiados do que exaltar os vitoriosos.

O grid do GP da Hungria terá uma Mercedes na ponta, a de Rosberg, e outra provavelmente largando dos boxes, a de Hamilton.

O inglês está subindo nas tamancas. Pela segunda corrida seguida, teve problema na classificação. Sábado passado foi o disco de freio que quebrou. Largou lá atrás e conseguiu terminar no pódio. Mas era Hockenheim, onde, apesar das mudanças de traçado, passar é bico. Hoje, seu carro pegou fogo no início do Q1, como se fosse uma Kombi velha de feirante com gasolina vazando por todos os lados. E parecia mesmo. E Lewis, como se fosse o motorista da Kombi sendo consumida pelas chamas procurando um lugar para estacionar, tentou levar o carro até o pit lane. Tive a impressão de que ele queria parar dentro da garagem, perto dos galões de gasolina, com as labaredas lambendo paredes e teto dos boxes até explodir a merda toda e morrer todo mundo.

Mas não deu tempo. Na entrada dos pits ele teve de pular do cockpit para não chamuscar o rabo, os comissários vieram com seus extintores e apagaram tudo. Ninguém tinha tempo ainda, ou pelo menos nada de muito significativo. Comandante Amilton deixou o carro de cabeça baixa, nem tirou o capacete. Depois do treino, disse que “é algo que vai além do azar” o que acontece com ele. No caso específico de hoje, foi vazamento de gasolina, mesmo. Um perigo, isso. Erro de montagem de alguma mangueirinha? Borracha do bocal deformada? Frentista que na hora de encher o tanque quis arredondar o valor e colocou mais do que devia?

Lewis insinua que algo pode estar sendo feito de propósito quando diz que “é mais do que azar”. Ou, no mínimo, insinua que a equipe não tem com ele os mesmos cuidados que dedica ao companheiro platinado, Rosberguinho, que cravou sua sexta pole no ano, a quinta nas últimas seis corridas. É favoritaço à vitória amanhã. Mas depois falamos dele. Sigamos com os desgraçados e furibundos. Raikkonen, agora.

Com Hamilton degolado e incinerado no Q1, mais Maldonado igualmente fora, porque saiu dos boxes e quebrou, a primeira leva de eliminados estava definida, certo? Os quatro das nanicas, Bianchi, Chilton, Ericsson e Kobayashi, mais os dois desafortunados.

Nada. No finalzinho do Q1, Raikkonen era o 16°. A diferença de tempo para os nanicos era razoavelmente segura. A Ferrari nem mandou o finlandês de volta para a pista com os pneus mais macios. Ah, não precisa! Imagina se essas geringonças horrorosas serão capazes de bater nossa flamejante “rossa”… Bem, uma delas bateu a flamejante, sim. E foi, ironicamente, Jules Bianchi, que é uma espécie de estagiário da Ferrari. Passou para o Q2 e mandou Kimi para a degola, numa das maiores cagadas de uma equipe grande nos últimos tempos. Cagada e vergonha. Raikkonen, se pudesse, pegava o boné agora e se mandava para os puteiros de Budapeste, para aparecer de novo só depois das férias.

Falta falar do último exânime, Massa, mas isso só mais para a frente, na hora do Q3. Antes, registre-se apenas que o Q2 foi bem “standard”, sem maiores surpresas ou danos, eliminando Kvyat, Sutil, Pérez, Gutiérrez, Grosjean e Bianchi.

Agora sim, Felipe. O Q3 começou, acreditem, com chuva. Mas uma daquelas chuvas que duram segundos e molham apenas alguns centímetros do chão. Como se alguém jogasse um balde d’água pela janela, nada mais. Mas como começou a pingar, a pilotaiada ficou com medo de que algum dilúvio comunista desabasse sobre Hungaroring e saíram rapidinho dos boxes. Rosberguinho foi o primeiro, seguido por Magnólia Assustada, da McLaren. Ao abrir a volta, Nico escorregou no fim da reta, onde estava molhado — e só lá, porque a chuva parou e o sol começou a abrir. Matou a volta, mas nem teve tempo de lamentar. Atrás dele Magnussen deslizou no mesmo ponto e estabacou-se na barreira de pneus. O impacto foi muito forte, mas Kevin saiu ileso. Bandeira vermelha.

Na prática, o Q3 só iria começar mesmo quando liberassem a pista. Ninguém tinha feito tempo e faltavam 10 minutos para o fim quando Magnólia bateu. Na volta, todos tatearam pelo asfalto, sem saber se estava molhado ou seco. As primeiras voltas tiveram tempos altos. Mas quando todos notaram que tinha menos água que no sistema Cantareira, trataram de enfiar o pé.

E nessas de baixar o sapato, com todo respeito e desculpas antecipadas pelo trocadilho idiota, Massa levou mais uma sapatada. Foram duas rodadas de voltas rápidas e nelas Rosberg, claro, reinou absoluto e enfiou uma trolha de 0s486 em Vettel, que ficou em segundo. E Bottas ficou em terceiro, um brilhante terceiro. Até porque se sabia que a Red Bull tinha mais chances de andar melhor na travada pista magiar, assim como, possivelmente, a Ferrari — que, no entanto, ficou para trás com Alonso, apenas quinto, atrás ainda de Ricardão; é um vexame atrás do outro. E Massa ficou apenas em sexto, mais de 0s8 atrás de seu parceiro que está cada vez mais forte, confiante, bonito e gostoso. Ui ui ui. Bonitton, Verme, Hulk e Magnólia fecharam os dez primeiros.

Na boa, esse Bottas é bom mesmo. E a melhor coisa para Massa agora é que a F-1 para por um mês depois da Hungria. Hora de juntar os cacos e tentar entender o que está acontecendo. Porque um ser melhor que o outro é normal. Isso acontece em qualquer equipe, e Valtteri tem sido melhor que Felipe. Mas esse caminhão de tempo e esses massacres semanais não estavam nos planos de ninguém, nem da Williams. Que precisa, inclusive, que o brasileiro dê a volta por cima para brigar pelo terceiro lugar no Mundial de Construtores com a Ferrari. Vale grana, muita grana. “Ah, mas o assoalho dele é diferente do Bottas!”, dirá Pacheco com muito orgulho e muito amor, para justificar o que aconteceu hoje. Não sabe nada, inocente, direi eu. A coisa está feia mesmo. Massa precisa melhorar e ponto. Nem mais, nem menos.

Parêntese. A Globo não passou Q1 e Q2, e será assim daqui em diante, mas colocou em seu site um vídeo (que será apagado logo, então procurem ver; ou então tentem aqui) do começo da sessão sem narração. E com a turma lá de Budapeste testando o áudio. “Alô, alô, testando” e tal. Lá pelas tantas, antes de entrar no ar, Galvão Bueno diz: “Não vamos especificar tempo, porque na verdade ele tá tomando meio segundo desde ontem”. Falava de Massa, claro. Vazou. Não sei se no ar, mas na internet. Felipe não precisa ninguém para protegê-lo, é bem grandinho e cuida de sua própria vida. Mas, como em quase todos os esportes e em todas suas transmissões, a Globo trata o telespectador como um retardado que deve ser ludibriado o tempo todo. Se Massa está tomando meio segundo desde ontem, “não vamos especificar tempo”. Aí as pessoas não entendem por que a imagem dos pilotos brasileiros é tão… confusa para o grande público. Se está tomando meio segundo desde ontem, amigos, está tomando meio segundo e pronto. Não é mais simples?

Voltando à Ferrari, Kimi Dera Eu Nunca Tivesse Assinado soltou os cães em finlandês. Disse que perguntou três vezes se a equipe tinha certeza que não precisaria sair com os pneus médios, e ouviu pelo rádio “sim, 100%, fica tranquilo, vai na nossa”. Já há quem aposte seriamente em nova rescisão de contrato no final do ano. Raikkonen não tem paciência para andar tão atrás, sem chance de fazer nada, muito menos para conviver com tanta burrice.

Quanto a Hamilton, desolado, deprimido, inconsolável, prostrado, esmorecido, cabisbaixo, aviltado e desacorçoado, as perspectivas são péssimas. “Se eu chegar entre os dez primeiros já é muito”, exagerou. Fará pontos, sim, e novamente vai precisar de muita paciência para escalar o pelotão. Pódio é, de fato, um sonho mais distante. O pessoal de trás vai precisar colaborar nas ultrapassagens que são muito difíceis em Hungaroring, como se sabe. Lá pela metade da prova Lewis estará entre os seis primeiros. É onde deve chegar, se nada de anormal acontecer. Mas vai sair da Hungria mais atrás do que chegou. O negócio é começar a fazer contas pensando na pontuação dobrada da última etapa do Mundial. É uma aberração, mas começa a surgir, no horizonte, como uma chance palpável para Lewis compensar os azares de que tem sido vítima.

Comentários

  • INFELIZMENTE TEMOS QUE ESCUTAR ESTE BABACA DO GALVÃO QUE SO FALA BESTEIRA E QUE QUER MOSTRAR PARA QUEM NÃO ENTENDI O QUE NÃO É VERDADE PARECE QUE TODOS QUE ESTÃO ASSISTINDO SÃO “CEGOS”. FOI ASSIM COM A SELEÇÃO DO BRASIL MOSTRAR AQUILO QUE NÃO É – DEIXA O BRASILEIRO CORRER EM PAZ E NARRA A CORRIDA. GALVÃO ETERNO CHATO. QUEM SABE LOGO LOGO DEIXA DE NARRAR QUANDO FOR TUDO PARA O CANAL FECHADO.

  • Porque realmente a teoria da conspiração é um absurdo, então o que dizer de tudo isto meus senhores. Depois de tudo que aconteceu por mera casualidade, pedir a alguém que parte do pit para deixar passar quem partiu da pole… Isso me remete aos meus tempos de menino quando não devia tocar nem discordar com o dono da bola… Rosberg está com tudo… CONSPIRAÇÃO É COISA DOS FILMES, F1 É COISA SÉRIA…

  • É Flávio Gomes… To vendo que de formula um vc entende mesmo muito pouco. Não falou de Alonso nem de Riccairdo e ainda jogou a pá de cal em cima de Hamilton, sem falar do Rosberg e a Mercedes claramente protegendo este piloto mediano que é o Rosberg…. Queriam o que que Hamilton estacionasse pro Rosberg passar.? De qualquer forma sugiro a vc se redimir pois foi um corridaço, daquelas de manter todos sem tirar os olhos da TV. Goste ou não hoje foi um show…. E viva o automobilismo! Que venha a Bélgica para outro show.! e sem estes teus palpites totalmente fora do contexto real da F-1.

    • Sou suspeito pra comentar sobre as qualidades do nosso amigo proprietário do site em relação à cobertura da Formula 1, porque o acompanho a muitos anos. Mas em relação aos seus comentários amigo Ricardo sobre o Rosberg, concordo 100%. Não consigo imaginar alguns dos caras que eu admiro atrás dum volante, chorando com a equipe pra que o companheiro abra espaço. Vai pra cima e se vira pra passar!!

  • Boa Massa.
    Ótimo resultado para o Zaca hoje.
    Na frente do ótimo Valtieri(é a referência atual para o Massa). Olha que se o Kimi desandar, esse Valtieri na Ferrari seria bom no ano que vem…hein…
    Mas o shown foi do Lewis…O cara é bão!
    O Ricardo dentadura….Bão demais.
    O Rosberguinho não sei…… parece que falta algo nele.
    O Fernando como sempre bão também.
    Não sei se é coincidência, que Deus me perdoe, mas o não vi o Barrica na corrida.
    Vixi.

  • Faz tempo que Hamilton anda com um certo azar. Nos anos anteriores as desculpas eram que tinha brigado com o pai, com a namorada e com o empresário,
    Agora é que deve ter brigado com alguns mecânicos da Mercedes ( que dão o “troco” sabotando o carro) Vai saber…. caso de psicólogo.
    Massa é “bonzinho”, não briga com ninguém então é caso de pai de santo.
    E KImi que briga com os engenheiros, está numa equipe ruim e ainda é sabotado é caso de psicólogo, pai de santo e sessão espírita.

  • Vi uma entrevista em que o Massa falou que quando ficar meio segundo atrás do companheiro, tá na hora de parar, foi em 2010, de lá p cá tá levando quase 1s, mas acho que mudou de idéia…

  • O Massa e o Raikkonen já estão entrando na rota da Aposentadoria. Daqui pra frente o Bottas ficará cada vez melhor deixando o Massa cada vez mais Massacrado! O Raikkonen já corre como um Velhinho Gagá sem perspectiva de melhora. Os Deuses Gregos parecem já ter escolhido o Rosberg como Campeão, mas para o Hamilton talvez tenha como única salvação essa Pontuação Dobrada que beneficiará quem está perdendo como nos tempos dos Descartes.

  • Sou Italiano. Estou no Brasil, que acho um páis espactular, á 17 anos. Uma quinzena de anos atrás, no jornal nacional da emissora oficial, passou uma reportagem falando que na Itália ia faltar agua por causa de uma seca, e que os Italianos não teriam nem o que beber. Pouco preocupado, muito pouco na verdade, liguei para meus familiares e perguntei: “que historia é esta da falta da agua?”. Obviamente riram da minha cara e, entendido de vez o funcionamento dela, não sintonizei mais a TV na emissora oficial, a não ser para assistir a F1, mas também já parei faz tempo de me irritar com o locutor oficial, viva o streaming. Não perco de assistir um GP desde Dijon 1979. Tinha 9 anos.

  • E a Globo… Sem comentários, o nível de desrespeito ao fã de F1. Na outra semana eu achei que o corte de metade do treino fosse por causa de algum evento, sei lá.

    Qual não foi minha surpresa ontem ao ver que hoje só mostrariam os últimos 20 min do treino… Liguei a TV, por acaso, uns 5 min antes e aí… Tava passando uma porra de um desenho antigo do Mickey. Sério, isso? Tão passando uma mensagem clara…

  • Ah, o Raikkonen não pode reclamar muito também, não… Afinal, o Alonso tá sempre por ali, em quinto, quarto, sexto… Não é nenhuma maravilha e certamente o espanhol não esta nada feliz, mas se ele consegue e o finlandês não… é culpa de quem? Pô, eu tava na maior esperança que saísse uma briga boa na Ferrari com essa dupla, mas o caro tagarela decepcionou, no geral. Então vai catar coquinho no fjord, uai. Tem fjord na Finlândia também ou é só na Noruega? Vou ali no Gugo e volto já.

  • FG… durante muito tempo, sempre achei essas teorias conspiratórias coisa de cinema. Sendo assim, não acredito em “azares” e, sim erros ou incompetência mesmo. Mas, no caso do Hamilton, vale lembrar que além das quebras, houve alguns fatos curiosos… em todas as trocas de pneus… as do Rosberg são sempre mais rápidas pelo menos 1 ou 2 s, o caso da Áustria, Hamilton, foi punido porque ultrapassou os limites da pista, na Alemanha, muitos pilotos ultrapassaram os limites, inclusive Rosberg, até mesmo na volta que lhe garantiu a pole, nenhuma punição. E essas dos últimos treinos… sem comentários. E o pior… ainda dizem que o cara tem a cabeça fraca, ruim… é ph… mesmo, tem que ser um monge dos zinfernos pra aguentar essas merdas todas.

  • Quanto ao áudio da Globo, vazou também no início da transmissão do Sportv. Quanto ao treino, o Rosberg está com sorte mesmo. A cada vez que o Hamilton dá a impressão de ultrapassá-lo no campeonato, sempre acontece algo com o inglês. Do resto da turma, o Bottas está andando muito e o Alonso, como sempre, tirando leite de pedra!

  • 1- Massa toma meio segundo e pronto!! Bottas é melhor que ele! Simples assim!
    2- Vettel vai botar ordem na casa e andar mais que o Riccardo até o final do ano!
    3- Estão sacaneando o Hamilton, com certeza! Rosberguinho é protegido! Está ficando descarado! Torço para o Hamilton revertes e ser campeão!
    4- Alonso andando mais que o carro, como sempre e Kimi táfudido!
    5- Grojean e Maldonado rezam para o ano acabar logo!
    6- Mclaren precisa trocar os dois pilotos para 2015

  • Eclestone declarou na última corrida aos microfones da Globo que Nico será o campeão. Seria perfeito para Bernie se a ideia dos pontos dobrados na ultima corrida tornasse Hamilton campeão, não seria? Cada vez acredito menos na F1,

  • Se eu fosse da cupula da Ferrari, tentaria uma rescisão amigavel com o Raikkonen no final da temporada e traria o Bianchi. Ficou claro que a volta nao deu certo para nenhuma das partes e mais uma temporada seria apenas perda de tempo. Pelo que já mostrou, acho tem condições de ao menos ser testado em uma equipe grande o que aconteceria em 2015. Se fosse bem, poderia ser preparado para assumir como primeiro piloto nos anos seguintes (talvez até em 2016) pois não acho que o Alonso vai aguentar continuar lá por muito mais tempo.

  • Fosse eu o Massa, contratava um advogado, levava carteira de trabalho e toda aquela papelada lá pra ver se ele já não fazia a contagem do tempo e entrava com o pedido no inss. Mesmo que não desse ainda pra pegar a integral. Melhor aposentar com um tiquinho de dignidade mesmo…

  • “… na verdade, ele está tomando 0,5s desde ontem. E… E… Bem, amigos…” KKKKK!!!
    Tenho pena do coitado que pôs isso “no ar” (se foi mesmo dentro do próprio site da emissora, então…), mas se estiver lendo isso: valeu, cara!!!
    Massa começou o ano praticamente igual ao Bottas: era vantagem de um e depois do outro. Agora o finlandês está num “céu de brigadeiro” e é bem capaz de terminar em terceiro no campeonato de pilotos. Já o brasileiro, se não está no meio de uma tempestade, já tem umas nuvens escuras se aproximando. Ele que se cuide: com esse carro que a Williams tem, já deve haver um monte de gente sondando a vaga dele (mesmo ele tendo contrato), além do que o Flavio disse sobre o resultado da equipe nos construtores.
    O Raikkonen deve ter mandado um sósia dele este ano sem ninguém notar: o cara sabe copiar direitinho as reclamações no rádio, mas não a pilotagem. Imagina o clima na Ferrari…
    Pode ser um pouco de paranóia do Hamilton, mas de fato os problemas da Mercedes praticamente só ocorrem com ele. A não-entrada do safety car na última prova foi estranha, mas poderia ser coisa dos organizadores do GP também: obter uma vitória do piloto da casa e motivar os torcedores a aparecerem no outro ano. Ele deveria mudar de ideia sobre esse campeonato ser parecido com 1988 e 1989 e ir pedir uns conselhos ao Piquet sobre a guerra na Williams contra o Mansell.

  • Rapaz, parece que o Ve44el se acertou com o carro… Era questão de tempo.

    E a Ferrada, como já é de praxe, à medida que o campeonato passa, vai ficando mais pra trás!!!

    Chupa Viceonso!
    Chupa Viceilton!
    Chupa Vicellez!

    • Kkkkkkkkk! Acorda Vettlete, corrida pra colocar o pingo nos is, hahahaha. Ouviu o Perez, condições difíceis, então espere somente os melhores no pódio, só a nata. Condições difíceis, espere o Vettel rodando. Alonso e Hamilton são os melhores da f1, disparados. Ricciardo é muito bom, muito melhor que o Vettel, pilotinho limitado que ganhou como quatro títulos na sorte de ter um Webber como companheiro.

  • Não entendo como tem brasileiro que defende o Felipe Massa como se ele fosse um injustiçado. Será que é tão difícil aceitar que o Massa não é um piloto de ponta? Só disputou o campeonato de 2008 com o Hamilton porque o Raikkonem estava de saco cheio com a Ferreari.. Não adianta querer que as pessoas sejam uma coisa que elas não são. O Massa não é piloto de campeonato , mas é rápido (super rápido, considerando que todos que chegam á F1 são rápidos) . Outra coisa que não concordo é com a fama de acertador de carro, pois em nove dos dez GPs deste ano ele mesmo revelou nas entrevistas que não achou o acerto ideal. Se ele é um ótimo acertador, o Bottas é o que? um ser de outro planeta?

    • Essa conversa de piloto brasileiro ser acertador de carros é desde a época do Rubens Pé de Chinnello. Senna não era acertador de carros porque vencia o companheiro. No caso do Pé de Chinnello e Massa, como perdem do companheiro, o torcedor brasileiro os classifica como acertadores de carro. Tem gente que acredita que todas as vitórias de Schumacher, Button e uma vitória do Johnny Herbert foram graças ao acerto de carro do Pé de Chinnello.

  • Teorias… teorias… teorias da conspiração.

    A “dona” FIA não colocou o SC na pista alemã, porque está “protegendo” Rosberg. Só porque Bernie falou (como torcedor), que o alemãozinho vai ser campeão.

    A equipe Mercedes já escolheu seu campeão. E resolveu dar uma ajudinha, sabotando o carro do inglês. Os alemães (que não são burros), estão gastando um dinheirão com Hamilton, para deixá-lo a pé. Psiu! Os acionistas da marca não podem desconfiar desse “expediente”. Gente! Bico calado…

    Interessante… até o ano passado, a FIA “protegia” Alonso e a Ferrari. É, deve ter virado a casaca.
    Interessante… um patrão contratar um motorista para servi-lo, pagar seus salários e vantagens e depois “bagunçar” o próprio carro, deixando o empregado à toa. É, deve ser maluco.

    • Me lembro de quando o Antonio Pizzonia corria de Jaguar e disse que o clima na equipe e a situação dele mudaram completamente depois que o Lauda saiu.
      Pode ser o mesmo caso com a saída de Ross Brawn da Mercedes.

      Discordo muito do seu comportamento em duvidar da sequer da possibilidade de tratamento diferente.. Muitos duvidavam que Nelson Piquet Junior teria batido de propósito. Tomaram um mundo de verdade na cabeça no ano seguinte.

      • Poiséh kro Edvaldo! Pegando o gancho da infame picaretagem do Nelsinho, lembro também da época do Nelsão na Williams quando tinha como companheiro formidável Mansell. O que aconteceu com o Piquet depois do acidente de Frank? A coisa começou a pender pro lado do bom-e-velho-Mansell! O Piquet precisou contar com a descrição de seu engenheiro e muita… mais muuuuita malandragem pra ganhar da equipe&Mansell o campeonato. Então amigos, não éh nada de outro-mundo que esta história se repita!

    • “”Interessante… até o ano passado, a FIA “protegia” Alonso e a Ferrari. É, deve ter virado a casaca.
      Interessante… um patrão contratar um motorista para servi-lo, pagar seus salários e vantagens e depois “bagunçar” o próprio carro, deixando o empregado à toa. É, deve ser maluco.””

      Pinto….vc está cada vez mais sem noção!!! ??Alonso protegido da FIA?? Isso ocorreu entre 2000 e 2004 com Schumacher apenas!!………Quanto ao patrão bagunçar o próprio carro, a Mercedes já conquistou o mundial de construtores e por isso decidiu por Nico, podendo “”bagunçar”” o quanto quiser a vida de Hamilton!!

      “””””Meu Deeeeeeussssss…………Acorda Pinto, kkk”””””

      • Acorda, Segafredo! A Williams “bagunçou” Piquet, favorecendo Mansell em 1986. O que aconteceu? Prost, que vinha logo atrás, faturou o título “comendo pelas beiradas”.

        A Mercedes já pode considerar Ricciardo uma ameaça. Principalmente se o “Canguru Animado” mantiver a atual performance.

        O passado serve, pelo menos, de aviso.

      • Pinto………….sua analogia com 1986 nada tem haver com a situação desta temporada……naquela época o campeonato tinha carros mais próximos entre si e a própria disputa era apertada desde o início se olharmos pelos pontos dos 4+. A Williams tinha sim um equipamento melhor que Maclaren, Lotus, Ferrari, etc……mas não ao ponto de compararmos com uma supremacia absoluta que foi a RBR dos ultimos 4 anos e agora a Mercedes…….ninguém pode ameaçar as vitórias prateadas nesta temporada,o que aconteceu ontem foi intervenção divina a favor do esporte…..não espere por situações como esta ao longo da temporada, e, mesmo que ocorram, serão pontuais!!

      • Você já percebeu que a Red Bull sempre vem mais forte, após as férias?
        Teve uma temporada (se não me engano, 2012) que até o FG apontou Alonso campeão, e após as férias não teve pra ninguém: Vettel campeão.
        Nos testes de inverno, a Red Bull foi um fiasco total. Muitos afirmaram que a mesma nem iria fazer tempo no grid. Vem largando na primeira fila e já venceu duas.
        Todo cuidado é pouco.

  • Acho engraçado essa história de conspiração contra Hamilton.
    Os caras da Mercedes, pagam uma verdadeira fortuna para tira-lo da McLaren, e agora estão oferecendo mais um porrilhão de euros para que ele renove, só para sacaneá-lo ?
    A lógica não bate !

    • Você esta enganado ,esta é a mais pura e burra lógica Pacheca,os caras assistem muita corrida americana e depois acham que é tudo igual. aliás pelo que tem batido o Massazarado se daria muito bem na Indy,já pensou se causador de bandeira amarela e relargadas dessem ponto ao causador,ele seria seríssimo candidato ao titulo The Crash of the year championship

    • Filipe, é sempre a mesma ladainha… O mundo é uma graaaande conspiração!
      Poucos enxergam, ainda mais alimentados pela rede Bobo, que prega que o brasileiro, perfeito que é, sempre que perde foi por manipulação alheia, seja no automobilismo, no futebol, ou em qualquer coisa que o Brasil-sil-sil participar.
      Que tipo de equipe, para (e caro) para um piloto para ficar lhe sacaneando?! Quando o Raikkonen disputava o título contra o Alonso em 2005, o carro da McLaren cansou de deixá-lo na mão, enquanto o Alonso vencia e vencia. E qual era o problema? Falta de sorte com certeza. Agora é o que? Malandragem da Mercedes?! A troco de quê?
      Como tem besta no mundo… Um abrço.

  • Deixava ele chegar pra me dar uma volta e na hora que fosse passar, emendava os bigodes e tirava os dois da corrida. Sairia ainda com 14 pontos de desvantagem e declarava guerra na equipe, subornando os mecânicos pra ficarem do meu lado…

    Brincadeiras a parte, Lewis vai dar outro show amanhã. E tomara que chova, muito!