MENU

Sunday, 17 de June de 2018 - 16:49Automobilismo internacional

ALONSO E SEUS AMIGOS

lemans182

MOSCOU (gostei) – Vão dizer que foi uma corrida de dois carros.

Verdade.

Vão dizer que sem Audi e Porsche, a Toyota ganharia até se colocasse seis bonecas infláveis ao volante.

Quase verdade.

Vão dizer que López é muito fraco, e que foi ele que acabou com as pretensões do #7.

Meia-verdade.

Vão dizer que a Toyota faria Alonso vencer de qualquer jeito.

Não é verdade.

Algumas verdades verdadeiras sobre estas 24 Horas de Le Mans devem ser ditas.

Uma delas, que Alonso guiou muito de noite, para descontar o que o #8 tinha perdido por conta de um stop & go.

Outra, que o grande nome do trio foi Nakajima, com um ritmo impressionante o tempo todo.

Mais uma, que a Toyota merece todos os aplausos porque está atrás dessa vitória faz tempo, e mesmo com as desistências de seus maiores concorrentes decidiu se manter no campeonato e lutar pela sonhada conquista em Sarthe. Se os outros foram embora, problema deles.

O #8 completou 388 voltas em 24 horas, recebendo a quadriculada com duas voltas de vantagem para o #7. A dose de drama para Buemi, Alonso e Naka-san veio de noite com as duas punições que o trio levou — o #7 sofreu um stop & go. Mas os stints que o japonês e o espanhol cumpriram foram impecáveis e a diferença que o #7 abriu foi sendo descontada com perseverança e talento.

As 256.900 pessoas que pagaram ingresso em Le Mans viram a Toyota, finalmente, ganhar a prova que tanto sonhava havia décadas — especialmente desde 2012, quando voltou ao WEC com seu Corollão híbrido. Em relação à edição de seis anos atrás, o carro consumiu 35% menos combustível para completar as 24 horas. Até hoje, a marca tinha inscrito 47 carros na maior das corridas, com seis pódios e nenhum triunfo.

Acabou a espera.

Para Alonso, ficou a gratidão ao time japonês, e ele volta para casa com mais uma estrelinha na sua luta particular pela Tríplice Coroa — formada por Sarthe, Mônaco e Indianápolis. Faltam as 500 Milhas, que no ano passado o motor Honda não permitiu que ele vencesse.

E acho que vai buscar.

143 comentários

  1. CRSJ says:

    Alonso e seus amigos tiveram a maior conquista do ano com essa vitória nas 24 Horas de Le Mans, dificilmente virá algo melhor pra eles do que isso em 2018.

  2. Bola da Vez says:

    Não vi nada demais nessa vitória para endeusar Alonso. O dispensado Buemi que nunca foi grande coisa na f1, também ganhou junto com o espanhol a Le Mans.

  3. victor freire says:

    engraçado o povo desmerecendo uma vitória em le mans como se fosse fácil. como se qualquer zé das couves pudesse colocar um fusca 1200 original lá e ganhar.

  4. Alfredinho says:

    Alonso vai ter que esperar a Indy 500 perder sua importância histórica, da mesma forma que Le Mans e dessa forma, ingressar numa equipe imbatível para conseguir sua Trinca de Coroas Desvalorizadas.

  5. Ele vai buscar pois é um grande apaixonado por pilotagem e destaque.

  6. hermes de meneses pires neto says:

    Chorem… o Espanhol é bom mesmo…
    Não adianta ficar com raivinha do “faster than you” porque ele era e é, realmente, “faster than” Massa…
    Ser revoltadinho não adianta nada.
    Ele é melhor.
    Aceita que dói menos

  7. Wolfpack says:

    Ninguém deu bola pra esta corrida neste ano, no meio de uma copa com os corollas ganhando por WO. Foi a coisa mais ridicula do mundo desde daquela corrida em Indianapolis de F1 onde só correram as Ferraris. Coisa medonha e o Alonso se engana. Ele não precisa disso!? Vai correr de moto GP se acha que pode ganhar tudo. Essa Toyota parece aquele menino da rua dono da bola que escolhe quando jogar e quando acabar o jogo. A Porsche saiu pois não via adversários a altura na WEC depois da saida dos autounions.

  8. Carlos says:

    Podem odiar ou amar o espanhol. Mas os fatos não mudam. É um pilotaço que conquistou muito. Seus dois campeonatos contra Schumacher (e olha contra quem) são incontestáveis. Suas disputas contra Vettel e Hamilton são memoráveis. Como uma grande figura do esporte, não passou incólume às controvérsias.
    A sua fome por conquistas parece ser insaciável, e é louvável como ele as persegue fora da F1, já que por lá não existe muita esperança.

    Mas os fatos são os fatos. Apesar do desempenho na pista, essa vitória em LeMans vai deixar a conquista da tríplice coroa com muito menos brilho.

    Mas serão esses realmente os fatos? Essa vitória vale menos? Na verdade, cabe a cada um mensurar o valor de cada uma de suas conquistas.

    Nós, meros mortais comentaristas de blogs de automobilismo, somos felizes conquistando bem menos que ele.

    • Paulo Pinto says:

      O primeiro campeonato de Alonso foi contra Raikkonen.

      • Alberto says:

        Você esta equivocado Paulo pinto! Alonso foi quem quebrou a hegemonia da Ferrari na era Schumacher.

      • Paulo Pinto says:

        Equivocado está você, Alberto. O campeonato de 2005 foi disputado entre Alonso da Renault e Raikkonen da McLaren.
        A Ferrari estava tão ruim, que Schumacher não conseguiu nem fazer a metade dos pontos de Alonso. O alemão suou o macacão para chegar em terceiro no Mundial, disputando a colocação com Montoya o ano inteiro.
        Quem quebrou a hegemonia da Ferrari foi a própria, que não se entendeu como carro e com o regulamento.

  9. Guilherme says:

    Por causa do Senna os brasileiros se transformaram nos maiores haters do automobilismo. Ninguém mais pode ser bom piloto, rápido ou admirado,.. assim fica chato pessoal.

    Em relação ao alonso concordo com o que o Rosberg falou (nenhuma equipe quer, pq de alguma maneira ele acaba com elas), mas nem por isso vou dizer que o cara não é bom piloto.

  10. Edu says:

    Então se o motor não quebrasse, a vitória estava garantida na Indy 500? É muita babação de ovo.

  11. Thiago Moyses says:

    O problema não é nem ler as coisas que os haters publicam. Como disse em outro comentário: O sucesso ou talento de alguém é medido pelo tamanho da torcida contra. Só se morrer na pista e cedo demais, como Senna, Gilles e Jim Clark que todos adoram. Alonso, Schumacher, Vettel e Hamilton têm muitos haters. Depois do acidente do Schumacher e seu atual estado, muitos passaram a simpatizar com ele. Voltando a Le Mans, o problema não é ler texto de hater, mas sim ter assistido a corrida e ver gente que não viu nada, só leur esultado por aí comentando aqui sem saber o que aconteceu.

  12. Ricardo Bigliazzi says:

    Esse Alonso já era, pergunte a trinca de ferro da F-1 qual o real valor desse cidadão – Resposta: “Não agrega nada e pelo menos tem uns 3 caras mais rápidos do que Ele e uns 7 a 8 que andam igual”.

    Obs.: Até o Van Dorme chega a dar um calor nesse cara.

  13. Filipe de Almeida Garrett says:

    Eu aprendi a gostar de Le Mans pelos crescentes registros nesse blog ao longo dos anos e por conta de Peugeot e Audi. Há anos vejo a corrida integralmente e é uma pequena loucura deliciosa todo mês de junho. E é por isso que aplaudo a Toyota, mesmo que essa edição tenha sido de longe a mais fraca que eu vi. A Toyota poderia simplesmente largar tudo no embalo da Porsche, mas manteve o programa e, esperta, deu lugar pro Alonso em um dos carros.

    A Audi ficou praticamente uma década correndo contra praticamente ninguém (Pescarolo, sério gente? Panoz?) e ninguém fala nada. Nunca me importei com a Toyota, mas depois dessa dedicação com o endurance e das derrotas inacreditáveis de 2016 e 2017, posso dizer que ganharam um admirador.

    Mal posso esperar para ver o Alonso erguendo o troféu da Indy 500. Não só acho que ele merece, como acho que o exemplo colocaria alguma coisa no lugar nesse mundo de pilotos e torcedores que só enxergam a F1 na frente do nariz, como se ela fosse a medida de todas as coisas quando o assunto é automobilismo.

  14. clodoaldo lelli says:

    a frase não lembro onde li mas resume bem essa treta pro e contra alonso
    “se o alonso fosse um filme seria aclamado pela critica especializada e fracasso retumbante de publico”

  15. Wagner says:

    Não consigo enxergar competição em uma corrida onde o primeiro colocado coloca 12 voltas no terceiro.

  16. David Moreira says:

    Correu sozinho , so perderia se o carro quebresse.

  17. André Sb. says:

    Lenda, sem mais, e os haters podem chorar a vontade.

  18. Thiago says:

    Fico só imaginando a cara do pessoal da Honda vendo o cara que eles pagaram (e caro) durante 3 anos pra falar mal da marca levantando um caneco desses por uma das, se não a, maior concorrente

  19. Clayton Araujo says:

    Fernandinho é um super piloto. Mesmo que não gostem dele ou achem que ele sempre foi beneficiado de alguma forma. Ele segue mostrando e provando o seu talento. E acredito que ele vencerá um dia em Indianápolis. Pois ele é rápido e consistente.

  20. Glauco Tavares says:

    Pois é, tem todas estas ressalvas e ainda mais. Teve o regulamento que na prática proibiu as equipes independentes de andar na frente da Toyota, tem o fato de que Alonso só está correndo em outras categorias porque sua carreira na F1 acabou por culpa de seu caráter destrutivo, teve o erro primário e suspeito da Toyota com o #7, tem a vitória anterior de Hulkenberg correndo contra Audi, outro Porsche e a própria Toyota, tem as participações e vitórias do Webber antes e depois da F1…. Enfim uma vitória com a cara do Alonso. A Toyota já tinha a vitória garantida, era a maior barbada de todos os tempos em Le Mans e por isso mesmo seria uma vitória minúscula, vergonhosa até, e mesmo assim foram além e pioraram ainda mais o cenário. Usaram e se deixaram usar por uma figura decadente, vulgar, um oportunista no pior sentido da palavra e entraram para história de Le Mans de uma péssima maneira.
    Independente de gosto ou opinião pessoal, só o fato de haver este tipo de discussão, só a necessidade de ter que ficar explicando e justificando já mostram que a parceria Toyota/Alonso não entra para a história do automobilismo como uma boa lembrança.

  21. Paulo F. says:

    Jacky Ickx era um grande candidato à tríplice coroa. Mas seu gerenciamento de carreira não permitiu o feito. Foi vitorioso no Dakar e na CanAm também.

  22. Mauricio says:

    Não consigo ter essa idolatria com o Alonso. Acho que faltou ele ser punido no caso Briatore/Nelsinho Piquet. Ou alguém acha que ele não sabia de nada! Chato e criador de casos por onde passa. Bom piloto ?????? Sim, só isso!

    • Ricardo Bigliazzi says:

      Singapura… daí vem a alcunha de “Sr. Eu não sabia…”

      Um picareta acaba se declarando a medida em que encurralado acaba sempre por dizer essa famosa frase.

      Esse Alonso é um pulha.

    • Thiago Moyses says:

      Mesmo se ele soubesse… e daí? O que ele tem com isso? Ele não deu a ordem e nem bateu de propósito, só fez a parte dele. O único daquilo tudo que correu direito e fez a parte dele. Querer punição para ele é dor de cotovelo, raivinha porque o pateta que obedeceu ordens ridículas foi um brasileiro. isso que nem o próprio e nem o pai acham que ele deveria ser punido. Alonso já foi terrível e insuportável dentro de uma equipe, mas criar birra pessoal chega a ser cômico. vale lembrar que ele faz questão de pagar os impostos na Espanha e não em paraísos fiscais como os outros. Me lembra a perseguição ao Cristiano Ronaldo…

  23. teles says:

    Pelo que sabemos de Alonso,ele deve ter ficado chateado de não estar entre o Buemi e o Nakja na foto,egocêntrico como é.

  24. Brabham-5 says:

    Imagino se Michael Schumacher, depois de largar a F1, fosse para a WEC/Endurance e pegasse uma equipe/carro na situação da Toyota atualmente.
    Iria se divertir demais, com certeza.
    Imaginem Schumacher pilotando pela Porsche, pela Audi…
    Seria Hepta de Le Mans, no minimo.
    Mas ai o fãs de Alonso e haters do alemão iam desmerecer também essas conquistas do Herr Hepta.
    Mas, do Alonso, nossa! Já pagou seu DARF hoje para não babar ovo pelo Alonso?
    Que falta você faz, meu caro Michael Schumacher…

    • Segafredo says:

      Ai ai ai Pinto, desse jeito vc infarta até o fim do ano, kkkkkkkkkkkkkk.

      ……Her Schukrute foi o que te entregou,kkkkkkkk.

      Vettel e Schumacher……….as maiores farsas da F1 moderna, goste vc ou não!

      • Paulo Pinto says:

        Eu sabia que você ia dar uma dessas, Sennafredo, só porque ele citou um dos termos que eu criei para o Maior do Mundo: Herr Hepta.
        Xará, pergunte ao FG e ele te responderá que eu não sou Brabham-5. Simples assim.

      • McLaren-12 says:

        Olha o Pinto de entregando…

        Agora já tem dois personagens confirmados no blog. Eu acho que te mais…

      • Paulo Pinto says:

        Aprendeu com o Vicellez a ser bobo. Sennafredo? Falando nele, cadê o teu amigo de torcida?

    • Fernando says:

      Schumacher venceu muitas corridas e campeonatos sem concorrentes, nem por isso estas vitórias não tem valor, tem sim, valem como qualquer outra, por isso ele é o piloto que é, um dos maiores. Se Schumacher vencesse em Le Mans este ano com a Toyota a vitória teria o mesmo valor que qualquer vitória. Vitórias são vitórias. A do Alonso também.

    • Telsi Pavanelli says:

      O Schumacher andou em Le Mans antes de entrar na formula 1,,

  25. Toni Righi says:

    Cá entre nós: em condições normais vencer a Indy 500 depende muito mais de competência e sorte. Definitivamente nunca será a moleza de “corrida de dois carros”.

  26. John Player says:

    Alonso e seus fãs vivem num mundo á parte.
    Se foi bom para Alonso, se seus fãs adoraram, seria bom para todos que ele ficasse lá pela WEC ou fosse para a Indy.
    A F1 não precisa de Alonso.
    Já que ele se acha bom demais para a F1, que o fodon vá “se achar” em outro lugar.
    Adoraria ver Vettel e Hamilton como “convidados” da Toyota folgada como melhor carro da WEC, vencendo mais corridas que o Alonso por lá também.
    O Espanhol certamente morreria de desgosto, inconformado.
    Nessas condições que a Toyota DEU ao Alonso, até o ogro do Grosjean venceria em Le Mans.
    Imagine o mesmo carro nas mãos dos MELHORES Vettel e Hamilton então.

    • Segafredo says:

      Chora Schukruzete chora, kkkkkkkkkkk

    • Thiago Moyses says:

      Grojean iria bater com certeza. Eles poderiam mas não querem pois não conseguem se focar em mais de uma competição. Se cagam de medo porque no passado muitos morreram assim e o Kubica se lascou recentemente no rally. O Alonso estás e arriscando nessa sequência. Ele pode realmente ser foda e aguentar corrida todo fim de semana, incluindo Le Mans que é desgastante, principalmente com o ritmo que ele teve impressionante ou pode sucumbir em alguma corrida e até perder a vida. Ele está se arriscando igual aos pilotos clássicos que corriam em amis de uma categoria e não só F1. Então se, se, se.. Se o Alonso tivesse aceitado ir para a Red Bull já teria igualado o Schumacher pois já tinha a maturidade como piloto que Vettel não tinha em 2009 e levaria aquele título pela Red Bull em cima da Brawn.

    • Fernando says:

      Invasão de haters por aqui.

  27. Brabham-5 says:

    Nossa! Que “surpresa” essa vitória do Alonso nas 24 de Le Mans!
    Tudo do jeitinho que Alonso gosta: colegas de equipe, dono de equipe, equipe e categoria, TODOS dando TUDO pra ele.
    E a WEC, Endurance ou seja qual o nome dessa categoria/corrida ao mesmo tempo que “recebe mais visibilidade” com o Alonso vencendo por lá, vai perdendo a credibilidade com quem aprecia automobilismo como ESPORTE sem privilegiados á categoria de “atletas café com leite”.
    O pior são os pilotos que se sujeitam a ser no que deveria ser o auge da sua carreira, apenas coadjuvantes e garotos propaganda de patrocinadores, dirigindo carros de competição.
    Qual é a graça de ser um Petito Lopez ou Nakajima no automobilismo? Quando se pode ter o melhor carro do grid e vencer em Le Mans, tem de ceder á maquina e a chance da glória á uma “estrela convidada” da F1?
    Isso não é esporte. E não me venham tentar convencer que é “jogo de equipe”.
    Foi como disseram em outro comentário: Nessas mesmas condições, “se o Stroll estivesse no lugar (do Alonso), também venceria em Le Mans.
    Portanto, para mim, essa vitória do Alonso NÃO CONTA.
    E lamento que a Toyota tenha participado dessa armação marqueteira e desrespeitosa com o esporte, a corrida em Le Mans e com seus pilotos OFICIAIS.

    • Thiago Moyses says:

      Você acompanhou a corrida? Eu realmente duvido que os haters do Alonso acompanharam. Seria muito amor virar a noite toda para torcer contra ou procurar uma desculpa para desmerecer a conquista. O carro 8 estava dois minutos atrás do 7 e o Alonso e Nakajima buscaram e aidna abriram uma volta. Quem teve essa punição antes foi o carro 8 por burrada do buemi. Quando o 7 pagou punição soznho já estava decidio, estavam 1 volta atrás! Acompanhei ao vivo, inclusive da câmera do carro deles.

      • Bola da Vez says:

        Eu acompanhei a largada e ali já sabia quem ia ganhar. 24 horas depois vi o resultado e tive a certeza de que Alonso fez o que qualquer um faria com aquele carro.

    • McLaren-12 says:

      O dono do blog já pediu pra você sair…

    • Fernando says:

      Quer uma lista dos pilotos da F1 que venceram com carros imbatíveis com os quais qualquer piloto zé mané venceria? Não, não quer, prefere ser hater.

  28. moisesimoes says:

    – Ok pra ele, então. Já as 500 milhas amigo, são outros 500. Lá é a pista que escolhe. Mais do que nunca.

    P.S. Fico pensando se não seria tão difícil a tal tríplice pro Montoya. Montoya-Toyota. Já dizia Einstein: “Não se deve ir atrás de objetivos fáceis, é preciso buscar o que só pode ser alcançado por meio dos maiores esforços.” Definitivamente, não dá pra comparar pilotos de hoje com os do passado. Graham Hill, por exemplo.

    • Helton Garcia Fernandes says:

      Acho que está mais fácil pro Montoya. com o regulamento novo do WEC a Honda emplaca uma carro com a Penske e o gordinho vai pra triple Crown.
      Na verdade, acho que os 2 merecem…

  29. Roberto says:

    -Alonso faz uma diferença enorme em qualquer campeonato. É só dar um equipamento a altura que ele faz o resto. Rumo a tríplice coroa. Merecido.

    -A Toyota finalmente conseguiu ganhar o campeonato em Le Mans. Mérito sim. Mesmo não tendo concorrente a altura. Os carros poderiam ter batido, ter pane elétrica ou até mesmo não render na prova. Agora a Toyota alcançou o seu objetivo e em breve irá embora de Le Mans. Assim como fez a AUDI e PORSCHE. kkk

  30. Paulo Pinto says:

    Fernando Alonso, vejam só, se igualou ao Nico Hulkenberg em Le Mans.

  31. D says:

    Mérito da Toyota por continuar com seu compromisso com fans de corridas. Mérito do #8 em uma luta dura e justa com o #7. Mérito do Alonso por buscar a tríplice coroa e pelo stint que descontou quase uma volta para o #7.
    FG deve estar com muita coisa pra fazer, errinho honesto nessa fase atarefada de copa do mundo – Monaco, Sarthe e Indianapolis

  32. Yorkshire Tea says:

    Fiquei muito contente com a vitória do Alonso, mas mais contente com a do Nakajima, que merecia muito. Principalmente, depois do ocorrido há dois anos.

    Também acho que o Alonso ganha as 500 milhas dentro dos próximos cinco anos. Aí, com a Tríplice Coroa em mãos, será que ele toparia Dakar? Se vencesse as quatro provas, seria o piloto mais completo da história.

    Mônaco, Le Mans, Indianapolis e Dakar!

    Outro que parece estar querendo seguir o mesmo caminho é o Button. Tá certo que não tem o mesmo talento do Alonso, mas é um campeão mundial e já venceu em Mônaco. Na prova de ontem/hoje, deu azar. Carro na garagem perdendo uma penca de voltas… Mas também pode cobiçar esse desafio.

    Outro que talvez possa seguir o mesmo caminho é o Vettel. Não vejo o Hamilton fazendo isso.

    Aliás, tenho uma pergunta: para valer para a Tríplice Coroa, a vitória em Le Mans tem de ser na LMP1 ou vale em qualquer categoria? Acho que vale qualquer categoria, né? Vitória é vitória.

  33. Henry says:

    Reza a lenda que quem decide o vencedor é a pista de Le Mans. Por critério de merecimento! Portanto…

  34. Chupez Alonso says:

    Correção:

    Al Caponso já completou sua tríplice coroa: Singapura da batida do Nelsinho, Alemanha do Faster than you e Le Mans de um carro só.

    O resto é fantasia.

    • Alberto says:

      É incrível !!! Como certos brasileiros gostam de desmerecer o talento ou trabalho dos outros.

    • Amaral says:

      Então quando a Renault dava banho em todo mundo também não vale, né? Melhor carro, piloto no auge, só podia ganhar…
      Engraçado, será que ele foi o único que ganhou nessas condições? Ou todos os demais campeões ganharam no braço, na sorte e no talento puro com carros inferiores e motores menos potentes?
      Cada um que comenta aqui…
      Tô feliz pelo Alonso. Feliz também pelo Nakazinho e pelo narigudo marrento – o suíço, não o francês.

    • Chupez Alonso says:

      Abre o olho Amaral!

      Eu já vi gente com deficiência em interpretação de texto, mas enxergar além do texto foi demais.

      É como ler uma carta de vinhos e escolher uma caipirinha.

      Desista não.

      • Alberto says:

        Com este nome nos comentários só podia mesmo ser parcial. Não consigo compreender qual a dificuldade de aceitar o quão uma pessoa pode ser melhor que a outra. (Alonso é marrento e chato ? é ! mas o cara é bi mundial e muitos considerados excelentes pilotos não conseguiram este feito) Infelizmente na formula 1 de hoje não temos mais de 3 ou quatro pilotos disputando com a faca nos dentes para ser campeão mas, se assim o fosse com certeza poderíamos separar muito joio do trigo nas equipes. Trocando em miúdos, se as equipes não priorizassem o jogo de equipe e se houvesse igualdade aos pilotos com equipamento, veríamos mais emoções nas provas.

  35. Daniel says:

    Perfeito. A situação toda dá margem para interpretações simplistas como essas que vc citou; assisti a corrida inteira praticamente e foi isso mesmo, Alonso virando muito forte o tempo todo e Nakajima monstro virando igual Alonso!; estou quase achando que Naka é um piloto do mesmo nível do espanhol (“quase”)

  36. Fernando says:

    Pode falar o que quiser, xingar o cara, chamar de mimimi, mal caráter…os bairristas radicais parecem não aceitar e muito menos entender, que, Fernando Alonso, atrás de um volante e pé embaixo, é um dos maiores de todos os tempos. Quantidade de títulos não diz nada sobre ser melhor….muitos acham Senna indiscutívelmente melhor que Schumacher, enquanto outros veneram Gilles Villeneuve mesmo sem ter ganho um campeonato.
    Em qualquer top 10 da história do automobilismo mundial, Alonso entra fácil. Não sei vocês…mas pra mim isso já diz o suficiente sobre a qualidade desse cara ENQUANTO PILOTO.

    • Paulo Pinto says:

      Quantidade de títulos não diz nada? E o que Vettel e Hamilton estão fazendo pelas pistas do mundo, se pegando mano a mano a cada campeonato?

      • Fernando says:

        Se pegando pelas pistas? kkkkkkkk. Seu comédia.
        Não estou dizendo que o Alonso é o melhor da história, não é. Tão pouco acho que o Schumacher seja por ter 7 títulos. Vettel tem méritos nos anos de 2010 e 2012 talvez, porque o carro de 2011 e 2013 eram de outra categoria e não de F1. Mas o o Vettel é sim um grande talento assim como o Hamilton é. Mas NESTA F1 de 2 ou 3 equipes não é nada animadora. Já sabemos que em domingo de corrida ou é Vettel ou Hamilton, com algum ou outra pista favorecendo a RBR. O resto tem que se matar pra pontuar. Isso porque não existe competitividade entre as equipes. E tem vários outros ótimos pilotos na F1 que com uma Mercedes igual do Hamilton ou a Ferrari do Vettel também estariam disputando o título. Ocon…Ricciardo….Sainz…Verstappen…até o estrante Leclerc.

        Não força amigo…esses pilotos todos são excelentes mas o carro diz muito sobre quem vai ganhar.
        Toyota era favorita na Le Mans? Claro que sim. Mas tem que ver o que o Alonso produziu no stint noturno descontando a vantagem do outro carro. Andou mais que o outro piloto , que alias, não é novato.

      • Paulo Pinto says:

        Stint noturno em Le Mans? Não vi. O meu stint noturno é outro…

      • Segafredo says:

        Nada Pinto…..não estão fazendo nada!!

        Quem fazia eram Senna e Prost, Senna e Piquet, Senna e Mansell!!!!!!

      • Paulo Pinto says:

        Calma aí, Sennafredo! Senna fazia stint noturno com Prost?

    • McLaren-12 says:

      Amigo, esse cara aí acima é um personagem. Ele tem uma visão distorcida da realidade e torce pra quem está ganhando. Não perca tempo com textos longos pois ele não entende.

    • John Player says:

      Alerta: Viúva Detectada.
      :”Alonso melhor de todos os tempos”
      “Senna INDISCUTIVELMENTE melhor que o Schumacher”
      “Quantidade de títulos não diz nada”
      “Em qualquer top 10 da história do automobilismo mundial, Alonso entra fácil.”
      Ai uma tiete pacheca hipócrita desse tipo, quando lhe perguntam “quem é o melhor jogador de futebol de todos os tempos e explique o porquê”, ele diz o ÓBVIO (espero, um pateta cibernético desses pode soltar Neymar, Cristiano Ronaldo, Messi…) ele diz PELÉ, e cita os “mais de mil gols” e a QUANTIDADE DE TÍTULOS E COPAS DO MUNDO.
      O cara pipocou e tomou canseira de um Hamilton MENINO quando o moleque esteve na McLaren;
      Não deu jeito na Ferrari quando esteve por lá. Coisa que Vettel, quem ele tanto tenta desacreditar na sua capacidade e competência, desmerecendo seus títulos e vitórias, esta conseguindo fazer nos últimos 3 anos;
      Um triturador (na politica interna da equipe) de colegas de equipe;
      O Beneficiado por uma manobra suja (que ele disse desconhecer, claro) elaborada por Briatore, Symonds e executada pelo chantageado e depois sacrificado Nelsinho Piquet;
      Um “Top 10 de todos os tempos” QUE NENHUMA EQUIPE DA F1 QUER?
      Esses são os VERDADEIROS recordes de Alonso.
      .

      • Paulo Pinto says:

        Nem tudo está contra o espanhol, John Player. Alonso, se continuar ano que vem na F-1, vai bater um recorde! O recorde de GPs do Rubinho!

      • Chupez Alonso says:

        Ou pelo menos vice!

      • Thiago Moyses says:

        Lamento, mas os gols que o péle não fez na Copa de 70 são fudamentais para colocá-lo no topo. Gols não feitos em lances geniais. Então menos, não são títulos que definem a qualidade. Zico nunca ganhou nada pela seleção e foi um dos maiores jogadores brasileiros, assim como Messi na Argentina.

        Vettel conseguiu seu primeiro vice ano passado com a Ferrari. precisa de mais dois para igualar ou um título (que até torço por ele) para superar. Então melhor esperar e ver o que o vettel vai fazer de fato. Red Bull não quer porque ficou chateada quando fez a proposta e ele recusou desmerecendo uma equipe de latinhas. Burrice do Alonso. Não tem bola de cristal mas também estava na fraca Renault. Tinha contrato de gaveta com a Ferrari, pdoeria ter corrido um ano, dois na Red Bull para ver no que daria. Faltou cabeça para ele, que tinha, principalmente quando foi para uma McLaren vencedora, mas a perdeu na briga com Hamilton. Aqui parece que só tem torcedor contra ou a favor em briguinha dicotômica. Se o Alonso gera esse ódio todo é porque ele é bom mesmo. Como Schumacher gerou. Senna todo mundo ama, que nem Jim Clark, Gilles, porque morreram na pista e cedo. Tanto que a simpatia pelo Schumacher já aumentou após o acidente e a situação dele. Você sabe o sucesso de alguém pelo número de pessoas que torcem contra, pelo tamanho dos haters. Foi a dica aí

      • Alberto says:

        Você esqueceu de mencionar a grande ajuda que o seu padrinho Ron Dennins deu para o seu pupilo Hamilton. Não concordo e acredito que nem a mídia concorda que Hamilton destruiu o Alonso na sua primeira temporada. Eles ficaram empatados em números de pontos e Hamilton ganhou por critérios de resultados. Começar uma carreira profissional apadrinhado como foi ajuda e muito qualquer pessoa. Alonso e Hamilton perderam o titulo para Raikkonen brigando entre si.

      • Paulo Pinto says:

        Concordo Matteoni (Chupez), se Alonso partir para outra categoria ano que vem, “conquistará” mais um vice na Fórmula-1: o de GPs disputados.

        Arriba Muchacho!

  37. Alexandre Varga says:

    Esse Alonso é mesmo um fenomeno. O que esse cara guiou no seu stint noturno foi de tirar o chapéu. Por tudo q já fez na F1, Vitoria em Le Man
    e o que andou nas 500 milhas de indy 2017, pra mim é um piloto completo …

  38. Takashi Kawazoe says:

    López no WTCC parecia gênio…

  39. Douglas C. R. Paes says:

    Só um errinho no texto:
    Tríplice Coroa — formada por Sarthe, Le Mans e Indianápolis

  40. Albert says:

    Conseguiu uma das jóias com a Toyota. Honda “impediu” que tentasse.

  41. Wesley Andrade says:

    Adendo: a Tríplice Coroa do Automobilismo é formada pelo GP de Mônaco (F1), pelas 24h de Le Mans (WEC), e pelas 500 milhas de Indianápolis (IndyCar).

    Foi uma ótima postagem, e eu estou contando os dias para a próxima edição em 2019.

  42. SandroKaram says:

    No twitter tem uma frase atribuida a ele que vai correr as próximas2t corridas de indianapolis

  43. Peter says:

    Não entendi. Venceu de quem, se estava correndo sozinha? Automobilismo está cada vez mais estranho, ou artificial. De toda forma, sem sentido.

  44. Sanzio says:

    O #7 tomou dois stop & go nas duas horas finais de prova, por causa da marmelada de errarem a volta de parada.
    Eu sei que é teoria da conspiração, mas pra mim soou como gordura pra caso acontecesse alguma coisa com o #8 e tivessem que fazer algo muito na cara pra mudar as posições.

  45. RENATO says:

    Ridículo essa corrida. Bonecas infaveis? Não pois as minhas avós mesmo mortas , fazendo crochê dormindo ganhariam essa corrida com esses carros. Mais de 4

  46. Carlos Pereira says:

    “…Tríplice Coroa — formada por Sarthe, Le Mans e Indianápolis.”
    Gomes, faltou Mônaco.

  47. Bola da Vez says:

    Sabe aquele filme que a gente já sabe o final?

  48. Paulo Fonseca says:

    Prezado F & G : El Fodon triunfou na prova mais emblemática do automobilismo, agora busca uma nova aventura na F- Indy. O Piloto ainda guia com muito talento, e esse resultado vai calar a boca da imprensa e mídia politicamente correta,jornal de cabeleireiro ( folha de São Paulo ). Serve também para que a Equipe McLaren, possa melhorar o seu carro na F-1.

  49. Boca says:

    MÔNACO
    LE MANS
    INDIANÁPOLIS

    Corrige ai FG!

  50. Formiga says:

    O problema do Alonso não é ganhar uma corrida sozinho. É desmerecer os outros que ganham, que não seja ele

    Outro dia ele afirmou que todos os troféus que ele tinha, havia ganho de modo incontestável e os merecia.

    Uma semana depois ganha esse trofeu de Sarthe sem merecimento algum. Se o Stroll tivesse no lugar também ganhava.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *