MENU

quarta-feira, 16 de outubro de 2019 - 11:32Gomes, Grande Prêmio

GP ÀS 10: TEMPOS SOMBRIOS

15 comentários

  1. Michel disse:

    Flávio tu fica falando de governos lunáticos… mas europa(Inglaterra) e EUA continuam sendo as mesmas potencias de sempre, já aqui…

  2. Rodrigo disse:

    Flavio, penso que por estranho q pareça, estão usando da engenharia reversa nas ciências sociais. Por exemplo, o que era trabalho sujo na ditadura militar, como a censura, a perseguição aos oponentes ideológicos, a perseguição as minorias, hoje incitam e fazem com que parte do povo realize este jogo sujo. Como jornalista, fico indignado em ver a guerra contra a mídia profissional como jornais, revistas, rádios e canais de tv. Isto era trabalho dos militares; hoje a própria população desdenha de um trabalho profissional para acreditarem em qualquer porcaria da net. Sei que imparcialidade não existe, mas se algum meio de comunicação lança uma informação errada, que a corrijam ou processem. Mas na net isto não é tão fácil.. Defendo até a Globo, pois são profissionais e mostram dados e reportagens, que se forem só contra o governo, é por que tem fundamentos para isso. Costumo dizer nas chatas conversas com pessoas próximas, infelizmente: vamos acabar com a Globo então e passemos a assistir a Record, viremos todos evangélicos (nada contra qualquer religião) e está feita a tal da engenharia reversa que silenciosamente adentrou as casas dos brasileiros, sem pedir licença. abs.

  3. Beno Guths disse:

    1- Hamilton é vermelhinho

    2- Só há políticos, e militantes, lunáticos na Direita

  4. Paulo Maia disse:

    Enquanto vocês brigam de esquerda e direita, o governo mundial segue manipulando os dois lados.
    Passa da hora de algum jornalista honesto levar a sério o Clube de Bilderberg.

  5. Assombração disse:

    Falando em tempos sombrios, percebi que a minha figurinha possui uma cor sutilmente sombria…

  6. Ricardo Bigliazzi disse:

    A cada dia que passa acredito mais e mais que estamos perdendo tempo.

    Não há como não lembrar do episódio do South Park em que existe uma disputa sobre o nome do mascote da escola, o pleito foi entre o “Babaca Inutil” e o “Sanduiche de Merda”, o episódio virou um clássico, principalmente em seu final.

    Segue sinopse do episódio. Qualquer semelhança com o Brasil não é mera coincidência, pois sempre estamos diante da escolha entre um “Sanduiche de Merda” e um Babaca Inutil”.

    A série “South Park” é daquelas séries que não ha meio termo, “ou se ama ou se detesta”… mas esse episódio é legal pacas.

    Sinopse:
    Durante uma apresentação do mascote (uma vaca) da Escola Elementar de South Park, um grupo de eco-terroristas locais do PETA (direitos animais) protesta (“pela 47ª vez”) jogando sangue no homem fantasiado. Cansada dessas intervenções, a escola resolve escolher um novo mascote numa eleição entre os alunos, colocando algumas opções na cédula. Irritados pela mudança, os alunos resolvem votar em um mascote alternativo ofensivo, colocando na cédula por conta própria os nomes de “Babaca Inútil” (usado na dublagem brasileira para o original “giant douche” ou aparelho de lavagem vaginal gigante) e “Sanduiche de Merda”.Kyle faz campanha com os amigos para que o “Babaca Inútil” vença a eleição mas Cartman apoia o “Sanduíche de Merda”. Cartman ganha o apoio de Butters Stotch (perguntando-lhe sobre quais das duas opções era a mais divertida “se um nada divertido Babaca Inútil ou um super-divertido Sanduiche de Merda”) e Kyle convence Jimmy. Como resultado dessa prévia, os dois candidatos alternativos conseguem a maioria dos votos e agora vão disputar a votação final.

    Stan não quer votar pois não vê diferença entre as duas opções. O garoto fala isso ao jantar e provoca uma briga dos pais. Como resultado, Stan é intimado por Puff Daddy, que o ameaça com um literal “Vote ou Morra” (nome de uma canção sua). A campanha prossegue com os cabos eleitorais de ambos os candidatos se utilizando de propinas e táticas intimidatórias para ganharem apoio.

    No dia da eleição, Stan resolve votar com o apoio de Kyle mas quando esse vê que ele optou pelo Sanduiche de Merda, quer que o colega anule o voto. Cartman lhe oferece um jantar “cinco estrelas” para que ele efetive seu voto. Desgostoso com esse processo, Stan decide novamente não votar. Isso faz com que a administração da escola o bana da cidade por toda a eternidade ou até que resolva votar e seus pais concordam. Ele é expulso da cidade com um balde na cabeça e montado em um cavalo (referência a uma cena de Mad Max 3).

    Ao chegar a floresta, Stan é descoberto e agredido por militantes do PETA que não querem que ele judie do cavalo. Stan explica que fora banido então os militantes o levam para sua comunidade, onde os humanos convivem com animais inclusive mantendo relacionamentos íntimos (zoofilia). Um dos casais “inter-espécie” deu à luz uma aberração híbrida (que repetidamente pede que o matem!, numa alusão ao clone de Ripley da série Alien).

    O lider do PETA ensina a Stan que todas as eleições são sempre entre um “inútil” e um “merda”, pois as pessoas capazes ficam longe da política. Nesse momento, Puff Daddy chega ao acampamento do PETA atrás de Stan para matá-lo. Os militantes se irritam com seu casaco de pele animal e jogam sangue em sua roupa. O cantor e seus companheiros perdem o controle e passam a disparar contra os militantes, assassinando toda a comunidade, exceto o híbrido. Os animais não ligam para a morte dos membros do PETA e fogem para a floresta. Stan consegue fugir também.

    De volta à South Park, Stan finalmente resolve votar, lembrando do que lhe dissera o líder do PETA. O resultado dá a vitória ao Babaca Inútil por 1410 a 36. Stan diz que seu voto não importou no final, mas seu pai diz que todo voto importa. Nesse momento chega o professor Garrison avisando que os membros do PETA foram eliminados. Com isso, a vaca é recolocada como mascote da Escola Elementar. Randy então diz a Stan que agora seu voto não importou.

  7. Alfredo Aguiar disse:

    Rapá, eu não devreia dizer isso. Mas não sei porque você faz esses vídeos. Devo imaginar que os tais “haters” tenham olhado o título da matéria e vieram dar pitaco, só pode. Poha velho se eu não concordasse, sei lá , montava uma tese neo fascista. Mas o blogueiro passa 10 minutos falando sobre como incomada as pessoas com alguma dignidade terem de ouvir essas merdas dessa molecada tresloucada e vem os tresloucados darem opinião no que o cara falou.
    Ahhh fala porque é rico….Ahhh é vegano, bicho grilo… Tenho a impressão que o citado piloto deveria queimar toda grana que ganhou com seu TALENTO ÚNICO e magistral, para poder dar opinião sobre as merdas que vê no mundo. Porque os súditos da Damares ficam ofendidos, como se fossem Madre Tereza e ajudassem qualquer semehante no mundo. Poha velho eu deveria torcer pra outro esporte 90% dos torcedores dessa merda são filhos da puta de extrema direita, nazistas, fascistas e sem um mínimo de caráter.

    • Alex disse:

      Pois é, e não adianta…. essa turma é imune, não só a argumentos, mas à realidade que está diante de suas fuças. O jeito é largar mão de tudo e salve-se quem puder. Deixar os doentes mentais defenderem e elegerem nazistas, lunáticos e assassinos, defenderem a destruição do meio ambiente, defenderem empresas inescrupulosas, defender todas as m…. possíveis e imagináveis. Muito provavelmente, os primeiros atingidos serão eles. Assistiremos de camarote

  8. Fabio FC disse:

    Com muitos milhões no bolso e uma aposentadoria nababesca garantida é facil, muito fácil ter vontade de largar tudo. Quero ver com 13k anuais e uma família para sustentar.

  9. Luiz disse:

    As pessoas precisam se respeitar.
    Tá todo mundo doido. Inventaram esse negócio de DIREITA x ESQUERDA para justificar o errado. Se um fez algo errado, o outro pode fazer também. Infelizmente essa é a ética e moral de muitos brasileiros atualmente. Não tem problema fazer coisas erradas, por que o outro também fez. Mediocridade pura.

  10. Fabio disse:

    Não teria sido uma reação aos búlgaros neo nazis no jogo contra a Inglaterra?

  11. RAFAEL PIQUEIRA CHININI disse:

    como ja disse, ta cada vez mais riponga!
    eu acho incrível que cada um seja oq quiser, vegano, gay qualquer coisa. é ótimo, mas tem gente que entra num vício, parece que o cara ta em uma seita, em uma religião e começa exagerar em tudo relacionado a isso.
    “tenho vontade de largar tudo” oh!! que drama. todo mundo já teve momentos filosóficos desses, ele só decidiu compartilhar com o mundo um momento que estava divagando.
    Se ele se importa com certas coisas, que ótimo também vá atrás e faça algo. influencie as pessoas mesmo. mas acho muito drama

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *