ME DÊ MOTIV

RIO (acho que o Tim não entraria) – Esse aí é o Motiv, projetado pelo genial Gordon Murray. Elétrico — claro –, autônomo (eu não embarcaria), urbanoide (um passageiro), seguro (40 km/h de máxima), para distâncias curtas (autonomia de 100 km), algo que provavelmente veremos nas ruas em futuro breve e que nunca poderá ser comprado. Essas coisas serão requisitadas por aplicativos, como os patinetes e as bicicletas do Itaú.

Não acho que seja muito diferente que uma Romi-Isetta, um Gurgel Supermini ou um Smart, mas vá lá.

A propósito, patinete é masculino?

[bannergoogle]

Comentários