ALL BOM

SÃO PAULO (moleque da paz) – Depois do terremoto de ontem no mercado de pilotos, com as idas e vindas — longe de terminarem — entre Piastri, Alpine & agregados, o dia amanheceu hoje na F-1 com o aviso nas redes da Williams: “Anúncio oficial às 15h”. No caso, para nós tabajaras, 11h. Não que se esperasse muita coisa, mas quem sabe um segundo piloto…

Bom, foi apenas a confirmação de Alexander Albon, 26 anos, para mais algumas temporadas, num contrato, como gostam de dizer, “multianual”.

O melhor, mesmo, foi o que Albon colocou na sua conta no Twitter:

Depois do chiste, Piastri tuitou pela primeira vez desde ontem. Mandou parabéns para o colega.

Sobre o tailandês, faz um campeonato honesto na Williams, com três pontos marcados até agora — um décimo na Austrália e um nono em Miami. Todos conhecem sua trajetória: Toro Rosso e depois Red Bull em 2019 — naquela fase em que nas hostes energéticas troca-troca era algo muito comum –, Red Bull de novo em 2020, exílio no DTM em 2021 e realocado na F-1 neste ano, ainda sob contrato rubro-taurino.

Até hoje se questiona muito a decisão da Red Bull de dispensá-lo ao final de 2020, depois de um aceitabilíssimo sétimo lugar no Mundial com pontos em 12 das 17 etapas e dois pódios — terceiros lugares em Mugello e no Bahrein.

Albon é bom piloto, bom menino e merece estar onde está.

Subscribe
Notify of
guest

14 Comentários
Newest
Oldest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
SulIvan
SulIvan
1 ano atrás

Sempre gostei do ALLBON, ele já encarou gente grande nas pistas

Edson
Edson
1 ano atrás

Acho até que ele merecia um lugar numa equipe melhor que a Willians, mas é o que tem pra hoje

Barreto
Barreto
1 ano atrás

Wiliams foi bem ligeira e não deu chance para a Alpine ciscar no seu terreiro.

Gustavo Castor
Gustavo Castor
1 ano atrás

Esses caras fora das pistas devem ser amigos e um tirar onda com o outro. Só esquecem que tem uns milhoes de seguidores.

Rodrigo
Rodrigo
1 ano atrás

Red Bull desperdiçando um talento, que nem fez com o Sainz. Ele é muito melhor que o Tsunoda, era para ele ter corrido na Alpha Tauri ano passado, e nesse ano também. Faria uma dupla forte com o Gasly. Se a Red Bull queria agradar a Honda colocando o Tsunoda na F1, que colocasse ele na Williams.

Bruno Wenson
Bruno Wenson
1 ano atrás

Para a Red Bull a decisão foi acertada. Perez se mostrou excelente escudeiro e ajudou demais na conquista de Verstappen.

Chagas
Chagas
Reply to  Bruno Wenson
1 ano atrás

Perez foi o unico culpado da RBR perder o titulo ano passado.

Cesar
Cesar
1 ano atrás

Claro que não foi de propósito, mas a carreira de Albon foi extremamente prejudicada por Hamilton. Ele ficaria no pódio no Brasil e ganharia aquela corrida na Áustria, o que daria outro rumo pras coisas.

fernando
fernando
1 ano atrás

Alem de aparentar ser um cara gente fina, tem bom humor….

Leo
Leo
1 ano atrás

Esse “moleque” é bom… ainda bem que o moedor da Red Bull só arranhou um pouco

murilo
murilo
1 ano atrás

Hamilton destruiu a carreira do Albon em dois atos: No Brasil em 2019 e na Áustria 2020. O episódio do Brasil foi criminoso, mas foi o Hamilton né?

murilo
murilo
Reply to  murilo
1 ano atrás

Duas Hamiltonzetes não gostaram.

Edu Zeiro
Edu Zeiro
Reply to  murilo
1 ano atrás

Tem certas pessoas que, ao se depararem com opiniões contrárias, partem para a agressão gratuita, pois sem qualquer fundamento em argumentos. Infelizmente, o número delas está cada vez maior, certamente influência da ignorância que hoje tomou conta (literalmente) do poder. Felizmente (e isso aqui mesmo, pouco acima) ainda tem gente capaz de manifestar praticamente a mesma opinião, com a diferença de que foi de forma racional e elegante.

ze otavio
ze otavio
1 ano atrás

Boa, Albon! Congrats!