MENU

quinta-feira, 6 de abril de 2006 - 19:52Colunas Warm Up

Já ia esquecendo…

SÃO PAULO (silence like a cancer grows) – Hoje é quinta, dia de coluninha Warm Up. Por essa ninguém me manda embora…

10 comentários

  1. João fortão disse:

    Isto é para ele ter desculpas quando cobrarem dele porque não andou bem, aí ele dirá que não teve tempo para treinar e por isto o seu péssimo rendimento. Flávio, você tem toda a razão, você é jornalista e tem que falar o que pensa e se o que você pensa é a realidade e muitos não gostam o problema é delas. Tá chegando a hora deste bunda mole se aposentar.

    João fortão

  2. Renato disse:

    é por isso que a f-1 vai virar a formula renault…aquele lixo…
    ah, soh comentando, a idéia dos bandeirinhas de pato donald da coluna anterior foi a melhor!! hauhauah

  3. Maurício Morais disse:

    Você estava ouvindo Paul Simon & Garfunkel né cara. Bom gosto musical. Vc é um cara fino mesmo. Acho q hj em dia quem ouve esses caras é só a gente viu Flavão.

  4. cassio souza disse:

    Eu continuo dizendo :
    34 a 36 carros ( 17 ou 18 equipes )seria o ideal . Mas somente 13 equipes poderiam largar .
    Poderia existir uma pré – classificação na sexta reunindo da 6º equipe colocado do ano anterior até a última ( + ou – 26 carros ) dispuntando apenas 16 vagas para o treino de sábado .
    Acho que isto tornaria o treino de sexta muito interessante .
    Acho também que deveira voltar a regra de 107% acima do tempo da pole o piloto ficaria fora do Grid .
    Isto evitaria por exemplo , a largada dos IDE da vida

  5. Rubinho disse:

    Facismo não, comunismo. Pois ele quer que mais gente se integre à categoria, deixar mais ‘social’. Se ele fosse Facista ele talvez diminuísse a quantidade de equipes e fosse mais exigente. ;)

  6. Joel disse:

    É a ‘NASCARização’ da Formula 1. Que os deuses da velocidade ajudem a nós pobres fãs, porque o fascista do Mosley vai conseguir %[email protected]$&@#com tudo.

  7. Rafael Ramos disse:

    Mas a logica é simples..
    Quanto mais voce vence, mais exposição na midia. Mais exposição na midia, mais patrocinadores. Mais patrocinadores, mais lucro…
    E um grid de uns 28 carros seria bem interessante! Podia voltar também a época em que podia ter equipes com apenas um piloto…

  8. Pedro F2006 disse:

    FG, a sua picardia e incitação à polêmica escancarada deve encher de orgulho seus mestres da Cásper.
    Como piloto, você é um grande, por incisivo, cruel, abrasivo e polêmico, Jornalista.
    Com J de piloto de DKW . Valeu

  9. Pedro Jungbluth disse:

    Bem, Ron Dennis disse certa vez que o orçamento que uma equipe é sempre igual a tudo que ela puder arrecadar.

    Quer dizer, com o fim da propaganda tabagista tem gente dizendo que os Autódromos (!) vão ter que pagar o dinheiro que faltar.

    Ora, se as equipes grandes vão ter 500 milhões para gastar em 2008, elas vão gastar de qualquer jeito. Independente de regras.

    Mas assistimos uma F1 onde se acredita que fabricando menos unidades de motores reduz o custo de participação.

  10. antonio purri disse:

    quanto custa se inscrever ? Duvido que exista ‘pacotes financeiros’ integralmente fechados para 2007 . O que deve existir é ‘parte importante’ fechada , com outra parte ainda por fechar . Tem gente que se inscreveu com 90% do orçamento fechado , e tem gente que se inscreveu com 20% , numa mistura de risco e blefe . E ainda acho que pode ter tido gente que se inscreveu pra poder vender a inscrição pra algum atrasado arrependido … Pessoalmente eu duvido que farão regras que ao mesmo tempo sejam próprias à F-1 ( tecnologia , desempenho , etc ) e também ‘imunes’ à ação do dinheiro . Na brecha que deixarem ( sempre há , engenheiros e advogados são mestres em achá-las ) , nego põe 100 milhões de dolares e arranca 1 décimo , que é o suficiente pra ganhar o título de pilotos e o de construtores . Pra mim este papo de redução de custo nada mais é do que uma jogada pra poder fazer com que os mesmos % que vão para as equipes signifiquem o dobro de lucro , não pelo aumento da receita mas pela redução da despesa . É teatro pra ingles ver . No fundo acho que apenas pressão nas montadoras pra faze-las acreditar que a F-! existiria sem elas e com isto faze-las aceitar o atual pedaço do bolo que o B.E. se dispõe a dar . Daí um monte de oportunistas , aproveitando o fato de não terem de pagar o ‘pedágio’ de 48 milhõezinhos cobrados antecipadamente para quem quiser fazer parte da divisão do bolo , fazem inscrições . É esperto de um lado , esperto de outro . Sei lá se a F-1 conseguirá se manter tão popular e interessante conviviendo com este tipo de disputa paraela aos carros… O fato de ter equipes que gastam 100 milhões numa rebimboca da parafuseta que rende 1 décimo mostra que o desejo de vencer ainda é maior do que a ganancia pelo lucro …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>