MENU

sexta-feira, 14 de abril de 2006 - 12:46Imprensa

Um de nossos gênios

SÃO PAULO (fechado para o feriado, volto segunda) – Angeli é o maior cronista de costumes do Brasil. Com suas tiras de poucas palavras e expressão infinita, tem contado nossa história diariamente há sei lá quantos anos, mais de 20, com certeza. Como os Mutantes, é um mutante, que escancara sua perplexidade diante do mundo desenhando.

Uma tirinha dessas (a de hoje na “Folha”, que reproduzo abaixo) vale mais do que qualquer ensaio sobre a velocidade do mundo de hoje, a necessidade que um quarentão ou cinquentão tem de se manter atualizado sobre tudo o tempo todo (o segundo quadrinho é, por si só, um tratado), e a total inutilidade da maioria das coisas que muita gente acha que é essencial.

Essencial é, por exemplo, fazer o que farei daqui a pouco: pegar meu Karmann-Ghia e descer a serra pela estrada de Santos.

63 comentários

  1. Rikho disse:

    E eu que nem sabia que era politicamente incorreto… de qualquer maneira, obrigado pelo comentário bem humorado. Quem dera fosse sempre assim.

    Abçs

  2. Toty disse:

    Esse Má-Carto, Macacao, sei lá…
    Que figurinha mais idiota!!!

  3. Toty disse:

    Ao Máximo.
    Obrigado pela tolerância.
    Mas critica o que discorda, isso não ofende (vindo de gente educada) mas nos ajuda a evoluir.
    Um abraço.

  4. Pedro Jungbluth disse:

    Como disse, não estou no lado de ninguém, mas concordo que um pouco de pimenta no feijão trás acalentos em noites frias (hoje uma!).

  5. Máximo disse:

    Pedro e Marcato

    na maioria das vezes não concordo com o que escreve o trio-de-ferro
    Rikho, Askajo e Toty, mas sou obrigado a concordar que o estilo politicamente incorreto do trio já faz parte do ambiente do blog…

    relaxa…
    os caras são umas figuras… (no bom sentido)

  6. Rikho disse:

    Até que nao, Silvânia. O problema é que a maior parte está mais pra fofoca, tipo essa especulaçao toda em cima do Alemao e do Kimi. Ao final, nao faz muito sentido a gente discutir isso, pois nao há uma só informaçao sólida a respeito. Logo, o jeito é a gente escrever abobrinhas…

    Abçs

  7. Silvânia Silvia disse:

    Tá faltando assunto………

  8. Rikho disse:

    Pôxa, pseudo-intelectual de 5a categoria foi forte, magoou! Snif. Acho que depois dessa jamais poderei me recuperar de novo…

  9. Marcato disse:

    Pedro Jungbluth,

    Vc é um comentarista admirável. Gosto de suas idéias e seus posts. Mas é lamentável que ainda existam pessoas que externem opiniões como as do Sr. Rikho. Pelo menos dão motivo para boas risadas…

    Continue, Pedro, não caia no npivel desse pseudo-intelectual de 5ª categoria.

    Abs

  10. Pedro Jungbluth disse:

    Não estou no lado de ninguém. Me incluam fora dessa!
    (sempre quis dizer isso)

  11. Marcato disse:

    Rikho, menos… Menos…

  12. Rikho disse:

    Ah, é Marcato… e eu que pensava ser MacChato… aliás, pelo tom furioso de seu último post, imagino que vc vestiu a carapuça dos idiotas, a quem eu tinha me referido. Muito bem, vc comprovou o que eu disse! Beijundas procê, viu?

  13. Marcato disse:

    Rikho, Toty e demais da laia…

    Querem encher o saco? Então encham… Mas façam como o Pedro Jungbluth, que pelo menos diz coisas aproveitáveis e com sentido.

    Lamento que este blog, tendo sido criado por uma pessoa do mais alto nível como o FG tenha de ser frequentado por “gentinha” como vcs dois. Gostaria que vcs tivessem a DECÊNCIA de sumir do mapa, junto com seus comentários medíocres e insossos. E quem sabe o nível desses debates melhoraria consideravelmente.

    vcs não sabem por que peguei no pé dos dois? Vou explicar: desde que li o nome das duas mariposas (Rikho e Toty) pela primeira vez, fui obrigado a acompanhar um sem número de besteiras, uma estupidez sem tamanho, uma verborragia fútil e sem conteúdo nenhum, que estampa as páginas deste blog (em especial o Rikho, essa anta-mor do clube dos Nerds)

    Olha aqui, se vcs quiserem atulhar a Internet de abobrinhas, criem seus próprios sites, suas próprias páginas. De hoje em diante, me recuso terminantemente a ler o monte de cretinices que as duas escrevem…

    E encerro apenas citando o célebre Nelson Rodrigues: “Vão se fo….”

    Antônio C. Marcato (MARCATO, Ok, Toty, sua besta?)
    RJ – Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *