Interlagos, 1976

SÃO PAULO (que poeira!) – Este é para quem tem mais de 30. GP do Brasil de 1976, vitória de Lauda em Interlagos, estréia de Emerson na Copersucar.

O que me chama a atenção nessa F-1 de 30 anos atrás é a beleza dos carros. Um diferente do outro. Conceitos diversos, criatividade explodindo. Hoje, se pintarem todos os carros do grid de branco, vai ser difícil distinguir qual é qual.

E Interlagos… Bem, basta dizer que aquelas zebrinhas do Sol, pelo menos elas, ainda estão lá.

Dica enviada pelo blogueiro Márcio Batista.

Comentários

  • Como ainda não era nascido, tenho que me contentar hoje com as zebrinhas da curva curva sol, as curvas 1 2 e 3, ferradura.

    Quando estou em Interlagos acho que olho mais pra elas que para o que acontece pelo resto do circuito. Fico imaginando como devia ser incrível ouvir os Ford, Matra e Ferrari andando juntos. Ver o Peterson fazendo o Sol atravessando.

    Pelo menos os vídeos ajudam.

  • Pegando carona no comentário do Thiago sobre a beleza dos carros: e ainda havia o requinte do FD04 usar 2 bicos completamente diferentes, como outros carros da época.

    No mesmo You Tube tem o GP Brasil 75, muito bom também.
    A única vitória do Pace, a despedida do Hill, a última corrida do Emerson em Interlagos com carro competitivo, a segunda e última pole da Matra e do Jarier, uma das últimas corridas da Lotus 72, a última temporada da Hesketh, a primeira corrida oficial do Copersucar no Brasil, a última corrida de F1 do Wilsinho no Brasil, vale a pena dar uma olhada.

  • Se voces levarem em conta , que hoje em dia é praticamente impossível sequer achar o número de um carro…..

    antigamente havia estilo, autenticidade…. Hoje em dia é tudo é asséptico, pasteurizado. Até o estilo

    Fera demais as entradas de ar….harmonizavam muito o conjunto. Esse Copersucar de 76, junto com a Ferrari 312T, e o Brabham do Piquet em 81, e a mercedes W196 do fangio, são os carros mais bonitos de todos os tempos; Na minha modesta opinião.

    Abraços. Bons tempos. Nasci na época errada. Justamente nesse ano do vídeo….

  • Um ou outro Carro era esquisitão, mas infinitamente mais bonitos que os 22 Gêmeos que alinham atualmente. É só pintar tudo da mesma cor que a gente só descobre se eles estiverem parados.

    Romeu, também não me vi, mas estava ao seu lado nas arquibancadas e também sem camisa.
    Bons Tempos e melhor ainda era voltar pro Rio descendo a mamona no meu Chevette 1.600 feito pelo Silpo aí em SP.

  • Eu tava lá!
    Que delícia torcer para um campeão brasileiro que corria com seu próprio carro brasileiro.
    Melhor ainda, ver Ferrari, motor Matra da Ligier, Brabham Alfa, lindíssima. A cor da McLaren, nesse ano, era horrível.
    Mas acho que a mesmice da aerodinâmica de hoje é fruto da entrada das grandes corporações, com seus ‘sistemas de gestão’, ‘business plan’, compromissos com metas e resultados burrocráticos.
    Queria ver alguém convencer o Colin Chapman, o Guy Ligier, o Gordon Murray e outros a NÃO serem criativos.

  • Realmente a diversidade dos carros era grande, mas tinha modelos feios. Aquela entrada de ar parecendo uma chamine era horrorosa, comparavél as ORELHAS das BMW. Coisa interessante foi os mecânicos da Ferrari sem camisa colocando a carenagem no carro do Lauda.

  • Bons tempos!
    A diversidade de estilos era estupenda.Assisti a essa corrida do Retão e me chamava a atenção as tomadas de ar imensas.Lembro-me que quandos os carros desciam do Sol para o Sargento,quem mais aparecia eram as Ligier,que eram chamadas de Bule.
    Abraços….

  • Lindo, lindo.
    Rever aqueles carros, Brabhan, Lotus, Copersucar, March, Tyrrel, pilotos que se foram, Lella, Hunt, Pace…
    E até eu na arquibancada sem camisa comemorando a vitoria do Lauda com a rossa.
    Eu não me vi, mas que eu estava lá estava…

  • este vídeo é muito bom mesmo!!!! mas como todos dizem: “àguas passadas não movem moinho” bola p/ frente. E por falar em futuro, acabei de receber o meu ingresso do GP-Brasil via correio!!!! Ha! ha!

  • Sem duvida Gomes, hoje em dia o desenho dos carros são quase identicos, negocio mais sem sal!
    Este video é sensacional, olha só o macacão do Emerson logo no começo,lindo!
    A diversidade dos desenhos dos carros era demais, aquela Brabhan-Alfa Romeu era linda, o bule de chá da Ligier-Matra era autentico, feio pra K….,as Ferrari,Shadow,Surtes,March etc.
    Dava pra diferenciar os carros de longe, sem falar que os capacetes dos pilotos eram mais diferenciados entre si também, hoje em dia o desenho tem que ser pensado de modo que não atrapalhe o patrocinador, não dá!