Virem-se

SÃO PAULO (assim não dá) – O alerta me foi enviado pelo blogueiro Alex Noga. Diz ele que há duas semanas busca informações sobre a venda de ingressos para a última etapa da Stock, domingo em SP. Pelo site da categoria, esquece. Clique em “ingressos” e receberás a mensagem “em breve”.

Em contato com a Vicar, empresa que organiza a categoria, Noga foi informado de que entradas, só no autódromo no dia da corrida.

“Não me conformo que a categoria que se intitula a melhor, mais organizada, mais disputada e mais tudo do Brasil tome uma atitude ridícula dessas”, reclama, com razão.

Não serei eu a ligar para a Vicar, até porque domingo não vou à corrida (tenho uma festa de aniversário importantíssima para organizar). O Noga já ligou, não tenho razão nenhuma para duvidar dele.

Sei que alguns “stockianos” frequentam este pobre blog. Se tiverem alguma informação extra, o povo agradece.

Comentários

  • Desorganização total. Tem que comprar o ingresso na hora, ai você fica na fila do estacionamento para dentro do autódromo na hora que chega na entrada eles pedem o ticket que tem que ser comprado no guichê, ai a pessoa que está com vc do lado desce correndo pra comprar os ingressos e o ticket do estacionamento. Agora, imaginem a situação, cada carro parado na porta esperando o parceiro comprar os tickets no guichê que já tem aquela P…fila. Caos Total…..sem falar que for sozinho, desce do carro pra comprar. No Coments

  • Moçada,
    Acabei de chagar da rua , a trabalho lógico, 14:00, e vi um outdoors nas ruas chamando a Super Final com 5 pilotos disputando. Local>>>>>>> na Globo.
    Ou seja, é para ver em casa e não no autodromo, porque, como sempre os melhores e quase todos os lugares, são reservados para os patrocinadores, com seu remédios, seus celulares, seusprovedores de internet, etc etc etc.
    Para quem paga, normalmente se espreme, ~já fui em várias, até ganhei camiosetas e bonés, mas nem sempre é facil. Estcionar então, já sabe, flanelinha.
    Quer saber, vou fazer como pede o outdoor, ver na Globo,
    …..e depois para ver corridas vou de graça, na SuperClassics, com direito a Farnél e muita, mas muita coisa boa.

  • Deve ter alguma mão grande ai nesta história, porque nas outras etapas (aqui em Curitiba pelo menos é assim) a venda é feita nos postos da Texaco, sem problemas e sem stress. Provavelmente deve ser mais fácil desviar a grana vendendo na base do tumulto. Mais um grande ensinamento que o futebol dá ao automobilismo.

  • No Rio foi o seguinte: Sexta e Sábado entrada gratuita, Domingo, R$ 15 a descoberta e R$20 a coberta. Eu cheguei lá 9 horas de domingo( já tinha tentado comprar o ingresso sábado mais a bilheteria tava fechada…) e comprei um ingresso d estudante d um cambista em frente a bilheteria pelo preço normal….além disso fiquei uns 20 minutos na fila, a 1º parte da arquibancada coberta era só para patrocinadores e apenas a última parte das cobertas é q tinha espaço livre….mas acho q valeu a pena……

  • Faz duas semanas que entro no site oficial da Stock, e nada dos ingressos. Eu queria pelo menos levar meu filho para ver os treinos, por que vai ser duro levar ele no dia da corrida, com a multidão que vai estar lá. Será que não vendem ingressos para os treinos? Parabéns ao organizador pela (des)informação do público interessado na prova.

  • Também queria os ingressos…Essa Stock está me saindo uma aprendiz de TC2000 metida a NASCAR.Por que eu quero ir lá?Pelo mesmo motivo motivo que ao asisto a sátiras no cinema-Hoje em dia,ela é uma sátira do automobilismo…

  • Meus caros,

    Eu também estou tentando comprar ingressos para a corrida, mas a informação que tenho é que só no dia da corrida, no autódromo.
    Assim fica difícil. Não é possível que uma categoria que lota autódromos não se dê ao trabalho de ter um esquema de distribuição mínimo que seja.
    Só falta eu chegar em Inerlagos no domingo e dar com a cara na porta.

  • Na verdade, não é a primeira vez que isso acontece.
    Normalmente, sempre fica a mensagem – ingressos disponíveis no autódromo no dia da corrida – porém… você pode chegar la é com certeza irão informar que já estão esgotados!
    É uma falta de respeito, porque a maioria das arquibancadas fica destinada para os patrocinadores, que distribuem ingressos à funcionários, clientes e muitas outras pessoas que sequer gostam do esporte, sequer irão a corrida (conheço pessoas próximas que não foram na F1 porque iriam pescar no dia… )
    E no meu caso, que tenho direito a entrada de estudante, não tem, nunca tem. Incrível, só devem entrar adolescentes lá, né?
    Seria mais facil eles publicarem no site – ingressos na mão dos patrocinadores, quem tem, ótimo; quem não tem, sinto muito – é revoltante, esse Carlos Col tem muito o que aprender pra organizar essa categoria decentemente.

  • Também estou encontrando dificuldades para descobrir o local da venda dos ingressos para o Desafio Internacional de Kart, aquele organizado pelo Felipe Massa que vai acontecer aqui em Florianópolis.
    No site dele não fala nada… enfim, se alguém souber de algo, agradeço desde já.

  • Eu não perco o meu tempo indo assistir ao vivo duas categorias no Brasil: a Stock car e a formula Truck, que aliás, esta semana, corre aqui em Brasília e por vários motivos, entre eles, autódromos extremamente cheios, uma quantidade absurda de propagandas encobrindo a pista, placas onde se vêem tudo, menos a prova. Prefiro ficar em casa e assistir pela TV, não me estresso e tenho todas as informações e imagens de todos os ângulos.

    Jovino

  • Na ultima etapa que teve em Interlagos, eu cheguei por volta das 7h30 e comprei ingresso sem nenhuma fila.
    Se for como a outra, 25 mangos de entrada; acima de 60 anos na faixa (para os matuzas) e crianças tb não pagam.

    abs

  • Eu desencanei de assistir corridas da Stock ao vivo. Concordo com todas as críticas que são feitas à categoria neste espaço, mas as corridas são legais de se ver no autódromo, muitos carros, motores V8 e etc.
    Acho que há uns dois anos atrás tentei comprar os ingressos antecipadamente e não consegui, fui para o autódromo no domingo cedo porque a Globo ia transmitir, isso significa ter que acordar muito cedo no fim de semana, e também não consegui nas bilheterias. Há um esquema que se paga o preço do ingresso para uns cambistas e te liberam para entrar com um ingresso já usado, sem filas, ou seja, evasão de renda. Tudo com a conivência de todos que estão ali trabalhando (porteiros, seguranças). Nesse dia eu desisti, São Paulo tem muita coisa melhor para se fazer do que isso. Mandei um e-mail para os organizadores e nunca me responderam, o que foi ótimo para confirmar que tomei uma decisão correta.

  • Engraçado,
    Acabei de ligar para um amigo , que jura que já está com 2 ingressos. Como ?
    – Comprei de um cambista ! ele respondeu….
    Muito estranho isso…..
    Será que vc tem como ver isso para a gente FG ?
    Abraços

  • Esse descaso já é antigo. Resolví levar meu filho para conhecer a Stock , na época que as bolhas ainda eram do Vectra. Fomos cedo porquê eu queria ver o warm-up. Chegamos antes das 8:00 horas já tinha uma baita fila, os guichês, ridículos por sinal, fechados e os cambistas já vendendo ingresso para estudante ali na cara dura. Eu argumentei com o cambista que eu não era estudante, aliás era só olhar para mim que ele ia descobrir isso, e ele me disse: Ha, isso não têm importãncia. Eu vou com voces até a portaria e vocês entram numa boa. Ou seja os guichês deveriam estar abertos antes das 8 horas, mas não estavam porquê eles esperam os cambistas trabalharem antes. Aliás, nunca mais eu fui.