MENU

domingo, 30 de novembro de 2008 - 12:39Automobilismo brasileiro, Futebol, Kart

RACING DAY

SÃO PAULO (e eu no Morumbi, argh) – Acabaram as principais temporadas do automobilismo mundial, mas este domingo é um autêntico racing day no Brasil. O Desafio das Estrelas foi bem legal, esses caras todos são excelentes pilotos e Barrichello, no kart, é um dos melhores do mundo até hoje. Vi a primeira bateria pela TV e foi fantástica. Schumacher deu um rodão e levou um porrão (do Rubinho!), Liuzzi mostrou velocidade e ingenuidade, Di Grassi foi bem, mas resistiu pouco a Barrichello, e o Jeff Gordon teria dificuldades para andar com nossa turma de jornalistas depois de um churrasco. Depois vocês me contam, aqui mesmo, como foi a segunda bateria.

Em Interlagos, GT3, F-3 e Copa Clio, tudo no mesmo fim de semana. Não sei como está de público, mas pelo menos a GT3 publicou alguns anúncios em jornais. Ontem mesmo Mattheis e Negrão conquistaram o título. Se alguém aqui foi, que conte como foi.

E no Ibirapuera, aqui do lado, Nelsinho andou de F-1 na av. Pedro Álvares Cabral, tinha bastante gente, mas também não fui, porque tive de fazer café da manhã para cinco moleques que dormiram aqui em casa, os dois e mais três agregados, e acabou a manteiga e o pão de fôrma em coisa de dez minutos, e não sei como é que essa molecada consegue comer tanto e fazer tanta zona.

Meu racing day, portanto, nada teve e nada terá de velocidade, porque entro no ar daqui a pouco e vou até de noite no jogo do São Paulo. Que, segundo um amigo meu, só não foi campeão duas rodadas atrás por causa do Corinthians. Porque se estivesse o Corinthians na Série A, teriam sido mais duas vitórias, já…

Esses são-paulinos são insuportáveis.

122 comentários

  1. Luizinho Gruber disse:

    Parabens pela iniciativa do Felipe Massa e tambem para todos os participantes do evento. Mais uma vez o Sr. Barrichelo deu suas mancadas verbais, mostrando claramente sua insegurança e insatisfação pessoal. Uma corrida de automovel é feita de ultrapassagens que, em algumas situações, geram encostões, batidas e sempre alguem é prejudicado, mas como aos carrinhos e faltas no futebol, tudo isso faz parte do esporte. O lucas di Grassi, nem o Schumacher tentaram deliberadamente tirar o coitadinho do Barrichello da pista, “son carreras”, nada demais…a impressão que deu é que ele é um piloto medíocre, inaceitável para um vice-campeão mundial de F1. O Barrichello é um baita piloto, extremamente competente, bom acertador de carro, mas, como em outras inúmeras vezes, deveria fechar a boca antes de falar merda…

  2. Eduardo Dias disse:

    Opa, Filipe, falha minha, pensei que os caras tinham corrido todo o campeonato de Ford GT, por isso fiz a conta de 12 vitórias.

    Vou realmente torcer para que as coisas se equalizem, pois é bem legal ver os carros acelerando, e eu sou fã das “banheironas”, os Viper.

    Abçs

  3. Filipe disse:

    Eduardo, eu concordo que os Fords sejam mais rapidos e que a categoria precisa trabalhar para reduzir a diferença. Discordo de que isto resulte em não ter disputa e como eu disse o Alceu venceu 3 vezes este ano e so não ganhou uma quarta porque o carro teve problemas (alias os Ford ganharam 11 e não 12 corridas, a primeira vitoria da dupla da Medley foi num Viper). Os pilotos não são melhores para justificar esta diferença não, mas é bom lembrar que o Negrão e o Mattheis foram campeões ano passado sem a ajuda do Ford. Acho que muito maior que a questão do carro é a questão da grana, as duas equipes que correm de Ford tem um orçamento muito mais gordo que o resto do grid (alias se a Medley ganhar a ultima etapa da Stock a porcentagem de vitorias deles na categoria vai ser maior que a dos Fords na GT), inclusive teve um terceiro Ford na etapa de Jacarepagua que foi bem mal e chegou fora dos pontos nas duas provas.

  4. Adriana Greco disse:

    Fui no evento da Renault, adorei. Uma mordomia. O HC estava ótimo. Gostei de tudo. Ganhei beijinho do Nelsinho. Ver aquele F1 a mais de 250 km/h foi um otimo combusivel pra começar a semana, fora o cheiro de borracha queimada, os ouvidos coçando por causa do ronco do carro….sensacional.
    Qto ao desafio o que não gostei foram os comentarios do Rubinho sobre a fechadas que disse ter levado do Di Grassi e do Shumi. Triste de ouvir….todo irritado….anda nervoso o rapaz.
    Da GT3 tenho a dizer que adorei o Xandy e o Andreas terem ganho….e acho que a Ferrari deveria dar suporte aos carros da categoria.

  5. Cassius Clay Regazzoni disse:

    Tá com ciúmes WTF, tá com peninha, leva o Rubinho pra casa!!!

    Como esse é um espaço democrático, acho que posso comentar o que quiser, não vai ser um fã do ridículo Barrichello que irá me impedir!!!

    Faz o seguinte WTF: senta na frente do seu computador e chora igualzinho o Pé de Chinelo, quem sabe ele não vai fazer um cafuné em você….

  6. vando monteiro disse:

    bem, estive em interlagos os 2 dias acompanhando as provas…
    meu destaque vai em especial pra 2 tópicos…
    no sábado o público não deve ter chegado a mil pessoas, pouquissima gente e isso pq um tablóide de grande circulação dava um cupom com direito a 2 ingressos trocados na bilheteria do autódromo… uma judiação ver um evento com 3 categorias com mais gente nos boxes que na arquibancada…
    já no domingo, o público foi bem maior (por causa dessa promoção que falei acima, o que não deixa de ser válido) mas aconteceram coisas interessantes…
    como já foi dito acima, flanelinhas querendo enfiar a faca sem anestesia cobrando 30 mangos por uma vaga pública (será que CET e polícia não veem isso) sendo que no autodromo o estacionamento era 15 mas não havia informação necessária sobre isso…
    já sobre as provas em si, realmente os carros são lindos, é um outro tipo de espetáculo em relação aos carros idênticos da stock, realmente os FORD GT sobraram, mas aqui vai um registro que ninguém fez…
    o único cara que fez frente ao GT do Xandy Negrão foi o alemão, o grande Ingo Hoffmann (tinha que ser ele), deu um show na prova de domingo, o carro do Xandy largou em último e foi passando um monte de gente de todas as formas, mas quando ele chegou no Ingo não passou nem por decreto, o Ingo com um Lamborghini Gallardo cerca de 1 segundo por volta mais lento, foi o único que segurou o Xandy e só perdeu a posição depois de 3 voltas pq andando no limite pra segurar o FORD GT rodou na descida do lago, mas deu o show maior da prova…
    aqui vai a reverência pra esse gênio das pistas que graças a Deus vai seguir nos dando aulas de pilotagens ao menos na GT3…
    bravo alemão!!! vc é mais que demais!!!

  7. ANTONIO JUNIOR disse:

    Ah ! tem mais…o Shummy nunca ganhou o desafio dos campeões, sempre tomou taca por lá..e agora tá tomando por aqui tb…mesmo assim continuo com raiva do Barrica por causa da entrevista ridícula dele…quando não c… na entrada c… na saída…ah nem !

  8. V8 disse:

    O que eu mais gostei do Desafio das Estrelas foi ver o “Schummy” rodando sozinho. rsrsrsrsrsrsrsrsrs………..

  9. Fill disse:

    So pra vc ver… Ano passado qdo o alemao venceu ele eh o genoi de todas as modalidades! Incrivel! Ganha em tudo!!!

    Este ano que o Rubens venceu, nao vale nada, ele eh chorao, bla, bla, bla….

    Que diferença hein???

    Essa galera deveria se mudar para a Alemanha e ir babar ovo do Shcummacer

  10. disse:

    Gabriel, a falha do evento foi quando do briefing, que um flanelinha reclamando do frio e acordar cedo, invadiu nosso carro. A prova está aqui;
    http://br.youtube.com/profile?user=windflag&view=videos
    Qual tamanho da camiseta?

  11. Gabriel 3 cilindros disse:

    Com certeza o Ranult Road show foi o melhor do Racing day, e com ceteza sera considerado o melhor road show dos acho que 4 que a Renault ja fez no mundo.

    Não so o piquet Jr. fez bonito ontem com o F-1, mas os megane trophy e os mini carros da renault com pinturas de zebra, tigre e leopardo deram um show a parte, o piloto de um dos mini carros, na hora do “zerinho” saio ate do carro para agitar com a galera.

    Os antigos tb deram um show, e foram muito aplaudidos pelo publico, e dentro deles nada mais que grandes pilotos da epoca como: Bird Clemente, Jan Balder entre outros…

    Os copa Clio tb fizeram seu show, assim como a escola de pilotagem Roberto Manzini(by Renault).

    E ouvir um carro de F-1 ao vivo a 2 metros de distância cantando “Brasileirinho e Parabéns pra Você”, foi sensacional.

    Bom resumindo foi um evento pra fechar o ano bem, muito bem organizado, tive o privilégio de trabalhar nesse evento na aréa dos carros antigos e sei o sufoco e correria que foi mais valeu muito a pena, a Renault está de parabéns.

    Se precisar de detalhes FG e fotos do Road Show so falar, vou receber o material oficial do evento, e aguardo minha camisa do 96# na terça no nosso desfile dos fumacentos dia 9/12.

    Abraços

  12. João disse:

    Amigo Gomes, antes de mais nada, meus pêsames pela simpática Lusinha. Não merecia! E o que esses (insuportáveis?) são paulinos esquecem é que no confronto histórico direto entre Corinthians e São Paulo há uma incontestável vantagem alvinegra. Portanto, se existe alguma freguesia, eu diria que ela é oposta. Bem, mas voltemos ao automobilismo, ao Meianov, #96, etc, etc. Voltemos. Voltamos.

  13. Marcelo ao Juca disse:

    Ao Juca 01/12/2008 – 00:42

    O Senna foi grande acertador de carros? Fez da Lotus um carro Campeão em época de “vacas magras”? Em 1988 que eu saiba ele foi campeão com carro “pronto”, ou vc vai dizer que ele acertava o carro da Mclaren ainda correndo para a Lotus em 1987? O Senna comparado ao Piquet em acertos de carro não sabia nem apertar parafusos, em 90 bateu no Prost e levou o Bi, em 1991conseguiu o tri graças as inúmeras quebras da Williams onde tinha um Mansell todo atrapalhado pilotando! Em 1992 e 1993 so ficava chorando sonhando com o carro “do outro mundo” so que ele se esqueceu que pilotou um carro igual em 1988/1989! Porque em vez do Senna chorar não desenvolveu o carro entre 92/93 para 94 ser Campeão de novo, cansou né…sei! Schummy entrou na Benneton e desenvolveu o carro justamente em 92/93 venceu ate 2 corridas na frente das poderosas Williams! Ganhou 2 campeonatos em 94/95(nem Piquet conseguiu ser Campeão na Benetton). Foi para a Ferrari em época de “vacas magras” (nem Prost conseguiu ser Campeão na Ferrari) Ferrari no pódio era coisa rara, conseguiu entre 1991 e 1995 apenas 2 vitórias, o que a Ferrari não fez em 5 anos o Schumacher fez MAIS em 1996, venceu 3 corridas históricas, Espanha(pista travada com forte chuva), Monza, SPA (pistas de alta)isso com um carro inferior(vc vai dizer que o Irvine acertava o carro também?), onde as Williams venciam tudo. Foi Schummy que desenvolveu o carro Ferrari e disputou os campeonatos de 97/98/ sendo vice. Em 99 so não foi Campeão por causa da perna quebrada, Irvine chegou com com vantagens de pontos na últma corrida para ser Campeão e fracassou, Schummy ainda ajudou dando uma vitória o GP Malásia, se o alemão estivesse na disputa no lugar de Irvine o título seria seu! A evolução da Ferrari ja vinha desde 1996, ou seja com Schummy desenvolvendo o carro, o retorno veio nos anos de 2000 a 2005, e eu te pergunto: Se o Rubinho era tão bom acertador de carro, porque ele ficou na Ferrari? Porque ele não mudou de equipe para bater o alemão e mostrar para o mundo que ele era melhor com outro carro em outra equipe? O que Rubinho fez antes e depois da Ferrari? Na Jordan nunca venceu, mas outros que passaram por lá venceram. Na Stewart viu seu companheiro vencer um GP, na Honda viu Button vencer um GP em 2006, cade as vitórias de Rubinho na Jordan,Stwart e Honda? Ou sera que ele era tão BURRO que so estava na F1 para acertar o carro para os outros? Soma todos os resultados do Button e Rubinho em 2006/2007/2008 e veja quem foi melhor! Button fez pole, venceu corrida, tem mais pódios, fez mais pontos.. O Rubinho vai escrever um livro contando que na Jordan, Stwart e Honda também era prejudicado, por isso não venceu um GP nessas equipe? Em 2005 o Schummy abandonou 6 corridas e Rubinho so duas,nem assim chegou a frente do alemão na pontuação. E nem abandonando mais o Schummy ficou chorando as pitangas para a equipe. E vc ainda vem falar do alemão que fez da Benetton um carro Bi-Campeão e depois “ergueu” a Ferrari desde 1996, dando 5 títulos de pilotos fora os 6 de construtores junto com Irvine e Rubinho…ahhhhhhhh não me faça rir!!!

  14. JONAS disse:

    Rubinhozinho….ganha, chora, perde, chora…. e ainda dá aquelas tais “sambadinhas” ridículas….humpf.

  15. Rodrigo Toledo disse:

    Esse Barrichello é uma mala sem-alça (com ou seu hifem?)…mais uma vez teve uma “diarréia mental”…sempre chorando e se sentindo vítima do mundo…até quando ganha.

    Abraços

  16. Roberto Martinez disse:

    Queiram ou não, o fato é o seguinte: O Rubens é muito bom. Quem o viu andar de Kart não se espanta (penta campeão brasileiro + penta paulista+ sul-americanos, etc,etc…, acho que é isso).

  17. Jim Clark disse:

    O Rubinho tá ficando um Velho Ranzinza, reclama de tudo. Ganhou o desafio de Kart, em vez de comemorar, rir, brincar, foi falar mal do Schumacher e do Lucas di Grassi. Menos né Rubinho, um pouco de calma e cabeça no lugar não faz mal a ninguém. Toma um suquinho de maracujá e fica frio.
    Boa educação é essencial.
    Acho que devia andar de Rally, pois larga sempre sozinho e aí não tem desculpa se errar.
    Calmante e boca fechada pro Rubinho.

  18. fabio disse:

    Flávio, sem querer encontramos um destino para o Rubinho. Rubinho, saia da F.1 e monte a categoria de SuperKart, como aquela do Emerson Fittipaldi no inicio da década de 80. Garanto meu, que vais faturar todas e se divertir muito. O que voce acha hein, Flávio, não é uma boa?

  19. Eric disse:

    O Dú…o unico carro da GT3 que sai de fábrica e é parametro de comparação é o Porsche GT3.

    O resto é adaptação de oficina de preparação extra-fábrica(tem hifen???)

    Pô,o Jan está certo,mas de Fusca 1200 não tem o que fazer…..se fosse em Curitiba ou Brasilia que é plano vá lá,mas com a Junçâo aqui….nem se tomar empurrão dos outros….eu tiro tempo no miolo.
    E não vou trocar motor,porque aí tem que trocar voltagem e não é esse o intuito.

  20. disse:

    Que papagaiada. O GT-40 foi feito das pistas para a rua, o os restantes adaptados para a pista. Estão procurando adaptar para o Brasil, neguinho se matando lá e neguinho dando palpite!
    Queria ter grana para comprar um desses então, testar por aí,
    http://br.youtube.com/watch?v=lNiVDgMiExQ

    Depois ir para Interlagos.
    http://br.youtube.com/watch?v=eOE9sjsV15w

    Eric, a Porsche Mirim está pronta para Prova de Regularidade? Jan falou ontem que vc. está perdendo tempo na reta!

  21. Eduardo Dias disse:

    E ai Filipe ( 13:08h) tudo na paz véio ?

    Gostaria que o colega pegasse o resultado das 16 corridas ( 8 rodadas duplas ) e veja em quantas deu Ford GT, sendo que nas outras baratas tem pilotos do nível de Ingo, Fittipaldi, Kaesemodeo, Lossaco dentre outros…

    Só uma pergunta Filipe, você acha que os pilotos dos Ford GTs são muito melhores do que os que andam de Lambo, Viper e Ferraris ? Tá óbvio que o carro é muito melhor que os outros… e vou responder a pergunta inicial… das 16 corridas, em 12 deu Ford GT, respeito sua opinião, porém, pra mim tem alguma coisa errada.

    Abçs

    Edu Dias

  22. disse:

    Vitão, no stress, temos janeiro a descida pra Passo Fundo Tchê. Vamos virar o motor do 96, com a LuizinhoTour.
    Eric, quem ganhou a prova foi o jogo da equipe da família hahaha.
    Caio, cronomap e o maluco que fura a rg e a sportv, http://www.vertvonline.org/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *