MENU

quarta-feira, 7 de janeiro de 2009 - 20:18Carros, Fusca & cia.

CURTI

NATAL (por que não?) – Eu já tinha visto isso antes, algum blogueiro me mandou um link gringo, mas acabei perdendo. Bom, pelo jeito a moda pegou por aqui. Se chama “Rat Rod” e consiste em… envelhecer um carro até ele ficar horroroso de podre! Mas com charme. Porque a maioria faz isso em Fuscas ou Kombis, chramosos de nascença.

O barato é deixar o carro no tempo, enferrujando, detonando, sujando. Mas manter a parte mecânica em dia e colocar alguns penduricalhos como rodas bonitas ou interior caprichado. Tem um ótimo texto no site da revista “AutoEsporte”, de autoria do repórter Ricardo Tadeu, que também tem este ótimo blog.

E aí, o que vocês acharam? Eu confesso que meu lado negro da força curtiu…

79 comentários

  1. Marcio Wesley disse:

    Sou um apaixonado pelo estilo rat rod, inclusive tenho um Opala 73 – conhecido como: Blad rat rod, meu fiel amigo de longas datas….

  2. ronaldo disse:

    eu acho muito loko esse estilo, alguem saberia me dizer o nome dessas rodas e ande eu acho. valeu galera

  3. adorei o novo estilo de vcs de fusca estou muito surpreso com a criatividade de vcs sou do brasil tenho um santana gls 1989 monocromatico e gostaria de enviar uma foto para vcs e o que precisar de mim conte comigo pois veiculos antigos hoje e um robbi valeu pessoal da california mande fotos pois vi vcs na revista vcars

  4. Rogério Ferraresi disse:

    QUERO DIZER, “NÃO SABIAM DO QUE ESTAVAM FALANDO” !

  5. Rogério Ferraresi disse:

    DE FATO, ESTES VOLKS NÃO SÃO RAT RODS, SÃO HOODRIDES. E QUEM CONDENA TANTO UMA TENDÊNCIA QUANTO A OUTRA ME LEMBRA AQUELES QUE, NA DÉCADA DE 80, CONFUNDIAM CARRO VELHO COM CARRO ANTIGO, POIS NÃO SABEM SOBRE O QUE ESTÃO FALANDO.

  6. joao opalao disse:

    tenho um opala 73, faz 6 anos que tento restauralo,
    estou com um projeto de fazer um rod rats.
    o stilo dele no momento esta mais parecido com isso, ele é preto 3 machas bem poucas peças originais.
    no principio tentei fazer um hot ou low haider ou sei lá
    o que vcs acham desa minha ideia no momento

  7. Pablo disse:

    Poxa, Flávio, você é um lascado de um turrão, hein? Publicou meu comentário na terceira tentativa, depois que excluí a Portuguesa do meu texto. rarara. tá certo, tá certo.

  8. Pablo disse:

    Isso é muito mau gosto. Mas pra alguns o mau gosto é de bom gosto. Vide os caras que gostam de mulher baranga, churrasquinho de gato de estádio de futebol do interior, aguardente de jurubeba e de ouvir disco em vinil.

  9. Hamilton disse:

    o FG gostou do estilo porque em Cuba os carros são todos assim.

  10. Gerson disse:

    ja tive um fusca “zóio de sapo” tipo o branco enferrujado. O meu era azul calcinha e caindo aos pedaços, na época paguei algo em torno de Cr$ 600.000,00 e o orçamento para reforma passava de um milhão de cruzeiros, vendi em seguida. O fusca me deu duas alegrias, a primeira quando comprei sonhando em reformá-lo gastando uns Cr$ 300.000,00 mas vi que ia gastar pelo menos o tripo e a outra quando vendi para um cara que tinha o mesmo sonho.

  11. edkäfer disse:

    o Fusca Forum também interessante:

    http://www.fuscaforum.com

    este está no ar…..

  12. edkäfer disse:

    “Lado Negro da Força”? Voce andou acessando o Fusca4ever, não? No momento ele está passando por manutenção, mas em breve retorna.

    http://www.fusca4ever.com.br

  13. Paulo Junior - BH disse:

    Isso é antigo nos Estados Unidos e agora espalhou-se pelo mundo. O pessoal que curte kustom kulture prefere andar no carro do jeito que ele está, sem gastar com funilaria ou pintura. Curtem mais o passeio, garantido por uma mecânica bem tratada e menos a forma.
    No final, são mais autênticos e fazem muito mais pela memória automobilística do que os caras que compram hot rods de fibra de 500 mil dólares by Boyd, Chip Foose ou Troy Trepanier. Ou então uma Ferrari ou uma Lambo, já que não sabem a diferença. Só querem um brinquedinho novo.

  14. Luis F. disse:

    eu acho interessante sim … mas ainda prefiro os fuscas no estilo do pessoal do German Folks … aqueles sim são fuscas de babar …

    aqui no ABC um colega nosso do fusca club ABC tem um inteiro na ferrugem … sabe-se da cor original do carro apenas pelo interior …. e o detalhe mais interessnte : o carro não tem nenhum ponto de MASSA !!! tá inteirão de lata ….

  15. Bruno Abila disse:

    Isso ai é bem alternativo. Interessante pelo lado criativo.

  16. Jeambro disse:

    É só comprar um Laika desses que se vende por aí por R$ 1.500, e gastar mais um pouco num motor AP, pra não dar mais trabalho e pronto.

  17. Passatero de Santos disse:

    Outra coisa essa roda 17 é horrível e cara prefiro 1000x as originais

  18. Passatero de Santos disse:

    Vocês esqueceram de comentar a principal característica que é andar com a suspensão socada no chão, eu acho legal mas pegar um carro novo e fazer isso é besteira agora comprar um nesse já nesse estado e investir em suspensão a ar motor a ar turbo rouba a cena

  19. Sérgio Hingel disse:

    Na minha opinião, isso não passa de uma grande bobagem.É o mesmo que desfilar com uma baranga desdentada,mas perfumada, e achar que é a mulher mais linda do mundo.

  20. Fernando Marson disse:

    Google > hoodride

    É interessante, mas tem coisas mais interessantes do que pegar um carro antigo, acabar com a estrutura/suspensão deixando jogado no chão com rodas 20″, e deixar a ferrugem tomar conta(ou pintar imitando ferrugem). Mas enfim, gosto é quenem **.

  21. Pra mim isso é só falta de garagem… Pura desculpa!

  22. tiago toricelli disse:

    o tarso marques construiu um bem legal !

  23. Aham disse:

    Gosto é gosto…. lamenta-se.

  24. V. Maghetti disse:

    Lamentáááável!

    Mas não é novidade, aqui no Brasil já vi carros assim de montão, só que não sob esta “filosofia”. O sujeito tem pouco $$$ para gastar no carro, e prefere gastar em rodas bacanas e outros penduricalhos, do que na revisão do sistema de freios, bons pneus, e outros itens “pouco importantes”…

    Mas… cada um é cada um, gosto não se discute, lamenta-se!

  25. iverson disse:

    só tem um porem, nõa pode empolgar, pois se a ferrugem (podre) chegar em pontos estruturais (longarinas, pés de colunas, assoalhos…) compromete (e muito) a segurança e a dirigibilidade do carro.

  26. Carioba disse:

    Ta rolando aqui um problema de nomenclatura, os VWs detonados nao sao Hot Rods, nem Rat Rods, sao Rat Volks.
    Eu mesmo só uso o meu Subaru Forester pra viajar com a familia, no dia a dia, só a minha kombi 63 socada e bem detonada, mas a mecanica… se algum dia alguem ver uma kombi a 120 na marginal pedindo passagem vai entender o que eu estou falando.
    No mais deixa as pessoas criticarem, eu curto e é o que importa.
    Saudaçoes VWs.

  27. Celso disse:

    Coisa de Jirico, so pode ser.
    Deixar seu patrimonio apodrecer pois é moda.
    Tem muita gente com dinheiro sobrando

  28. rubem rodriguez gonzalez disse:

    Horripilante e desprovido de inteligência, acho que inclusive esses dois adjetivos servem para todo o tipo de modismo, sou a favor da beleza original dos carros, quem gosta de merda é mosca varejeira e quem gosta de ferro-velho é sucateiro. Acontece que o ser humano tem uma tendência natural a querer se sobressair no meio da multidão, alguns penduram melancias no pescoço, outros para chocar seus pares em atos de “rebeldia” , tipo se encher de tatuagens ou piercings, não tomar banho, e essa mania de querer andar em “barraco de favela” com decoração interna assinada pelo studio pininfarina, não é nada além disso, a necessidade dos medíocres aparecerem, tal e qual seus “irmãos” do overhaullin e suas escrotas camionetes de rappers americanos com rodas de 50” , trinta megatons de som e pinturas reludicúlas ( que é a mistura de reluzentes com ridículas) deprimente!!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>