MENU

sexta-feira, 19 de março de 2010 - 13:41F-1

SENNA, 50 (18)

SÃO PAULO (acelerando) – Macacada, ainda tenho bastante material para a série “Senna, 50″, que vai só até domingo, data do 50º aniversário de Ayrton. Então, vou desovar mais umas três ou quatro hoje. Overdose. Essa foto aí, de 1987, foi enviada pelo Luis Mendes. Barrichello tinha 15 anos de idade. Dá para ver como está tímido na foto. E notem o pequeno patrocínio na camiseta de Rubens: Staroup. Putz. Onde foi que os dois se encontraram, não tenho a menor ideia.

50 comentários

  1. Jose Carlos disse:

    Sugiro que vocês leiam os comentários, para em seguida olharem as fotos!!!

    Todos concordam que o volume de bobagens que ouvimos durante as transmissões de eventos esportivos é simplesmente “fenomenal”, sem alusão ao GB.

    Porem, existem coisas tão simples que passam despercebidas – e que não são mencionadas – e esta é uma delas. Pelo menos eu nunca tinha ouvido falar a respeito!!!!

    Nas fotos abaixo vocês verão que visitei o box da Williams (foto1) e quando tirei uma foto do bico de um dos carros (foto2) um detalhe me chamou a atenção (foto3).

    Como havia uma menina da própria Willams servindo-nos de guia, perguntei a ela o motivo daquele adesivo e se era pelo fato de estarmos no GP do Brasil e para minha surpresa a resposta foi que desde 94 aquela imagem faz parte de todos os carros da equipe e estará em todos os próximos carros que a equipe desenvolver. Então perguntei, por que não se comenta isso no Brasil e a resposta foi simples… por que isto não é uma propaganda, é uma marca da equipe. E por que naquela posição? Segundo ela, o respeito pelo campeão, dentro do time sempre foi tão grande que estando naquele local, “o campeão” chegara em primeiro sempre que um carro da equipe for vencedor.

    Alguém sabia disto?

    João Carlos Braga

  2. waldir disse:

    O Rubinho participou uma vez de uma entrevista com o Senna, quando ele ainda era garoto.

  3. Jacu do Mato disse:

    Senna já havia arrumado o seu “TESTA-DE-FERRO”!
    KKKKKKKKKKK

  4. claudio antonio cesario da silva disse:

    Esta serie esta simplesmente show, mas acho que seria interessante mencionar sobre o depoimento de Erik Comas,quando ele informa que se Senna não parasse para desligar o motor de seu carro Ligier durante os treinos para o GP da Belgica , após ele haver sofrido um acidente

  5. alex disse:

    legal a foto. o Barrichello parece outra pessoa. Como ele aparece muito na mídia e há muito tempo, passa a impressão que ele teve sempre o mesmo rosto. Então quando se vê uma foto muito antiga, da adolescência, é estranho. E aí é que se nota o quanto, na verdade, a aparência dela mudou.

  6. Biel disse:

    Nossa o Rubens sempre foi filinho de papai, até hoje se apóia em algo (rede globo) insuportavél esse camarada, desde essa época argh……..

  7. Roseli Lopes - São Bernardo do Campo disse:

    Sabe o que o Senna falou pro Rubinho antes da foto ? Vem Ca mel, vamos tirar uma foto juntos. Tá escrito no uniforme dele.

  8. mb5855 disse:

    Rubinho sempre teve esta cara de mala.

  9. Sr. Incoerente disse:

    O FG outro dia dizia que ia apagar posts ufanistas, “babações”, etc.

    mas alguém escrever que o Rubens tem “M…” na cabeça, nenhuma objeção.

  10. gleitef disse:

    Esse João Samuel, ou é Libriano ou PSDB, ou os dois.

  11. Alan Magalhães disse:

    Aquele arco lá no fundo acima dá a impressão de ser Jacarepaguá. A foto está escura.Teste de pneus? Quem sabe?

  12. Chrystian disse:

    foi para uma entrevista do Senna para a revista CRICS que tambem era patrocinadora do Barrichello na epoca

    o tiulo da reportagem era “Em cena, Ayrton”
    Jacarepagua, 1987

  13. Lim Mesquita Campos disse:

    O sorriso forçado do Barrichello continua o mesmo…

  14. Parece o Autodromo de Jacarepaguá. Que carão, hein Rubens!?

    @cevadabuster

  15. Flávio, está errado. Esta foto é se AS e Beavis, de Beavis and ButtHead.

  16. Humberto Corradi disse:

    Essa série está aparecendo com vídeos e fotos excelentes que eu nunca havia visto.

  17. Eu tenho a revista que tem esta foto. Depois vejo o nome dela, mas era uma revista voltada para o público jovem. Foi uma entrevista que o Rubinho, como enviado pela revista, com mais dois adolecentes, foram fazer com o Senna em Jacarepagua antes da corrida de F-1 daquele ano no Brasil. É bem interessante, pois pelas perguntas que o Rubinho fez ao Senna, e pelas respostas do Senna, deixa claro que o Senna já estava acompanhando o desempenho do Rubinho no kart e que este encontro não foi mero acaso. Legal este momento, pois um não era campeão ainda e o outra ainda estava só no começo.

  18. Stephano disse:

    Lembro-me de uma passagem citada por Ernesto Rodrigues, em “Ayrton, o herói revelado”: ao final de um GP da Hungria, o dono da marca de jeans Staroup (não me lembro do nome dele) vê Senna ao sair do autódromo, e vai cumprimentá-lo, apresentando-se como empresário e coisa e tal. Ayrton o reconhece e dá uma ducha de água fria, dizendo que sim, sabia quem ele era, pois tentara conseguir patrocínio da Staroup no início da carreira e havia levado um senhor “chá de cadeira” do cara, que nem sequer o recebeu. O sujeito morreu de sem-graça (além de ter perdido uma senhora possibilidade de exposição da marca). E, a julgar pela roupa de Rubens, talvez tenha decidido nunca mais recusar patrocinar uma promessa do automobilismo…

  19. José Brabham disse:

    Jacarepaguá sim. Dá pra ver pela forma da cobertura dos boxas. E eu estava lá!!

  20. Rogério Magalhães disse:

    Se não estou sendo traído pela memória, na tal entrevista do AS para o programa Roda Viva em 1986, acho, que a Cultura vive reprisando em datas especiais do referido piloto, aparecia lá esse mesmo jovem Barrichello, um ano mais novo e, acho, recém-campeão de kart, fazendo uma pergunta gravada para o AS…

  21. Filipe disse:

    Senna sempre apoiou muito o Rubinho pq sabia de suas capacidades!

  22. João Paulo / Itajai disse:

    Pelo visto os comentários serão direcionados a parte craniana de certo piloto.

  23. Insatisfeito com Tudo e com Todos disse:

    Que pena que dentro desse cabeção só tem MERDA!!!!!!!

  24. Luiz Salomao disse:

    O barrica é um piadista e nao vai se importar c o q vou falar! Olha o tamanho da testa do cara!!!!! ta dificil de descobrir onde a foto foi tirada pq a testa do Rubinho tomou conta de tudo! Acho q ele é Paulistano, mas sera q é descendente de Cearense?

  25. Rafael Mello disse:

    Detalhe idiota:

    O Senna tá sem roupa anti-chamas por baixo do macacao ou é impressão minha?

  26. João Samuel Batista disse:

    Você desincentiva abertamente a postura ufanista de torcedores e apologistas exacerbados de Ayrton Senna, assim como critica a posição da Rede Globo por fomentar o apoio aos atletas e esportistas brasileiros. Porém está usufruindo muito bem da audiência que esse sentimento popular desencadeia. Mesmo negando, o “pachequismo” é responsável pelo emprego dos jornalistas esportivos. Se a realidade fosse a sonhada por você Flávio, a de que apenas os entendidos do assunto acompanhassem a Fórmula 1, ela seria como uma disciplina acadêmica, um objeto de pesquisa de poucos. E por se tratar de algo que tem por sentido epistemológico (ressalvada a metáfora) o entretenimento, sua existência seria desnecessária.

    • Flavio Gomes disse:

      Quer que eu chore?

    • João Samuel Batista disse:

      “Sua” acima, se referia a F1, não a você, apenas para não deixar margem à ambiguidade. E outra, só me dou ao trabalho de escrever à pessoas a que admiro e acompanho seus trabalhos. Leio seu blog e o GrandePremio desde que os encontrei, 2004 acho, acho incrível o trabalho feito por você e sua equipe. Mas, não pude deixar de pontuar minha opinião. Acho a ingratidão, se não a pior, uma das piores demonstrações do ser humano. Mesmo que apenas uma ponta dela eu percebi por aqui. Por isso escrevi as mal forjadas linhas há pouco. Poderia ser mais claro e conciso, talvez, se escrevesse: “Percebo uma certa aversão sua por Ayrton Senna. Também não gosto dos pachecos, mas o arrebanhamentos deles pelo citado finado piloto, foi de grande valia para nós, apaixonados por esse inteligente e emocionante entretenimento. a Formula 1. Se Senna não potencializasse o gosto popular já iniciado por Piquet e Emerson, Talvez a Formula 1 fosse transmitida, hoje, apenas na TV a cabo.”
      Portanto, não estou criticando seu trabalho, muito longe disto, apenas queria destoar dos seus fiés seguidores, dos quais faço parte, mas não de maneira fundamentalista.

    • Guilherme Pogian disse:

      Mais um fã do Dicionário Aurélio………….nussss vai pescah filho!!!!!

  27. Guilherme Pogian disse:

    Será patrocinio FG? Ou simplesmente a marca da “onda” na época???

  28. Wanderley Augusto disse:

    Não sei não, mas aquela sombra atrás da cabeça do Barrichelo lembra o box de Jacarepágua.

  29. Giuliano disse:

    Flavinho, vc viu o tamanho da cabeça do Rubinho ?????

  30. Mauricio disse:

    A Lotus tinha o patrocínio da Camel.
    Nada mais adequado do que uma foto do Senna com um camelo ao lado.

  31. Diogo disse:

    Dois patéticos, na minha opinião. Os dois foram escravos do Schumacher.

    • Guilherme Pogian disse:

      Você só pode te visto outra coisa, prah te feito um comentário absurdo desses…………

    • Mário Mesquita disse:

      Tinha que aparecer um bobalhão… Vá pentear macaco!

    • Luis Albertyn disse:

      É muito engraçada essa necessidade quase patológica que as pessoas sentem de ofender gratuitamente os outros. Um foi tricampeão do mundo, o outro é o piloto com mais largadas da história da F1 e mesmo veterano até ontem disputava um título mudial. E o cidadão os acha patéticos.

      Será que na França há tanta gente assim que acha o Prost “patético”? Ou que entra em blogs pra dizer que o Patrick Tambay sempre foi um “bosta”, “que nunca ganhou nada”? Sei lá, apesar de ter bocó no mundo inteiro, acho que aqui a proporção é maior.

      Vá se tratar, vá.

    • Concordo com o Sr. Luis Albertyn .

      Apenas, apoveitando o “gancho”, lembrem-se de que Rubens foi vice-campeão 2 vezes. Stirling Moss, é tratado como um super-campeão na Inglaterra mesmo sem nunca ter conquistado um título mundial, o que lhe valeu a alcunha de “campeão sem título”.

      Ah, para constar, não estou comparando pêras e maçãs, para evitar viéses.

    • deschamps disse:

      O mais engraçado que o cara só jogou essa por gozação e, imediatamente, apareceram quatro que mergulharam de cabeça nela.

      Quanto mais atenção a estas provocações, mais gargalhadas o cara dá.

      Capice?

    • João Paulo disse:

      deschamps

      Pior é que temo que não seja apenas gozação. Nesse país de bandidos e saqueadores, não duvido nada.

    • Luis Albertyn disse:

      Deschamps, dado o nível dos comentários daqui, parto do princípio de que ninguém está de gozação…

      Às vezes quebro a cara, mas como não inventaram o tal “ponto de ironia” certa vez sugerido por Millôr Fernandes, pra mim esse povo doido tá todo falando sério!

      Abs,
      LA

  32. Rodrigo - TUPÃ/SP disse:

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    o Barrichello com cara de muleque criado pela avó…………
    preste atençao no tamanho da molera do rapaz, o cara só tem cranio, pqp.

  33. André Stein disse:

    Aquela parte branca, lá atrás, parece o box do (ex) Autódromo de Jacarepaguá. Combina com ano e macacão do Senna…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>