MENU

sexta-feira, 18 de junho de 2010 - 15:28F-1

RENAULT, 4

SÃO PAULO (na verdade, Lada) – Está saindo na imprensa francesa. A Renault pode fornecer motores para quatro equipes no ano que vem. Além da titular, nossa querida Lada amarela, a Red Bull, que não tem do que reclamar, mais a Williams e, quem sabe, a Lotus. Ou a ART, se for aceita no Mundial, o que deve acontecer.

Falando na Lotus, e a história com a Petrobras? Parece que está hibernando.

E falando na Williams, foi com a Renault que a equipe viveu seu melhor período, nos anos 90. Parceria tão feliz que rolou até um Clio-Williams, lembram?

67 comentários

  1. Rodrigo Duarte disse:

    Um dos carros mais bonitos pra mim, com o Mansell pilotando, ficava mais bonito ainda.

  2. Edilson Vieira disse:

    Legal! Estou negociando a compra de um Clio ano 99, azul que nem ese. Como as rodas nào sào originais, estava pensando qual modelo poderia adotar sem prejudicar o design que,na minha opiniào, é muito charmoso (ainda mais com o capô abrindo “ao contrário”, como nos antigos Corcel). Bom, vou botar umas rodas douradas no meu futuro (dedos cruzados) Cliozinho azul 1999.

  3. FERNANDO MONTEIRO disse:

    Fiquei muito desapontado com a F1 com aquela batida do Piquet Junior na Renault. O cara enche o carro no muro sabendo que não ia acontecer nada com ele para montar um teatro.Por aí vemos como não sabemos quem é quem, qual é o grande piloto, o mais audaz e destemido e arrojado. Acredito que o único que se aproxima um pouco seja o Hamilton A que ponto chegou o esporte.

  4. FERNANDO MONTEIRO disse:

    De que adianta ter super motores, super carros, se os circuitos são uma porcaria. Onde estão os grandes circuitos com curvas super rapidas e retas longas. Outro dia estava vendo o duelo em Dijon 79 e um trecho de Zandvoort 81, muito bom. Outros tempos, outros tempos…. A propósito, em 72 os carros no antigo Interlagos( quando era bom) atingiam cerca de 340 Km/h. Hoje as máquinas com mais que o dobro da potencia e aderencia se esforçam para ter 315 Km/h em circuitos que a sufocam e não desafiam os pilotos para sabermos que que é quem…

  5. Diogo Sorocaba disse:

    Flávio, eu tava de saco cheio por esses dias e resolvi ler uma edição velha de Quatro Rodas.
    E não é que pego exatamente a de maio/1993, com essa foto na página 17? Que coincidência!
    Preparado para o Campeonato Francês de Rali, fazia em 7s8 o 0-100km/h e dava 215 km/h de máxima.
    Foram 2.500 canhõezinhos desses para as ruas.
    E que rodas lindas!

  6. George disse:

    Outra coisa: O pessoal fala da Williams de 1992 e 1993… mas o que ninguém lembra é a que mais deu resultados foi a FW18 de 1996…foram 12 vitórias…. em 92 e 93 foram 10 cada.
    Claro, nada que tire o mérito das FW 14B E 15C

  7. George disse:

    Essa Williams é a FW 15 C, de 1993 ,mas com pintura de 1992…de Williams eu entendo…

  8. Roberto Ferdinando Brito disse:

    O motor é importante, mas a F1 está pra lá do detalhe. Se o carro não tiver um bom conjunto aerodinâmico, uma equipe confiável e um piloto de ponta, o motor por si só passa despercebido, né Rubinho?

    • André disse:

      O que significa o “né Rubinho”? Nesta temporada ele está tirando leite de pedra com aquele carro. Frank Williams, que já teve pilotos, como Piquet, Rosberg pai, Mansell, Prost e Senna, e só tem elogios para o Rubens, que tem dado uma surra no companheiro.

  9. C.Rossetteef disse:

    Acho que depois do Mansel veio o Senna, e o final trágico, sem a suspensão ativa, era melhor que tivesse continuado com a suspensão ativa, é isso mesmo?

  10. simon ghabar disse:

    obrigado professor joao vitor

  11. Eduardo-SC disse:

    Já sequei muito essa Williams. Essa é a FW14 sem suspensão ativa de 91, pois não tem os “calombos” perto dos braços da suspensão.
    Depois que colocaram suspensão ativa nessa barata, passearam em 92.

  12. jackie chan disse:

    Esse Clio aí foi de uma fase em que a Renault saiu um pouco da tradição da marca, de fazer carros feios…

  13. fabio disse:

    Quem diria hein Flávio?, a “pseudo” Lotus é hoje disparada a melhor equipe estreante na F.1. Pergunto, cadê a Virgin com a sua estrutura bacana, está apanhando até da Hispania. Tomara mesmo, que a Lotus consiga um bom motor. Torço para que estas equipes pequenas consigam crescer e passam a incomodar muita gente que se acha grande.

  14. Muller disse:

    Williams FW12 e FW13, os melhores carros que a F1 já teve.
    Começou com a saída da Honda, a chegada da Renault, um projetista chamado Adrian Newey, uns carrinhos rápidos, mas que quebravam fácil… a McLaren correndo atrás… Tô até achando que esse ano é reprise.

    Ah, e a Williams com Renault ano que vem pode até ser boa aposta, mas a Red Bull ainda tem Adrian Newey.

  15. simon ghabar disse:

    WILLIANS E RENALT FORAMARAM UMA PARCERIA INCRÍVEL, E GRAÇAS A INCOPETENCIA DO MANSEL COM AMBAS, PERDERAM O CAMPEONATO DE 1991 PARA O SENNA;O BARICHELLO JA ANDOU DE HART,FORD,PEGEOUT,FERRARI,HONDA,MERCEDES,E PERMANECENDO NA EQUIPE PODE COMPLETAR O CICLO COM OS MOTORES FRANCESES;ACREDITO QUE SEJE O ÚNICO EM GUIAR PARA PRATICAMENTE TODAS AS FÁBRICAS DE MOTORES.

    • João Vitor disse:

      Senão vejamos:
      Williams, não Willians;
      Renault, não Renalt;
      Incompetência tem acento;
      Mansell, não Mansel e
      que “seje” está errado também, o correto é “que seja”.

      E, em uma opinião particular, Mansell nunca foi incompetente, foi menos competente do que Senna em 1991, só isso.

      Um abraço

    • João Vitor disse:

      Opa esqueci:
      “INCOPETENCIA”;
      PEGEOUT?

  16. Antonio disse:

    A equipe de rallye da Renault Argentina, veio correr com dois carrinhos destes no Campeonato Sul Americano de 1998 (posso ter errado o ano) aqui em Curitiba. Foi impressionante ver caros tão pequenos acelerando tanto nas estradas de terra da Graciosa. Potência de mais de 200 HP sob aqueles capos e uma estrutura técnica impensável para a época. Um dos grandes momentos de nosso rallye.

  17. bullittkowalski disse:

    Esse Clio quadrado acho a geração mais bonita de todos.

    Mas a roupagem azul com sapatos dourados é mais estiloso no Subaru Impreza.

  18. disse:

    O momento que a F1 mais tecnologia usou.

  19. Mansur disse:

    Lindo o Clio! A Williams é sem comentários, foi um monstro.

  20. Alvaro disse:

    Espero que o velho Frank consiga recolocar os motores Renault de volta, depois de tantas temporadas não merece trabalhar com esse ridículo motor Cosworth que só desonra o nome de um dos maiores motores que a F1 já teve, onde já se viu economizar giros nos treinos para o motor não abrir o bico.

  21. Cacá disse:

    Se a Willians estivesse com esse motor hj,ja estaria bem melhor!

  22. Luciano Martinelli disse:

    Eu já escrevi aqui, que a Renault deve estar arrependida de não ter a sua equipe de F1 e tomara que volte a ter. Tomara também que ela forneça pneus para essas quatro equipes, é preciso ter carros com mais poder de competição, mais emoção, mais carros brigando lá na frente, e ver o pau torá.

  23. Bom para Barrichello, porque à Williams só falta motor.

  24. Felipe Silva disse:

    Flávio,
    Você que gosta de tudo que vem da Rússia, qual é a sua opinião sobre o Petrov na F1?

  25. Flavio Almeida disse:

    Lembro, e para aqueles que não sabe ai vai… Esse Clio Willians correu aqui num rally de velocidade que participei em 93 ou 94 não me lembro a data mais direito…, era um foguete, bom de chão, com um cambio de dar inveja a qualquer um de hoje em dia…rocava forte e andava rapido….o Rally, claro que não esqueço ….Graciosa Paraná…grandes tempos. Se puxarem vão localizar as fotos ….

  26. RCRG72 disse:

    A Renault na questão dos motores, se confirmadas essas expectativas de acertos com todas essas equipes, pode até ganhar terreno frente ao atual domínio da Mercedes. E o motor Ferrari vai perdendo terreno mesmo. Dando muita dor de cabeça na Sauber e na minha opinião não está ajudando muito a Toro Rosso.
    A Ferrari ainda sugere um motor V8 turbo de 615hp no futuro para a F1, para economizar e para poluir menos. Porque será que a F1 não usa etanol? Poderiam voltar a fazer os V12 que estariam sendo ecologicamente corretos. Aquele barulho maravilhoso dos motores v12, principalmente o da Ferrari, vai ficando cada mais difícil de voltar.
    Acho que, provavelmente algum dia, os carros da F1 vão conseguir rivalizar somente com o barulho de mosquitos voando.

    • Acho que a questão do Etanol pode estar relacionada ao consumo, talvez esse seja o grande problema.
      Ainda mais em uma categoria onde isso influencia e muito.

    • RCRG72 disse:

      Felipe, a F1 gasta 1,7 litro de gasolina por kilômetro rodado. É muito alto o consumo com gasolina também. Irão trocar o motorização da categoria em um futuro próximo, então porque não tentar o etanol? Talvez, com a capacidade dos fabricantes de motores junto com as marcas de combustíveis, as equipes chegassem a um consumo razoável de etanol. Não dá é ficar diminuindo a potência dos motores por causa de poluição.

  27. eu disse:

    lembro sim mas lembro com mais entusiasmo da Renault space com motor Renault F1 e chassi FW da Willians. Pilotando ela e conduzindo os jornalistas estava Alain Prost em Paul Ricard, quase tudo francês…nada russo…

  28. Thiago Sabino disse:

    Demais a foto, demais o Clio, mais que demais a FW…..

    Essas Williams, da do Piquet pra frente, com os patrocínios da Canon nos Aerofólios, tão fácil , dentro dos 10 carros mais bonitos de todos os tempos.

    Quando mudou pra Rothmans, não ficou tão bacana, a harmonia de cores, faixas….etc…

    Fora o Red Five né.

    Mas legal. O Nelson tem uma dessas em BSB né? Reza a lenda que ele ainda funciona o motor, ou é só lenda urbana?

    Abraços Flavio.

  29. Renato B. Santiago disse:

    A Williams com motores Renault e o Barricha Véio na liderança tem tudo pra pra fazer um grande carro pra 2011 e dar a chance pro Hulkenberg brigar pelo campeonato!!!

  30. Juliano Andrade disse:

    Li no UOL Esporte:
    “Isso me surpreendeu porque não só mostra a sua capacidade de desenvolvimento, mas como eles estão com fome para melhorar os benefícios, quando teria sido mais fácil levar o golpe e se concentrar em 2010. Este enfoque me excita.”

    Uma parte da explicação do porque achou sua ida para a McLaren acertada. Ah, e foi Jenson Button.

    Isso mostra não só um excelente piloto como um homem que não tem medo de trabalhar. Falta um muito disso hoje na F1. Acho que o outro pouco é Barrichelo.

    Explica um pouco o porque ano passado a Brawn estava voando daquele jeito logo no começo e ainda terminou o ano competitiva para assegurar o título com até certa tranquilidade.

  31. FAB1000 disse:

    A Petrobras só vai firmar acordo com a Lotus se a mesma continuar com os motores Cosworth. Afinal de contas o que a companhia brasileira quer é desenvolver não somente combustível algo que já domina, mas também lubrificantes.
    Se a Lotus trocar de motor perde o sentido da parceria. Afinal de contas pra esse motor já desenvolveram tudo o que podiam e tem derivados de petróleo padronizados pelo fabricante do motor e pela sua parceira petrolífera, a TOTAL.

  32. Ricardo Hilgenberg disse:

    Grande Nigel Mansell!! Ver esse carro com o capacete deu um arrepio… saudades daqueles tempos de Formula 1.

  33. Diogo disse:

    Esse Clio é bonito, mas eu babava mesmo era com a Espace F1. Uma minivan com motor V10 central da Fórmula 1 e novos sistemas de suspensão e freios. Ela chegava a 270 km/h. Lembro de uma Quatro Rodas em que o Lemyr Matins foi de carona com o Alain Prost em uma volta rápida no circuito de Paul Ricard.

  34. ALEX B. disse:

    Éé esmo! O tio Frank tá trazendo de volta os bons tempos! Isto se a Renault não picar a mula…

  35. Marcos Roberto disse:

    Fala sério, as cores dos carros da F1 também foram influenciados pelas cores monocromáticas. Será que também pela valorização na hora da revenda? Para mim os carros da decada de 80 e 90 eram muito, mas muito mais bonito do que os do novo milênio…

    • Luis Albertyn disse:

      Monocromático? Só Mercedes e McLaren são prata, mas ambas por motivos históricos. O resto é um arco-íris: azul (Red Bull e Toro Rosso), amarelo (Renault), vermelho (Ferrari), vermelho e preto (Virgin), branco (BWM), verde (Lotus), azul e branco (Williams), verde e laranja (Force India) e até burro-quando-foge (Hispania)…

      Esses saudosistas…

  36. Leonardo Costa disse:

    Lembro não. Naquele tempo eu nem sabia o que era Clio, mas Williams e Renault eu já conhecia.

  37. Renan disse:

    Ridicula a Lada não fornecer motores com tecnologia sovietica para a Propria Equipe de F1
    Deixa esses Franceses que acham que entendem algo, mais que não duraram nem uma semana contra o exercito do 3ºReich

  38. João Vitor disse:

    Williams Renault era o máximo os máximos, destronou até o super McLaren Honda. Depois virou supertec, e outros nomes até sair de cena. Será que a Williams com motor Renault via voltar a andar na frente? Eu acho que sim, eles sabem fazer bons carros e, assim como a Red bull, tem tudo pra ficar na frente da própria Renault se usar os mesmos motores.
    Bom pro Rubinho que, ao que parece, ficará lá mesmo em 2011, esse motor vai melhorar as coisas, tomara que dê certo.

    Aliás FG, será que ele vai completar 20 anos na F1?

  39. diogo_c disse:

    esse clio tinha suspensão ativa? lol

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>