MENU

sábado, 21 de abril de 2012 - 18:52#69, Classic Cup

P11

SÃO PAULO (e o sono, como faz?) – Bem, macacada, já de volta do mais longo dia em Interlagos. O intervalo entre a nossa classificação, 8h30, e a largada, depois das 15h, foi ótimo para ver amigos, ler tudo sobre o Bahrein, bater papo, tirar fotos, ficar com meus moleques, que foram ver a corrida, e tudo mais. Mas cansou.

Acho que hoje fizemos uma de nossas melhores corridas, eu e o Meianov, apesar do resultado pouco expressivo. Éramos 28 no grid e terminei em 11° entre os carros da Classic Cup. Contando a turma da TCMP, fui o 16°. Só sei que andei o bastante para chegar em 11° na geral, considerando todo mundo, e aí sim, com um grid gordo, teria sido um resultado bem legal.

O problema é que no fim eu e o Passat do Castilho, da TCMP, nos tocamos no Bico de Pato (andamos perto boa parte da prova, como mostra a foto acima, do Dyonysyo Pyerotty). Acho que foi uma daquelas cagadas duplas. Tentei passar por dentro, acho que ele não viu, rodei e perdi quatro posições gerais. Como o Passatão teve problemas no fim, era bem provável que eu conseguisse passá-lo também. Na minha categoria, a rodada não afetou nada. Terminei em terceiro. E o mais legal de tudo foi receber o troféu do meu filhote mais novo, que ainda ganhou uma enorme garrafa de champanhe do Zé Augusto, o vencedor na nossa Turismo Light, tornando-se seu fã.

Acho que larguei bem, quase bati no Gran Torino do Adonis, e nas três ou quatro primeiras voltas o Meianov foi valente e passou muita gente. Estava bem bacana, cheguei a andar perto de carros normalmente muito mais velozes em maiores dificuldades. Num determinado momento abri bem do Passat do Castilho e estava tranquilo, mas meu carro começou a sair de frente demais nas duas curvas mais lentas do circuito e fui perdendo tempo até ele me passar, eu tentar o troco e acontecer o toque. A vitória na geral, para variar, foi do Mariano Cirello, de Puma Della Barba, um foguete pilotado de forma impecável.

Interlagos estava agitada nos boxes e, como sempre, deserta nas arquibancadas. Amanhã tem Brasileiro de Marcas e vamos ver como será o público.

A foto abaixo é do Marcos Júnior, do portal Terceiro Tempo. Tem mais aqui.

26 comentários

  1. adonis disse:

    Flávio, valeu pelo post anterior e pelas boas vindas!! Ainda bem que não estragamos os brinquedos na freada do lago…na próxima prometo não te atrapalhar!! Tive problema no câmbio, encavalou segunda e terceira, mas o saldo foi muito bom para a estréia de um carro que até outro dia era um saco de ferrugem jogado em um desmanche!! Obrigado Torino!!

    • Flavio Gomes disse:

      O carro é lindo e esperamos vê-lo em todas as corridas, Adonis! Sucesso total! Quanto à largada, não atrapalhou nada. Apenas vi uma brecha, pensei em colocar ali, mas deu para frear sem problemas quando o outro carro que estava do seu lado esquerdo deu uma embicada para fazer a segunda perna do S. Nem nos tocamos, foi tudo suave. Largada é assim mesmo, a gente vai tentando ganhar espaço, mas sempre com cautela para preservar nossos brinquedinhos e nossa saúde! Gostei muito de te ver em Interlagos, de verdade!

  2. LBM disse:

    Como Rindt falou para o Emerson, se corrige saida de frente pisando no da direita eheheh.

    Talvez fosse melhor baixar um pouca a pressão dos pneus dianteiros…

  3. MARCIO MOMESSO disse:

    Flávio , veja como tratam o torcedor em Interlagos , peço a gentileza de denunciar isso :

    http://ruiamaraljr.blogspot.com.br/

  4. ZÉ AUGUSTO disse:

    Valeu o comentario, eu é que tenho que agradecer ao garotão, pois não tinha ninguem para me entregar o troféu, como disse tendo oportunidade gostaria de assinar a garrafa, assim caso ele guarde e não beba, irá se lembra de mim…….Abraço a vc e a familia.

  5. andre luis disse:

    Flavio voce critica tanto Rubinho e anda que nem ele…ahahahha

  6. Luiz Silva disse:

    Fiquei muito feliz por poder aproveitar este período que estou em SP a trabalho, para conhecer Interlagos e assistir a Classic cup. Como descrito acima pelo leitor Bernardo, estava muito empolgado e registrei tudo em muitas fotos. ( ele apenas se equivocou sobre minha companheira, que é apenas minha amiga, assim vc me complica em casa com minha dignissima, amigo rsrsrs). FG, parabéns pelo resultado e a todos os apaixonados por este esporte, a experiência proporcionada foi muito legal e espero repeti-la em breve. Vida longa a Classic Cup

  7. Regi´s Campos disse:

    Melhor que ganhar deve ser correr sem medo dos corvos do bruxo do centro, Kassapa. E parabéns pelo pódio e pelos seus filhos, os biológicos, e o de aço russo!

  8. Dav disse:

    Poxa uma pena estar vazia as arquibancadas se mora-se em sp assistiria melhor que ficar em casa vendo caldeirao do huck ¬¬

  9. Bacana… receber um troféu das mãos do filhote mais novo não tem preço! Minha corrida foi um lixo em decorrência de uma embreagem lubrificada! Resolvi brigar com os big dogs na Turismo Super, fiz o 3º tempo da classe e o 7º no geral, mas o resultado final foi frustrante..

    http://www.youtube.com/watch?v=VP4dWX1QIEA

  10. Iron disse:

    Acho que vou fazer uma pergunta idiota, mas lá vai: Fábio, os pneus do Meianov são aro 13? Eu queria saber o custo dos pneus por campeonato. Quantas provas eles duram?

    Enfim…perguntei!!!UFA!

  11. LUIZ EVANDRO AGUIA disse:

    Parabens Flavinho,, pena que nao estive em Interlagios para acompanhar ” in Loco ” ,sua brilhante performance ,, estou em Floripa..;;vou tentar estar presente na etapa de julho ,, estaremos sempre na torcida,,,vc é um apaixonado pela velocidade …assim como eu ,,abração do seu fã e amigo de sempre “Aguia”

  12. André Pellegrino disse:

    Hoje estive em Interlargos, realizando umas filmagens e tive o prazer de conhecer o Meianov, só não tive o prazer de te conhecer, mas te ví no pódio, erguendo o troféu! Legal.

  13. André Pellegrino disse:

    Hoje estive em Interlargos, realizando umas filmagens e tive o prazer de conhecer o Meianov.

  14. Bernardo Costa disse:

    Prezado Flavio,
    Há tempos acompanho seu blog e hoje estava em São Paulo por ocasião do aniversário do meu irmão (eu moro no Rio) e acabei fazendo com que ele me levasse em Interlagos para a ver a Classic Cup.
    Ao chegarmos, o segurança falou que só seria possível entrar pelo Padock com o convite (você tinha avosado sobre essa possibilidade no seu blog por causa do campeonato de marcas, apesar de o site da Classic Cup dizer que o acesso era liberado). Sem problemas.
    Aí, nos dirigimos para o setor da arquibancada que estava aberto: a parte ao lado da largada mas ainda sem cobertura (o dia hoje estava chuvoso em São Paulo hoje). Estávamos eu e meu irmão aniversariante. Ao nosso lado, um senhor com uma sacola, acho que deve morar por ali, saiu pra comprar alguma coisa em uma padaria ou armazém e depois se deu conta do movimento e foi ver o que era. Havia um homem que levou a família, mulher e duas filhas, e foi o maior responsável pelo aumento do público. Depois chegou um senhor amigo dele, talvez o pai. Havia dois amigos, um com laptop que devia estar acompanhando algo muito importante na internet. Havia um casal de namorados que estava realmente tão empolgado quanto eu, tirando várias fotos. Havia um jovem avulso e mais um casal da terceira idade. Enfim, eu me recordei de 15 pessoas. Havia 18.
    Eu acho que era melhor liberar essa dúzia e meia de pessoas entrar na área reservada. Não ia fazer qualquer diferença. Será que tinha boca livre e ficaram com medo de nós acabarmos com o salgadinho? Era até melhor dizer que a arquibancada estava vazia porque o pessoal que foi assistir estava junto com os convidados do que deixar as 18 pessoas na arquibancada gigante, deserta, sem um banheiro, um teto, um vendedor de água…
    Enfim, gostei. Se puder ver outra depois, verei. Especialmente se puder ver os carros de perto (o Torino tava lindão, pena que abandonou logo. O Meianov também, nunca o tinha visto “pessoalmente”), os pilotos, as equipes… Mas acho que podia ser mais bem organizado, até porque tem pessoas que podem querer ver as corridas sem serem convidadas, do campenato de marcas ou da Classic, e querer levar os filhos, os irmãos, ou simplesmente dar uma olhada enquanto a mulher espera as compras para fazer o almoço em casa.

    • Bernardo, vou tomar a liberdade de passar à frente do FG (jornalista ocupado as vezes não tem tempo de dar explicações longas). Infelizmente o que vc viu na arquibancada é o retrato da falta de divulgação de nossas corridas, com consequente falta de interesse por parte de comerciantes que poderiam atender aos arquibaldos. Hoje tb foi um dia atípico em função do Brasileiro da Marcas e Pilotos, dai a burocracia para se entrar nos boxes e lhe adianto, não havia boca-livre para ninguém; aliás, a grande maioria (pilotos e equipes) levou de casa seus lanches & refrigerantes pois além da escassez, os preços estavam exorbitantes (R$ 4 um refri em lata). E sei que posso lhe dizer isso em nome do FG e de todos os pilotos da CC: tirando o tempo no qual há a necessidade de concentração no carro (acertos, treinos, tomadas de tempo e obviamente a corrida), todos ficam muito felizes quando recebem visitas nos boxes, quando vêm seus carros sendo fotografados ou filmados… tenho certeza de que se vc voltar em um “dia normal”, não haverá burocracia alguma (no sábado, no domingo há a necessidade de credenciais), e vc poderá visitar todos os boxes e participar da diversão que é o nosso playground (mas se não quiser gastar muito, leve o seu lanche)… ae FG, minhas desculpas pelo atropelamento..

    • Luiz Guimarães disse:

      Bernardo, antes de mais nada, como paulistano e aficcionado por corridas e frequentador do Templo desde a década de ’50, peço desculpas pelo seu “batismo” em Interlagos.
      Eu era o “senhor amigo dele, talvez o pai”. A turma que você viu eram: meu filho, minha nora e minhas duas netas. Vivemos um drama pelo fato dos banheiros estarem trancados e as meninas, como seres humanos normais, quererem “fazer xixí”.
      Estou enviando por e-mail ao Flpavio, relato do que passamos e fotos que demonstram o descaso dos responsáveis e o abandono de Interlagos no que se refere a instalações para o público desses eventos.
      Da próxima vez que nos visitar, não se esqueça de trazer o “kit Interlagos” – lanche, água, guarda-chuva, agasalho e, se trouxer crianças, um peniquinho para emergências fisiológicas…

      • Marcelo disse:

        Caro Luiz, tempos atrás levei meus dois garotos em um sábado para ver a Classic Cup. Não me recordo a data. Estava chovendo, não nos deixaram entrar na área dos boxes, as arquibancadas cobertas estavam fechadas à chave. Enfim, fomos ao mesmo local em que vocês ficaram. E te garanto: naquela tarde de sábado, apenas nós enfrentamos a garoa. Com o aumento da chuva e as crianças com fome, pegamos o carro e descemos até aquele anexo coberto, próximo ao estacionamento do miolo. Lá havia banheiro, pessoas (acho que era um encontro de antigos, tinha uns Pumas, Alfas, etc), hot dog e refrigerante. Enfim, meus meninos não gostaram muito não, apesar de serem fascinados por automóveis. Finalmente, te digo que a situação realmente piorou muito, pois andei de Speed 1600 em 1987 e as arquibancadas não ficavam às moscas não.
        Saudações,
        Marcelo

      • Bernardo disse:

        Luiz, só dois comentários: primeiro que o meu batismo foi há dois anos atrás na corrida de Fórmula 1 mas era meu batismo de Classic Cup e eu adoro carros antigos; e, segundo, não foram só suas netas que tiveram desbeber de maneiras alternativas. Infelizmente, eu e meu irmao não tínhamos o peniquinho…
        Da próxima levo meu kit sim, boa dica! E também vou perguntar se todo mundo também lê o blog do Flávio Gomes heuhueh
        Grande abraço e até a próxima oportunidade

  15. Marcão disse:

    Há tá!! Vá lá !!!
    Terceiro também é um ótimo resultado…
    Muito bom!!!
    O filhote deve ser muito feliz!!!
    Legal, legal de saber que foi tudo bem, que foi outra boa corrida, outras histórias pra contar depois…
    Parabens pra todo mundo…Na próxima espero estar aí, mas do lado de dentro do Templo ao lado da pista em algum ponto, fazendo o que faço pra poder ficar o mais próximo possível dessas maravilhas sobre rodas. A próxima é no feriado do dia das mães! É isso??
    Então…
    Vc vai nos contar sobre “””Francisco”””???
    Estamos esperando..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *