MENU

domingo, 3 de junho de 2012 - 17:35Turismo

BRASA, MORA

SÃO PAULO (vai na fé) – Ney Mello Júnior, 31 anos, sai de Araraquara no dia 17 de julho para viajar por seis países da América do Sul. Vai ficar um mês na estrada.

Até aí, morreu Neves. Qualquer um faz.

Mas o Ney Mello Júnior vai de Brasília 1978. Fez uma revisão básica e vai levar uma bike no bagageiro.

Aí sim.

Foto Felipe Turioni/G1

24 comentários

  1. Rodrigo Lombardi disse:

    Traseira baixa com o peso, né?
    Não vai trazer problemas pra andar com as correntes na neve?

  2. Roberto Fróes disse:

    Pensei em fazer algo assim. Maior.
    De Honda 500 Four 1973 do Rio de Janeiro ao Japão, na fábrica.
    Com + 2 amigos, um de 500 e outro de 750. Todas antigas.
    Conseguimos aqui vários apoios (Shell, Pirelli, NGK, etc.) mas faltou o principal: o da Honda.

  3. denis disse:

    um mes é corrido, mas ate o atacama da pra chegar em 4 dias… dependendo do ritimo.. cerca de 3500 km de viagem, aproveite a gasolina de verdade nesses lados!
    e leve boas blusas pois no frio o bicho pega!

    um amigo ja fez varias viagens a ushuaia de passat 81 (acho que é 81), a ultima faz uns 2 meses… agora ele vai de fusca!

  4. Marcelo Larsen disse:

    A uns anos atrás eu e mais dois amigos planejavamos uma viagem dessas. Nas conversas sobre qual carro escolher, a escolha caiu sobre uma Kombi. Pelos mesmos motivos que o colega escolheu a Brasilia: Manutenção simples, peças baratas, mecânicos disponíveis em qualquer lugar.
    O meu Fusca 76 também faz uma viagem dessas, mas para nossa próxima viagem longa, até o Uruguai, a escolha foi nosso Gol. Outro indestrutível!

  5. Ulisses disse:

    Ótima escolha de carro para essa viagem!
    Boa viagem Ney!

  6. LucianoM disse:

    Eu tenho uma Brasa 77 vermelha, e só viajo com ela. Vou muito pro interior de SP e litoral, com minha esposa e minha filhinha de 1 ano e meio. Chego a viajar uns 230kms sem nenhuma parada. Quando se cuida bem dela, e faz-se uma preventiva básica, é difícil dar problema na estrada. E na maioria das vezes, quando dá, consegue-se resolver com algumas ferramentas e arame. Por se tratar de um veículo antigo, sempre levo algumas peças básicas de reposição e uma caixa de ferramentas. Ando a 100km/h direto sem nenhum problema. Carrinho muito gostoso de viajar, apesar do ruído interno. Ontem mesmo voltei de Serra Negra, onde estive durante este fim-de-semana…

  7. petrafan disse:

    tá fora da medida esse pneu.

  8. charles disse:

    Não pode esquecer uma caixa térmica com gelo, pois a cada 50 km tem resfriar a bobina, senão pega fogo.

  9. Rodrigo Moraes disse:

    Bacana! Achei o cronograma puxado. Conheço um pouco o norte da Argentina e do Chile, e é muito raro ver Fusca por lá. É bom ele levar umas peças sobressalentes. Boa sorte e excelente escolha de veículo e viagem!

  10. Thiago disse:

    Roubou minha idéia… mas quero ir de TL. Um VW a Ar é a melhor opção para se rodar na América Latina, em qualquer país que você for, vai ter peça de reposição e um mecânico que entenda do motor… mas isso se quebrar.

  11. Nikolas Spagnol de Oliveira disse:

    Tomara que não pegue fogo pelo caminho.

    Meu pai já teve uma Brasília 74. Andava bem, até.

  12. Fabio Aguilera disse:

    Esse cara vai se divertir MUITO!

  13. Rodrigo Lombardi disse:

    Mesmo ano e cor de uma que minha mãe tinha.
    Belo carro, inclusive prendeu meu dedo na porta
    com muita propriedade e engenharia.

  14. Rafinha Dias disse:

    Que susto! Achei que o Bruno Mantovani tinha pego a Brasília da sua família e se mandado…. Boa viagem ao Ney, sucesso e muitas historias.

  15. José Quintana disse:

    Legal, boa escolha!

  16. Fernando Rodrigues disse:

    Aí sim² !

  17. Tailor Junior disse:

    Lembrei de quando era pequeno, em 1979 – meu pai vinha para Pelotas RS de Cuiabá MT, numa Brasilia Azul Ninja 76, direto – Era muito show, a caranga aguentava tranquilo papai, esposa e 5 filhos malas , putz que baita saudade.

  18. Beto Carpini disse:

    Escolheu bem o carro. Esse não quebra…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>