“MY UGLY FACE”

SÃO PAULO(ah, tem coisa pior) – Para quem não viu (como diz o Borgo, ninguém viu, graças à Bandeirantes), está aí a entrevista pós-leite de Tony Kanaan à ESPN logo depois da corrida de Indianápolis. “Agora vou ter minha cara feia naquele troféu”, falou o brasileiro. O troféu de Indianápolis, como se sabe, tem o rosto de todos os vencedores em alto-relevo. Com Tony, vai ter uma pontinha mais saliente a partir de agora. O cara que faz o polimento semanal da taça vai ter de ter cuidado para não espetar o dedo.

Comentários

  • Flávio, queria destacar uma coisa pouco comentada provavelmente pela ótima vitória do Tony e do vexame da Band.

    Tão absurdo quanto a palhaçada de desgaste excessivo de pneus na F1 foi a “disputa” entre os pilotos na Indy 500 para não ficar em primeiro. Patético. Em qualquer categoria, o cabra que sai dos boxes com pneus novos sai andando mais rápido do que os que estao na pista com pneus velhos. Aconteceu algo de errado na Indy 500. Talvez o stint de consumo de combustível estivesse muito menor do que o de consumo de pneus e quando o tanque de quem vinha andando na ponta esvaziava os pneus dos demais ainda estava muito bom, o que fazia com que quem parasse antes fosse lá pra trás após todas as paradas. Também deve ter contribuido a baixa temperatura que dificultava o aquecimento dos pneus de quem saia dos pits.

  • Tony Kanaan é muito, muito gente boa mesmo!
    Merece todas as suas conquistas e as nossas homenagens!
    Um esportista de verdade, como se viu no GP de São Paulo e em outras ocasiões quando a sorte não esteve ao seu lado e ele lá, sempre positivo, pensando pra cima.
    Parabéns, Tony!!!

  • Quero so ver o quanto da rodada dupla em Detroit a band vai transmitir.

    Acho que vai ser na moeda, se der cara transmite meia corrida de sabado, se der coroa transmite meia corrida do domingo, e se a moeda cair em pé, não transmite nada. Acho que vai ter muita moeda caindo em pé esse ano.

  • Que alegria ver o Tony ganhando essa prova e em cima do Team Andretti do qual ele defendeu sempre com muita honra.
    Os americanos adoram o Tony assim como nós o admiramos.
    Parabéns Tony , voce sempre mereceu , principalmente essa corrida , que sempre bateu na trave. Essa foi a vitória do Brasileiro , lutador , competente , ganhando em cima das principais em uma equipe pequena.
    Que Deus ilumine cada vez mais sua carreira, mostrando o quanto esse baiano narigudo acelera e e´competente.
    Voce nos enche de orgulho, parabéns.

  • Esse é o tipo de notícia que já vale pela semana inteira de um aficionado por automobilismo. Para fechar o ano do automobilismo brasileiro com chave de ouro, só falta o Helio Castroneves ganhar a temporada.

  • Sou fã do Tony e do Hélio, mas acho impossível esse troféu estar em melhores mãos. Sobre a transmissão, não é de hoje que essa emissora perde a chance de fazer um trabalho decente, é uma pena, nosso automobilismo tem muitos craques, merecem um retorno de mídia melhor vindo daqui. Deus abençoe a internet, pois ela é quem nos salva.

  • Sensacional a vitória de Tony Kanaan!

    A emoção nas pistas, nas arquibancadas, na Internet, nas ruas, nos bares, na TV… Só que não! A BAND corta para a câmera 24 e começa a transmitir uma várzea entre SPFC e Ponte Preta. É o mesmo comprando ao ápice do prazer com sua esposa e chegar sua sogra sem aviso, oferecendo desesperadamente um bolo de fubá em mãos, obrigando á experimentar.

    Mesmo assim, valeu Tony Kanaan. Tu merece sim, um carro aberto para ser recebido pelas ruas estreitas de Salvador.

  • Ganhar na Indy 500… um milhão de dólares e o pace car!

    Ganhar com uma equipe pequena que acreditou que você não era fim de carreira e ainda em cima da equipe que lhe deu um pé na bunda… Não tem preço!

    Parabéns Tony!

  • Neste caso, eu imaginei que fossem cortar a transmissão e entrei no site de band para ver se iriam cortar lá. Pois é, não cortaram a transmissão pelo site vi ao vivo com tradução do Celso Mirando. E quando ele tomou o leite, a Band entrou ao vivo e até o Antonio Preting (é assim que escreve?) Entrevistou o Tony. Não vamos fazer tempestade em copo d`água. Mas deveriam ter continuado a trasmissão e somente depois passar para o futebol. E para terminar, quando eu vi o carro do Franchitti no muro, eu dei um pulo como se tivesse saído um gol do meu time aos 45 do segundo tempo em uma final de campeonato. Valeu Tony!!!

  • Valeu F.G. Foi frustrante perder o podio prum futebolzinho. Nada contra quem gosta de futebol, mas foi uma corrida super divertida e eu tava seco pra ver o podio. Como é decepcionante nao ter opçao pra assistir todo o campeonato de f. indy pra quem nao tem ou nao quer pagar tv a cabo e ficsr dependendo da bundaesportes. Valeu piá!

  • Maravilha o Tony! Consagrou uma carreira longa e vitoriosa, sem dúvidas um grande cara do automobilismo, todos ficamos emocionados.

    São vitórias como essa, como o desempenho de caras como o Farfus atualmente, ou até mesmo o recente pódio do Felipe onde nossa bandeira estava lá de novo, mesmo em 3º, que fazem respirar o automobilismo brasileiro, o sonho de centenas de garotos que um dia pode resultar en mais caras como Tony, Helio, Farfus, que sustentam nossa tradição talentosa e vencedora nesse esporte.

    Vitória esta de extrema importância e legado para nosso futuro no esporte pelo mundo.

    Os brasileiros ainda vencem! Ainda podem fazer a diferença! Apesar do que muitos andam pensando.

  • PARABÉNS TONY! Pô que massa esse cara merece demais! Vaias sonoras tanto pra Band quanto à Globo, que também não mostrou nem a saída do Rosberg do carro hoje, pra mostrar comercial do banco com logo de cocô. Não podiam esperar mais 2 minutinhos.

  • Com 2 canais, Band aberta e Bandsports os caras conseguem não passar o mais legal para os brasileiros, enquanto pelo streaming da internet haviam dezenas de opções.
    Isso cheira jabá, pois se a Itaipava tivesse dado grana para a BandSports passariam.
    Quem tem mais audiência, a BandSports fazendo motor, ou a Mesa Redonda da Gazeta aos domingos?
    A Indy é legal, mas a imagem que o telespectador comum tem dela é a pior possível, graças ao trabalho da Rede Bandeirantes. Uma tv oportunista, que não consegue formar a cultura da Indy aqui.

  • Quem assistiu pelo site da Band, conseguiu acompanhar até a parte em que a ESPN começou a entrevistar o segundo colocado da corrida.

    Então decidiram cortar a transmissão (web) e tela preta – Fim!

    Deu pra assistir o Tony recebendo a corroa e tomando o banho de leite.
    Minha mulher me expulsou da sala hoje, tive que assitir no tablet – e como o Tony – no fim tive sorte então! rs

  • É bonito de se ver uma pessoa tão emocionada. Emoção, algo que está tão amesquinhada na minha amada F1, ainda mais em uma procissão chata como a de hoje, e parece haver tanta em outros esportes a motor correlatos.
    Parabéns ao Tony, com certeza merece e muito.