ESQUISITICES

Quem mandou foi o Ricardo Divila, perguntando: quem, quando, onde, o quê? Não soube responder nenhuma das perguntas…

Subscribe
Notify of
guest
23 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Renato Breder
Renato Breder
8 anos atrás

Já decifraram o “enigma”, mas mesmo assim…

As fotos são do ‘Festival of Speed’ de Goodwood, em 2010.
O carro é um Marcos-Buick, modelo ‘Mantis XP’, de 1968.

Como outros carros da marca, ele tinha chassi monocoque de madeira (plywood monocoque chassis).
E era, inicialmente, equipado com um motor de Fórmula 1, um Repco-Brabham V8 de 3 litros.

O carro foi projetado pensando-se nas 24 horas de Le Mans.
Depois de pronto, chegou a participar dos ‘1000 km de Spa’, em 1968, pilotado por Edward Nelson e Jem Marsh (fundador da Marcos). Abandonaram por causa da intensa chuva que, primeiro “alagou” o cockpit e depois “encharcou” o distribuidor, causando um mau funcionamento do motor…

Posteriormente, trocaram o motor de F1 que o carro tinha por um Buick V8.

Mais fotos (inclusive as do post) e alguns vídeos são encontrados aqui:
http://fabwheelsdigest.blogspot.com.br/2013/04/1968-british-sports-car-manufacturer.html

um abraço…

Brauna
Brauna
8 anos atrás

Com certeza o formato da frente serve para melhorar o fluxo de ar…

Ricardo Bigliazzi
Ricardo Bigliazzi
8 anos atrás

Tudo dito, o Frank Costin (um dos fundadores) trabalhou na De Havilland fabricante do Mosquito, dai surge a idéia de se usar o compensado de madeira (plywood) na fabricação do chassi do carro.

Taí o Mr. Google a ensinar para todos nós!!

Imperador

Luciano
Luciano
8 anos atrás

Putz! Carro super atual, desenho magnifico. Mais de quarenta anos e fica modernizo com pequenos ajustes pontuais.

Nick Nagano
8 anos atrás

Marcos Mantis XP, construído na mesma proposta dos épicos Ford GT40, Alpine A220, Porsche 907, etc. Pena que sua carreira foi curtíssima, depois dos 1000km de Spa em ’68 ele não correu mais. Eu nem sabia que esse carro existia ainda… Até aparecer no Goodwood em 2010. É bonito.

Nick Nagano
Reply to  Nick Nagano
8 anos atrás

Ah, e abraços a Ricardo Divila, admiro o trabalho diversificado que ele faz como projetista em diversas categorias. Merece todo o meu respeito.

Jaime Boueri
8 anos atrás

É esse tal de Marcos Mantis XP, pelo que o Google apurou.

allan
allan
8 anos atrás

A frente e o retrovisor periscópio serviram totalmente de inspiração para o Isdera Imperator 108i, mais de 10 anos depois…
http://en.wikipedia.org/wiki/Isdera_Imperator_108i

Paulo F.
Paulo F.
8 anos atrás

Marcos Mantis XP, carro assimétrico.

junior
junior
8 anos atrás

Marcos Mantis XP em Goodwood.
Chassi feito de madeira compensada modelada, para correr em Le Mans em 1968.

Fábio Mandrake
Fábio Mandrake
8 anos atrás

Me parece um Marcos Mantis XP.

Danilo Candido
8 anos atrás

Os fardos de feno denunciam: é Goodwood Festival Of Speed. O carro é um protótipo Marcos Mantis XP 1968. E o modelo desfilou na edição de 2010 do evento inglês:

http://www.sportscardigest.com/goodwood-festival-of-speed-2010-top-20-cars-of-interest/

Fernando Amaral
Fernando Amaral
Reply to  Danilo Candido
8 anos atrás

os fardos de feno sugerem, o marcador oval cinza com o #45, abaixo do adesivo Castrol, esse confirma, eh o marcador sempre utilizado para a numeração dos carros nesse festival.
o número grande que vem com o carro eh um de fantasia, quase sempre um portado pelo carro nalgum evento importante de sua história nas pistas.

o formato escolhido para o Festival eh o das competições de hillclimb, um trecho de pista não circular em subida; lá em cima os carros se agrupam num espaço , uma ‘clareira’ por assim dizer, e aguardam a subida do ultimo carro do grupo, para então iniciarem a descida ao paddock, aos pits montados sob tendas lá embaixo; a descida eh feita em baixa velocidade, como no retorno aos pits num circuito.
A foto do meio foi feita na descida, tanto eh que o piloto acena para o publico, que aplaude conforme a importância do carro ou do piloto – na subida os pilotos devem conduzir seus carros ou motos com seriedade ‘de competição ‘, sem chance de dar acenos.
em 1999 eu vi lá o John Surtees realizar a subida com uma moto de um de seus títulos mundiais – estava no mesmo ponto de onde a foto 2 foi feita – e o ‘velhote’ passou feito um foguete; pelo telão já se via que uma juventude tinha baixado no campeão , não era normal a velocidade com que vinha fazendo as curvas do inicio, não para a idade do ‘tio’. foi sensacional.

Ricardo Morais
Ricardo Morais
8 anos atrás

Seria um Marcos Mantis em Goodwood 2010?

Carlini do Bier
Carlini do Bier
8 anos atrás
Alexandre Scaglia
Alexandre Scaglia
8 anos atrás

O que é esse retrovisor no teto?

Tulio
Tulio
Reply to  Alexandre Scaglia
8 anos atrás

Um retrovisor no teto.

Banana Joe
Banana Joe
Reply to  Tulio
8 anos atrás

Um periscópio para missões submarinas.
Muito útil em São Paulo em determinadas épocas do ano.

Alexandre Scaglia
Alexandre Scaglia
Reply to  Banana Joe
8 anos atrás

HAHAHAHAHA Perfeito

PRNDSL
PRNDSL
Reply to  Tulio
8 anos atrás

Coisa de inglês: o Supermarine Spitfire tinha um destes…

pedro arnaldo
pedro arnaldo
Reply to  Alexandre Scaglia
8 anos atrás

Ao longo dos anos setenta os protótipos futuristas, traziam muitas vezes um periscópio no lugar do espelho retrovisores interno. Me parece que com o advento das câmeras o uso de periscópio foi sepultado de vez.

Paulo Roberto Peralta
8 anos atrás

Veja se isso responde as perguntas: http://www.ridelust.com/marcos-mantis-xp/