CATALINHAS (3)

bricksflagsSÃO PAULO(agora, eletricidade) – Sob o sol incomparável da Catalunha — é um sol diferente, mas precisa ir lá para ver como é –, não é que Nico Rosberg desbancou Lewis Hamilton? É, amigo, como diria meu amigo. Importante, porque depois de quatro poles seguidas do parceiro, o alemão precisava, com urgência, mostrar que ainda existia e participava do campeonato. Conseguiu. “Quem é esse loirinho que ficou na minha frente?”, perguntou o britânico ao seu engenheiro. “É aquele menino que corria aqui no ano passado”, respondeu o vassalo.

Foi a 16ª pole seguida da Mercedes — as últimas 11 do ano passado e as cinco desta temporada. E a 24ª consecutiva do motor alemão, já que em 2014 o time prateado só não fez a pole na Áustria, mas quem largou na frente, Massa, levava no lombo a estrela de três pontas.

E vamos ao que de mais relevante aconteceu agora cedo em Montmeló — é uma cidade da grande Barcelona, tipo Osasco.

O Q1, creiam, foi emocionante. Lá na rabeira, claro. Nos últimos segundos, pilotos como Ricardão, K-Vyado, Maldanado, Grojã, Bonitton e El Fodón de la Depresión se salvaram graças, principalmente, à medíocre fase da Force India, que acabou degolada com seus dois pilotos ao lado dos caçulinhas da Manor Marussia e de Sonyericsson — que às vezes tem sinal, às vezes não.

Foi a primeira vez no ano que a McLaren colocou seus dois carros no Q2 neste ano. Detalhe: os tempos de Stevens (1min31s200) e Mehri (1min32s038) seriam suficientes para que largassem, na GP2, em 22° e último, respectivamente. Stoffel Vandoorne, o pole da categoria-escola que está correndo em Barcelona neste fim de semana, virou em 1min29s273 na sua melhor volta. A diferença para a F-1 é pequena demais, meninos e meninas. A F-1 tem carros lentos, meninos e meninas. Coisa de 6s por volta mais lentos do que em 2009, meninos e meninas. Nunca vi se gastar tanto para fazer carros piores.

Lá na ponta, para afastar qualquer dúvida, Comandante Amilton e Rosberguinho ficaram próximos, seguidos por Kimi Dera Um Picolé, Sainz Idade, Massacrado e Sapattos. Pneus duros para quem não precisava se esforçar muito (a dupla mercêdica e Tião Italiano), médios para quem precisava mostrar serviço (os outros todos). Tudo normal.

No Q2, nenhum milagre, também. Os eliminados foram os que deveriam ser eliminados: Grosjean, Maldonado, Alonso, Button e Nasr, pela ordem. Mas Rosberg colocou o pescocinho dourado para fora do engradado e virou 1min25s166 contra 1min25s740 de Lewis. Uma diferença considerável. Passaram ao Q3 as duplas da Mercedes, Ferrari, Williams, Red Bull e Toro Rosso. Era o esperado, mas sempre vale destacar: a Sauber, que começou bem o ano e fez uma boa pré-temporada, ficou para trás (até da McLaren) e as perspectivas de pontuar com frequência, que eram bastante promissoras nas primeiras corridas, passaram a ser bem menos interessantes. Nasr, o novo Senna das galáxias depois do quinto lugar da estreia, vai sofrer — e não tem culpa nenhuma nisso.

Sobre o resultado, Alonso comemorou o fato de ter ficado na frente “de meu companheiro, amigo e camarada Tarso”. E protagonizou um momento emocionante ao lembrar do acidente do início do ano, nos testes, do qual felizmente se recuperou. “Sempre que eu passar naquele ponto da Peraltada vou me lembrar do que aconteceu”, disse, abaixando a cabeça para tentar esconder os olhos marejados. “Foi muito importante o apoio de todos depois daqueles momentos difíceis. Se hoje estou assim, devo tudo a Flavio Briatore, Paul Stoddart, Iniesta e Penélope Cruz.”

A disputa pela pole no Q3 estava entre os dois pilotos da Mercedes, previsivelmente. Hamilton fez 1min24s948 na primeira tentativa. Rosberg deu o troco com 1min24s681, esticando ainda mais o pescocinho dourado. A diferença era quase “intirável”, o que deixou Comandante Amilton aperreado. “Ôxi, de onde esse galego tirou esse tempo?”, perguntou pelo rádio.

Massa fez uma tentativa apenas de volta rápida. O mesmo valeu para a dupla rubrotaurina. Faltando dois minutos, cinco pilotos foram para a pista — as duplas prateada e vermelha, mais Felipe I. Em seguida, o resto. Hamilton não melhorou — Rosberg também não, e a diferença entre ambos se manteve nos “intiráveis” 0s267. A primeira fila ficou assim, com Nico na frente de Lewis, finalmente. Vettel fez o que dele se imaginava, terceiro. Bottas também, quarto. Aí, a dupla sensação do fim de semana: Sainz Jr. em quinto, Verstappinho em sexto. Na sequência, a fila das decepções: Raikkonen apenas em sétimo, Kvyat em oitavo, Massa em nono, Ricciardo em décimo — todos eles a léguas de distância da ponta, Kimi a 1s7 da pole, Felipe I a mais de 2s.

Passeio mercêdico marcado, resta saber apenas quem vence — Hamilton ou Rosberg. Aposto no alemão, porque se ele não ganhar uma corrida agora, hoje, neste exato momento, está morto e enterrado. O pódio será completado provavelmente com Vettel. A gente conhece Barcelona. Pista de ultrapassagens difíceis, por conta de suas curvas de raio longo e dependência extrema da aerodinâmica.

Não esperem muito do GP da Espanha, em resumo.

Comentários

    • Opinião de especialista não se conquista! Agora eu percebi o motivo que te faz torcer pro alemão-fake-jr. Que ele é fraco vimos ano passado, contra fatos não há argumentos…. Você que tem fixação por dedo, adoraaaaaaavaaaaa aquela comemoração do dedo em riste do alemão. Desde então você sonha dia e noite com o dedo do vettel mais embaixo, confessa. Hahahahahaha!

  • Se Lewis vencer com Nico em segundo, ele abre 34 pontos. Se Nico vencer com Lewis em segundo, baixa pra 20 pontos, Lewis abandonando, ele ainda é líder com 2 pontos de frente.
    Ano passado, ao fim Dessa corrida, Lewis tinha 3 pontos de vantagem.
    Apesar de torcer por Lewis, Será bom Nico vencer, até pra Lewis baixar um pouco a bola.
    Ele anda flertando com a soberba e, principalmente no esporte, isso não traz coisa boa.

  • Campeonato excepcional este!

    O maior piloto mais ultrapassado de todos os tempos caminha para uma aposentadoria melancólica.

    Chupa Allonzo!

    Hamilton caminha a passos largos para o Tri, e muito em breve será a outro a deixar o Amonso para trás…

    Chupa Amonso!

    Ve44el em seu 1º ano já ajudou a reerguer a Ferrari destruída pelo Egocentronso.

    Allez Mão!

    E a Matrix oligofrênica esquizofrenou!

    Allez Jado!

    #EuRioDoÚltimo!!!

  • Finalmente Rosberg conseguiu derrotar Hamilton na classificação. O ideal para essa corrida, seria uma vitória de Rosberg, com Hamilton abandonando em uma confusão na largada. O campeonato iria pegar fogo. E com a confusão na largada, ainda poderia sobrar um pontinho pro Alonso com sua McLaren ao estilo Sauber 2012/13.

  • Hamilton tem 27 pontos a mais que o Rosberg. Mesmo largando em segundo (dependendo da pressão das Ferrari), ele pode fazer uma corrida sem ter tanta obrigação em passar o Rosberg (lógico que vai tentar desde a largada, mas como o circuito é travado, pode até nem se arriscar e marcar seus pontos). Já o Rosberg (apesar de estar parecendo relaxado, na corrida a coisa muda), sabe que é a hora é agora e vai correr sim com um bocado de pressão….sabe que tem de ganhar, senão Hamilton abre 32 pontos (se ganhar). Vamos ver amanhã, tem bastante coisa em jogo apesar da corrida (devido ao circuito) poder ser travada.
    Valeu Flavio Gomes e valeu pessoal.

    • Justamente…não sei quem, dentro da equipe, que ainda não se deu conta disso. E solta o cabra pra achar a volta perfeita; que ele pode até achar. Uma em cem. .Aí, vem as justificativas “me engana que eu gosto”: a pista piorou,…o vento….Ah ,para meu.
      De repente já vemos o Bottas começar a enfiar tempo corrida após corrida,,,,

  • “Vettel fez o que dele se imaginava, terceiro. Bottas também, quarto.”
    Oxi, “Kimi Aconteceu Que Fiquei Tão Atrás”?

    Olhem o que li lá no Blog da Julianne Cerasoli:
    Eles estavam lado a lado na coletiva de imprensa: Carlos Sainz, Fernando Alonso (com um ar ainda mais pesado do que o habitual, usando óculos escuros devido a um terçol) e Roberto Merhi. Sainz é perguntado sobre suas lembranças no Circuito da Catalunha e descreve o dia em que, há 10 anos, entrou no paddock da F-1 pela primeira vez e conheceu Alonso. “Meu ídolo, que está do meu lado agora”, frisou.

    Alonso sequer se moveu em um primeiro momento. Mas depois que foi perguntado sobre como se sentia sendo chamado assim, abriu um sorriso e garantiu: “Todos estão surpreendidos [pelo trabalho de Sainz] mas eu não estou. Ele é o futuro de nosso país e estou feliz de estar ao lado dele.”

    E Merhi? O outro espanhol, resignado, apenas olha para baixo, pensativo.

    A cena ilustra bem a realidade do trio neste final de semana de GP da Espanha. Os donos da casa, que não poderiam ter objetivos diferentes no momento. Um está surpreendendo ao andar, pelo menos, no mesmo ritmo de Max Verstappen, chamado de ‘novo Senna’ por Helmut Marko. Está vivendo o sonho e não consegue conter sua empolgação. O outro, convive com a mesma pergunta a cada final de semana: ‘até quando você vai aguentar conviver com uma McLaren que não luta por vitórias?’. E está louco para tirar a atenção de si. E o terceiro sabe que pode estar vivendo seu último GP da Fórmula 1, uma vez que tem um contrato de cinco corridas e não vem correspondendo às expectativas. (a href=”http://www.totalrace.com.br/blog/juliannecerasoli/2015/05/07/passando-o-bastao/”>Leia a reportagem completa)

    Vixe! Ou como dizem por aqui: Vice! (Viceonso)
    Eita…

    • Oi Felipe! Seu comentário ilustra exatamente o que comentei abaixo. Até gosto da Ju, ela tenta, ao traduzir tópicos da autosport e do f1technical, levar ao leitor dela um pouco mais de conhecimento técnico, apesar de alguns erros, já que ela não sabe ao certo o que está traduzindo.
      O que ela ilustrou no post dela pode ser visto na coletiva oficial da f1, abaixo aos 6:50.
      E aos 7:30.
      http://youtu.be/UokNPvi5Tfk
      São dessas coisas de que estou falando.
      Alonso aparenta com muito menos pressão, já que o carro não o permite lutar por vitórias e não se mostra preocupado ou irritado em nenhum momento. Ao contrário de 2014, onde no bahrein ele comemorou a péssima posição ironicamente à frente de Kimi Raikkonen. A Ferrari parece ter evoluído menos que a williams e foi por isso que Alonso encheu o saco dos Itálianos.
      Essa “impressão” que ela teve é absurda. A diferença é que não me impressiono pelo que os outros escrevem, a realidade pode ser outra, como vimos no caso acima. Eu, que gosto de f1, sempre procuro me informar sobre o que as pessoas escrevem, você que é um cara inteligente deveria fazer o mesmo.

      • Oi Allez. Obrigado pela dica. Assisti ao vídeo. Foi uma “passagem de bastão” gentil (em retribuição ao elogio), não com corneta em toque fúnebre. Realmente era o Alonso no seu normal quando tranqüilo (esteve até a brincar com o Sainz com algo a cochichar no ouvido).

  • – Achava que a Ferrari viria com um super desenvolvimento, já que agora eles têm um piloto que sabe desenvolver o carro. Hahahaha, aumentaram a diferença.
    – Ferrari sendo Ferrari.
    – Talvez largar atrás seja melhor, a segunda Ferrari não terá que marcar as Mercedes e poderá maximizar os pneus.
    – Cadê aquele especialista que disse que a Mercedes iria se desesperarar?
    – Pessoal do sportv, bando de lunático.
    – Alguém leu alguma coisa sobre o Massa pica das galáxias na imprensa inglesa? Assino a autoesport e f1Racing e o Bottas foi a capa dessa última.
    – Alonso levou pau do Trulli? Trulli engrossou o caldo com Alonso?
    – Reporter que inventa é mais que mentiroso, deveria ter o diploma cassado. Talvez por isso não precise ter diploma pra ser Reporter, qualquer pessoa minimamamete inteligente sabe rebater uma informação mentirosa, vejamos:
    http://www.4mula1.ro/compare/driver#d1=884&d2=823&year=1950&yearto=2015

    Agora, contra o Hamilton:
    http://www.4mula1.ro/compare/driver#d1=884&d2=924&year=1950&yearto=2015

    E, só pra ilustrar, temos o jênio do Vettel, hahahahaha….

    http://www.4mula1.ro/compare/driver#d1=927&d2=942&year=1950&yearto=2015

    Ahh, mas ele pode, tava se adaptando, o filho nasceu, Shumacher quase morreu, os motores não fazem barulho….. Hahahahaha.

    – R.I.P Fórmula 1. Culpa das piadinhas, da falta de tecnicismo como no caso das caixinhas como MPU e, principalmente, das mentiras.
    Passaram ontem e hoje dizendo que o Button estava mais eficiente que o Alonso, mas quando acabou o treino com Alonso na frente, não tocaram mais no assunto.
    Outra, Alonso foi contra a saída do Massa na Ferrari, disse com todas as letras que o problema da Ferrari não era piloto.
    O maior favor que o Alonso poderia ter feito na carreira do brasileiro foi a surra de chicote que ele aplicou em Kimi Raikkoen, coisa que Alonso nunca fez em cima do brasileiro. E que deve ter feito um bem enorme ao ego do Felipe.

      • Kimi foi campeão em cima de Massa. Seria uma surra de chicote que Massa não conseguiu vingar? E que, pior ainda, está levando de novo de um garotinho finlandês para refrescar a memória e não esquecer que é freguês?
        Abs.

    • ALLEZ ALONSO! Voce é bastante pedante. Em uma das suas escreveu “sou ciclista e sei do que falo”, na outra “pilotei kart e mando muito bem”, em mais uma hoje, “bota abaixo a profissão de repórter” e para finalizar:
      “tenho fãs, deveria escrever o meu próprio blog!” (faça isto e voce será o seu único leitor). Nossa…é o próprio “Bombril”!!!. Desça um pouco do pedestal em que se colocou rapaz…humildade não faz mal a ninguém (se bem que acho difícil que voce entenda isto). Tem gente muito mais conceituada que voce escrevendo aqui..”Reizinho” de p…..nenhuma.

      • Hahahaha, ralezada vai a loucura!!! Foda-se a sua opinião rapaz. E mando muito bem, não. Se for ler o que escrevo, leia direito. O que eu escrevi é que acelero pra caralho, você deveria cuidar da sua vida ao invés de ficar gastando seu tempo com quem tem opniao diferente que a sua. E dispenso sua análise Infundada de minha personalidade baseado no que se comenta no blog. Seria idiotice.
        O outro aí, fã do Vettel… Figura antiga.

      • Eu não disse que não entenderia,
        (” Desça um pouco do pedestal em que se colocou rapaz…humildade não faz mal a ninguém (se bem que acho difícil que voce entenda isto).”), só reforçou para todos que lerem o que voce é..vamos lá, crie o seu Blog onde voce mesmo será o seu único leitor.
        Corre, corre Allez, pegar a comidinha que Alonso deixou para voce..”cadelinha”.
        Bye, Bye….kkkkkkkkkkkk

    • Não adianta exibir quadros comparativos, Vicellez. O Herdeiro é TETRA!

      Outra, as surras que Alonso aplicou em seus escudeiros serão esquecidas, se ele não passar de bi. E pelo andar da carruagem (melhor dizendo, carroça), o espanhol vai mesmo empacar nos dois magros títulos.

    • Eu não disse que não entenderia,
      (” Desça um pouco do pedestal em que se colocou rapaz…humildade não faz mal a ninguém (se bem que acho difícil que voce entenda isto).”), só reforçou para todos que lerem o que voce é..vamos lá, crie o seu Blog onde voce mesmo será o seu único leitor.
      Corre, corre Allez, pegar a comidinha que Alonso deixou para voce..”cadelinha”.
      Bye, Bye….kkkkkkkkkkkk

  • “A F-1 tem carros lentos, meninos e meninas. Coisa de 6s por volta mais lentos do que em 2009, meninos e meninas. Nunca vi se gastar tanto para fazer carros piores.”

    Acho que depende da pista, em Interlagos ano passado os carros estavam virando tempos equivalentes aos V8 aspirados de até 2013.

    Confere produção?

  • Equanto isso dickvigaraonso brabo por não alcansar o ponbo(vettel)disse a jenson mutley(ele queria participar das olimpiadas)mutley pega o ponbo(vettel)e mutley respondeu medalha medalha e dickvigaronso nem viu foi passado por o lenhador(maldonado)e em seguida o professor(grojã) após o q2 dickvigaronso disse raios raios duplos kkkk